Promessas | Bruno Garschagen | Digestivo Cultural

busca | avançada
44557 visitas/dia
1,2 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS

Segunda-feira, 22/10/2001
Promessas
Bruno Garschagen

+ de 1800 Acessos
+ 1 Comentário(s)

Vou me tornar cristão; vou ler a Bíblia com regularidade e sem questionamentos; me tornarei leitor de Paulo Coelho; passarei a ouvir pagode; olharei o funcionário público com condolência; acreditarei piamente que o Poder Judiciário promove a justiça; deixarei de criticar os professores; nunca mais recusarei cafezinho ralo oferecido por entrevistados; nunca mais rogarei praga nas imensas filas do Banestes (Banco do Estado do Espírito Santo); evitarei comentários maldosos ao ler textos que contenham “o mesmo” ao se referir a algo que o antecede; conterei minha revolta com reportagens mal-escritas, mal-apuradas e notinhas com indiretas insidiosas e rasas.

Me esquivarei de debates com feministas (machos mal-acabados, para Nelson Rodrigues), machistas (machos muito mal-acabados) e crentes (os que acreditam na ocorrência do improvável); não mais condenarei a barbárie, já institucionalizada nas relações humanas; deixarei de acreditar que um bárbaro nasce bárbaro e não tem conserto; deixarei de rir daqueles que acham meu texto difícil; conterei a indignação com o racismo explícito de alguns negros e do disfarçado da maioria dos brancos (sic); conterei o riso ao ouvir político falar “pôbrema”; disfarçarei a decepção com jornalistas massacrando o “este é o objetivo...” e “essa questão é...”; não mais desejarei a morte por enforcamento de Bill Gates quando meu windows “travar”; deixarei de explicar a colegas que estereótipo é uma forma desafortunada de colocar sob as sombras o que se desconhece e ridicularizar o que não se compreende; não mais escolherei amigos com tanto rigor; forjarei meus textos como se fossem redações de primeiro dia de aula (contrariando Fabrício Campos); nunca mais farei citações, no intuito de dividir conhecimento com o leitor; disfarçarei meu desgosto com presentes que parecem ter sido feitos para causar esse tipo de reação; nunca mais darei minha opinião sincera quando pedirem minha avaliação sobre algum texto.

Sim, meus caros, prometo cumprir todos os itens da lista quando descobrirem cientifica e irrefutavelmente quem surgiu primeiro, o ovo ou a galinha.

O modess intelectual
A inteligência do homem reside mais no fato dele absorver criticamente o impacto de certas mudanças do que revidar cega e agressivamente um ataque às suas crenças mais infantis. Sartre, numa entrevista que assisti na Rede Brasil, admitiu que as manifestações em Paris, no “maio de 68”, fizeram-no questionar sua posição de professor (uma das reivindicações era a melhoria do ensino) e de pensador. “Se havia uma insatisfação era porque algo estava errado; que os professores haviam se distanciado de seus alunos”, disse o filósofo francês, mais ou menos com essas palavras. O fato ampliou o foco de observação de Sartre — apesar de seu olho de caranguejo — ao invés de podá-lo, como ocorre com grande parte dos nossos queridos jardineiros do conhecimento.

O homem médio, por exemplo, passa a maior parte do tempo falando bobagens sobre assuntos que desconhece e conhecendo bobagens que faz questão de nada dizer. É um mecanismo de defesa completamente lícito, para não cair no ridículo entre seus amigos não menos desafortunados intelectualmente.

Mas a ignorância não é privilégio dos ignorantes. Tenho lido muita gente boa ser sugada pelo buraco negro do lugar-comum ao analisar os atentados aos EUA. Por isso é que eu fujo sem o menor pudor toda vez que um conhecido vem pedir uma opinião sobre o assunto. Como vou falar alguma coisa sem conhecer a história dos povos do Oriente Médio, da relação dos EUA com aqueles países, do porquê desse ódio deslavado dos povos árabes pelos norte-americanos? Além do que, nada mais pode ser dito sobre o assunto depois do que disseram em entrevistas Noam Chomsky e Eric Hobsbawn. Só se fossem vivos os jornalistas H. L. Mencken (1880-1956) e Edmund Wilson (1895-1972). Daria o mundo para saber o que eles teriam a dizer.

Neste inicio de século, nós viramos peneira pela quantidade de bombardeio de diversos meios. O da informação é o mais assustador, segundo a reação mais comum. Mas a quantidade de informação atual só nos faz ter certeza de que ela nos é absolutamente dispensável. Aliás, para não ter um colapso nervoso, o melhor é se abster dessa avalanche encabeçada pela dona mass media. Senão, a absorção do impacto será tão eficaz quanto a das gêmeas do World Trade Center no episódio dos aviões desgovernados. E, acredite, meu caro: há vida inteligente fora das colunas sociais.

Lecture
Terminei de ler “Edmund Wilson, uma biografia” (Civilização Brasileira, 682 páginas), escrita pelo também jornalista Jeffrey Meyers. Wilson foi o mais destacado e erudito jornalista literário dos EUA (talvez do mundo) entre as décadas de 1920 e 1960. É o que podemos chamar de personalidade hiperbólica. Exagerou em tudo: escreveu maravilhosamente bem, bebeu como uma destilaria de álcool, fornicou à vontade, tornou-se poliglota e brigou com muita gente. Fascinante.

Quid est est
Não sei quanto a você leitor, mas sobre determinados assuntos prometi nada dizer após a morte que já não tenha dito em vida. Como Montaigne.


Bruno Garschagen
Cachoeiro de Itapemirim, 22/10/2001


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Vale a pena publicar de novo de Ram Rajagopal


Mais Bruno Garschagen
Mais Acessadas de Bruno Garschagen
01. Curriculum vitae - 15/11/1975
02. O romance da desilusão - 6/8/2002
03. Eu quero é rosetar - 12/2/2002
04. Niilismo e iconoclastia em Thomas Bernhard - 26/2/2002
05. Paz é conto da Carochinha - 28/5/2002


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
22/10/2001
00h00min
Depois de ser obrigado a ler porcarias como Veja,Isto é, Época,salvo Carta Capital seu texto é muilto bem vindo.Obrigado pela dica Edmund Wilson.Vou correndo comprar. Um abraço
[Leia outros Comentários de heraldo Vasconcellos]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




AQUELE GÉNIO LEONARDO
GUIDO VISCONTI
ÁTICA
(2005)
R$ 12,00



NOVA MECÂNICA INDUSTRIAL
TORNO MECANICO
ND
R$ 7,00



A LONGEVIDADE DO CÉREBRO
DHARMA SINGH KHALSA
OBJETIVA
(1997)
R$ 25,00



COLO MATERNO (AUTOGRAFADO)
RACHID SALIM CURI
IMPRESSORA BRASILEIRA
(1945)
R$ 100,00



POR TODA PARTE 9
VARIOS AUTORES
FTD
(2016)
R$ 70,00



O SEGUNDO DEGREDADO
F. G. YAZBECK
RECORD
(2008)
R$ 20,00



DESPAUTÉRIO
JOSÉ MATEUS PEREIRA NETO
DO AUTOR
R$ 15,00



GESTOR A ARTE DE LIDERAR
FERNANDO NEVES DE ALMEIDA
PRESENÇA
(2004)
R$ 32,70



CÁLCULO COM GEOMETRIA ANALÍTICA
EARL W. SWOKOWSKI
MAKRON BOOKS
(1994)
R$ 19,90



TRÍPTICO DE IDÉIAS
LUÍS WASHINGTON VITA
GRIJALBO
(1967)
R$ 12,00





busca | avançada
44557 visitas/dia
1,2 milhão/mês