O momento do cinema latino-americano | Humberto Pereira da Silva | Digestivo Cultural

busca | avançada
49722 visitas/dia
2,6 milhões/mês
Mais Recentes
>>> A Arte de Amar: curso online desvenda o amor a partir de sua representação na arte e filosofia
>>> Consuelo de Paula e João Arruda lançam o CD Beira de Folha
>>> Festival Folclórico de Etnias realiza sua primeira edição online
>>> Câmara Brasil-Israel realiza live com especialistas sobre “O Mundo da Arte”
>>> Misturando música, filosofia e psicanálise, Poisé lança seu primeiro single
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> A desgraça de ser escritor
>>> Um nu “escandaloso” de Eduardo Sívori
>>> Um grande romance para leitores de... poesia
>>> Filmes de guerra, de outro jeito
>>> Meu reino por uma webcam
>>> Quincas Borba: um dia de cão (Fuvest)
>>> Pílulas Poéticas para uma quarentena
>>> Ficção e previsões para um futuro qualquer
>>> Freud explica
>>> Alma indígena minha
Colunistas
Últimos Posts
>>> Uma aula com Thiago Salomão do Stock Pickers
>>> MercadoLivre, a maior empresa da América Latina
>>> Víkingur Ólafsson toca Rameau
>>> Philip Glass tocando Mad Rush
>>> Elena Landau e o liberalismo à brasileira
>>> O autoritarismo de Bolsonaro avança
>>> Prelúdio e Fuga em Mi Menor, BWV 855
>>> Blooks Resiste
>>> Ambulante teve 3 mil livros queimados
>>> Paul Lewis e a Sonata ao Luar
Últimos Posts
>>> Coincidência?
>>> Gabbeh
>>> Dos segredos do pão
>>> Diário de um desenhista
>>> Uma pedra no caminho...
>>> Sustentar-se
>>> Spiritus sanus
>>> Num piscar de olhos
>>> Sexy Shop
>>> Assinatura
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Nelson Freire em DVD e Celso Furtado na Amazônia
>>> Um caos de informações inúteis
>>> Asia de volta ao mapa
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Parei de fumar
>>> Ford e Eastwood: cineastas da (re)conciliação
>>> Amor à segunda vista
>>> O Gmail (e o E-mail)
>>> Diogo Salles no podcast Guide
Mais Recentes
>>> Lady gaga de Brandon hurst pela Madras (2010)
>>> Orientaçoes curriculares para o ensino medio--1--linguagens,codigos e tecnologias. de Mec pela Mec
>>> Vida silvestre:o estreito limiar entre preservaçao e destruiçao. de Coordenadora angela maria branco pela Dupligrafica (2007)
>>> Grandes imperios e civilizaçoes--frança--volumes:1 e 2. de Delprado pela Delprado
>>> Cerrado e pantanal--areas e açoes prioritarias para conservaçao da biodiversidade. de Ministerio do meio ambiente pela Mma (2007)
>>> Contabilidade - Escola de Administração Fazendária - ESAF de Ricardo J. Ferreira pela Ferreira (2014)
>>> O Maior Sucesso do Mundo de Og Mandino pela Record (1994)
>>> O Céus e o Inferno de Allan Kardec pela Feb (1989)
>>> Amor, medicina e milagres - A Cura espontânea de doentes graves de Bernie S. Siegel pela BestSeller (1989)
>>> Mayombe de Pepetela pela Leya (2019)
>>> Os Segredos Para o Sucesso e a Felicidade de Og Mandino pela Record (1997)
>>> Para Viver Sem Sofrer de Gasparetto pela Vida E Consciencia (2002)
>>> Guía Rápida del Museo Nacional de Bellas Artes de Vários pela Mnba (1996)
>>> A profecia celestina de James Redfield pela Objetiva (2001)
>>> The Forecast Magazine January 2020 - 2020 de Diversos pela Monocle (2020)
>>> O Diário da Princesa de Meg Cabot pela Record (2002)
>>> The Forecast Magazine January 2017 - Time to Talk? de Diversos pela Monocle (2017)
>>> Mojo December 2018 de Led Zeppelin pela Mojo (2018)
>>> Mojo 300 November 2018 The Legends de Diversos pela Mojo (2018)
>>> Mojo 299 October 2018 de Paul McCartney pela Mojo (2018)
>>> Mojo 297 August 2018 de David Bowie pela Mojo (2018)
>>> Mojo 307 June 2019 de Bob Dylan pela Mojo (2019)
>>> Mojo 296 July 2018 de Pink Floyd pela Mojo (2018)
>>> Mojo April 2018 de Arctic Monkeys pela Mojo (2018)
>>> Mojo 294 May 2018 de Roger Daltley pela Mojo (2018)
>>> Mojo 292 April 2018 de Neil Young pela Mojo (2018)
>>> Mojo 292 March 2018 de Nick Drake pela Mojo (2018)
>>> Mojo 291 February 2018 de The Rolling Stones pela Mojo (2018)
>>> Mojo 290 January 2018 de The Jam pela Mojo (2018)
>>> Mojo 289 December 2017 de Bob Dylan pela Mojo (2017)
>>> Mojo 286 September 2017 de Allman Brothers pela Mojo (2017)
>>> Mojo 310 September 2019 de Tom Waits pela Mojo (2019)
>>> Mojo 309 August 2019 de Bruce Springsteen pela Mojo (2019)
>>> Mojo 304 March 2019 de Joni Mitchell pela Mojo (2019)
>>> Como cuidar do seu automóvel de Ruy Geraldo Vaz pela Ediouro (1979)
>>> Mojo 236 July 2013 de The Rolling Stones pela Mojo (2013)
>>> Mojo 250 January 2014 de Crosby, Still, Nash & Young pela Mojo (2014)
>>> Gilets Brodés - Modèles Du XVIII - Musée des Tissus - Lyon de Várioa pela Musee des Tíssus (1993)
>>> Mojo 249 August 2014 de Jack White pela Mojo (2014)
>>> Mojo 252 October 2014 de Siouxsie And The Banshees pela Mojo (2014)
>>> Mojo 251 October 2014 de Kate Bush pela Mojo (2014)
>>> Mojo 302 January 2019 de Kate Bush pela Mojo (2019)
>>> Mojo 274 September 2016 de Bob Marley pela Mojo (2016)
>>> Universo baldio de Nei Duclós pela Francis (2004)
>>> Mojo 245 April 2014 de Prince pela Mojo (2014)
>>> Mojo 256 March 2015 de Madonna pela Mojo (2015)
>>> Musée de La Ceramique - Visit Guide de Vários pela Cidev (1969)
>>> Mojo 159 February 2007 de Joy Division pela Mojo (2007)
>>> Mojo 170 January 2008 de Amy Whinehouse pela Mojo (2008)
>>> Mojo 229 December 2012 de Led Zeppelin pela Mojo (2012)
COLUNAS

Quarta-feira, 11/6/2014
O momento do cinema latino-americano
Humberto Pereira da Silva

+ de 3600 Acessos

Nos anos recentes o cinema argentino despontou e se firmou entre aficionados e os mais importantes críticos de cinema brasileiros. Em conversas soltas e de ocasião, manifestações de entusiasmo pelos filmes portenhos, tanto quanto comparações com a chamada "Retomada" de nosso cinema: os filmes deles são melhores que os nossos.

E, assim, para segmento de público que corre de blockbusters e pasmaceiras passionais que revisitam Sessão da Tarde, se impuseram nomes como Lucrécia Martel, Pablo Trapero, Daniel Burman, Marcelo Piñeyro e o ator Ricardo Darín. O Oscar de melhor filme estrangeiro para O Segredo dos Seus Olhos (2010), de Juan Jose Campanella, foi a afirmação argentina para um público que frequenta o circuito comercial e é, digamos, plugado no momento.

Com menos penetração no circuito comercial que os argentinos, os filmes chilenos de anos recentes também têm cativado. O nome mais destacado é Andrés Wood, que teve aqui exibido seu comovente Machuca (2004), um olhar de crianças de classes sociais distintas no espaço escolar pouco antes do golpe que levou o general Pinochet ao poder. Do mesmo Wood, para um público mais seleto, foi vista a cinebiografia de Violeta Parra, Violeta Foi para o Céu (2011), um dos maiores símbolos culturais chilenos.

E assim, como os argentinos, os chilenos ganham espaço, despertam atenção de público e crítica entre as produções latinas. A comprovação da força do recente cinema chileno se deu com a premiação de Glória(2014), como melhor filme na primeira edição do Prêmio Platino do Cinema IberoAmericano.

Mas o que realmente surpreendeu na acolhida de público e crítica no circuito comercial brasileiro neste ano foi a presença da Venezuela e do Paraguai, respectivamente com Pelo Malo, de Mariana Rondón, e 7 Caixas, de Juan Carlos Maneglia. Não se trata, aqui, de pensar que os filmes venezuelano e paraguaio trazem inovações, que abram discussões sobre linguagem, ou mesmo indiquem rumos, orientações, mas sim de pensá-los como fenômenos. Vale dizer: suspeito que a recepção desses filmes tem a ver com certo cansaço de enlatados americanos, tanto quanto com a necessidade de abertura para filmografias que não fazem parte do circuito convencional.

Mutatis mutandi, Pelo Malo e 7 Caixas, enquanto fenômenos culturais, estão para os dias de hoje como Carlota Joaquina (1995), de Carla Camurati, para a Retomada do cinema brasileiro em meados da década de 1990. Filmes de que não se tem expectativa prévia de recepção, mas que acabam se projetando, como fenômenos, para além do esperado. Deixam assim registro de um momento, para muitos aqui no Brasil que jamais viram um filme da Venezuela ou do Paraguai.

Nisso, bem entendido, nenhum juízo negativo, mas a compreensão de que certos filmes despontam e se inserem num momento em que o dado cultural fala mais alto que o propriamente artístico. O sentido da recepção de Pelo Malo e 7 Caixas, portanto, tem a ver com o clima favorável a recepção de filmes latino-americanos. É esse o sentido para a atual exibição em circuito comercial do drama mexicano Heli, de Amat Escarlante.

E assim, nesse clima favorável à voga de filmes latino-americanos no circuito brasileiro, espera-se o argentino Relatos Salvages, de Damián Szifron. Recentemente exibido em Cannes, com boa acolhida da crítica, tem o astro Ricardo Darín como protagonista. Por se tratar fundamentalmente de fenômenos culturais, ficar no ar então, a expectativa de novos filmes da Venezuela e o Paraguai. E, por que não, da Colômbia, Peru...

O que entendo ser oportuno destacar é que a presença de filmes como Pelo Malo e 7 Caixas sinalizam para um momento de diversidade, um momento de proximidade com filmografias ao lado, mas que praticamente não eram vistas. Entendo também como oportuno destacar que, com filmes assim, o cinema se oferece como veículo de expressão para olharmos e confrontarmos experiências que, para além do evento cultural, abram caminhos para o entendimento de que partilhamos um destino social e político comum na periferia do mundo globalizado.


Humberto Pereira da Silva
São Paulo, 11/6/2014


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Influências da década de 1980 de Guilherme Carvalhal
02. Pensar Não é Viver de Carina Destempero
03. Pieguice ou hipocrisia? de Rosângela Vieira Rocha
04. Gargólios, nova peça de Gerald Thomas de Jardel Dias Cavalcanti
05. Em busca da adrenalina perdida de Marta Barcellos


Mais Humberto Pereira da Silva
Mais Acessadas de Humberto Pereira da Silva em 2014
01. Tectônicas por Georgia Kyriakakis - 13/8/2014
02. O medo como tática em disputa eleitoral - 8/10/2014
03. Gustavo Rezende: uno... duplo... - 22/1/2014
04. Monticelli e a pintura Provençal no Oitocentos - 5/2/2014
05. O momento do cinema latino-americano - 11/6/2014


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




NEM TODO CANÁRIO É BELGA
FLÁVIO MOREIRA DA COSTA
RECORD
(1997)
R$ 5,00



OPERAÇÃO CAVALO DE TRÓIA
J. J. BENÍTEZ
MERCURYO
(1987)
R$ 34,00



THE NEGRO IN AMERICAN LIFE
MABEL MORSBACH
HARCOURT BRACE E WORLD
(1967)
R$ 7,90



JOURNEY TO JO´BURG - A SOUTH AFRICAN STORY
BEVERLEY NAIDOO
HARPERCOLLINS
(1986)
R$ 12,00



PLANEJAMENTO DA EDUCAÇÃO PROJETO POLÍTICO E AUTONOMIA...
JOÃO AUGUSTO GENTILINI
CULTURA ACADÊMICA
(2010)
R$ 40,00



THE FILM MARKETING HANDBOOK: A PRACTICAL GUIDE TO MARKETING
ANNIKA PHAM, NEIL WATSON, JOHN DURIE (EDITED)
BRITISH FILM INST
(1993)
R$ 38,28



O VIOLINO E OUTROS CONTOS
LUIZ VILELA
ATICA
(1989)
R$ 7,90



PANORAMA GEOGRÁFICO DO BRASIL
MELHEM ADAS
MODERNA
(1980)
R$ 6,90



MONOGRAFIA DE MAFRA
ARMANDO DE LUCENA
COMISSÃO DE TURISMO
(1986)
R$ 19,82



A BORBOLETA TATUADA
PHILIP PULLMAN
OBJETIVA
(2004)
R$ 15,00





busca | avançada
49722 visitas/dia
2,6 milhões/mês