Pílulas Poéticas para uma quarentena | Luís Fernando Amâncio | Digestivo Cultural

busca | avançada
47592 visitas/dia
1,9 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Bossa Nova Mall homenageia músicos brasileiros com a programação especial Cantos e Encantos do Brasi
>>> SESC CARMO REALIZA CICLO DE OFICINAS VIRTUAIS SOBRE DIREITOS SOCIAIS E PRIMEIRA INFÂNCIA
>>> Tiras da Niara viram livro
>>> “Relatos da Era Digital”: novo álbum celebra a cultura sound system
>>> Abertas as Inscrições para a Oficina Conteúdo Audiovisual Infantil e Infantojuvenil
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Olavo de Carvalho (1947-2022)
>>> Maradona, a série
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
Colunistas
Últimos Posts
>>> O melhor da Deutsche Grammophon em 2021
>>> A história de Claudio Galeazzi
>>> Naval, Dixon e Ferriss sobre a Web3
>>> Max Chafkin sobre Peter Thiel
>>> Jimmy Page no Brasil
>>> Michael Dell on Play Nice But Win
>>> A história de José Galló
>>> Discoteca Básica por Ricardo Alexandre
>>> Marc Andreessen em 1995
>>> Cris Correa, empreendedores e empreendedorismo
Últimos Posts
>>> Brega Night Dance Club e o afrofuturismo amazônico
>>> Fazer o que?
>>> Olhar para longe
>>> Talvez assim
>>> Subversão da alma
>>> Bons e Maus
>>> Sempre há uma próxima vez
>>> Iguais sempre
>>> Entre outros
>>> Corpo e alma
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Wear Sunscreen
>>> Millôr no IMS Paulista
>>> Uma história da Chilli Beans
>>> L.S.D.eus
>>> Vida Virtual? Quase 10 anos de Digestivo
>>> Also known as
>>> No line on the horizon, do U2
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> Carteiros do Condado
>>> Amor fati
Mais Recentes
>>> A Revolução Russa - 4ª Edição - Série Discutindo a História de Maurício Tragtenberg pela Atual (1988)
>>> Apostila SESI 9º Ano Ensino Fundamental Anos Finais Caderno 1 de Serviço Social da Industria pela Somos (2020)
>>> O vencedor está só de Paulo Coelho pela Agir (2008)
>>> A Chave do Tesouro de J. Carlos de Assis pela Paz e Terra (1983)
>>> Apostila SESI Ensino Fundamental Ano Finais - Linguagens: Língua Espanhola 1 de Serviço Social da Industria pela Sesi (2020)
>>> Tudo Sobre Meninas para Meninos de Cláudia Felício pela Planeta (2006)
>>> Apostila SESI Ensino Fundamental Ano Finais - Linguagens: Língua Espanhola 3 de Serviço Social da Industria pela Sesi (2021)
>>> Comentários as Súmulas do Tst de Francisco Antonio de Oliveira pela Revista dos Tribunais (2005)
>>> Ecologia Objetiva de Dervile Ariza pela Nobel (1979)
>>> Diário de Um Fantasminha 2 de Adeilson Salles pela Letra Jovem (2018)
>>> Diário de Um Fantasminha 2 de Adeilson Salles pela Letra Jovem (2018)
>>> A Importância de Crer de R R Soares pela Graça (1999)
>>> O Desafio das Emoções Biblioteca Mente e Cérebro de Gláucia Leal Org. pela Duetto (2013)
>>> O Melhor do humor na internet - volume 2 de Netto Augusto M. Costa pela Best Seller (2010)
>>> Apostila SESI Ensino Fundamental Ano Finais - Linguagens: Língua Espanhola 2 de Serviço Social da Industria pela Sesi (2021)
>>> O Resgate - Ele Não Desistiu de Você de Sergio Corrêa pela Unipro (2018)
>>> Sobre a China de Karl Marx e Friedrich Engels pela Publicações Escorpião (1974)
>>> O livreiro de cabul de Asne Seierstad; Grete Skevik pela Record (2006)
>>> O livro do bar de Carlos hauber pela Ediouro (1987)
>>> Ramses v.2 - the eternal temple de Christian Jacq pela Warner Books (1998)
>>> A Travessa Americana de Carlos Eduardo Novaes pela Ática (1985)
>>> Educar sem Culpa - a Gênese da Ética de Tania Zagury pela Record (2003)
>>> A História da Aranha de Berny Stringle (Autor), Jackie Robb (Autor) pela Atica (2004)
>>> O Bichinho Da Maca de Ziraldo pela Melhoramentos (2001)
>>> Mr. Romance de Leisa Rayven pela Globo Alt (2017)
COLUNAS

Sexta-feira, 5/6/2020
Pílulas Poéticas para uma quarentena
Luís Fernando Amâncio

+ de 3300 Acessos

O roteirista surpreendeu a todos com esse plot twist. Aposto que, no fim da contagem regressiva do longínquo 31 de dezembro de 2019, choveram pedidos para: encontrar a pessoa amada, receber promoção no trabalho, ser aprovado em Cálculo I ou até, quem sabe, para o time de futebol sair da seca e ser campeão. Menos de um semestre depois e nada disso faz sentido na atual conjuntura.

Parece equivocado dizer que o jogo virou. Ele foi interrompido aos 35 do primeiro tempo e os jogadores estão no vestiário sem saber o que vão fazer. Quem pôde ficar em casa – e não é terraplanista – ficou em isolamento.


E a quarentena é uma boa oportunidade para a gente repensar algumas coisas. Por exemplo, questionar se não era melhor ter pedido, pulando as sete ondinhas na virada do ano, coisas mais simples. Humildes. Como saúde para nós e nossos entes queridos. Está fazendo falta. Continuar empregado. Ou que nossos vizinhos não nos impusessem essa desgraça de música sertaneja.

Não estamos em um ano dos sonhos para ninguém. Muito menos para o pai que gostaria de passar mais tempo com os filhos, mas na Disney ou em algum resort no Nordeste. De repente, o desejo meio atendido: tardes ajudando os catarrentos com as lições da escola à distância e descobrindo que esqueceu noções básicas de gramática e aritmética.

O home office, que lamentavelmente substituiu nossa expressão teletrabalho – muito mais simpática, remetendo aos tempos nostálgicos do 0900 – trouxe as cobranças do chefe para sua casa. A qualquer hora, em todo santo dia da semana. E com metas extras, já que você não precisa se deslocar para o serviço.

Enfim, a loucura está logo ali se não formos fortes. Nem todos têm a sorte de ser imune ao terror do isolamento social, virtude que eu expus aqui. É preciso respirar fundo, manter o foco. “Pensar fora da caixinha”, mesmo estando fechado na própria caixinha.

Só que para os artistas é mais difícil. A realidade deles é bem diferente da dos farialimers, da turma do mindset e dos cases de sucesso. O ser das artes é muito ligado ao trato social, quase um dependente químico de conversas regadas à tira-gostos e elixires etílicos. São pessoas que precisam de caminhadas ao ar livre, de flanar por cenas inusitadas e admirar a paleta de cores instigantes de um céu invernal. Não há romantismo em flertar com musas inspiradoras pelo WhatsApp.

Para artistas, a quarentena é um suplício. Mas há alternativas. Uma forma de suportar o distanciamento social, quem diria, é abordar criativamente o período, produzir registros sobre aquilo que será um marco histórico em nossas vidas – se o coronavírus ou a cloroquina permitirem que haja resto das vidas, evidentemente.

É o que fizemos na coletânea Re-mediando: pílulas poéticas para uma quarentena. Organizada por Ana Paula Martins Corrêa Bovo e Carina Adriele Duarte de Melo e Radamés Andrade Vieira, a obra reúne textos curtos, entre poemas e prosa, de autores que se propuseram ressignificar a experiência do isolamento.

O ebook está disponível de forma gratuita através do site. Vale o download, a leitura. Pois um dia a vida há de voltar ao normal e esses relatos literários serão uma lembrança da tormenta que superamos.


Luís Fernando Amâncio
Belo Horizonte, 5/6/2020


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Quatro dias em São Paulo de Rafael Rodrigues
02. Lei de Imprensa, Diploma e Questões Afins de Ricardo de Mattos
03. O homem que não gostava de beijos de Rafael Rodrigues


Mais Luís Fernando Amâncio
Mais Acessadas de Luís Fernando Amâncio em 2020
01. O pai tá on: um ano de paternidade - 28/8/2020
02. Pílulas Poéticas para uma quarentena - 5/6/2020
03. A desgraça de ser escritor - 31/7/2020
04. O fim dos livros físicos? - 20/11/2020
05. Cabelo, cabeleira - 23/10/2020


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




130 anos - Em Busca da República
9788551004968
Intrínseca
(2019)



As lutas do povo brasileiro - Do descobrimento a Canudos (História do Brasil)
Júlio José Chiavenato
Moderna
(1988)



Iracema / Ubirajara
José de Alencar
Edigraf



Mensagens Espirituais
Kahlil Gibran
Record



Educação e Reflexão
Pierre Furter
Vozes
(1973)



Das Confusões Desse Mundo de Águas
Adelson José Fontes Santos
Angellara
(1996)



O Fenômeno Humano Vol 16
Pierre Teilhard de Chardin
Tavares Martins
(1970)



Club Penguin - um Dia de Puffle
Disney
Melhoramentos
(2010)



Jango e Eu - Memórias de um Exílio sem Volta
João Vicente Goulart
Civilização Brasileira
(2016)



Vivendo Durante um Cancer
Marie Paule
Edusc
(1999)





busca | avançada
47592 visitas/dia
1,9 milhão/mês