Homens, cães e livros | Adriana Baggio | Digestivo Cultural

busca | avançada
62220 visitas/dia
1,6 milhão/mês
Mais Recentes
>>> XIII Festival de Cinema da Fronteira divulga Programação
>>> Centro em Concerto: ¡Navidad Nuestra!
>>> Edital Retomada Cultural apresenta Conexão Brasil-Portugal: podcast produzido pelo Coletivo Corpos p
>>> CANTORA E ATRIZ SANDRA PÊRA NO SESC BELENZINHO
>>> TDEZESSEIS
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Home sweet... O retorno, de Dulce Maria Cardoso
>>> Menos que um, novo romance de Patrícia Melo
>>> Gal Costa (1945-2022)
>>> O segredo para não brigar por política
>>> Endereços antigos, enganos atuais
>>> Rodolfo Felipe Neder (1935-2022)
>>> A pior crônica do mundo
>>> O que lembro, tenho (Grande sertão: veredas)
>>> Neste Momento, poesia de André Dick
>>> Jô Soares (1938-2022)
Colunistas
Últimos Posts
>>> Lula de óculos ou Lula sem óculos?
>>> Uma história do Elo7
>>> Um convite a Xavier Zubiri
>>> Agnaldo Farias sobre Millôr Fernandes
>>> Marcelo Tripoli no TalksbyLeo
>>> Ivan Sant'Anna, o irmão de Sérgio Sant'Anna
>>> A Pathétique de Beethoven por Daniel Barenboim
>>> A história de Roberto Lee e da Avenue
>>> Canções Cruas, por Jacque Falcheti
>>> Running Up That Hill de Kate Bush por SingitLive
Últimos Posts
>>> Nosotros
>>> Berço de lembranças
>>> Não sou eterno, meus atos são
>>> Meu orgulho, brava gente
>>> Sem chance
>>> Imcomparável
>>> Saudade indomável
>>> Às avessas
>>> Amigo do tempo
>>> Desapega, só um pouquinho.
Blogueiros
Mais Recentes
>>> 28 de Junho #digestivo10anos
>>> 19 de Julho #digestivo10anos
>>> Citizen Kane
>>> Gal Costa (1945-2022)
>>> Vida conjugal
>>> Querem acabar com as livrarias
>>> Cisne Negro
>>> Avassalador
>>> O cão da meia-noite
>>> Os Rolling Stones deveriam ser tombados
Mais Recentes
>>> Os Anjos na Vida dos Santos: Histórias e Meditações de José Eduardo Câmara pela Ecclesiae (2018)
>>> Fundamentos de química de Anselmo resende pela Htc (2022)
>>> Jovita Alves Feitosa - Voluntária da Pátria, Voluntária da Morte de José Murilo de Carvalho pela Chão
>>> Livro - Faz Muito Tempo - Coleção Sambalelê de Ruth Rocha pela Ática (2007)
>>> Livro - O Nariz de Luis Fernando Verissimo pela Ática (1998)
>>> A consciência de Zeno de Italo Svevo pela Folha de São Paulo (2003)
>>> Matemática e contexto e aplicações de Luiz Roberto dante pela Atica (2022)
>>> Livro - A Princesinha sem Nome de Alessandra de Paula pela Callis (2008)
>>> Livro - A Culpa é das Estrelas de John Green pela Intrínseca (2013)
>>> Northstar 3 Reading and Writing de Laurie Barton pela Pearson (2017)
>>> Coaching: A Arte da Superação! de Marlos Pires pela Conquista (2017)
>>> Guia do outro mundo 345 de Ornella Volta pela Hemus
>>> Pescar truta na América de Richard Brautigan pela Marco zero (1991)
>>> Livro - Resignificando: Programação Neurolinguística e a Transformação do Significado de Richard Bandler; John Grinder pela Summus (1982)
>>> Sermões de Quarta-Feira de Cinza de Antonio Vieira pela Unicamp (2016)
>>> Livro - Quantos Bichos? de Renata Bueno; Mariana Zanetti; Fernando de Almeida pela Do Brasil (2010)
>>> Palavra colhida Redação e texto de Riemma e toscano pela Htc (2022)
>>> A Importância de Compreender 345 de Lin Yutang pela Círculo do Livro
>>> Atlas de anatomia radiologica de Torsten b muller*emil reif pela Artmed (2003)
>>> Livro - ...Que Eu Vou pra Angola... - Coleção Era Outra Vez de Ruth Rocha pela Ftd (2006)
>>> I ching Ilustrado 345 de Judy Fox pela Círculo do Livro
>>> Livro - Os Trabalhos de Hércules de Agatha Christie pela Record (1951)
>>> Literatura brasileira de Jose de nicola pela Scipione (2022)
>>> QS o "q" que faz a diferença inteligência espiritual 345 de Danah Zohar pela Record (2000)
>>> Livro - Coleção Grandes Clássicos: As Aventuras de Robin Hood de Howard Pyle pela Gênios (2005)
COLUNAS

Quinta-feira, 15/8/2002
Homens, cães e livros
Adriana Baggio

+ de 10300 Acessos
+ 8 Comentário(s)

"Quando ouço falar do caráter, da lealdade e da dedicação dos cães, fico impassível. Todos os meus cães foram uns patifes, ladrões e encrenqueiros, mas mesmo assim amei todos eles."

Helen Hayes

Não é engraçado que os cães, apesar de serem chamados de os melhores amigos dos homens, tenham sua denominação utilizada para exemplificar as situações ou os tipos menos nobres da humanidade?

Um homem sem caráter, traiçoeiro, mau, é chamado de cachorro. Algumas mulheres de virtude e intenções duvidosas são chamadas de cadelas. Nossos dias, quando muito difíceis, são de cão. Se foi de muito trabalho, estivemos "working like a dog", como já diziam os Beatles. Com tantos animais menos nobres, mais egoístas, o cão foi o escolhido para representar o diabo. Como se não bastasse ser parecido com o satanás, ainda fazem com que o cão esteja associado com a feiúra. Quem nunca encontrou uma criatura tão horrorosa que mais parece o cão chupando manga?

Antes as injustiças que se praticam contra os cães ficassem apenas no plano verbal. A realidade é muito mais cruel. Cachorros e animais de várias espécies são covardemente maltratados por quem não gosta deles, e pior, até por quem diz que gosta. E o cão, coitado, é o único animal que se afeiçoa ao homem incondicionalmente. O cachorro vê em seu dono um deus, um amo, o senhor do seu destino. Que, por pior que seja, ele aceita mansamente, sem muito protesto. É por isso que o maltrato é cruel. Porque o cão não deixa de amar seu dono, mesmo não tendo nenhum tipo de retribuição de seu afeto.

Algumas das sutilezas das relações entre os homens e os cães são retratadas de maneira singela e inteligente por Roger Grenier, em seu livro "Da dificuldade de ser cão" (Companhia das Letras, 2002). Singela porque o autor aborda as diferentes situações pelas quais passaram cachorros famosos da história, ou cachorros de pessoas famosas. Da forte ligação, quase umbilical, entre um cão e seu dono, à doentia relação de crueldade, cada texto aborda um aspecto diferente, mas sempre tendo o cão como personagem principal, e motivo em torno do qual giram algumas das permanentes reflexões da humanidade.

Os relatos são, também, profundamente inteligentes. Não espere, como em "Um dia de cão", de Jim Dratfield (Bertrand Brasil, 2002), um passeio leve e agradável por imagens de cães de diversas raças - ou de raça nenhuma - e frases motivadoras. Um dos grandes atrativos do livro de Roger Grenier é a riqueza da linguagem, a sutileza do texto. Talvez para obrigar uma leitura mais atenta, e para frustrar aqueles que subestimam o conteúdo, ao autor deixa lacunas entre as frases, os pensamentos, as conclusões. O leitor tem a oportunidade de participar da construção do texto em seu aspecto de significação. O preço para esse prazer é a exigência de atenção, respeito e amor pelo escrito - justamente o tipo de comportamento que devemos ter para com os cães.

Grenier também não comete o pecado da condescendência. Cita obras e pessoas conhecidas, outras nem tanto, mas sempre supondo um conhecimento prévio do leitor. Conhecimento esse que, com certeza, passa de um nível básico. Todas as ramificações que as referências do texto possibilitam servem para enriquecer ainda mais o relato - e para dar água na boca. Cada pequeno texto de Roger Grenier é a ponta solta de um novelo. O leitor acaba ficando como um gatinho - perdoem a interferência dos gatos neste tema -, alegremente distraído com o desenrolar do emaranhado de fios. São muitos os novelos, e muitas as pontas soltas que prometem um milhão de passeios interessantes pela história dos homens e dos cães.

Roger Grenier e Jim Dartfield têm em comum o fato de abordarem o mundo dos cachorros a partir de uma visão mais realista. Se Grenier mostra a história real de pessoas reais e seus cães, o autor de "Um mundo cão" aborda outro aspecto da realidade: a de que nem todos os cães (e nem todos os homens), nascem com pedigree. São mais de 100 páginas de fotos de cachorros vira-latas, ou cachorros de raças indefinidas, ou cachorros de raças muito esquisitas, que não despertam o carinho egoísta das crianças. Cada foto merece a companhia de uma frase. As frases, assim como as imagens, remetem ao que Jim explica no início do livro: "somos uma nação de vira-latas e celebramos o triunfo da personalidade sobre a herança de berço. Acreditamos que, se tivermos caráter, determinação e inteligência, poderemos vir a ser alguma coisa na vida".

O espírito é esse: assuma seu lado vira-lata, tire o melhor proveito dele, e tenha personalidade. Os cães não se importam de serem feios, esquisitos, deformados - às vezes por culpa de cruéis tolices cometidas por nós, humanos. Independentemente da aparência deles, e da nossa, eles amam. E como diz Jim, "o amor não tem pedigree".

Para ir além







Adriana Baggio
Curitiba, 15/8/2002


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1 de Renato Alessandro dos Santos
02. Um Furto de Ricardo de Mattos
03. A difícil arte de saber mais um pouco de Ana Elisa Ribeiro
04. House e o retorno dos fãs de Carla Ceres


Mais Adriana Baggio
Mais Acessadas de Adriana Baggio em 2002
01. Todos querem ser cool - 27/6/2002
02. Menos Guerra, Mais Sexo - 31/1/2002
03. Uma pirueta, duas piruetas, bravo, bravo! - 20/6/2002
04. Querido, eu me rendo - 2/5/2002
05. Homens, cães e livros - 15/8/2002


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
15/8/2002
1.
12h45min
Cara Adriana, como aerofobo devo concordar que nao pode haver animal mais carinhoso e dedicado que o cao. Nos deveriamos toma-los como exemplo de moral e conduta.
[Leia outros Comentários de Aguinaldo Silva]
16/8/2002
11h37min
Suponho que aerofobia seja medo de ar, vento, essas coisas. Me corrija se eu estiver errada. Nesse caso, imagino que você passe muito tempo fechado, em companhia do seu cão. Realmente, eles são amorosos, alegres, divertidos. Várias vezes me pego rindo sozinha com as estripulias do meu poodle. Desfaz qualquer mau humor!
[Leia outros Comentários de Adriana]
18/8/2002
19h28min
Parabéns pelo texto , depois de ler este resumo imediatamente liguei para minha irmã e lhe forneci os nomes dos livros citados, ela adora tem 12 caes vira-latas num sitio perto de Porto Alegre RS . Um Abraço .
[Leia outros Comentários de Vinicius Brown]
19/8/2002
08h40min
Tenho certeza que ela vai adorar! Também sou apaixonada por cães, e tenho um carinho especial pelos vira-latas. Se um dia for muito rica, vou recolher todos os cães abandonados que encontrar pela frente!
[Leia outros Comentários de Adriana]
21/8/2002
17h15min
Estou chegando da formosa cidade de João Pessoa, a pesar da lluvia, é um lindissímo lugar que recomendo a todos que ainda não conhecem. Os cães todos sabemos em maior ou menor grau como são únicos em demonstrar e dar amor sem qualquer segundas intenções, como seria bom que os seres humanos aprendamos com os cães como é bomse amar sem nada pedir em troca.
[Leia outros Comentários de Roberto]
22/8/2002
23h00min
Se a gente amasse sem esperar nada em troca, com certeza seríamos mais tranqüilos, e nos machucaríamos menos. Tudo que a gente faz sem grandes expectativas acontece de maneira menos traumática. Afinal, se você não espera nada, o que vier é lucro. Mas quem agüenta? Que graça tem não passar pela ansiedade da antecipação?
[Leia outros Comentários de Adriana]
1/9/2002
7.
09h43min
Amei esta coluna;sou louka por cães;para mim não existe um animal mais magnífico do que eles!!!Gostaria muito de ter um,mas como moro em apartamento e não sou a dona dele,ainda não tenho o prazer de tê-lo.
[Leia outros Comentários de Fernanda Vianna]
1/9/2002
15h35min
Obrigada pelo comentário, Fernanda. Espero que logo você consiga ter o seu cão. Enquanto isso, o jeito é se contentar com os cães na literatura, nas fotos...
[Leia outros Comentários de Adriana]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Discursos Parlamentares - Coleção Paulista
Jose Bonifacio de Andrada e Silva
Fundap / Imprensa Oficial
(2007)



A Ladainha do Coração de Jesus (2003)
Joao Carlos Almeida
Edicoes Loyola
(2003)



Transformando Suor Em Ouro
Bernardinho
Sextante
(2006)



Auto da Barca do Inferno
Gil Vicente
Núcleo
(2003)



De Perto e de Longe
Claude Lévi-Strauss
cosac naify
(2005)



Comprometidos Com o Reino (2004)
Apparecida Gouveia
Palavra & Prece
(2004)



Benissimo Jeeves
P G Wodehouse
Casa Editrice Bietti
(1933)



Obesidade Nao Tem Cura
Adriano Segal
Lemos
(1998)



Livro - All About Plants - Level 4
Julie Penn
Oxford University Press
(2010)



A Metamorfose do Lívio - 1ª Ed
Liana Leão
Elementar
(2009)





busca | avançada
62220 visitas/dia
1,6 milhão/mês