Antes que seque | Guilherme Pontes Coelho | Digestivo Cultural

busca | avançada
23612 visitas/dia
922 mil/mês
Mais Recentes
>>> Comédia dirigida por Darson Ribeiro, Homens no Divã faz curta temporada no Teatro Alfredo Mesquita
>>> Companhia de Danças de Diadema leva projeto de dança a crianças de escolas públicas da cidade
>>> Cia. de Teatro Heliópolis encerra temporada da montagem (IN)JUSTIÇA no dia 19 de maio
>>> Um passeio imersivo pelos sebos, livrarias e cafés históricos do Rio de Janeiro
>>> Gaitista Jefferson Gonçalves se apresenta em quinteto de blues no Sesc Belenzinho
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> A cidade e o que se espera dela
>>> De pé no chão (1978): sambando com Beth Carvalho
>>> Numa casa na rua das Frigideiras
>>> Como medir a pretensão de um livro
>>> Nenhum Mistério, poemas de Paulo Henriques Britto
>>> Nos braços de Tião e de Helena
>>> Era uma casa nada engraçada
>>> K 466
>>> 2 leituras despretensiosas de 2 livros possíveis
>>> Minimundos, exposição de Ronald Polito
Colunistas
Últimos Posts
>>> Jornada Escrita por Mulheres
>>> Pensar Edição, Fazer Livro 3
>>> Juntos e Shallow Now
>>> Dicionário de Imprecisões
>>> Weezer & Tears for Fears
>>> Gryphus Editora
>>> Por que ler poesia?
>>> O Livro e o Mercado Editorial
>>> Mon coeur s'ouvre à ta voix
>>> Palestra e lançamento em BH
Últimos Posts
>>> Diagnóstico falho
>>> Manuscrito
>>> Expectativas
>>> Poros do devir
>>> Quites
>>> Pós-graduação
>>> Virtuosismo
>>> Evanescência
>>> Um Certo Olhar de Cinema
>>> PROCURA-SE
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Um jantar levantino
>>> Se eu fosse você 2
>>> Sou diabético
>>> Um olhar sobre Múcio Teixeira
>>> O Barril
>>> Como escrever bem — parte 1
>>> Quatro Mitos sobre Internet - parte 1
>>> Da capo
>>> Elesbão: escravo, enforcado, esquartejado
>>> 5ª MUMIA em BH
Mais Recentes
>>> A Lua no Cinema e outros poemas de Vários pela Companhia das Letras (2011)
>>> Goosebumps - Praia Fantasma de R. L. Stine pela Fundamento (2010)
>>> Ciências Naturais - Aprendendo o Cotidiano 6 de Eduardo Leite do Canto pela Moderna (2009)
>>> Matemática 6 - Projeto Araribá de Juliana Matsubara Barroso pela Moderna (2007)
>>> A Cidade Inteira Dorme e Outros Contos de Ray Bradbury pela Biblioteca Azul (2019)
>>> Contos Universais - Para Gostar de Ler 11 de Vários pela Ática (2003)
>>> Agatha Christie O Incidente da Bola do Cachorro de John Curran pela Leya (2010)
>>> The 39 Clues - Uma Nota Errada de Gordon Korman pela Ática (2010)
>>> David Copperfield de Charles Dickens pela Macmilan Readers (2008)
>>> Hamlet Adaptado Série Reencontro de William Shakespeare, Leonardo Chianca pela Scipione (2001)
>>> Os Miseráveis adaptado por Walcyr Carrasco de Victor Hugo, Walcyr Carrasco pela FTD (2002)
>>> O Corcunda de Notre-Dame adaptação Série Reencontro de Victor Hugo, Jiro Takahashi pela Scipione (1997)
>>> Romeu e Julieta Adaptado Reencontro de William Shakespeare, Leonardo Chianca pela Scipione (2001)
>>> La Nausée de Jean Paul Sartre pela Éditions Gallimard, (1972)
>>> La Guerra de Guerrillas de Ernesto Che Guevara pela Ocean Sur (2006)
>>> La Emancipación de la Mujer en la URSS de Solomín pela Ediciones Europa-América, (1936)
>>> Juca Mulato de Menotti Del Pcchia pela Cprculo do Livro (1976)
>>> Inferno de Dan Brown pela Doubledays Books (2013)
>>> I Am a Strange Loop de Douglas Hoftstadter pela Basic Books, (2008)
>>> Iaiá Garcia de Machado de Assis pela Ática (1996)
>>> História do Rei Degolado nas Caatingas do Sertão Ao Sol da Onça Caetana de Ariano Suassuna pela José Olympio (1977)
>>> Grundrisse Manuscritos econômicos de 1857-1858 - esboços da crítica da economia política de Karl Marx pela Boitempo (2011)
>>> Great Expectations de Charles Dickens pela BBC Books (2011)
>>> 1808 de Laurentino gomes pela Planeta (2007)
>>> Coisas da Casa de Zélia Maria Guerra Simões pela Karmim (1990)
>>> A Marca De Uma Lágrima de Pero Bandeira pela Moderna (1994)
>>> Teoria Z Como as Empresas podem enfrentar o desafio Japonês de William Ouchi pela Fundo Educativo Brasileiro (1982)
>>> Hesse Obstinação de Hermann Hesse pela Record (1971)
>>> Bilionários Por Acaso de Ben Mezrich pela Intríseca (2009)
>>> Melhores Filhos Melhores Pais de Pe. Zezinho, scj pela Universo dos Livros (2012)
>>> O Amor Humilde de Pe. Zezinho, scj pela Paulinas (2003)
>>> Pais e filhos Companheiros de viagem de Roberto Shinyashiki pela Gente (1992)
>>> Reiniciados de Teri Terry pela Farol literário (2019)
>>> A Era do Capital de Eric Hobsbawm pela Paz e Terra (2002)
>>> A Era das Revoluções de Eric Hobsbawm pela Paz e Terra (2001)
>>> Medo, Reverência, Terror - Quatro ensaios de iconografia política de Carlo Ginzburg pela Companhia das letras (2014)
>>> Cinema de Garganta de Ericson Pires pela Azougue (2002)
>>> Criando Meninas de Gisela Preuschoff pela Fundamento (2006)
>>> A Revolução Russa de 1917 de Marc Ferro pela Perspectiva (1980)
>>> A Revolução Russa de 1917 de Marc Ferro pela Perspectiva (1980)
>>> Os Últimos Anos de Bukharin de Roy Medvedev pela Civilização Brasileira (1980)
>>> Os Últimos Anos de Bukharin de Roy Medvedev pela Civilização Brasileira (1980)
>>> A Primeira Reportagem (Vaga- lume) de Sylvio Pereira pela Ática/ SP. (1991)
>>> A Primeira Reportagem (Vaga- lume) de Sylvio Pereira pela Ática/ SP. (1984)
>>> A Primeira Reportagem (Vaga- lume) de Sylvio Pereira pela Ática/ SP. (1984)
>>> A Primeira Reportagem (Vaga- lume) de Sylvio Pereira pela Ática/ SP. (1995)
>>> Lógica da Lógica de Paulo Roberto Melo Volker (org.) pela Fafich/ Fumec (1983)
>>> Diccionario de Psicología (Encadernado) de Howard C. Warren (Compilador) pela Fondo de Cultura/ México (1991)
>>> Nietzsche para Estressados (99 Doses de Filosofia para Despertar a Mente e Combater as Preocupações de Allan Percy pela Sextante (2001)
>>> Nietzsche para Estressados (99 Doses de Filosofia para Despertar a Mente e Combater as Preocupações de Allan Percy pela Sextante (2001)
COLUNAS

Quarta-feira, 20/4/2016
Antes que seque
Guilherme Pontes Coelho

+ de 2200 Acessos


O primeiro amor é perfeito. Tudo nele é bom e se enraíza futuro afora na vida do amante. Tudo nele é perfeito, aliás, porque o primeiro amor é uma conquista do amante, não do amado – mesmo quando a loteria da reciprocidade funciona e amantes e amados se encontram no espelho arranhado das projeções, é o amar, e não o estar amado, que é transformador e que encoraja. O primeiro amor é perfeito, como tudo que criamos no nosso mundo interior.

Depois do primeiro amor, vêm a vida e outros primeiros amores. Mas aquele objeto inicial permanece, como a epítome da pessoa que o amante era capaz de ser e nada do que o então amado faça, nada do que a vida faça a ele, será capaz de transformar isso.

Tudo isto sobre primeiros amores, e outras considerações que ficarão para outra hora, estão comigo desde que li o livro Antes que seque, de Marta Barcellos (editora Record, 2015, 190 páginas). É um livro de contos, vencedor do Prêmio SESC Literatura de 2015, de uma escritora experiente que estreia na ficção. Um dos seus contos se chama justamente “Primeiro amor”, um conto curto e poderoso que narra o poder de permanência do encanto da primeira paixão na nossa vida amorosa. Mais que isso, não posso falar. Mas posso falar que um traço marcante deste conto, que é compartilhado pelas demais histórias do livro, é a ambiguidade agridoce da vida cotidiana. A beleza das coisas pequenas, que acobertam atrocidades; o incômodo dos gestos mesquinhos, que infectam nobrezas.

Se a ambiguidade é um traço comum às narrativas, três temas são abordados com frequência no livro: identidade, estigma e sexo. “Quase ela”, por exemplo, é um conto sobre identidade e, como consequência, a passagem do tempo. “Somos feitos mais de acasos ou de escolhas?”, a protagonista se pergunta, enquanto prepara um Nescau. Um questionamento shakespeareano que sempre acontece nesses momentos triviais do dia a dia. (Sou breve em relação à trama dos contos porque quero preservar as surpresas.) Perceba que o questionamento é sobre se somos mais de um que de outro, sem binarismos, mantendo a ambivalência que nos faz.


Eu conheci a autora pessoalmente, anos atrás (escrevemos para esta mesma revista virtual). Conversamos muito sobre literatura e sobre por que escrever ficção. Passando pela conclusão óbvia do porquê literário (enriquece a vida e deve ser feito, ponto), ela já tinha uma visão muito clara do como fazer literatura. “O texto tem de ser claro”, dizia. Antes que seque o comprova, pois tecnicamente o livro é impecável. Barcellos é jornalista, experiente em entrevistar pessoas, observar personagens reais, reconstruir histórias através de vários pontos de vida. A autora já era familiarizada com escrever textos antes de publicar suas primeiras ficções, e esta sentença não é a redundância que parece. Primeira pessoa, terceira pessoa, protagonista mulher, protagonista homem, Antes que seque tem de tudo e tudo mantém a qualidade, embora o forte criativo sejam as personagens femininas.

Sobre as quais, aliás, os temas que mencionei incidem com mais força. Identidade, estigma e sexo. “À moda antiga”, outro conto arrebatador, contém os três temas, num aceno a Nelson Rodrigues, mas narrado de forma que só alguém experiente na interseção entre viver, escrever e ser mulher saberia. Mais: narrado de forma penetrante, soberbo em cada detalhe. Como diz outra personagem de Barcellos, “A vida é uma sucessão de detalhes bem planejados, qualquer mulher sabe disso. São eles, os detalhes, que vão formar um todo harmônico, início, meio e fim, ordenar e imprimir o efeito estético que se busca ao final.” Toda esta perícia está em um dos meus contos prediletos, “À revelia”.

Uma variada galeria de personagens, e não de impressões de personagens. Narrativas estruturadas, e não flutuações sobre temas. Prosa elegante. Tudo que eu espero de um livro de contos está em Antes que seque.


Guilherme Pontes Coelho
Lago Norte/Brasília, 20/4/2016


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Vinicius de Julio Daio Borges
02. Elon Musk de Julio Daio Borges
03. A metade da vida de Guilherme Pontes Coelho
04. A firma como ela é de Adriane Pasa
05. Beijinho no ombro de Marcelo Centauro


Mais Guilherme Pontes Coelho
Mais Acessadas de Guilherme Pontes Coelho
01. Nas redes do sexo - 25/8/2010
02. A literatura de Giacomo Casanova - 19/5/2010
03. O preconceito estético - 29/12/2010
04. A morte de Michael Jackson, um depoimento - 5/8/2009
05. O retorno à cidade natal - 24/2/2010


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




NOSSO LIVRO
FRANCISCO CÂNDIDO XAVIER
LAKE
R$ 16,00



PREPARANDO PARA O SÉCULO XXI
PAUL KENNEDY
CAMPUS
(1993)
R$ 19,83



CINEMA NO MUNDO: ESTADOS UNIDOS VOL IV
ALESSANDRA MELEIRO (ORGS)
ESCRITURAS
(2007)
R$ 17,28



CENOURA? DE JEITO NENHUM!
E M E P KES / PETER DAY
SCIPIONE
(1993)
R$ 4,87



REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA QUALIDADE DE VIDA NO TRABALHO
IZABELA MARIA REZENDE TAVEIRA
CRV
(2016)
R$ 40,00



SONETOS DO AMOR OBSCURO E DIVÃ DO TAMARIT
FEDERICO GARCIA LORCA
FOLHA DE SÃO PAULO
(2012)
R$ 20,00
+ frete grátis



FILHO DA GUERRA
EMMANUEL JAL
ROCCO
(2010)
R$ 19,00



O SOL TAMBÉM SE LEVANTA
ERNEST HEMINGWAY
ABRIL CULTURA
(1982)
R$ 10,00



O DRAGÃO DOURADO
ELIZABETH LOWELL
NOVA CULTURAL
(1986)
R$ 4,25



EL ESPIRITU
CARLOS BERNARDO GONZÁLEZ PECOTCHE
LOGOSÓFICA
(1984)
R$ 100,00





busca | avançada
23612 visitas/dia
922 mil/mês