Como seria bom ser desenvolvido | Vera Moreira | Digestivo Cultural

busca | avançada
37543 visitas/dia
1,2 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS

Segunda-feira, 12/3/2001
Como seria bom ser desenvolvido
Vera Moreira

+ de 1500 Acessos

Fiquei muito triste com a morte de Mário Covas: apagou-se uma de nossas raríssimas energias. Com os problemas estruturais e sociais tão sérios do Brasil, é revoltante a falta de vontade política - sem Covas ficamos ainda mais pobres. Cada vez que eu saio do país, fico deprimida na volta e preciso de um tempo para começar a entrar na falta de ritmo brasileira. O que me salva é a emoção falar mais alto que a razão. Tenho raízes muito fundas no Rio Grande do Sul (não sei explicar) e é o tipo do amor que tudo perdoa. Mas não é fácil existir na consciência do que se poderia ser e não é.

Ano passado estive na Austrália e fiquei maravilhada de ver como construíram um país tão rico e eficiente em 200 anos. E nós aqui comemorando 500 anos com aquela palhaçada que todo mundo já sabe. Sidney é de uma beleza estonteante e Melbourne respira cultura e juventude. A população australiana é quase dez vezes menor que a nossa, tem acesso à educação gratuita para suas crianças e adolescentes e uma justa distribuição de renda. Fui para lá em uma viagem técnica, com empresários da cadeia do abastecimento brasileira, e a minha inabalável faceta Polyana ao menos pôde regozijar-se com a supremacia dos nossos supermercados, mais belos e elaborados. Já em outra dessas viagens técnicas, também no ano passado, para Atlanta, nos EUA, Polyana só desejava enfiar a cabeça na areia. É simplesmente escandalosa a exuberância do abastecimento americano. Em apenas uma das peachtree streets (ruas dos pessegueiros) - tudo em Atlanta faz alusão ao pêssego, pois a Geórgia é o maior produtor mundial - se enfileiram supermercados tradicionais com lojas sofisticadas, de conveniência e especializadas que deixam a nossa terceira metrópole mundial, São Paulo, no chinelo.

Eu tenho paixão por supermercado, mercado público, feira livre, peixaria, açougue, etc, etc. Pra mim, fazer supermercado é programa, tipo passeio - mais ou menos como shopping para mulheres e homens consumistas - vou quase todos os dias, adoro quando tenho hóspedes na pousada, porque posso comprar bastante, nem quero ver quando inaugurar o bistrô... Eu quis mudar para Atlanta só pensando em ir àqueles supermercados todo o dia. Mesmo a loja mais tradicional deles é especial. E os americanos levam essa coisa de serviços - que aqui muito se fala e pouco se pratica - ao pé da letra. Uma das maiores redes nacionais dos EUA, a Publix, oferece folhetos e fichas com receitas para o consumidor, num desses murais giratórios, que fica bem na frente da loja. Os folhetos são educativos sobre variados alimentos, com fatores nutricionais, cuidados de higiene e instruções de condicionamento e preparo, etc. E orientam você a exigir do funcionário o melhor tratamento, assim como o produto na mais perfeita condição, dando garantias de devolução do dinheiro se você não ficar satisfeito. O lema: "We have always believed that no sale is complete until the meal is eaten and enjoyed" (Sempre acreditamos que nenhuma venda é completa antes que a refeição seja feita e apreciada). Quer mais?

Pois tem uma rede nova, nasceu em Dallas, chamada EatZi's, que é arrasadora. Híbrido de mercado/restaurante, as comidas à venda na loja são preparadas aos seus olhos. Os chefs ficam atrás de uma grande parede de vidro, de frente para o fogão e para você, e praticamente de toda a loja, é agradavelmente pequena, você pode vê-los. E têm ainda produtos frescos e secos, padaria, vinhos, revistas e uma cafeteria linda, com mesinhas e cadeiras pra você fazer um lanche. Comprei uns vidrinhos de óleos e vinagres aromáticos, de pimenta, framboesa, bordo (árvore típica da América do Norte, a folha parece do nosso Plátano), gergelim, nozes e amendoim, por menos de um dólar cada. Você usa um fio do óleo para grelhar um filé de frango, por exemplo, e obtém sabor e aroma incríveis. Eu que já tinha achado barato o tal vidrinho, ao cozinhar queria voltar lá e comprar o balaio todo. Sabe quando a gente vai encontrar alguma coisa assim aqui no Brasil? No que depender dos nossos políticos, nunca. Não há vontade política nesse país e não vejo a menor chance de termos massa de consumo para produtos sofisticados serem ofertados como são nos EUA. O governo não incentiva a produção, o empresariado se acomoda e se justifica, até com razão, porque só a carga tributária é balde de gelo no ânimo de qualquer um. Assim, pagamos o olho da cara por qualquer coisinha nas delicatessens ou nos poucos supermercados de grife de São Paulo, sim, porque nas outras cidades nem existem.

Visitamos em Atlanta também redes atacadistas e quase enfartei na Costco Wholesale. Eles vendem tudo que você puder imaginar, de alimentos a produtos de beleza e até jóias, acreditam? Peças monumentais de salmão defumado, vinhos ótimos, de diversas nacionalidades e quiosques de degustação (comi uma quiche saborosa de alho porro). Mas meu coração abalou-se na seção de livros: um corredor inteiro, com uma profusão de títulos de gastronomia... E o melhor de tudo são os preços. Nem preciso dizer que usei todo o meu limite de peso de bagagem pra isso, né? Vocês sabem quanto eu paguei pela obra completa de Shakespeare, ilustrada e comentada, 2.366 páginas, um papel lindo, parece reciclado, capa tipo de couro com letras douradas? US$ 19.99. E o livrão The Ultimate Chinese & Asian Cookbook, 514 páginas, capa dura, papel couchê fosco, fotos lindíssimas? US$ 13.99. E os livros da coleção The Beautiful Cookbook (trouxe Italy, Italy Today, Provence e Tuscany), formato 35,5x25,5cm, 256 páginas, papel couchê brilhoso, fotos de viajar? US$ 9.89. Tem mais, mas é melhor parar por aqui, começo a ficar enjoada (no Brasil qualquer livrinho mixuruca custa R$ 30,00/R$ 40,00) e não quero estragar o meu almoço, que será com deliciosos croquetes de espinafre com molho de iogurte e hortelã. Alguém quer provar?


Vera Moreira
Gramado, 12/3/2001


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Lares & Lugares de Ricardo de Mattos
02. Juan José Morosoli - a solidão, a pureza, a viagem de Eduardo Maretti
03. Filmes on-line de Rafael Fernandes
04. A natureza se reveste de ti de Elisa Andrade Buzzo
05. De Cuba, com carinho de Alexandre Inagaki


Mais Vera Moreira
Mais Acessadas de Vera Moreira em 2001
01. Para pecar, vá de manga - 16/10/2001
02. Pense no que vai engolir - 24/7/2001
03. Proibida ou não, é musa inspiradora - 11/9/2001
04. Fome de ler - 31/5/2001
05. A morte do respeito - 26/6/2001


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




LIÇÕES DE DIREITO PARA PROFISSIONAIS E ESTUDANTES DE ADMINISTRAÇÃO
JOÃO BAPTISTA HERKENHOFF
FUNDO DE CULTURA
(2006)
R$ 45,00



NOVA ESCOLA Nº 216 EFEITO DOMINÓ
VÁRIOS AUTORES
ABRIL
(2008)
R$ 5,90



E-MAIL - A COMÉDIA DOS SEM-CARÁCTER...
MATT BEAUMONT
BERTRAND BRASIL
(2005)
R$ 10,00



LAÇOS DE AMOR
ANDREIE BAKRI
MADRAS
(2001)
R$ 20,00



CENTURION
SIMON SCARROW
HEADLINE
(2007)
R$ 20,00



PARTIDO REPUBLICANO FEDERAL 1893-1897
JOSÉ S. WITTER
BRASILIENSE
(1987)
R$ 7,00



100 SEGREDOS DAS PESSOAS DE SUCESSO
DAVID NIVEN
SEXTANTE
(2002)
R$ 10,00



O MANUAL DA FELICIDADE O SERMAO DA MONTANHA
PE ALBERTO LUIZ GAMBARINI
LOYOLA
R$ 6,00



O VERDE VIOLENTOU O MURO
IGNÁCIO LOYOLA BRANDÃO
GLOBAL
(1984)
R$ 4,00



CADERNO PEDAGÓGICO 3º TEMA GERADOR: O SENTIDO DA VIDA
PROJETO PARA O ENSINO RELIGIOSO ESCOLAS PÚBLICAS
PAULUS (SP)
(1995)
R$ 31,28





busca | avançada
37543 visitas/dia
1,2 milhão/mês