PESSOAS CEGAS | Roberto Mauricio

busca | avançada
65675 visitas/dia
2,1 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Trajetória para um novo cinema queer em debate no Diálogos da WEB-FAAP
>>> ÚLTIMAS APRESENTAÇÕES ONLINE DO ESPETÁCULO O DESMONTE
>>> Rodolpho Parigi participa de live da FAAP
>>> Para fugir de ex-companheiro brasileira dá volta ao mundo com pouco dinheiro
>>> Zé Guilherme encerra série EntreMeios com participação da cantora Vania Abreu
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Entrevista: o músico-compositor Livio Tragtenberg
>>> Cabelo, cabeleira
>>> A redoma de vidro de Sylvia Plath
>>> Mas se não é um coração vivo essa linha
>>> Zuza Homem de Mello (1933-2020)
>>> Eddie Van Halen (1955-2020)
>>> Prêmio Nobel de Literatura para um brasileiro - II
>>> Vandalizar e destituir uma imagem de estátua
>>> Partilha do Enigma: poesia de Rodrigo Garcia Lopes
>>> Meu malvado favorito
Colunistas
Últimos Posts
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
>>> Chico Buarque em bate-papo com o MPB4
>>> Como elas publicavam?
>>> Van Halen no Rock 'n' Roll Hall of Fame
>>> A última performance gravada de Jimmi Hendrix
Últimos Posts
>>> Normal!
>>> Os bons companheiros, 30 anos
>>> Briga de foice no escuro
>>> Alma nua
>>> Perplexo!
>>> Orgulho da minha terra
>>> Assim ainda caminha a humanidade
>>> Três tempos
>>> Matéria subtil
>>> Poder & Tensão
Blogueiros
Mais Recentes
>>> A poesia concreto-multimídia de Paulo Aquarone
>>> 2007 e os meus CDs - Versão Nacional 2
>>> Between the Acts
>>> O luto e o luto de Valter Hugo Mãe
>>> A PROPÓSITO DE UM POEMA
>>> Como E Por Que Ler O Romance Brasileiro
>>> Jornalista, um bicho de 7 cabeças e 10 chifres
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> O amigo do escritor
>>> O primeiro Show do Milhão a gente nunca esquece
Mais Recentes
>>> As Areias do Tempo de Sidney Sheldon pela Record (1989)
>>> O Ditador de Sidney Sheldon pela Record (1998)
>>> A Outra Face de Sidney Sheldon pela Record (1970)
>>> Um Capricho dos Deuses de Sidney Sheldon pela Record (1987)
>>> Lannée Du Tennis 2000 de Jean Couvercelle - Gay Barbier pela Calmann-Lévy (2000)
>>> A Perseguição de Sidney Sheldon pela Record (1994)
>>> O Outro Lado da Meia-Noite de Sidney Sheldon pela Circulo do Livro (1973)
>>> Introdução à Manufatura - Série Tekne de Michael Fitzpatric pela Bookman (2013)
>>> Administração Educacional - Teoria, Pesquisa e Prática - 9ª Ed. de Wayne K. Hoy, Cecil G. Miskel pela Penso (2015)
>>> O Plano Perfeito de Sidney Sheldon pela Record (1997)
>>> Eletrônica II - Série Tekne - 7ª Ed. de Charles Schuler pela Bookman (2013)
>>> Multinacionais Brasileiras de Moacir de Miranda Oliveira Junior pela Bookman (2010)
>>> O Pensamento Em Evolução de Adilson Silva Ramachandra pela Pensamento (2010)
>>> Além dos Muros da Escola de Josette Jolibert, Jeannette Jacob pela Artmed (2006)
>>> A Revista e Seu Jornalismo de Reges Schwaab, Frederico de Mello Brandao Tavares pela Penso (2013)
>>> Pluriculturalidade e Aprendizagem da Matemática na América Latina de Alfonso Lizarzaburu, Gustavo Zapata Soto pela Artmed (2005)
>>> Documentos de Identidade de Mario Carretero pela Artmed (2010)
>>> Limites - Entre o Prazer de Dizer Sim e o Dever de Dizer Não de Nina Rosa Furtado pela Artmed (2008)
>>> Conte-me Seus Sonhos de Sidney Sheldon pela Record (1998)
>>> Antiguidades Modernas - Crônicas do Cotidiano Escolar de Celso Antunes pela Artmed (2003)
>>> Um Globo Em Suas Mãos de Neiva Otero Schäffer, Nestor André Kaercher pela Penso (2011)
>>> Teoria das Funções de Variável Complexa de Andréi Bourchtein, Lioudmila Bourchtein pela LTC (2014)
>>> História e Energia - Memória, Informação e Sociedade de Gildo Magalhães pela Alameda (2012)
>>> Dominação e Resistência no Contexto Trabalho-saúde de Mario Cesar Ferreira pela Mackenzie (2011)
>>> A Desintegração Americana de Paul R Krugman pela Record (2006)
>>> Caderno de Ruminações de Francisco J. C. Dantas pela Alfaguara (2012)
>>> Corrida pela Herança de Sidney Sheldon pela Record (1997)
>>> Pandora de Mary Sheldon pela Record (2020)
>>> O Livro Selvagem de Juan Villoro pela Cia das Letras (2011)
>>> Quem Tem Medo do Escuro de Sidney Sheldon pela Record (2005)
>>> A Arte de Governar Crianças de Irene Rizzini e Francisaco Pilotti orgs. pela Cortez (2009)
>>> Cinelândia - Breve História de um Sonho de João Máximo pela Salamandra (1997)
>>> O Castelo de Vidro de Jeannette Walls pela Nova Fronteira (2007)
>>> O Castelo de Vidro de Jeannette Walls pela Nova Fronteira (2007)
>>> Paula de Isabel Allende pela Bertrand Brasil (1995)
>>> O Eu Dividido de R.D.Laing pela Vozes (1982)
>>> Zorro de Isabel Allende pela Bertrand Brasil (2006)
>>> O Quinto Frasco de Michael Palmer pela Prumo (2009)
>>> Caderno de Encargos de Milber fernandes Guedes pela Pini (2004)
>>> Melancia de Marian Keyes pela Bertrand Brasil (2005)
>>> Ponto de Impacto de Dan Brown pela Sextante (2005)
>>> As Brumas de Avalon - O Gamo-Rei livro 3 de Marion Zimmer Bradley pela Imago (1985)
>>> S. O. S. Perdido no Espaço de Geronimo Stilton pela Planeta Infantil (2011)
>>> Lexofágico - Série Instante Estante de Sandra Santos e Leo Lobos pela Castelhinho Edições (2012)
>>> Roteiro Lírico e Sentimental da Cidade do Rio de Janeiro de Vinícius de Moraes pela Companhia das Letras (1992)
>>> A linguagem do império de Domenico Losurdo pela Boi tempo
>>> Potreiro de Gauchos de Jayme Caetano Braun pela Sulina (1985)
>>> Parques do Rio de Janeiro - Um Olhar Poético de Renato Resende pela João Fortes Engenharia (2000)
>>> Paulo Mendes da Rocha de Rosa Camargo Artigas pela Cosac & Naify (2002)
>>> Objetos Cortantes de Gillian Flynn pela Intrínseca (2015)
COMENTÁRIOS

Sexta-feira, 3/5/2002
Comentários
Leitores


PESSOAS CEGAS
Alexandre: Está de parabens, pois é exactamente o que acontece com as pessoas que não procuram os livros, são pessoa cegas, que pensam ou imaginam que sabem alguma coisa, mas no fondo ñada sabem, e infelizmente temos tantos especimem de essa natureza e o pior, isto está dideminado en todas partes e em todas as classes sociais.

[Sobre "Quem Não Lê Não É Humano"]

por Roberto Mauricio
3/5/2002 às
10h40 200.215.130.129
(+) Roberto Mauricio no Digestivo...
 
Menos
Gostei do texto, especialmente pelo tom irônico. Seria legal, no entanto, para adicionar ainda mais ironia, que aqueles operários fossem apenas um grupo de amigos literatos, como Bukowski e pares, num dia de trabalhos nos correios da cidade angelical, ignorados em suas facetas mais verdadeiras pela visão míope do observador, apenas a descansar sobre a relva urbana. Creditar à leitura a qualidade da superação da condição humana, que aqui já se traveste de proto-humana, como bem deve ser ressaltado, é de bom tom acatar. Mesmo porque a crença segue igual sentido. Interessante é que o autor parte do princípio que ser homo literalis já é, para si próprio, uma verdade tão absoluta, que a refutação é digna de considerações obsequiosas. De um cavalo ao chão poderia ter nascido a teoria newtoniana. Foi de uma maçã. Bem, ao menos alguns podem nisso crer: Um charuto também pode ser só um charuto. Menos, Alexandre, menos. Mas ainda assim, meus parabéns.

[Sobre "Quem Não Lê Não É Humano"]

por Homer
3/5/2002 às
09h55 200.152.98.9
(+) Homer no Digestivo...
 
Uma saga de grandes diretores
Caro Bruno, ( desculpe pela faltas de acentos, ja que micro por qual escrevo esta com problema na configuracao) Parabens pelo belissimo texto. Para quem gosta cinema e mais do que interessante. Nao sei se voce viu existe um filme que a HBO produziu que conta a historia da producao do Cidadao Kane que chama KRO249. Era a caixa de lata que pelicula era guaradada. Que tal um texto sobre o Kubrick. Esta passandono CineMax Prime uma saga com todos os filmes do rapaz. Voce poderia fazer varios textos com grandes diretores do seculo XX Abracao Otavio

[Sobre "O cidadão Welles"]

por Otavio
3/5/2002 às
10h26 200.153.78.26
(+) Otavio no Digestivo...
 
Há quem prefira a cozinha
Alexandre, obviamente, no clube da humanidade, se um membro não quer saber de ler as atas, sua presença ali será, digamos, pouco significativa, ao menos no hall principal. Mas há gente que quer ficar mesmo na cozinha, na ante-sala, no quintal. Quer estar nesses locais, pois lá é melhor prá fornicar, prá beliscar sorrateiro a broa de milho, prá opinar sem responsabilidade sobre a nova roupa da senhora gorda, sobre o novo automóvel do senhor de casaco preto, sobre o cofiar de bigodes do velho barrigudo, etc. Acho que foi o Victor Hugo que disse "tudo que aumenta a liberdade aumenta a responsabilidade". Há quem abra mão da liberdade que o conhecimento traz para não ter que carregar o fardo da responsabilidade. Há quem prefira deixar nas mãos dos governantes a solução de seus problemas mais comezinhos. É em última instância uma escolha pessoal. Como nos grandes centros urbanos, na cidade do saber há a periferia do conhecimento. Só que nesse caso eu acho que o inchaço populacional da periferia é menos uma questão social do que espiritual. Há, claro, o aspecto social, pois há quem nasça e morra nesse país sem nunca ter passado diante de uma biblioteca pelo fato de não haver bibliotecas nesse país. Mas quem não lê porque "logo me cansa a vista" está mentindo prá si mesmo e nem que morasse dentro duma biblioteca saberia que há mais Capitus nesse universo do que aquela putinha da novela das oito. Pessoas muito ligadas a mim já insinuaram que eu devo ser um idiota, dada a quantidade de tempo que "perco" diante de meros pedaços de papel salpicados de letras. Obviamente não tenho o louvável ânimo de um Alexandre para pegar tal pessoa pelo braço e dizer-lhe que "não é bem assim" ou, se o humor não estiver lá essas coisas, um "você quase nunca sabe do que está falando e eu sei a causa disso". Já tomei minha decisão: danem-se, fiquem na sua areia movediça que eu fico no meu vale das sombras. Mais uma coisinha óbvia, mas que pode explicar alguma outra coisa: as pessoas conseguem emular uma vida feliz longe do conhecimento, longe do desejo de saber algo mais do que aquilo que lhes dê um bom bocado da broa de milho. E essa emulação é um mistério da perfeição que suscita uma pergunta fundamental: as pessoas são realmente mais felizes na ignorância ou pensam que são mais felizes na ignorância? É tentador escolher a segunda opção, mas não dá prá fazer isso, pobres humanos caídos em pecado que somos, sem uma considerável dose de soberba. No entando não é soberba ou extrema vaidade o que me leva a concordar com o Alexandre: há muito de joaninha em quem não lê por não nunca ter sido apresentado aos livros. Mas há seres muito mais primitivos, que vivem em fossas abissais, aqueles que tiveram um pouco da educação formal mas que não lêem porque "não tenho tido tempo e quando tenho logo me dá um sono"... Abraço fraternal no amigo Alexandre Rogério Macedo P.S. Mais das minha abobrinhas em http://pradomacedo.blogspot.com

[Sobre "Quem Não Lê Não É Humano"]

por Rogério Macedo
3/5/2002 às
09h56 200.194.102.154
(+) Rogério Macedo no Digestivo...
 
Doce irresponsabilidade
Civilization é um jogo que faz parte das minhas intermináveis batalhas mentais entre a responsabilidade de estudar para uma prova, que se aproxima mais e mais, e a doce irresponsabilidade de passar horas a fio, com a bunda doendo ao cabo de uma madrugada, sentado em frente a uma tela de computador. E o prazer da vingança, como bem ressaltado, é tão forte, que me lembro até hoje das boas sovas que dei em franceses, romanos e persas - nesses últimos principalmente - após mais um acordo de cessar-fogo quebrado. Adeus, que tenho que ir para a aula...

[Sobre "Civilizado?"]

por Homer
3/5/2002 às
09h55 200.152.98.9
(+) Homer no Digestivo...
 
Parabéns companheiro Neu
Nêumane, você é o gênio da raça.

[Sobre "O prazer, origem e perdição do ser humano"]

por Silvio Brandão
3/5/2002 às
09h54 200.177.221.133
(+) Silvio Brandão no Digestivo...
 
Presença feminina 2
Isabella, você disse tudo, tudinho mesmo. Quando os 'homens sérios' começam a falar de futebol e política, me lembram demais os meninos brigando na saída da escola. Meninas e mulheres não se sentem nem um pouco atraídas por isto. Quanto ao Fabio, ele é um encanto mesmo, e tem gente com dor de cotovelo por aí... hehehehe... Beijão, capitão ornitorrinco! Um beijo a todos, mesmo aos mais enfezadinhos, da Sue

[Sobre "a falsa verdadeira democracia"]

por Assunção Medeiros
3/5/2002 às
09h43 200.184.36.11
(+) Assunção Medeiros no Digestivo...
 
Há vida inteligente na música!
O Digestivo Cultural está de parabéns pela série de ensaios. O novo de Giron mostra uma faceta desconhecida da crítica de música. Eu imaginava que ela estivesse morta. Pelo jeito, está mais viva do que nunca. O texto nos leva ao interesse maior pelo assunto. Vou ler mais crítica de música!

[Sobre "Dizem que a crítica acabou; só se foi quando o verão chegou"]

por Silvio Brandão
3/5/2002 às
09h48 200.177.221.133
(+) Silvio Brandão no Digestivo...
 
Oh, my Goodness!!
Alexandre, você se supera a cada semana! Como pode isso!?!?! Não contente em nos levar para a cabana no topo da montanha, ainda nos fornece um telescópio - mais que um binóculo - para que olhemos as pessoas lá em baixo. E consegue nos fazer sentir ternura pelas pessoas que geralmente nos desprezam ('é um sonhador, vive com a cara nos livros...'). Mais que parabéns, obrigada... Bernardo, como se tira da 'areia movediça' alguém que luta contra você a chutes e pontapés para permanecer lá? A busca pelos livros e pela cultura é estritamente pessoal, e como disse o Alexandre, independe totalmente de classe social. Quanto aos políticos, eles geralmente estão no mais fundo da areia movediça, você não percebeu? Beijos da Sue

[Sobre "Quem Não Lê Não É Humano"]

por Assunção Medeiros
3/5/2002 às
09h29 200.184.36.11
(+) Assunção Medeiros no Digestivo...
 
E as propostas?
Alexandre, Você acertou no alvo. Faltou entanto, uma proposta: O que a pequena parcela dos letrados pode (e deve) fazer para içar da areia movediça da ignorância aqueles, digamos, menos favorecidos? Onde entra a responsabilidade da elite cultural? E do Estado? E dos políticos? Abraços, Bernardo Carvalho Goiânia - GO

[Sobre "Quem Não Lê Não É Humano"]

por Bernardo Carvalho
3/5/2002 às
09h11 200.193.230.163
(+) Bernardo Carvalho no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




O BANDIDO DA CHACRETE
JULIO LUDEMIR
RECORD
(2007)
R$ 9,99



O HOMEM DESENRAIZADO
TZVETAN TODOROV
RECORD
(1999)
R$ 199,00
+ frete grátis



ADMINISTRAÇÃO EDUCACIONAL EM CRISE
WALTER GARCIA
CORTEZ
(2001)
R$ 8,00



ARGONE 1918 A FORÇA EXPEDICIONÁRIA AMERICANA
BARRY GREGORY
RENES
(1979)
R$ 6,90



LIBERTAÇÃO INTERIOR
DR GERALD KUSHEL
MELHORAMENTOS
(1979)
R$ 5,30



EU QUE AMO TANTO
MARILIA GABRIELA
ROCCO
(2008)
R$ 10,00



HEI DE VENCER
ARTHUR RIEDEL
PENSAMENTO
(1997)
R$ 9,00



AVANTE VINGADORES UM EVENTO MARVEL COMICS 10 GUERRA CIVIL
MARVEL
PANINI
(2006)
R$ 8,90



A MÚSICA NO TEMPO
JAMES GALWAY - REDIGIDO POR WILLIAM MANN
MARTINS FONTES
(1987)
R$ 30,00



UMBANDA O ELO PERDIDO
F. RIVAS NETO (MESTRE ARAPIAGA)
ÍCONE
(1994)
R$ 39,00





busca | avançada
65675 visitas/dia
2,1 milhões/mês