não se identifique | jardel

busca | avançada
74271 visitas/dia
2,0 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Designer e arquiteto brasileiro, Giovanni Vannucchi participa da VIIBienal Ibero-americana de Design
>>> Risorama anuncia retorno aos palcos com grandes nomes do humor nacional em São Paulo
>>> Inspirado nas Living Dolls, espetáculo de Dan Nakagawa tem Helena Ignez como atriz convidada
>>> As Caracutás apresentam temporada online de Tecendo Diálogos com bate-papo e oficina
>>> Obra de referência em nutrição de plantas ganha segunda edição revista e ampliada
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Carol Sanches, poesia na ratoeira do mundo
>>> O fim dos livros físicos?
>>> A sujeira embaixo do tapete
>>> Moro no Morumbi, mas voto em Moema
>>> É breve a rosa alvorada
>>> Alameda de água e lava
>>> Entrevista: o músico-compositor Livio Tragtenberg
>>> Cabelo, cabeleira
>>> A redoma de vidro de Sylvia Plath
>>> Mas se não é um coração vivo essa linha
Colunistas
Últimos Posts
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
>>> Chico Buarque em bate-papo com o MPB4
>>> Como elas publicavam?
Últimos Posts
>>> O poder da história
>>> Caraminholas
>>> ETC. E TAL
>>> Acalanto para a alma
>>> Desde que o mundo é mundo
>>> O velho suborno
>>> Normal!
>>> Os bons companheiros, 30 anos
>>> Briga de foice no escuro
>>> Alma nua
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> A Arte de Odiar
>>> Três Irmãs
>>> Sempre procurei a harmonia
>>> Sucharita Kodali no Fórum 2020
>>> O ensaísta Machado de Assis
>>> Entrevista com Claudio Willer
>>> Os narradores de Eliane Caffé
>>> 7 de Setembro
>>> 8º Salão do Livro
Mais Recentes
>>> O Mal-Estar da pós-Modenidade de Zygmunt Bauman pela Jorge Zahar (1997)
>>> A Morte da Porta Estandarte e Tati, A Garota e Outras Histórias de Aníbal Machado pela José Olympio (1977)
>>> Ilustração de Moda Masculina de Chidy Waine pela Paisagem (2011)
>>> Deus no pasto de Hermilio Borba Filho pela Civilização Brasileira (1972)
>>> Brasil - O romance (2 volumes) de Erroll Lincoln Uys pela Best Seller (1986)
>>> A metamorfose de Franz Kafka pela Nova Época (1989)
>>> Diário Intimo de Franz Kafka pela Livraria exposição do livro (1964)
>>> Chapeuzinho Amarelo de Chico Buarque pela José Olympio (2011)
>>> Paula de Isabel Allende pela Bertrand Brasil (1997)
>>> História de lince de Claude Lavi-Strauss pela Companhia das letras (1993)
>>> Vida, universo e sabe lá o que mais de Douglas Adams pela Brasiliense (1988)
>>> Nuvens de pássaros brancos de Yasunari Kawabata pela Nova Fronteira (1993)
>>> História de Mayta de Mario Vargas Llosa pela Francisco Alves (1984)
>>> O processo de Franz Kafka pela Círculo do livro (1963)
>>> Ilustrando o Cerrado de Geni ALexandria pela IPHAN (2002)
>>> Cartas aos meus amigos de Franz Kafka pela Nova Época (1978)
>>> Josefina, a cantora de Franz Kafka pela Clube do livro (1977)
>>> As idéias de Freud de Richard Wollheim pela Círculo do livro (1971)
>>> Estudos sobre teatro de Bertold Brecht pela Nova Fronteira (1978)
>>> A ilha de Aldous Huxley pela Civilização Brasileira (1965)
>>> Também o cisne morre de Aldous Huxley pela Livros do Brasil
>>> A situação humana de Aldous Huxley pela Globo (1982)
>>> O grande problema de Aldous Huxley pela Livros do Brasil (1989)
>>> As portas da percepção - O céu e o inferno de Aldous Huxley pela Civilização Brasileira (1971)
>>> Noite sobre as águas de Ken Follett pela Siciliano (1992)
>>> Na toca do leão de Ken Follett pela Record (1986)
>>> A colonia penal de Franz Kafka pela Nova Época
>>> Trump - Atrás dos bastidores de Jerome Tuccille pela Siciliano (1988)
>>> Nos ombros do cão de Miguel Jorge pela Siciliano (1991)
>>> Rei, valete, dama de Vladimir Nabokov pela Artenova (1976)
>>> O que esperar quando você está esperando: Um guia completo para a gravidez de Heidi Murkoff; Arlene Eisenberg; Sandee Hathaway pela Record (2012)
>>> Eminencia parda de Aldous Huxley pela Hemus (1978)
>>> A verdadeira vida de Sebastião Knight de Vladimir Nabokov pela Civilização Brasileira (1961)
>>> Ada ou ardor de Vladimir Nabokov pela Record (1969)
>>> Os Livros e a Camiseta Listrada: Crônicas e Memórias de um Torcedor de Thiago Ingrassia Pereira pela Cirkula (2015)
>>> Lolita de Vladimir Nabokov pela Civilização Brasileira (1959)
>>> O despertar do mundo novo de Aldous Huxley pela Hemus (1977)
>>> Adonis e o alfabeto de Aldous Huxley pela Hemus (1972)
>>> Viagem ao Centro da Terra de Júlio Verne; Walcyr Carrasco pela Moderna (2012)
>>> Satãnicos e visionários de Aldous Huxley pela Cea (1975)
>>> Geração devassa de Aldous Huxley pela Hemus (1974)
>>> Somos todos arlequins de Vladimir Nabokov pela Record (1974)
>>> O mago de Vladimir Nabokov pela Nova Fronteira (1987)
>>> Desespero de Vladimir Nabokov pela Record (1966)
>>> Fogo pálido de Vladimir Nabokov pela Guanabara (1985)
>>> Do Outro Lado do Muro de Maria Paula Roncaglia pela Escrita Fina (2010)
>>> Não se Desespere! Provocações Filosóficas de Mario Sergio Cortella pela Vozes (2014)
>>> Mary de Vladimir Nabokov pela Record (1970)
>>> Pnin de Vladimir Nabokov pela Record
>>> Leonardo Da Vinci de Walter Isaacson pela Intrínseca (2017)
COMENTÁRIOS

Domingo, 1/12/2002
Comentários
Leitores


não se identifique
Zellita, não entendi bem o que desejou dizer. só posso falar que, infelizmente, Deus é apenas uma criação humana, para nos amparar diante da falta de explicação para o sentido da existência humana e do cosmos - por isso, ele realmente jamais vai dizer qualquer coisa, simplesmente por não ser senão fabricação mental dos humanos. outra coisa, não sei porque você se identifica com o termo "vagabunda letrada" - ele foi cunhado por mulheres atradasadas de portugual daquela época para denegrir nossa querida Florbela Espanca. jardel

[Sobre "A Vagabunda Letrada e os Sentimentos Nobres"]

por jardel
1/12/2002 às
14h59 198.81.9.2
(+) jardel no Digestivo...
 
los cucarachas
Concordo que, nos termos em que vc escreveu, o Brasil precisa melhorar muito p igualar-se a esse país com uma enorme crise, chamado Argentina. Mas não creio que sejam os brasileiros 'vagabundos', e vc que viajou por vários países (e parece ter boas condições financeiras para fazer o que bem entender) deve ter percebido que se um brasileiro quer ter uma vida um pouco 'digna' (bem menos digna que a sua, que permite suas viagens), deve desdobrar-se em mil, e contraditoriamente entrar em mil 'jeitinhos'. Não vejo também como pode o clima adverso influenciar o desenvolvimento. Se fosse assim, o sertão nordestino seria uma região, nos termos em que vc inferiu, admirável.

[Sobre "Uma verdade incômoda"]

por B.R.
1/12/2002 às
12h11 200.163.198.45
(+) B.R. no Digestivo...
 
Como sempre...
Alexandre, esse seu texto está ótimo! Pegou justamente no ponto que nós todos, os colunistas e ex-colunistas, conhecemos. Jornalistas ou não, colocamos nossa cara pra bater e sempre levamos uns tapas... e o problema é que não podemos revidar, senão dirão que não sabemos levar críticas na boa ou que somos mal educados. Todos que aí comentam acham que têm o seu direito, como eu também acho. Mas muitos se sentiriam igual a você ou o Wilde ao publicar sua primeira coluna e vê-la destrinchada de comentários... Obrigado por mencionar "meus comentaristas" dos Anos Incríveis... alguém comentou no seu site por engano ou desespero? Eu recebo novos a cada semana. A coluna tá boa demais mesmo, parabéns, como sempre! Estou com saudades do Homem de Azul Cobalto, e obrigado por ter ido onde nos encontramos a última vez, espero que tenha se divertido. Abraços.

[Sobre "Polêmicas"]

por Juliano Maesano
1/12/2002 às
11h41 200.158.144.107
(+) Juliano Maesano no Digestivo...
 
Combater a fome e educar.
Concordo com você, Félix, em muitos aspectos. Só acho um pouco de exagero essa estória de 15 barrigudinhos. No Brasil a taxa de natalidade diminuiu muito nos últimos anos. Deve estar em 3,5 filhos por família. Nós temos no Brasil, em se tratando de pobreza ,acredito, uma boa parcela de miseráveis e uma boa parcela de pobres(nestes estão a classe média baixa e média).Então, de fato, a questão da educação é urgente.Se deixar o pessoal fica só recebendo a cesta básica. Agora, é preciso que se diga, que esse pessoal,de que estou falando, não tem tanta culpa disso, simplesmente porque não tiveram acesso à educação básica ou fundamental , digamos 7,8 anos de estudo regular (nem talvez seus ascendentes- o que é pior -). Os miseráveis ,talvez, nem 1 ano de escolaridade. Bem ou mal,com professores se aprende. Para quem não tem ambiente cultural em casa, a transmissão feita pelos professores e a discussão que ela gera com os alunos não é desprezível, você sabe. Se o atual Presidente - em quem votei - resolver combater a fome com critério,firmeza e competência, para mim será bom, pois atualmente gasto de Cr$4,00 a Cr$5,00 por mês, dando alimentos para pessoas que, individualmente, passam pedindo na porta da minha casa , ou de maneira mais organizada (igrejas e outras organizações). O pobre precisa ser educado para não se tornar um explorador. Quem mora em bairro pobre como eu sabe como é. Se se dá um remedinho para um, logo vem outros pedindo. Se se empresta uma ferramenta vários descobrem e vêm também pedir. Não esqueço meu pai, falecido aos 81 anos de idade, que,apesar de ganhar salário mínimo,tinha seus remedinhos em casa, bem como suas ferramentas. Arrumar dinheiro para cerveja, passeios, praias, roupas o pessoal dá um jeito, podes crer.

[Sobre "Fome zero, malandragem dez"]

por Carmen Gomes
1/12/2002 à
00h56 200.151.18.123
(+) Carmen Gomes no Digestivo...
 
sou aquela vagabunda
Derrepente sou aquela vagabumda que e enrrustida, so quem sabe e Deus e ele jamais vai dizer...

[Sobre "A Vagabunda Letrada e os Sentimentos Nobres"]

por Zelitta
30/11/2002 às
19h46 204.30.88.51
(+) Zelitta no Digestivo...
 
Só vim avisar que não venho
Há muito que não dou as caras por aqui, e o fato de estar às turras com meu provedor é o menor de meus problemas, mas vejo que o brilho do Alexandre continua o mesmo. Mais não digo porque, como disse quem quer que tenha dito isso, tenho tédio de controvérsia. Alcion não é marca de sardinha em lata?

[Sobre "Polêmicas"]

por Alexandre Ramos
30/11/2002 às
17h46 200.255.3.30
(+) Alexandre Ramos no Digestivo...
 
Protestos no ato
Absolutamente lúcido e oportuno este artigo de Adriana Baggio. A situação do banheiro sujo é particularmente deplorável em vôos transatlanticos, depois de umas poucas horas de vôo. Eu sei de lugares e pontos de encontro que mantem uma atendente de banheiro durante o evento. Acho que esta é a solução, inclusive para gerar mais empregos. , e tambemn porque usuaria/o ficaria contrangido se vigiado. mas onde não existe tal supervisão, a gente tem mesmo que é que rodar a baiana e chamar a atençao do infrator em alto e bom som, para todos ouvirem Tolerãncia Zero , já. Parabéns Adriana pelo comentario

[Sobre "No banheiro com Danuza"]

por Cylene Dantas da Gam
30/11/2002 às
16h53 200.161.158.127
(+) Cylene Dantas da Gam no Digestivo...
 
Desastrosos casos Virtuais
Gostei muitíssimo do tema da meteria. Sou advogada no RS e pretensa escritora e poetisa. Estou terminando dois livros: um, sobre este tema (amores virtuais, com conotações jurídicas); outro, fatos verídicos forenses (erros judiciais), já praticamente concluído. Ocorre, que até em meu escritório já veio parar casos desastrosos, provenientes de net. Uma mulher chegou a vender imóveis para ir para o exterior, encontrar-se com o seu suposto "amado". Como a vida real é diferente da vida virtual, foi um desastre. Agora, ela deseja entrar com uma ação pelos danos sofridos, a fim de ressarcir-se dos prejuízos. Como há provas suficientes, acredito que a ação terá êxito. Mas, como no Brasil, o judiciário caminha à passos de tartaruga, independente da vontade de nós profissionais, levará alguns anos. Ainda mais, em se tratando de a pessoa com quem manteve contato, ser do exterior. Como Alice Sampaio bem referiu, as mulheres devem aprender a ser menos ingênuas, e ver a vida como ela é, já que, a maioria que caem nessas armadilhas de "amores virtuais", são elas. O inacreditável, é que algumas gostam de sofrer! São verdadeiras masoquistas! Nunca aprendem e, ainda, ficam enfurecidas com quem as quer ajudar, alertando-as. Gostam de "mentiras piedosas", disfarçadas de "gentilezas"; as tais falsas cumplicidades... Falando em coisas virtuais, é inacreditável, como há galãs de plantão, na internet! Até comigo quase aconteceu! Somente o Príncipe, com lábia mais que considerável, não logrou êxito, porque sou muito desconfiada E/OU cuidadosa. Nunca acreditei em "Contos de Fadas". Em pouco tempo, pelas entrelinhas do que colocam, percebo quem é a pessoa. Quando começam com: "...te adoro, vc é a mulher que eu sonhava para me completar; vc é linda, profissionalmente sou muito bem sucedido, etc...", podem acreditar que há muito de errado! Um homem não feio e ainda tão bem sucedido profissionalmente, com certeza, não estaria sozinho! Não sou incrédula, apenas realista. Sou pisciana, quem sabe por isso, escorregadia. Parabéns Julio pelo tema e Alice Sampaio pelo livro. Um abraço, Advocata

[Sobre "A internet e o amor virtual"]

por Advocata
30/11/2002 às
11h27 200.189.133.88
(+) Advocata no Digestivo...
 
Polêmicas
Rio, 30/nov/02-Um adendo muito necessário. Em que pese minha admiração pelos escritos do Alexandre, incluindo neles o "Polêmicas" ( a que me referi na mensagem anterior), eu seria um triste covarde se deixasse de registrar uma certa restrição bastante séria ao texto mais recente: é a que se refere ao uso, feito pelo ensaísta em certo trecho do "Polêmicas",de um nome que para mim é intocável, e o autor sabe qual é.Sinto muito amigo, mas, como diziam os antigos: "Amicus Plato, magis véritas" ...

[Sobre "Polêmicas"]

por Roberto M. Filho
30/11/2002 às
11h10 200.149.168.179
(+) Roberto M. Filho no Digestivo...
 
À saudável irreverência
Um trecho de um dos comentários de leitores ao último bem humorado ensaio de Alexandre Soares Silva insinua a existência de uma necessária conexão do tipo causa-e- efeito entre o nível de escolaridade (dita) superior de uma pessoa e sua capacidade de avaliar a qualidade de um texto literário.Existe, entretanto,entre nós brasileiros a seguinte realidade( melancólica): se o ensino secundário fosse entre nós o que deveria ser(e que já foi no passado),e não mera ponte para o vestibular (aquilo em que acabaram por transformá-lo), um bom aluno do segundo grau poderia dar com mais segurança, com mais acerto, seus palpites de aprendiz de crítico. Diploma de ensino superior o velho e bom Machado nunca teve...E, mais uma vez,parabéns à saudável irreverência do Alexandre !

[Sobre "Polêmicas"]

por Roberto M. Filho
30/11/2002 às
08h58 200.149.171.75
(+) Roberto M. Filho no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




BOA NOITE, DESDÊMONABOM-DIA, JULIETA
ANN-MARIE MACDONALD
BEST SELLER
(2001)
R$ 11,00



MULHER UM PROJETO SEM DATA DE VALIDADE
MALCOLM MONTGOMERY
INTEGRARE
(2010)
R$ 6,90



FORÇA PARA VIVER
JAMIE BUCKINGHAM
BETÂNIA
(1987)
R$ 5,00



PLAYBOY MANU/ PLAYBOY SYANG/PLAYBOY AS GÊMEAS/PLAYBOY AS MALANDRINHAS/PLAYBOY AS GAROTAS DA COPA
DIVERSOS
ABRIL
(2002)
R$ 76,00



NOSSA ESPERANÇA
JOHN PIPER
IMPACTO PUBLICAÇÕES
(1986)
R$ 25,00
+ frete grátis



DICIONÁRIO LAROUSSE ESPANHOL-PORTUGUÊS/PORTUGUÊS-ESPANHOL AVANÇADO
JOSE A. GALVEZ
LAROUSSE
(2006)
R$ 22,00



TRUMP ATRÁS DOS BASTIDORES
JEROME TUCCILLE
SICILIANO
(1988)
R$ 5,00



QUEM SAI AOS SEUS...
JOSÉ GAMEIRO
AFRONTAMENTO
(1994)
R$ 11,16



AS JÓIAS DO REI PELÉ
CELSO DE CAMPOS JUNIOR
REALEJO
R$ 150,00



ALINE E SEUS DOIS NAMORADOS
ADÃO ITURRUSGARAI
L&PM POCKET
(2001)
R$ 8,38





busca | avançada
74271 visitas/dia
2,0 milhões/mês