Gil: o ministro showman | Guga Schultze

busca | avançada
71485 visitas/dia
2,4 milhões/mês
Mais Recentes
>>> FESTIVAL CORO NA QUARENTENA
>>> MAB FAAP estará fechado nos próximos dois finais de semana, devido ao Plano SP
>>> Exposição de Pietrina Checcaci é prolongada no Centro Cultural Correios
>>> Escritora Luci Collin participa de encontro virtual gratuito
>>> Máscaras Decoloniais: Dança e Performance (edição bilingue)
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Da fatalidade do desejo
>>> Cuba e O Direito de Amar (3)
>>> Isto é para quando você vier
>>> 2021, o ano da inveja
>>> Pobre rua do Vale Formoso
>>> O que fazer com este corpo?
>>> Jogando com Cortázar
>>> Os defeitos meus
>>> Confissões pandêmicas
>>> Na translucidez à nossa frente
Colunistas
Últimos Posts
>>> Mehmari, Salmaso e Milton Nascimento
>>> Gente feliz não escreve humor?
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
Últimos Posts
>>> Kate Dias vive Campesina em “Elise
>>> Editora Sinna lança “Ninha, a Bolachinha”
>>> “Elise”: Lara Oliver representa Bernardina
>>> Tonus cristal
>>> Meu avô
>>> Um instante no tempo
>>> Salvem à Família
>>> Jesus de Nazaré
>>> Um ato de amor para quem fica 2020 X 2021
>>> Os preparativos para a popular Festa de Réveillon
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Sabemos pensar o diferente?
>>> Freedom, de Jonathan Franzen
>>> O dia em que Paulo Coelho chorou
>>> Ao Portal Galego da Língua
>>> Have a nice day
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Esboços de uma biografia precoce não autorizada
>>> A une passante
>>> 12 de Julho #digestivo10anos
>>> The Good Life
Mais Recentes
>>> Historias inusitadas de José cam,ilo lelis pela Cepe (2016)
>>> Pantaleão e as Visitadoras de Mário Vargas Llosa pela Alfaguara Brasil (2007)
>>> Psicanálise e Instituição de Chaim Samuel Katz pela Documentário (1977)
>>> O Assassino e a Musa de Roa Lynn pela Francisco Alves (2001)
>>> As Consequências do Amor de Salaiman Addonia pela Record (2009)
>>> Conecte Matemática - Volume 1 de Gelson Iezzi pela Saraiva (2021)
>>> Queda de Gigantes de Ken Follett pela Arqueiro (2010)
>>> Vade Mecum Policial de Carlos Alberto Marchi de Queiroz pela Iglu (2000)
>>> El Libro de la Huerta de Eulalia Domingo pela Libsa (2015)
>>> Isaac Newton - uma Biografia de James Gleick pela Companhia das Letras (2004)
>>> O Noivo da Princesa de William Goldman pela Marco Zero (1987)
>>> Tudo Começou Em Babel de Herbert Wendt pela Ibrasa (1958)
>>> La Misión de Sigmund Freud de Erich Fromm pela Fondo del Cultura Económica (1960)
>>> Rumo a uma Vida Significativa de Simon Jacobson (adap) pela Maayanot (2001)
>>> Sufismo Universal de H. J. Witteveen pela Triom (2003)
>>> Na Escola da Fenomenologia de Paul Ricoeur pela Vozes (2009)
>>> Iniciação à História da Filosofia de Danilo Marcondes pela Zahar (2010)
>>> A Conquista do Presente de Michel Mafessoli pela Rocco (1984)
>>> A Potência de Existir de Michel Onfray pela Martins Fontes (2010)
>>> Ética como Amor-próprio de Fernando Savater pela Martins Fontes (2000)
>>> O Visível e o Invisível de Merleau-Ponty pela Perspectiva (2000)
>>> Não Pise na Bola de Richard Simonetti pela Clarim (1997)
>>> A Consciência em Expansão: os caminhos da abordagem Transpessoal na edução, na clínica e nas organizações de Maria Cristina Monteiro de Barros pela EdiPUCRS (2008)
>>> Folha Explica - Guimarães Rosa de Walnice Nogueira Galvão pela Publifolha (2000)
>>> A Linguagem das Cem Flores de Regina Obata pela Círculo do Livro (1986)
>>> A partilha do Sensível de Jacques Rancière pela 34 (2009)
>>> Revista Caras Extra Nr 18 Álbum De Xuxa E Sasha de Vários Autores pela Caras (1998)
>>> Marco Polo e a Rota da Seda de Jean-Pierre Drège pela Objetiva (2021)
>>> Psicoterapia Reencarnacionista: A terapia da Reforma Íntima de Mauro Kwitko pela Besouro Box (2015)
>>> A pesquisa na psicologia social de Leon Festinger e Daniel Katz pela FGV (1974)
>>> Xuxa de Ana Lucia Neiva pela ArtMeios (2001)
>>> Poesia 1930 - 1962 (Edição Crítica) de Carlos Drummond de Andrade pela Cosac Naify (2012)
>>> Psicoterapia à luz da Apometria de Clecio Carlos Gomes pela Terceira Margem (2000)
>>> O prazer de Viver de Felipe Rodrigues pela Chiado (2016)
>>> Psicologia Integral de Ken Wilber pela Cultrix (2017)
>>> Leadership and the New Science: Discovering Order in a Chaotic World de Margaret J. Wheatley pela Berrett-Koehler (1999)
>>> Por que os Homens Amam as Mulheres Poderosas de Sherry Argov pela Sextante (2009)
>>> A Aura Humana de Walter J. Kilner a Aura Humana pela Pensamento (1989)
>>> Estudios Sobre Técnica Psicoanalitica de Heinrich Racker pela Editorial Paidos (1979)
>>> Learning to Be Me: My Twenty-three-year Battle With Bulimia de Jocelyn Golden pela Iuniverse (2007)
>>> Em Busca de Mim de Isabel Vieira pela Ftd (2000)
>>> Valiosa Vida de Felipe Quartero pela Livre Expressão (2011)
>>> O Cérebro Consciente de Steven Rose pela Alfa-omega (1984)
>>> Royal Botanic Gardens Kew de Souvenir Guide pela Royal Botanic Gardens (2000)
>>> As Dez Maiores Descobertas da Medicina de Meyer Friedman; Gerald W. Friedland pela Companhia das Letras (2000)
>>> A Arte de Curar no Budismo Tibetano de Terry Cliffford pela Pensamento (1987)
>>> And the Winner Is... os Bastidores do Oscar de Emanuel Levy pela Trajetória Editorial (1990)
>>> The Fate of Art - Aesthetic Alienation From Kant to Derrida and Adorno de J. M. Bernstein pela Penn State University Press (1992)
>>> Loterofilia - A arte de colecionar bilhetes de loteria de Sylvio Luongo pela Publicação independente (2014)
>>> Viva Bem Com a Coluna Que Você Tem. de José Knoplich pela Ibrasa (1979)
COMENTÁRIOS

Terça-feira, 4/7/2006
Comentários
Leitores


Gil: o ministro showman
Sei não. Não gosto de um Ministro showman. Sou meio conservador nesse negócio. Ministro tem que trabalhar em ministério, não ficar tocando violão por aí. Sendo da cultura, seria bom que promovesse as artes em geral, mas não a dele. Não é muito elegante. Cargos públicos devem ocupar, em tempo integral, seus representantes. Políticos-militares, políticos-evangélicos, políticos-artistas; não dá, não. Uma coisa seria Gil aparecer, uma vez ou outra, cantando; uma justa homenagem a um ministro que já foi um grande artista, mas que agora é ministro. Mas ficar fazendo show? O que ele faz no ministério? Fica compondo? O quê? Canções de amor? Protesto? Protesto contra o quê, meu filho? - você deveria agora ouvir as reclamações de outros músicos e que seriam - incômodo, né? - dirigidas não à sua pessoa, mas ao cargo que sua pessoa representa. Ou então renuncia, pô, e continua com o show. Aí tudo bem.

[Sobre "Gil aos 64 em Londres"]

por Guga Schultze
http://gugasic.blogspot.com
4/7/2006 às
04h44 200.222.170.89
(+) Guga Schultze no Digestivo...
 
Multidão e maioria
Lembrando que o ornitorrinco é um animal criado por um comitê, vamos por partes. Talvez o que esteja meio estranho é o título do livro. Porque existe a multidão e existe outra coisa que é simplesmente um grande número de pessoas. O índice de inteligência de uma multidão é semelhante ao do indivíduo menos capacitado entre aqueles que a formam. Já um grande número de pessoas produz, entre outras coisas, um bom senso estável e confiável. São entidades sociais diferentes: uma maioria e uma multidão. Uma tem ou pode ter mesmo alguma espécie de sabedoria, a outra, não.

[Sobre "A massa e os especialistas juntos no mesmo patamar"]

por Guga Schultze
http://gugasic.blogspot.com
4/7/2006 às
03h34 200.222.170.89
(+) Guga Schultze no Digestivo...
 
Seu texto sobre Moby Dick
Nossa, muito bem feito seu texto! Descreve exatamente o significado de Moby Dick, para os olhos de Ahab. Não era um desejo da vitória, mas, sim, a razão da existência de Ahab. Ou um ou outro; nesse mundo, os dois não podem aceitar a existência do inimigo. Moby Dick não é somente uma baleia, mas, sim, um personagem com psicologia como qualquer personagem protagonista de uma lenda.

[Sobre "Um dia claro, um azul de aço"]

por Henrique Orlandi
4/7/2006 às
02h50 200.175.81.62
(+) Henrique Orlandi no Digestivo...
 
Parreira só teve 4 anos!
Muito boa a lembrança do Bussunda (ou Fofômeno) - ele, sim, era o Fenômeno. Fenômeno no que fazia, sem a ARROGÂNCIA de outros "fenômenos", que se acham cidadãos acima de qualquer suspeita. Faltou valorizar jogadores nacionais (ou seja, os que jogam NO Brasil).O Parreira "só teve" 4 anos para preparar a Seleção, analisar o jogo dos europeus, jogar amistosos com boas seleções (Nova Zelândia foi a mais difícil...) e confrontar-se com outras escolas futebolísticas. A arrogância cegou-os - técnico e jogadores. Bussunda está fazendo falta para, ao menos, nos fazer entender o que aconteceu (através do riso).

[Sobre "Foi a Copa do Bussunda"]

por Nilmar Cavalcanti
4/7/2006 à
01h59 201.7.7.202
(+) Nilmar Cavalcanti no Digestivo...
 
Intocáveis: técnico&jogadores
Muito oportuno o texto. A arrogância da seleção (técnico e jogadores) não os deixou perceber a realidade. Estavam acima de qualquer coisa, do cidadão, do Presidente da República, do repórter, do próprio país. Eles eram intocáveis. Eles eram de onde mesmo? (Muitos voltaram de Frankfurt diretamente para suas casas - em países europeus!!!)

[Sobre "Uma seleção de fracassados"]

por Nilmar Cavalcanti
4/7/2006 à
01h28 201.7.7.202
(+) Nilmar Cavalcanti no Digestivo...
 
é besteira falar de futebol
Agora sinto que é besteira falar de futebol, é talvez bom falar de amor. O amor quando é grande não cabe num oceano, e quem ensinou-me isto foi o poeta e professor Antenor, já Paulo Freire dizia que o amor é a comunicação íntima que se respeita, mas eu penso que o amor é um beliscão que dói e demora passar, é um beijo que deixa marcas.

[Sobre "Você se sente mais brasileiro por causa da Copa?"]

por Manoel Messias Perei
3/7/2006 às
22h45 200.177.46.117
(+) Manoel Messias Perei no Digestivo...
 
Ótimo o Ruy!
Amigo Julio, adorei a entrevista! Abraços, Rodrigo Capella.

[Sobre "Ruy Castro"]

por Rodrigo Capella
http://www.rodrigocapella.com.br
3/7/2006 às
18h28 201.21.2.182
(+) Rodrigo Capella no Digestivo...
 
Um vexame mundial
O quadro do Fantástico devia tentar ler a mente do Parreira, porque a teimosia dele beira a burrice, e isso nos levou à derrota contra a França. Um vexame mundial. Quanto ao Ronaldo, de Fenômeno demonstrou não ter nada, e ainda é mal educado com a maior autoridade do país, Lula, Presidente da República, que só perguntou o óbvio naquela conferência. Se Ronaldo se ofendeu, que telefonasse diretamente ao Presidente, não demonstraria ser um mimadinho e rebelde sem causa na frente de uma nação. Esta seleção é uma vergonha e deve ser esquecida. Perdeu feio e jogou sem vontade nem garra. Que o Parreira e seus protegidos leiam os lábios da Nação: FORA!!!

[Sobre "A polêmica da leitura labial"]

por Tatiana Cavalcanti
3/7/2006 às
18h27 192.168.133.51
(+) Tatiana Cavalcanti no Digestivo...
 
Parreira devia se esconder
Parreira ficou magoado porque leram seus lábios. É invasão, como afirma o comentário acima? É tanta invasão quanto olhar pela janela do seu prédio para a rua e ver o que as pessoas estão conversando (ou será que quem sabe ler lábios não pode sair de casa, deve ficar com tapa-olhos?). Qualquer ser humano na rua tem que saber que está compartilhando espaço e privacidade com outros seres humanos... Se você quer privacidade absoluta, talvez só mesmo na solitária de uma prisão... Ou no breu do seu quarto. Saiu de casa, se molha, mermão (como o Parreira gosta de dizer...). Tanto escândalo por nada, afinal o que ele disse todos nós já sabiamos. E para Marina, acima, digo que se a câmera filmasse, e alguém decodificasse tudo que é dito na rua, seria inócuo e entediante... Ninguém é tão importante ou fala coisas tão indizíveis na rua, que necessite da privacidade total... :)

[Sobre "A polêmica da leitura labial"]

por Ram
3/7/2006 às
17h59 69.109.113.158
(+) Ram no Digestivo...
 
um poema vale mil imagens
Será que alguém já pensou que Ferreira Gullar não vende muito porque ele escreve poemas chatos? :) Uma poesia que é best-seller, mas não autoral, é o Mahabharata, que já tem centenas de milhões de cópias vendidas... Não são todos que se entendem com "poesia", e esse gênero nunca terá, mesmo, a popularidade de um texto narrado. Aos amantes da palavra, um poema vale mil imagens... Creio que nossa eterna busca por "por que algo que eu considero bom, não é famoso" é que é um pouco entediante...

[Sobre "Poesia nunca é best-seller"]

por Ram
3/7/2006 às
17h53 69.109.113.158
(+) Ram no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




O Barco de Papel
José Maviael Monteiro
Atica
R$ 20,00



Crianças índigo
Lee Carroll; Jan Tober
Butterfly
(2005)
R$ 15,00



Um Sonho Dentro de Mim - Coleção Veredas
Júlio Emílio Braz
Moderna
(1994)
R$ 10,00



Bufo & Spallanzani
Rubem Fonseca
Francisco Alves
(1985)
R$ 10,00



Tres Obras de Moliere - 5988
Moliere
Editorial Atlantida Buenos Air
(1946)
R$ 15,00



Les Tombes Puniques de Carthage
Hélène Benichou-safar
N/d
(1982)
R$ 300,00



Efetividade do Direito e do Processo do Trabalho
Mauricio G Delgado; Ives G da S M Filho; Carlos A
Elsevier
(2010)
R$ 25,00



Europa -reportagens Apaixonadas
Ronny Hein
Panda Books
(2005)
R$ 6,00



O Livro das Aves
Presciliana Duarte de Almeida
Escolas Salesianas
(1914)
R$ 749,90



Fundamentos de Marketing
Darci Basta
Fgv
(2006)
R$ 9,96





busca | avançada
71485 visitas/dia
2,4 milhões/mês