Retificação | Geane

busca | avançada
49395 visitas/dia
1,9 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Bossa Nova Mall homenageia músicos brasileiros com a programação especial Cantos e Encantos do Brasi
>>> SESC CARMO REALIZA CICLO DE OFICINAS VIRTUAIS SOBRE DIREITOS SOCIAIS E PRIMEIRA INFÂNCIA
>>> Tiras da Niara viram livro
>>> “Relatos da Era Digital”: novo álbum celebra a cultura sound system
>>> Abertas as Inscrições para a Oficina Conteúdo Audiovisual Infantil e Infantojuvenil
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Olavo de Carvalho (1947-2022)
>>> Maradona, a série
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
Colunistas
Últimos Posts
>>> O melhor da Deutsche Grammophon em 2021
>>> A história de Claudio Galeazzi
>>> Naval, Dixon e Ferriss sobre a Web3
>>> Max Chafkin sobre Peter Thiel
>>> Jimmy Page no Brasil
>>> Michael Dell on Play Nice But Win
>>> A história de José Galló
>>> Discoteca Básica por Ricardo Alexandre
>>> Marc Andreessen em 1995
>>> Cris Correa, empreendedores e empreendedorismo
Últimos Posts
>>> Brega Night Dance Club e o afrofuturismo amazônico
>>> Fazer o que?
>>> Olhar para longe
>>> Talvez assim
>>> Subversão da alma
>>> Bons e Maus
>>> Sempre há uma próxima vez
>>> Iguais sempre
>>> Entre outros
>>> Corpo e alma
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Suplemento Literário 50 anos
>>> Cegueira
>>> Blog da Petrobras como Napster
>>> Menos fé e mais razão
>>> Aluga-se um escritório
>>> Para gostar de ler
>>> A resistência é vermelha
>>> Wear Sunscreen
>>> Millôr no IMS Paulista
>>> Uma história da Chilli Beans
Mais Recentes
>>> Revista Cristã de Espiritismo Nº 01 de Vários Autores pela Escala
>>> Uma História das Histórias de John Burrow pela Record (2013)
>>> Reformador Nº 2195 de Vários Autores pela Feb (2012)
>>> Universo Espírita Nº 26 de Vários Autores pela Universo Espirita (2005)
>>> Única filha de Anna Snoekstra pela Harper Collins (2017)
>>> Revista Cristã de Espiritismo Nº 39 de Vários Autores pela Vivência (2006)
>>> O guia do mochileiro das galácias - 5 volumes de Douglas Adams pela Arqueiro
>>> A Literatura no Brasil Introdução Geral de Afrânio Coutinho pela Global (1999)
>>> Gota d'água de Moacyr Scliar pela Global (2005)
>>> Memorização - Conheça e Desperte Seu Potencial de Robinson Gessoni pela Universo dos Livros (2009)
>>> Estudos de Historia Carioca de P. Antunes pela Desconhecida
>>> Cet ans de solitude de Gabriel García Márquez pela Points
>>> O Hobbit de J.R.R.Tolkien pela Martin Claret (2012)
>>> Cadê você Bernadette? de Maria Semple pela Companhia das letras
>>> Crítica à razão dualista o ornitorrinco de Francisco de Olivreira pela Boitempo (2003)
>>> Obra poética integral de Cesário Verde de Ricardo Daunt pela Landi (2006)
>>> Violetas na Janelas de Vera Lúcia Marinzeck de Carvalho pelo espírito Patrícia pela Petit (2013)
>>> Violetas na Janela de Vera Lúcia Marinzeck pela Petit
>>> Pinóquio de Vários autores pela Ciranda Cultural (2012)
>>> Caminho Suave - Comunicação e Expressão - 1ª série de Branca Alves de Lima pela Caminho Suave (1992)
>>> Caminho Suave - Comunicação e Expressão - 4ª série de Branca Alves de Lima pela Caminho Suave (1990)
>>> São Paulo Vista de Cima de Cássio Vasconcelos pela World Publisher (2020)
>>> Rio Visto de Cima de Cássio Vasconcelos pela Estudio Logos (2020)
>>> Avaliações em educação: novas perspectivas de Albano Estrela e Antônio Nóvoa pela Porto (1993)
>>> Amazonas Pátria da Água de Thiago de Mello pela Boccato (2007)
COMENTÁRIOS

Domingo, 10/11/2002
Comentários
Leitores


Retificação
Meus amigos letrados devem ter ficado escandalizados com meu comentário. E não pelo conteúdo, mas pelos erros. A mesóclise no inicio da frase, usada no título foi proposital, para enfatizar o conteúdo que foi tratado no texto. No entanto, autores é escrito com u, não com l, como digitei; na palavra insistirão faltou um s;é pretérito, não pretério;e, acima de tudo, um erro de informação: o Brasil não é colônia portuguesa desde o século XIX, ao invés dos quinhentos anos, que são, na verdade, o período correspondente ao descobrimento. Agora é que serei estigmatizada pelo mau uso da língua por não ter revisado o texto antes de enviá-lo!

[Sobre "Minha pátria é a língua portuguesa"]

por Geane
10/11/2002 às
21h44 200.189.95.70
(+) Geane no Digestivo...
 
Me dá um espaço para reflexão?
Olá, amigos defensores da língua... Achei o texto interessantíssimo... Mas, parei para pensar e refletir - reflexão baseada em altores como Ataliba T. de Caxtilho e Marcos Bagno - por que é dia primeiro e não dia um? por que depois dizemos dia dois, três, quatro? A analogia com o Inglês é um tanto o quanto vaga, pois as datas dos meses em ambas as línguas não seguem a mesma regra. Não seria (veja o uso do futuro do pretério, indicando possibilidade!) um certo saudosismo insitir em ensinar regras e conceitos os quais não são usados pela maioria das pessoas quando falam a língua brasileira? Sim, língua brasileira! Há quinhentos anos não somos colônia portuguesa e temos o direito , sim, de conhecermos a nossa língua! Até quando professores de português e gramáticos insitirão nas próclises, ênclises e mesóclises, nos futuros ("ensinarei", ao contrário de "vou ensinar", como todos falamos - ou quase todos, certo?)nas conjuções para as orações coordenadas. O fato é que o ensino deste "português" não tem favorecido à cidadania. Basta verificar os resultados do Pisa!

[Sobre "Minha pátria é a língua portuguesa"]

por Geane
10/11/2002 às
21h21 200.189.85.19
(+) Geane no Digestivo...
 
Bom de doer
Caro Alexandre, parabéns. Passei algumas proveitosas horas ontem lendo seus textos, que recomendei entusiasticamente no meu bloguinho de notícias (hsjonline.blogspot.com). Você ganhou um leitor entusiasmado, e espero que todos os quatro leitores do meu blogue estejam estando entrando em contto com o senhor, senhor. :)

[Sobre "Sinais de Vulgaridade - Parte II"]

por Carlos Ramalhete
10/11/2002 às
17h05 200.221.195.215
(+) Carlos Ramalhete no Digestivo...
 
Obrigado pelos elogios
Otávio, Leo, Toni e Corrado - muito obrigado pelos comentários, pelas observações e pelos elogios. Voltem sempre - é um prazer ter leitores assim. Abraços a todos, inclusive à Vanessa,
Eduardo

[Sobre "Uma verdade incômoda"]

por Eduardo
10/11/2002 às
17h01 200.213.203.62
(+) Eduardo no Digestivo...
 
uma visão muito parecida
Prezado Eduardo Fico feliz em saber que voce tem uma visão muito parecida com a minha da nossa nação irmã, que é a Argentina, minha familia e eu, moramos na Argentina por quatro anos e meio, indo em primeiro lugar a Ushuaia, na terra do fogo, onde ficamos somente 8 meses, cabe ressaltar que isto foi no ano de 1949, indo depois para Buenos Aires, esqueci de dizer que somos italianos. Estudei no colegio San José e tenho recordações ótimas daquele tempo, imagine que até hoje, falamos em castellano entre os irmãos (somos tres) O mais velho mora em S.Paulo, o irmão do meio em Bristol, na Inglaterra e eu em Nova Friburgo RJ. Adoramos o Brasil, inclusive sou naturalizado, bem como a minha esposa que nasceu em Niigata, no Japão, onde residí nos anos de 1970 na cidade de Kyoto. Bem voltando ao clima, voce tem razão, porem devido a essa grande missigenação que o nosso Brasil sofreu, acho que afortunadamente, creio que seremos uma grande nação, a despeito dos tempos modernos, desde que cada um perceba que com instrução e vontade somos uma grande nação. Nunca nos sentimos como estrangeiros e sim irmanados com o povo de que agora, fazemos parte. Viva o Brasil e Viva la grande nación Argentina. Bravo Eduardo, parabens pelo teu comentário. Abraços, Corrado

[Sobre "Uma verdade incômoda"]

por Corrado Spallanzani
10/11/2002 às
08h25 200.255.71.56
(+) Corrado Spallanzani no Digestivo...
 
Dou-lhe o direito.
Alexandre: Achei oportuno informar a Vanessa sobre uma pesquisa feita com as elites brasi leiras, mas,claro,dou o direito(devia ter dito no meu comentário) a qualquer um,e especialmente a você que nos dá o mote para nossos comentários, de estar ou ficar na contra-mão da história. Ir no fluxo nem sempre é tão nobre -nem divertido.Pode ser uma mania. O planeta terra não vai desabar. "O mundo gira e a Lusitana roda" Fique à vontade. Continue escrevendo. Não sou lá muito intelectualizada mas gosto de ler os seus escritos e os dos seus colegas, mesmo,às vezes, discordando. Agora, com licença, vou acessar o saite VIVA FAVELA para espairecer minha cabe ça. Carmen.

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Carmen Gomes Simioni
10/11/2002 à
01h21 200.151.36.26
(+) Carmen Gomes Simioni no Digestivo...
 
Mundo complexo
Toni, seus comentários são muito pertinentes. De fato, a invenção da imprensa mudou tudo. Tanto que McLuhan chamava o mundo anterior às mídias eletrônicas de Galáxia de Gutemberg. Só não sei se haverá uma diminuição da importância do estado. Do estado-nação, certamente, pois a globalização torna pouco importantes as fronteiras nacionais. Mas, por outro lado, há fenômenos como a eleição de Lula, que tinha um discurso nacionalista e populista. Para explicar o mundo em que vivemos, além de McLuhan, precisamos usar as idéias de Edgar Morin e o pensamento complexo...

[Sobre "Megalópoles de informação"]

por Gian Danton
9/11/2002 às
22h42 200.213.138.254
(+) Gian Danton no Digestivo...
 
eu agradeço
claudia, eu é que agradeço seu ocmentário e fico feliz por saber que o texto "te tocou".

[Sobre "A Vagabunda Letrada e os Sentimentos Nobres"]

por jardel
9/11/2002 às
22h02 198.81.9.2
(+) jardel no Digestivo...
 
Novos tempos
Um curto preâmbulo: o advento da prensa móvel de Gutemberg barateou a reprodução dos livros no fim da Idade Média, trazendo consequências políticas e sociais das mais relevantes, entre elas o enfraquecimento do monopólio da Igreja sobre o pensamento das elites, o surgimento do Estado moderno e a paralela deterioração das instituições feudais. Para se ter uma idéia de escala de valores, antes de Gutemberg um exemplar da bíblia sagrada (copiada a mão, evidentemente) valia uma pequena fortuna, o suficiente para se comprar uma mansão da época! Gutemberg tornou possível que não apenas milionários tivessem suas Bíblias, mas que pessoas comuns também as adquirissem. Esse fato repercutiu dramaticamente na disseminação do conhecimento religioso (inicialmente) e em todos os outros campos (numa segunda etapa). No século atual, é de se esperar que as novas tecnologias de informação (micro-computador, internet, etc) tenham impacto político-social ainda maior do que o causado pelo invento de Gutemberg, ocorrido na transição dos séculos XIV/XV. Concordo com o que você comenta no artigo acima, quanto à provável perda de importância relativa das grandes cidades. Indo mais além, acho que a estrutura política das sociedades contemporâneas sofrerá, a curto e médio prazos, alterações significativas, como, por exemplo, a perda cada vez mais evidente da importância relativa do próprio Estado-nação. Se me permitir, vou assinalar, a título de exemplo, duas possíveis consequências do que acabo de comentar: os preços relativos dos imóveis em áreas menos nobres das grandes cidades entrarão em suave e permanente queda; o que resta do prestígio dos políticos (agentes do Estado-nação) terá a sua trajetória de declínio cada vez mais acentuada. É esperar e torcer (particularmente no caso dos brasileiros) para ver. Um abraço.

[Sobre "Megalópoles de informação"]

por Toni
9/11/2002 às
16h38 200.179.22.130
(+) Toni no Digestivo...
 
Correção
Na frase acima onde está "decidi insistir 1) no linguajar...", leia-se por favor "decidi: 1) insistir no linguajar...". Obrigado.

[Sobre "Minha pátria é a língua portuguesa"]

por Toni
9/11/2002 às
16h35 200.179.22.130
(+) Toni no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




A Realidade Interna
Flávio Fortes Dandréa
Difel
(1974)



Biblioteca Folha - Memórias de um Sargento de Milícias
Manuel Antônio de Almeida
Publifolha
(1997)



Amanhecer - Série Crepúsculo 4
Stephenie Meyer
Intrínseca
(2009)



João Bolão
Ricardo Filho
Melhoramentos
(2011)



A Escolha
Nicholas Sparks
Novo Conceito
(2012)



Revista Latinoamericana de Psicopatologia Fundamental Vol 12 Nº4
Puc Sp
Escuta
(2009)



A Moreninha 2: a Missão
Ivan Jaf
Ática
(2015)



Comunicacao e Mudanca nos Paises Em Desenvolvimento
Daniel Lerner / Wilbur Schramm
Melhoramentos
(1973)



Michaelis Illustrated Dictionary Volume 1 English-Portuguese
Fritz Pietzschke end Franz Wimmer
Melhoramento
(1997)



Gente e Fatos
Honório de Sylos
Ibrasa
(1988)





busca | avançada
49395 visitas/dia
1,9 milhão/mês