O futuro a Deus pertence (e Ele é brasileiro) | Taís Kerche | Digestivo Cultural

busca | avançada
74501 visitas/dia
2,0 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Péricles Cavalcanti - lançamento de SALTANDO COMPASSOS
>>> Espetáculo “Canções Para Pequenos Ouvidos” chega ao Teatro Clara Nunes, em Diadema
>>> (Abre 11/10) Mostra BAÚ DA DGT_curadores Francisco Gaspar,Tuna Dwek, Donny Correia e Diego da Costa
>>> Escrever outros Corpos - Criar outras Margens || BELIZARIO Galeria
>>> SESC 24 DE MAIO RECEBE EVENTO DE LANÇAMENTO DA COLEÇÃO ARQUITETOS DA CIDADE
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rodolfo Felipe Neder (1935-2022)
>>> A pior crônica do mundo
>>> O que lembro, tenho (Grande sertão: veredas)
>>> Neste Momento, poesia de André Dick
>>> Jô Soares (1938-2022)
>>> Casos de vestidos
>>> Elvis, o genial filme de Baz Luhrmann
>>> As fezes da esperança
>>> Quem vem lá?
>>> 80 anos do Paul McCartney
Colunistas
Últimos Posts
>>> Agnaldo Farias sobre Millôr Fernandes
>>> Marcelo Tripoli no TalksbyLeo
>>> Ivan Sant'Anna, o irmão de Sérgio Sant'Anna
>>> A Pathétique de Beethoven por Daniel Barenboim
>>> A história de Roberto Lee e da Avenue
>>> Canções Cruas, por Jacque Falcheti
>>> Running Up That Hill de Kate Bush por SingitLive
>>> Oye Como Va com Carlos e Cindy Blackman Santana
>>> Villa candidato a deputado federal (2022)
>>> A história do Meli, por Stelleo Tolda (2022)
Últimos Posts
>>> Universos paralelos
>>> Deseduquei
>>> Cuidado com a mentira!
>>> E agora? Vai ter pesquisa novamente?
>>> Cabelos brancos
>>> Liberdade
>>> Idênticos
>>> Bizarro ou sem noção
>>> Sete Belo
>>> Baby, a chuva deve cair. Blade Runner, 40 anos
Blogueiros
Mais Recentes
>>> perversão sexual
>>> Trailer do Fim do Mundo
>>> Uísque ruim, degustador incompetente
>>> O bom e velho jornalismo de sempre
>>> Apresentação
>>> Sabemos pensar o diferente?
>>> A fragilidade dos laços humanos
>>> Anomailas, por Gauguin
>>> Felicidade
>>> Ano novo, vida nova.
Mais Recentes
>>> Marketing Médico - Criando Valor ao Paciente de Renato Gregório pela Doc (2009)
>>> Bango, o Vendedor de Maçãs de Woo-Joo Hong (Autor), Jin-Joo Chae (Autor) pela Ftd (2012)
>>> Falando Com as Estrelas de Juan Arias; Mari Ines Piekas pela Paulinas (2011)
>>> O Livro Completo de Etiqueta de Amy Vanderbilt de Nancy Tuckerman & Namcy Dunnan pela Nova Fronteira (2000)
>>> As Pessoas da Idade Média de Robert Fossier pela Vozes (2018)
>>> Os escorpiões contra o círculo de fogo de Ignácio de Loyola Brandão pela Global (2009)
>>> Revelação Em Preto E Branco. A Imagem Com Qualidade de Millar W. L . Schisler pela Marins Fontes (1995)
>>> O Corpo Fala de Pierre Weil evRoland Tompakow pela Vozes (2000)
>>> Vícios privados , Benefícios Públicos de Eduardo Giannetti da Fonseca pela Companhia das Letras (1993)
>>> Sete Cavalos na Berlinda de Sidónio Muralha (Autor) pela Global (1997)
>>> Outra Vez de Ernesto Che Guevara pela Ediouro (2004)
>>> O mque Esperar do Segundo Ano - de 12va 24 meses de Heidi Murkoff ; Sharon Mazel pela Record (2022)
>>> A revolta dos guarda-chuvas de Eva Furnari; Sidónio Muralha pela Global (1998)
>>> Os Caminhos de Mandela : Lições de vida, amor e coragem de Richard Stengel pela Globo (2010)
>>> Do outro lado do espelho de Lewis Carroll; Tony Ross; Ricardo Gouveia pela Martins Fontes (1997)
>>> Puro de Andrew Miller pela Bertrand Brasil (2013)
>>> Educar sem Violência - criando filhos sem palmadas de Ligia Moreiras Sena / Andréiac C. K. Mortensen pela 7 Mares (2014)
>>> Azul Alentejo de Monica Ali pela Rocco (2007)
>>> Legend: A Verdade se Tornará Lenda de Marie Lu pela Prumo (2012)
>>> Os Desafios da Terapia de Irvin D. Yalon pela Ediouro (2006)
>>> Meu primeiro Maluquinho em quadrinhos de Ziraldo (Autor) pela Globo (2011)
>>> Al - Gharb 1146 de Alberto Xavier pela Bertrand (2006)
>>> Histórias Da Velha Totonia de José Lins do Rego pela Jose Olympio (2010)
>>> O Livro das Princesas de Meg Calbot; Paula Pimenta; Lauren kate pela Galera Record (2015)
>>> Como os médicos pemsam de Jeromev Groopman pela Agir (2008)
COLUNAS >>> Especial Brasil Potência Mundial

Segunda-feira, 9/11/2009
O futuro a Deus pertence (e Ele é brasileiro)
Taís Kerche

+ de 3100 Acessos
+ 1 Comentário(s)

Já fiz as contas: quando a Copa do Mundo estiver rolando por aqui, estarei com 34 anos; e, nas Olimpíadas do Rio, estarei com 36. Assustei. Tantas coisas podem acontecer em meros meses, o que acontecerá em 4, 6 anos? Será que estaremos nessa esfera ainda? Como dizem por aí, é preciso ter fé, pois o futuro a Deus pertence.

Recordando um pouco, voltando no tempo e pensando bem, seis anos atrás, no final de 2003, as coisas eram bem diferentes. Não passava por nossas ingênuas mentes que algum dia o Brasil emprestaria US$ 10 bilhões ao Fundo Monetário Internacional (FMI). Uma surpresa e tanto. Não sei dizer se é motivo de orgulho, só sei que é inusitado, do meu ponto de vista. Fora a lei antifumo do Estado de São Paulo, o projeto cidade limpa do Kassab, a eleição de Barack Obama nos EUA e que escreveríamos a palavra ideia sem acento. Tantas coisas... Da mesma forma que não imaginamos que um dia a violência e o tráfico, principalmente na cidade que sediará as Olimpíadas 2016, possam ser extintos, ainda mais agora que a guerra civil está a todo vapor. Se for, outra surpresa.

Sabemos apenas que hoje o panorama ainda é feio, mesmo que economicamente deixamos de ser os devedores para sermos os credores. Nossa cultura ainda tem suas raízes bem definidas na corrupção, na lei da vantagem a qualquer custo, na falta de cidadania. Isso não só na esfera política, mas em todas as esferas. Nossos representantes são meros reflexos do que a sociedade é. Cheguei à conclusão disso quando vi, dentro de um transporte coletivo, um ambulante oferecendo ao motorista um pequeno pacote de balas de goma em troca de sua permissão para venda do mesmo produto no interior do veículo. A lei diz que é proibido tal ato, mas nada que uma balinha ao motorista não resolva.

Com tal cenário, é complicado imaginar o Brasil um país desenvolvido, já que sua população age exatamente igual às atitudes que critica. Há muito que melhorar, que aprender. O trabalho de conscientização deverá ser realizado, só não sabemos ainda por quem, nem quando, nem onde. Talvez algumas formiguinhas, quietas, estejam agindo, a passos minúsculos, imaginando que em algum dia, em alguma época, chegará à tão utópica ideia de país desenvolvido.

Mas convenhamos que a ideia de ter uma Copa do Mundo por aqui seguida de uma Olimpíada é até que agradável, num primeiro momento. Esporte, diferentes culturas invadindo o nosso país para torcerem por suas nações, que ideia bonita e divertida... Mas, quando apuramos o raciocínio, quando vamos pensar em como as coisas serão feitas, o desânimo bate fundo no peito. A palavra "superfaturamento" é a primeira que vem à mente, seguida de "favorecimentos" e finalizando com "corrupção". Somos a população que mais entende o significado desses vocábulos. Não tem como acreditar que elas não farão parte da organização desses dois eventos esportivos de importância mundial. Quem vai querer ficar de fora? Não há momento mais oportuno para que a empreiteira do filhinho de alguém do congresso seja o principal construtor da infraestrutura das Olimpíadas. Aliás, infraestrutura que já está com sua construção atrasada.

Sem contar com o fato de que os grandes beneficiados com essa história toda será os mesmos beneficiados de hoje. A grande minoria. Já a grande maioria trabalhará voluntariamente para uma melhor Olimpíada acreditando que estará exercendo o seu patriotismo. Enquanto isso, a grande minoria verá o patriotismo se transformar em cifras bem gordas em suas contas bancárias. O jeito será ver tudo pela telinha da TV, ou por sua telona de plasma ou por algum aparelho futurístico que transmitirá imagens de estádios, ginásios, Baía de Guanabara, que deverá estar despoluída até lá. Acredite se quiser.

Para os otimistas, toda essa argumentação é uma visão pessimista de tudo. Sim, é. Mas a racionalidade não consegue responder diferente. É complicado acreditar que o padrão de comportamento de toda uma sociedade evolua em apenas 6 anos. Ao mesmo tempo em que o coração bobo gostaria que tudo fosse muito diferente e que a população pudesse de verdade curtir essa Copa do Mundo e essas Olimpíadas da forma mais intensa possível. Mas sabemos que não será assim. O acesso aos jogos da Copa será para poucos, a não ser que isso mude consideravelmente e que os ingressos sejam de valores acessíveis.

E é o mesmo coração bobo que se amolece todo ao ouvir o hino nacional ser entoado dignamente em algum evento, esportivo ou não. O mesmo coração bobo que faz toda a epiderme se arrepiar ao ouvir o anúncio da cidade do Rio de Janeiro como sede das Olimpíadas de 2016. O mesmo coração bobo que parece estar totalmente desligado do cérebro atento e dos olhos que veem toda a podridão. Ou seja, o coração bobo que vai esquecer-se de tudo nos primeiros minutos das aberturas dos jogos, que, esperamos, seja de muito bom gosto, culturalmente, historicamente, tecnologicamente e todos os "mentes" que forem necessários.

Que venham os jogos, que venha a próxima eleição, que venha o desenvolvimento, que venha o futuro, que, como dissemos, a Deus pertence - e Ele, se não me engano, já ouvi dizer, é brasileiro.


Taís Kerche
Santo André, 9/11/2009


Quem leu este, também leu esse(s):
01. A pior crônica do mundo de Luís Fernando Amâncio
02. Ser e fenecer: poesia de Maurício Arruda Mendonça de Jardel Dias Cavalcanti
03. Jô Soares (1938-2022) de Julio Daio Borges
04. De volta à antiga roda rosa de Elisa Andrade Buzzo
05. O dia em que não conheci Chico Buarque de Elisa Andrade Buzzo


Mais Taís Kerche
Mais Especial Brasil Potência Mundial
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
9/12/2009
11h46min
Há de fato um Deus verdadeiro. Esse Deus criou o céu, a terra, o mar e tudo o que neles há. Mas Ele não é propriedade de homens, nações ou povos. Colocou no ser humano uma percepção ética já a partir da criação. Portanto, mesmo que o ser humano seja ateu, sabe que não deve roubar, matar, e destruir os seus semelhantes etc. Esse Deus não está ligado a nenhuma denominação, seita ou religião, mas se agrada de todo aquele que vive conforme a pura justiça, após reconher o seu poder, se arrepender de tudo quanto cometeu de errado e andar em santificação. Esse Deus, real, quer amparar e favorecer aqui na terra, e fazer adentrar no seu Reino vindouro, não só os brasileiros, mas também os que habitam todas as demais nações do mundo. Mas só se estes estiverem vivendo conforme a sua justiça... Ele não concorda com o erro. O deus brasileiro, como bem transparece, concorda com tudo que a maioria brasileira faz. Portanto, fica claro que o deus brasileiro não é o Deus verdadeiro, o Deus de Abraão.
[Leia outros Comentários de Sebastião Barros]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Um Deus Passeando pela Brisa da Tarde
Mário de Carvalho
Companhia das Letras
(2006)



Gestos de Equilíbrio
Tarthang Tulku
pensamento
(1997)



Enciclopédia Olímpica Brasileira
Varios Autores
Mp
(2015)



Goosebumps - Acampamento Fantasma
R. L. Stine
Fundamento
(2006)



The Third Man and the Fallen Idol
Graham Greene
Penguin Books
(1977)



Os Sujeitos no Universo da Escola -
Verónica Edwards
Ática
(1997)



O Anel de Policrates e Outras Historias (favor Ler a Descrição)
Vários Autores
Cered Objetivo
(2014)



O Efeito Vinculante na Jurisdição Constitucional - Confira!
Roger Stiefelmann Leal
Saraiva
(2006)



Real Talk Series
Wise Up
Wise Up
(2015)



Bertolt Brecht - Teatro Hoje
Paolo Chiarini
Civilização Brasileira
(1967)





busca | avançada
74501 visitas/dia
2,0 milhão/mês