Perguntas para escritores | José Frid

busca | avançada
84642 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Rosas Periféricas apresenta Labirinto Selvático e Ladeira das Crianças em novembro
>>> SESI-SP apresenta Filó Machado 60 Anos de Música em teatros de São Paulo e Piracicaba
>>> Clube do Conto outubro - Sesc Carmo - literatura infantojuvenil
>>> Projeto seleciona as melhores imagens de natureza produzida por fotógrafos de Norte a Sul do país
>>> Infantil com a Companhia de Danças de Diadema tem sessão presencial em Ilhabela e Caraguatatuba
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
>>> Errando por Nomadland
>>> É um brinquedo inofensivo...
Colunistas
Últimos Posts
>>> Michael Dell on Play Nice But Win
>>> A história de José Galló
>>> Discoteca Básica por Ricardo Alexandre
>>> Marc Andreessen em 1995
>>> Cris Correa, empreendedores e empreendedorismo
>>> Uma história do Mosaic
>>> Uma história da Chilli Beans
>>> Depeche Mode no Kazagastão
>>> Uma história da Sambatech
>>> Uma história da Petz
Últimos Posts
>>> Mundo Brasil
>>> Anônimos
>>> Eu tu eles
>>> Brasileira muda paisagens de Veneza com exposição
>>> Os inocentes do crepúsculo
>>> Inação
>>> Fuga em concerto
>>> Unindo retalhos
>>> Gente sem direção
>>> Além do ontem
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Como no céu & Livro de visitas
>>> Drummond: Procura da Poesia
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> Preconceitos
>>> Quem é (e o que faz) Julio Daio Borges
>>> So much that was good but is gone
>>> Decálogo (Comentado) do Perfeito Contista, de Horacio Quiroga
>>> A situação atual da poesia e seu possível futuro
>>> Patrícia Melo mergulha no ciúme e na loucura
>>> Sobre viver em qualquer lugar
Mais Recentes
>>> Economia da Consciência: Construindo Um Novo Paradigma Econômico a Partir dos Princípios da Física Quântica de Amit Goswami pela Goya (2015)
>>> A Plenitude Do Cosmos: A Revolução Akashica Na Ciência E Na Consciência Humana de Ervin Laszlo pela Cultrix (2018)
>>> A Revolução Mindfulness: Um guia para praticar a atenção plena e se libertar da ansiedade e do estresse de Sarah Silverton pela Alaúde (2018)
>>> Uma Amizade Com Deus - Um diálogo incomum de Neale Donald Walsch pela Sextante (2000)
>>> Teoria do conhecimento de Johannes Hessen pela Martins Fontes (2012)
>>> Introdução à epistemologia de Luiz Henrique de Araujo Dutra pela Unesp (2010)
>>> Exercícios d'alma: A Cabala como sabedoria em movimento de Nilton Bonder pela Rocco (2010)
>>> Tratado da Pedra Filosofal e a Arte da Alquimia de Santo Tomás de Aquino pela Isis (2015)
>>> Guia Prático para Redação Científica de Gilson L. Volpato pela Best Writing (2015)
>>> Emmanuel Bassoleil - Uma Cozinha sem Chef de J. A. Dias Lopes... et al. (Textos) pela DBA - Dórea Books and Art (1994)
>>> Psicologia da Evolução Possível ao Homem de P. D. Ouspensky pela Pensamento (2019)
>>> As Ciências das Religiões de Giovanni Filoramo pela Paulus (1999)
>>> Ordens do Executivo de Tom Clancy pela Record (1999)
>>> Airline Transport Pilot Test Prep 2019 de Asa Test Prep Board pela Aviation Supplies & Academics (2019)
>>> Enciclopédia Agrícola Brasileira - Vol 1 - A-B de Julio Sousa pela Edusp (1995)
>>> Rainbow de Tom Clancy pela Record (2000)
>>> Educação e Empreendedorismo de Carmen Luan de Castro Dias Coelho pela Clube De Autores (2018)
>>> Las Posturas Claves En El Hatha Yog - Vol 2 de Ray Long pela Blume-acanto-naturart (2009)
>>> Filosofia da ciência: Introdução ao jogo e a suas regras de Rubem Alves pela Loyola (2015)
>>> Coleção Rock’n’roll Hambúrguer, Sorvetes & Milk-shakes de Editora Melhoramentos pela Melhoramentos (2013)
>>> Carreiras Típicas de Estado de Regina Tamami Hirose pela Fórum (2019)
>>> Guia de Nutrição Desportiva de Nancy Clark pela Artmed (2015)
>>> The Accidental Universe: The World You Thought You Knew de Alan Lightman pela Vintage Books (2013)
>>> Menopausa - Alimentação Saudável de Wilson Maça Yuki Arie, Angela Maggio da Fonseca pela Atheneu (2018)
>>> Atendimento ao Trauma - Fundamentos, Condutas e Avanços de Átila Velho, Rafael Alencastro Ostermann pela Atheneu (2019)
COMENTÁRIOS

Quinta-feira, 4/11/2010
Comentários
Leitores


Perguntas para escritores
As questões iniciais do seu texto continuam atuais. Será que o Cristóvão Tezza ganharia todos os prêmios com o seu "O filho eterno" se não tivesse sua experiência pessoal? Seré que o Drummond de Andrade produziria obra melhor se não tivesse que gastar parte do seu tempo como funcionário público? A diplomacia ajudou ou atrapalhou a obra de Cabral, Vini­cius, Rosa etc? Jorge Amado escreveria melhor se não fosse casado ou tivesse atuação política? Daria para escrever um romance de formação sem a experiência pessoal? Quem teria as respostas?

[Sobre "J.M. Coetzee e o romance de formação"]

por José Frid
http://blogdofrid.blogspot.com
4/11/2010 às
10h22 189.69.23.231
(+) José Frid no Digestivo...
 
Ser ou estar artista
Uma possível verdade é que perdemos muito tempo nos questionando e sentindo um "frio na espinha" com medo da adversidade da crítica. Sim, o artista nasce artista. Se ele será considerado como "tal" é que o modifica, para continuar ou parar de se "iludir". Mas vai continuar o mesmo. Questionando o fato de "ser" e "estar" artista todo o tempo. O futuro dirá se acertou. Como Coetzee. Um (de muitos) que é assim, respeitado em sua arte. Um "felizardo" artista.

[Sobre "J.M. Coetzee e o romance de formação"]

por Cilas Medi
3/11/2010 às
13h09 187.10.154.241
(+) Cilas Medi no Digestivo...
 
Literatura desde o berço
Ouso dizer que o escritor não nasce escritor para ser burilado como diamante até chegar ao ponto. Acredito que assim como qualquer outra profissão, há necessidade de suar, e muito, a camisa. Um trabalho diário de leitura e escrita, com um bom exemplo literário de berço também é fundamental. Exemplo no sentido de conscientização desde cedo para que o jovem se dedique à literatura. Não existe nascer e ser artista sem um trabalho árduo. A obsessão também faz parte do pacote. Não se nasce médico, engenheiro ou jornalista. Tem-se que trabalhar muito para isto, abrindo mão de muitas coisas. O diploma, assim como o livro para o escritor, há que ter muito trabalho duro e suor com sangue. Senão, é somente um papel.

[Sobre "J.M. Coetzee e o romance de formação"]

por Marco Linhares
http://marcotassinari.blogspot.com/
3/11/2010 às
09h48 187.21.57.103
(+) Marco Linhares no Digestivo...
 
A obra do artista
A obra do artista deve ser o seu delírio alucinatório da vida, deve ter todos os elementos, o riso da felicidade, a ternura da embriaguês, o porre da solidão, a dor de cotovelo, a mulher ou companheira, o olhar enciumado das amantes ou dos amantes. O teor rosa dos machistas, o amor ambulante dos mascates e a leitura de um mundo novo. Imaginativo, criado, como se fosse uma galinha querendo botar o ovo. O seu tempo deve ser o pano de fundo da canção. E o ator que dança. Escrever é quase que só masturbar, e ter o prazer do gozo no lançamento.

[Sobre "J.M. Coetzee e o romance de formação"]

por Manoel Messias Perei
http://www.pop.com.br
3/11/2010 às
05h18 189.79.228.130
(+) Manoel Messias Perei no Digestivo...
 
Mulheres são maravilhosas
Um texto que será, sempre, atual. Como a própria humanidade, macho e fêmea, masculino e feminino. Escrever é um ato "sexual" e "não sexual". O que se escreve também. Pode "ter" e "dar" prazer. Mulheres, à frente e avante. Com ou sem faniquitos, são maravilhosas.

[Sobre "Batom, kichute e literatura"]

por Cilas Medi
2/11/2010 às
17h34 187.10.154.241
(+) Cilas Medi no Digestivo...
 
Transição identitária
Vivemos numa época em que ninguém sabe mais informar quem é o homem ou a mulher, e, na verdade, estamos em fase de transição identitária na nossa sociedade. Coisas do mundo contemporâneo.

[Sobre "Batom, kichute e literatura"]

por Manoel Messias Perei
http://www.pop.com.br
2/11/2010 às
08h30 189.79.201.251
(+) Manoel Messias Perei no Digestivo...
 
Um texto infeliz
Fabio, achei que o Saul Bellow te atrapalhou, dava para emplacar mais um montão de asneiras e depois voltar com a desculpa esfarrapada que "nada nestas linhas é tão sério", afinal, o DC é humorístico e cultural... A qualidade do texto é sofrível, parecia os projetos da professoras primárias que ele detonara, o tema de uma originalidade inquestionável, porém nada me pareceu mais pertinente que os elementos e as conclusões que ele utilizou para caracterizar seus personagens: comunistas, nordestinos, peruas, velhos e as garotas bonitas e vulgares; sei não... Não posso deixar de registrar a completa desconexão com a cena polí­tica, utilizando-se de estereótipos da guerra fria de quando a América Latina era a latrina oficial do Tio Sam. O que possa haver da proveitoso nesta prosa rala e juvenil talvez seja a animosidade que provoque, mas nem neste aspecto percebo o humor ácido que costuma permear este gênero. Enfim, uma oportunidade infeliz oferecida a alguém que desconhece o que seja texto em forma e conteúdo e que teve oitenta por cento do lixo redigido resgatado por vinte por cento do Saul Bellow. Fabio, caso você algum dia escreva algum texto que se pretenda sério, e que contenha ao menos dois parágrafos escritos de forma adulta e consequente, por favor, submeta-o ao bom senso para que não tenhamos que falar mal das universidades responsáveis (?) pela sua formação.

[Sobre "os universiotários"]

por Dudu Oliveira
http://twitter.com/prosar
1/11/2010 às
12h04 187.126.206.79
(+) Dudu Oliveira no Digestivo...
 
Antes de falar, dê aulas
Caro, dê aulas em faculdades privadas e em públicas. Depois me conte. A depender do que você quer ser quando crescer, as públicas serão mais humanas e mais preocupadas com educação. Não é seu caso, claro, que ataca os discordantes com uma coluna que o empodera. Chamar os discordantes de fracos e tal não resolve. De qualquer forma, você não é professor, certo? Parece que escolher essa carreira é, para você, assinar atestado de fracassado. Bom mesmo é ser jornalista chique. Quem trabalha em instituições privadas, em média, não está tão satisfeito quanto pode lhe parecer. Ah, e é bom lembrar que não é só salário que faz a vida e a emoção de muito professor. Tem mais coisa no meio desse caminho (tão simplificado por você). Não use sua coluna como espaço para humilhar seu leitor.

[Sobre "os universiotários 2 - a revanche"]

por Ana Elisa Ribeiro
1/11/2010 às
02h04 201.80.162.12
(+) Ana Elisa Ribeiro no Digestivo...
 
Coisa de burguês
Se tem uma coisa legal neste país é o crescimento do ensino público superior, o que não exclui a necessidade de investir no ensino básico. Não entendi a absurda contraposição que o texto faz. Coisa de burguês do Morumbi mesmo. Tem sua coerência.

[Sobre "os universiotários"]

por Ana Elisa Ribeiro
1/11/2010 à
01h58 201.80.162.12
(+) Ana Elisa Ribeiro no Digestivo...
 
O futuro parece sombrio
Adorei, disse tudo e mais um pouco. Acho muito engraçado as pessoas falarem com tanto gosto das universidades públicas como se elas fossem um presente pro povo. Estudei em uma universidade estadual e só o que vi lá dentro foram filhinhos de papai que estudaram nas melhores escolas particulares a vida toda e que tinham seus carros no estacionamento. A universidade pública neste paí­s é só pra ricos... Muitas vezes também vi professores com um ego maior que o mundo se achando a última bolacha do pacote e fazendo a vida dos estudantes um inferno por pura malícia, portanto, não digam que eles têm vontade de ensinar. E também é fato que hoje a educação no Brasil decaiu, mas não foi só nas escolas, faltam valores e propósitos. Hoje temos leitores vorazes que leem 50 livros por mês, mas pergunte se eles entenderam o que leram, pergunte se isso acrescentou alguma coisa? Vivemos no mundo das aparências, onde se compete pelo número d livros lidos, o número de opiniões que se dá. É triste, mas o futuro parece sombrio. Parabéns pelo texto.

[Sobre "os universiotários"]

por Samantha Abreu
http://www.fadasnajanela.blogspot.com
31/10/2010 às
09h53 189.68.174.3
(+) Samantha Abreu no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Mais Forte que o Amor
A. J. Cronin
José Olympio
(1971)



Odisséia
Homero; Manuel Odorico Mendes
Martin Claret
(2005)



O Privilégio dos Mortos
Whisner Fraga
Patuá
(2019)



O enigma dos portais
Anne Raquel Sampaio
Ministério da cultura
(2021)



Livia Ou Enterrada Viva
Lawrence Durrell
Nova Fronteira
(1978)



Mussé Benaki
Ekdotike Athenos
Ekdotike Athenos S. A



A marca de uma lágrima
Pedro Bandeira
Moderna
(1991)



Se Você Me Visse Agora
Cecelia Ahern
Rocco
(2011)



Lembranças de Outra Vida
Rita Falker
Gil
(2006)



Quatro Num Fusca
Esdras do Nascimento
Edições de Ouro
(1974)





busca | avançada
84642 visitas/dia
1,8 milhão/mês