Professor ou palhaço? | Adriana Baggio | Digestivo Cultural

busca | avançada
65370 visitas/dia
2,1 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Missão à China
>>> Universidade do Livro desvenda os caminhos da preparação e revisão de texto
>>> Mississippi Delta Blues Festival será On-line
>>> Tykhe realiza encontro com Mauro Mendes Dias sobre O Discurso da Estupidez
>>> Trajetória para um novo cinema queer em debate no Diálogos da WEB-FAAP
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Alameda de água e lava
>>> Entrevista: o músico-compositor Livio Tragtenberg
>>> Cabelo, cabeleira
>>> A redoma de vidro de Sylvia Plath
>>> Mas se não é um coração vivo essa linha
>>> Zuza Homem de Mello (1933-2020)
>>> Eddie Van Halen (1955-2020)
>>> Prêmio Nobel de Literatura para um brasileiro - II
>>> Vandalizar e destituir uma imagem de estátua
>>> Partilha do Enigma: poesia de Rodrigo Garcia Lopes
Colunistas
Últimos Posts
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
>>> Chico Buarque em bate-papo com o MPB4
>>> Como elas publicavam?
>>> Van Halen no Rock 'n' Roll Hall of Fame
>>> A última performance gravada de Jimmi Hendrix
Últimos Posts
>>> Normal!
>>> Os bons companheiros, 30 anos
>>> Briga de foice no escuro
>>> Alma nua
>>> Perplexo!
>>> Orgulho da minha terra
>>> Assim ainda caminha a humanidade
>>> Três tempos
>>> Matéria subtil
>>> Poder & Tensão
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O dinossauro de Augusto Monterroso
>>> Asia de volta ao mapa
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Micronarrativa e pornografia
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Literatura Falada (ou: Ora, direis, ouvir poetas)
>>> Viva a revolução
>>> AC/DC 1977
>>> As maravilhas do mundo que não terminam
>>> Nem Aos Domingos
Mais Recentes
>>> Romances de Oscar Wilde de Jeanette Marillier pela Livraria martins (1952)
>>> Jesus - O Maior Psicólogo que Já Existiu de Mark W. Baker pela Sextante (2005)
>>> As Lendas de Dandara de Jarid Arraes pela Cultura (2016)
>>> Prevenção e controle de risco em maquinas equipamentos e instalações de Armando Campos / José da C. Tavares / Valter Lima pela Senac (2014)
>>> Sam, o encantador de Henry A. Zeiger, Alexandre M. de S. Melo pela Mm (1974)
>>> A Aldeia Sagrada de Francisco Marins pela Ática (1993)
>>> O Ponto Zero da Revolução - Trabalho Doméstico, Reprodução e Luta Feminista de Silvia Federici pela Elefante (2019)
>>> 10 Dias que abalaram o mundo de John Reed, Armando Gimenez pela Global (1978)
>>> Inocência de Visconde de Taunay pela Ática (1980)
>>> O seminarista de Bernardo Guimarães pela Ática (1978)
>>> Vislumbres de la India de Octavio Paz pela Seix Barral (2014)
>>> Ah! Se eu soubesse de Rose dos Anjos pela Espírita francisco spinelli (1980)
>>> Poesia Completa e Prosa Escolhida -Volume Único de Gonçalves Dias pela José Aguilar (1959)
>>> Olga de Fernando Morais pela Companhia das Letras (2017)
>>> A Fôrça do Pensamento de William Walker Atkinson pela O pensamento (1978)
>>> Contra o Financismo - o Método Mais Prático e Eficiente para Investir de Felipe Miranda - Rodolfo Amsterden pela Empiricus (2016)
>>> Geografia da coragem de Jorge Macedo pela Edições asa (1988)
>>> Memórias do Aprendizado de Jorge Carvalho do Nascimento pela Edições Catavento (2004)
>>> O que todos devem saber sobre os Bancos de Roberto damasceno Pinto pela Ouro (1968)
>>> Pasquim apresenta Lúcia McCartney de Rubem Fonseca pela Codecri (1978)
>>> Trilogia de Mauro Rasi pela Relume dumará (1993)
>>> A Humanidade é Isenta de Pecado de Masaharu Taniguchi pela Seicho-No-Ie (2008)
>>> Amor de perdição de Camilo Castelo Branco pela FTD (1999)
>>> Plano Piloto de Victor Hugo G. Rodrigues pela Scortecci (1992)
>>> Curso completo de processo penal de Paulo Lúcio Nogueira pela Saraiva (1993)
>>> Prontuário de redação oficial de João Luiz Ney pela Dasp (1973)
>>> Intelectuais da Educação: Sílvio Romero, José Calasans e Outros Professores de Jorge Carvalho do Nascimento pela Edufal (2007)
>>> A Espada de Shannara de Terry Brooks; Ana Cristina Rodrigues pela Saída de emergência (2014)
>>> Insaciável de Meg Cabot pela Galera (2012)
>>> As Pedras Élficas de Shannara de Terry Brooks; Ana Cristina Rodrigues pela Saída de emergência (2014)
>>> Mordida de Meg Cabot pela Galera (2012)
>>> Tutor - um homem de olhar penetrante de Sue Hecker pela Harper Collins (2017)
>>> A tormenta de espadas - As crônicas de gelo e fogo de George R. R. Martin pela Leya (2011)
>>> Interação medicamentosa - 10A de Luiza cristina pela GEN Guanabara Koogan (2011)
>>> O símbolo perdido de Dan Brown pela Sextante (2009)
>>> Cuidado de Ferimentos Para veterinarios de equinos - 10A de Dean A. Hendrickson pela Roca (2016)
>>> Odontologia Veterinaria - 10A de Marco Antonio Gioso pela Manole (2007)
>>> Livros Série Gerenciamento De Projetos - Fgv de André Bittencourt do Valle, Carlos Alberto Pereira Soares, José Finocchio Jr. e Lincoln de Souza Firmino da Silva et al. pela Fgv (2010)
>>> Futebol e Futsal. Atividades, Jogos e Treinamento Para Homens e Mulheres. Fisiologia Aplicada -10A de Ivan da Cruz Picarro pela Phorte (2012)
>>> O Quarteto de Alexandria: Clea de Lawrence Durrell pela Ediouro (2006)
>>> Esporte e Educação Saúde e Cidadania na Escola - 10A de Adriana Brunstein pela Eureka (2015)
>>> Ensinando basquetebol para jovens - 10A de American S.E.P pela Manole (2000)
>>> Esporte e Educação - 9º ano: O esporte e a mente - 10A de Vários pela Mundial (2015)
>>> Ensinando tênis para jovens - 10A de American Sport Education Program pela Manole (1999)
>>> Esporte e Educação Saúde e Cidadania na Escola - 7º ano / Meio ambiente e atividade física - 10A de Denis Pierre Araki pela Eureka (2015)
>>> Esporte e Educação Saúde e Cidadania na Escola - 8º ano / Esporte e ciência - 10A de Denis Pierre Araki pela Eureka (2015)
>>> Esporte e Educação Saúde e Cidadania na Escola - 6º ano / Corpo em movimento - 10A de Denis Pierre Araki pela Eureka (2015)
>>> O Quarteto de Alexandria: Mountolive de Lawrence Durrell pela Ediouro (2006)
>>> Pedagogia do Esporte. Aspectos Conceituais da Competição e Estudos Aplicados - 10A de Riller Silva Reverdito pela Phorte (2013)
>>> Ensinando voleibol para jovens - 10A de American S.E.P pela Manole (1999)
COLUNAS

Quinta-feira, 27/2/2003
Professor ou palhaço?
Adriana Baggio

+ de 6200 Acessos

A canadense Naomi Klein alertou o mundo contra tirania das marcas em seu livro Sem logo, lançado no Brasil em 2002 pela Record. A autora desvenda para o público em geral as estratégias das grandes marcas para estarem cada vez mais próximas do seu público consumidor. Essas estratégias passam pela identificação do estilo de vida e das atitudes do grupo que se quer atingir, pela associação com eventos, experiências e outras marcas de sucesso, e pela apropriação e conseqüente padronização de manifestações culturais.

As estratégias mercadológicas, manifestadas nas campanhas publicitárias, representam fórmulas mais ou menos acessíveis para os profissionais da área, mas que podem passar desapercebidas para o consumidor leigo. Não que sejam procedimentos mágicos, ilusórios, hipnóticos. É, na realidade, uma forma de provocar uma atitude desejada, que está latente. Uma das muitas estratégias citadas no livro mostra como as marcas invadiram um espaço antes considerado inviolável, pelo menos para esse tipo de manifestação: as escolas e universidades.

A dominação corporativa, como a autora chama a ação das empresas para conquistar os consumidores dentro do campus, vai desde a implantação de lanchonetes fast food em escolas e universidades, com a garantia de exclusividade, até a interferência em projetos de pesquisas científicas. Naomi Klein cita vários casos de pesquisadores que não puderam divulgar os resultados de seus trabalhos por serem desfavoráveis às empresas que os patrocinaram. Ou seja, até que ponto as instituições educacionais, e as pesquisas realizadas sob seus auspícios, ainda podem ser consideradas isentas, dignas de credibilidade?

No Brasil, as estratégias de construção e manutenção de marcas passam pelas escolas somente através dos currículos dos cursos de marketing e publicidade, pelo menos por enquanto. As escolas e universidades talvez ainda não tenham sido invadidas por pura falta de necessidade. O Brasil é um mercado cujo potencial está longe de ter sido totalmente explorado. Ainda há muitos segmentos a serem expandidos, milhões de consumidores a serem conquistados. No entanto, alguns alertas colocados pela autora em Sem logo se aplicam muito bem à situação da educação no país.

A educação, em teoria, é um serviço básico a que toda população tem direito. Com o sucateamento da educação pública, as escolas particulares passam a cumprir uma função que deveria ser do governo ou, pelo menos, rigidamente controlado pelo governo. No entanto, como o próprio nome revela, as instituições particulares de ensino não têm caráter filantrópico: elas trabalham visando o lucro. E o lucro, vem de onde? Dos alunos.

Enquanto modalidade de negócio, as escolas vêem o aluno como um cliente, que deve ser conquistado e mantido. Para isso, as escolas utilizam estratégias familiares a outros tipos de negócio. Oferecem outros serviços além do básico: aulas extra-curriculares, área de lazer, praça de alimentação, academia de ginástica. E aí as escolas começam a se parecer muito mais com shoppings do que com instituições educacionais. Se fosse só esse o problema, talvez não houvesse motivo para maiores preocupações. No entanto, o ambiente no estilo de um centro comercial faz com que as relações dentro das escolas também passem a assumir um caráter comercial. Uma passagem do livro de Naomi Klein explicita este processo:

"Muitos professores falam da gradual intromissão da mentalidade comercial, argumentando que quanto mais os campi agem e se parecem com centros comerciais, mais os estudantes se comportam como consumidores. Eles contam histórias de estudantes preenchendo seus formulários de avaliação dos cursos com todo o presunçoso farisaísmo de um turista respondendo a um formulário de satisfação do cliente em uma grande cadeia de hotéis. 'Sobretudo desgosta-me a atitude serena expertise de consumidor que permeia as respostas. Perturbo-me com a serena crença de que minha função - e mais importante, a de Freud, a de Shakespeare ou a de Blake - é divertir, entreter e despertar o interesse!', escreve o professor da universidade da Virginia Mark Edmundson na revista Harper's."

Para manter seus clientes, algumas instituições particulares passam a cobrar de seus professores uma atitude de show man, ao invés de se preocuparem com a qualidade do que é passado em sala de aula. É lógico que, nestes tempos modernos, o papel do professor é muito mais de mediador do que de dono da verdade. Os alunos, muitas vezes, têm mais acesso à informação que o professor, o que traz uma mudança na relação mestre-aprendiz. Mas uma maior participação no processo ensino-aprendizagem por parte do aluno não significa o descarte do professor.

A incoerência é que, quanto mais os alunos tornam-se aptos a assumir um papel ativo em sua relação com o professor, menos se observa uma vontade, ou mesmo uma capacidade, de estabelecer relações por si próprio, de refletir, de pensar. Acostumados a consumir tudo pronto - do sanduíche a informação -, os alunos também esperam que a aula seja uma experiência que não exija participação ativa. Essa participação só acontece mediante dois tipos de estímulo: punição ou recompensa.

Nesse processo, o professor da escola particular precisa se virar entre a cobrança por cumprir o seu papel de educador e formador, e a pressão da instituição para que os alunos não sejam penalizados caso não realizem sua parte no trabalho - afinal, aluno penalizado é aluno insatisfeito, e aluno insatisfeito é cliente em perigo.

Na universidade pública professores e alunos conseguem ter um desempenho melhor, justamente pela ausência do aspecto mercantilista. Sem ser pressionado por uma direção orientada para a manutenção dos clientes, o professor consegue assumir a autoridade dentro da sala de aula sem ter que recorrer a estratégias mais adequadas à educação de crianças, ou a diversão de uma platéia de circo. Os alunos, por sua vez, são responsáveis por seu destino na universidade. Como a universidade pública é um privilégio, uma conquista, a tendência é que os alunos valorizem sua participação nas aulas e procurem cumprir com as tarefas solicitadas. Assim, os alunos aceitam uma nova forma de ensino, e passam a exercitar o pensamento, a crítica, a reflexão e a construção do seu próprio conhecimento - sem esperar que esse conhecimento já chegue mastigado.

A idéia não é fazer uma apologia ao ensino das universidades públicas, ou ignorar que os professores dessas escolas também se aproveitam da estabilidade para perpetuar a mediocridade. O ponto a ser questionado é que algumas relações devem ser preservadas do aspecto comercial ou de espetáculo, e uma delas é a que envolve professor-aluno. O professor deve ter conhecimento e didática para transmitir o conhecimento e participar da formação dos alunos, mas não deve ser cobrado dele o papel de motivador ou animador de auditório.


Adriana Baggio
Curitiba, 27/2/2003


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Seriados made in the USA de Juliana Lima Dehne
02. O Direito mediocrizado de Celso A. Uequed Pitol
03. As cores de Pamuk de Wellington Machado
04. Metade da laranja ou tampa da panela? de Débora Carvalho
05. O fim do futebol-arte? de Humberto Pereira da Silva


Mais Adriana Baggio
Mais Acessadas de Adriana Baggio em 2003
01. Ser bom é ótimo, mas ser mau é muito melhor* - 24/4/2003
02. Aventuras pelo discurso de Foucault - 30/1/2003
03. Carga mais leve para Pedro e Bino - 8/5/2003
04. Apesar da Barra, o Rio continua lindo - 9/1/2003
05. Encontro com o peixe-boi - 16/1/2003


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




A MECÂNICA DAS ÁGUAS
E. L. DOCTOROW
COMPANHIAS DAS LETRAS
(1995)
R$ 35,90



PLAYBOY ANDREA GUERRA
DIVERSOS
ABRIL
(1998)
R$ 50,00



SOCIEDADE DE ADVOGADOS
SERGIO FERRAZ
MALHEIROS
(2002)
R$ 12,00



GERÊNCIA À BRASILEIRA
AGRÍCOLA DE SOUZA BETHLEM
MCGRAW-HILL
(1989)
R$ 10,00



A ARCA DOS BICHOS
MARCELO DUARTE
CIA DAS LETRINHAS
R$ 14,00



GUIMARÃES ROSA
TÂNIA MACEDO
ÁTICA
(1988)
R$ 5,00



O HORROR ECONÔMICO
VIVIANE FORRESTER
UNESP
(1997)
R$ 30,00



A ARTE DE GANHAR A VIDA - COLEÇÃO PERGUNTE AO JOSÉ
SEBASTIÃO MARTINS - VÁRIOS
LE
(1999)
R$ 5,00



A ALEGRIA DO TRIUNFO: MANUAL PRÁTICO DE PSICOLOGIA DO COTIDIANO
PATRICK ESTRADE
IBRASA
(1993)
R$ 5,00



O AVESSO DA POESIA
LUCIA BRAGA
CANOA DAS LETRAS
(1999)
R$ 9,11





busca | avançada
65370 visitas/dia
2,1 milhões/mês