Espetada maldosa | Celito Medeiros

busca | avançada
44847 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COMENTÁRIOS

Segunda-feira, 9/8/2010
Comentários
Leitores


Espetada maldosa
Decadência? Enviei meu comentário, deve ter ido direto ao Pelegrini, e este parece não ter recebido ou não gostado... Achei uma alfinetada no Paulo Coelho muito triste, partindo de um escritor que se diz amigo. Dizer que fez a entrevista graças a decadência de Paulo é mesmo uma espetada maldosa. Paulo Coelho não está e nem estará decadente, e já bastam as críticas de que ele não é um literato. E nem precisa marcar seu trabalho na música, já bem o fez na parceria com Raul Seixas, dois m@lukos belez@s! Ser um grande vendedor de livros transpondo fronteiras de tantos países incomoda alguns, mas é motivo de orgulho para outros. Muitos esperam a autobiografia de Paulo, onde ele poderia fazer sua própria análise de vida, de conquistas, por que não de quedas, mas especialmente de suas vitórias. Sim, ele escreveu do que entende e o fez muito bem como alquimista que é.

[Sobre "O dia em que Paulo Coelho chorou"]

por Celito Medeiros
http://www.celitomedeiros.com
9/8/2010 às
16h02 189.26.20.192
(+) Celito Medeiros no Digestivo...
 
Aos amigos e inimigos
Mais um esplêndido artigo sobre Saramago, assim os houvesse em Portugal. Ainda bem que a língua/linguagem nos une. Tenho passado, com alegria, os seus escritos aos meus amigos e também aos inimigos, para eles se roerem de inveja, hoje vou remeter mais este, para os gostam, mas sobretudo para os que não gostam, de Saramago. Obrigada por mim e por todos os que gostam de Saramago.

[Sobre "A sombra de Saramago"]

por Madalena Ferreira
9/8/2010 às
15h10 81.84.123.197
(+) Madalena Ferreira no Digestivo...
 
Belo e lúcido
Belo texto. E lúcido.

[Sobre "Por que a Geração Y vai mal no ENEM?"]

por maria thereza do ama
http://mariatherezaamaral.wordpress.com
9/8/2010 às
11h56 201.87.71.102
(+) maria thereza do ama no Digestivo...
 
Palmadinha é violência, sim
Caro autor, políticos são adultos e todos temos que discutir e fiscalizar seus atos. Entretanto, a lei da não-agressão aos filhos não surge para esconder outras questões políticas. Reduzir a palmada a uma bobagem - ainda que palmadinha mesmo - é no mínimo uma covardia. Quem crê que a lei contra a agressão às crianças é boba e coisa menor já contemplada pelo estatuto das crianças e adolescentes reafirma aquele clichê machista do "um tapinha não dói". Qual a finalidade do tapinha? Deixar claro às crianças "quem é que manda aqui". O tapinha ou palmada é um imenso desrespeito e humilhação aos filhos e um estímulo à obediência apenas pelo viés do medo. Palmadinha é violência, sim. Propague a paciência com as crianças, caro autor. Que os adultos olhem seus filhos com autoridade, falem com clareza e tenham criatividade para lidar com a irritação que as crianças às vezes provocam.

[Sobre "Big Brother da Palmada"]

por Regina
9/8/2010 às
09h25 187.15.193.96
(+) Regina no Digestivo...
 
Saiu caro, mas...
Já deveríamos ter nos acostumado com esse tipo de "distração" no que se refere à aprovação de leis que geram polêmica. No final das contas o argumento vai ser: "saiu caro, mas pelo menos todas as obras ficaram prontas". Ótimo texto, parabéns!

[Sobre "Big Brother da Palmada"]

por Ricardo Bocutti
9/8/2010 às
08h37 200.185.148.136
(+) Ricardo Bocutti no Digestivo...
 
O basicão e nada mais
Parabéns pelo texto! Difícil é saber que há escolas privadas de porte nacional que já nos anos 80 faziam o discurso do "basicão e nada mais". Continue sempre nessa luta, Ana. Ela é muito importante.

[Sobre "Por que a Geração Y vai mal no ENEM?"]

por Fabiula
http://www.twitter.com/biulismo
9/8/2010 às
07h51 201.53.204.103
(+) Fabiula no Digestivo...
 
O importante é a arte
A pergunta "o que ficará?" a meu ver separa o artista do resto. Artista é o que vive arte, faz sua arte e ganha o suficiente para poder viver de mostrar sua maneira singular de ver o mundo com sua arte. A partir do momento que começa a se preocupar se será eterno ou não começa a perder o valor. Não acredito que um Michelangelo, um Dali ou outro deste nivel quando fizeram suas grandes obras estavam preocupados se iriam ser vistos e falados ate o século XX ou XXI. Quando começa a preocupação da durabilidade, no fundo é uma certeza de que a qualidade não faz da obra um trabalho "para sempre".

[Sobre "O dia em que Paulo Coelho chorou"]

por José Ramalho
8/8/2010 às
16h53 201.81.8.216
(+) José Ramalho no Digestivo...
 
Medí­ocres e medíocres
Há medí­ocres e medíocres, inclusive os "ironistas".

[Sobre "O dia em que Paulo Coelho chorou"]

por Ravel
7/8/2010 às
22h10 200.193.202.218
(+) Ravel no Digestivo...
 
A falta de liberdade continua
Durante o regime militar o direito dos que desejavam votar não era respeitado. Os militares argumentavam que o povo não estava preparado para exercer o voto. Hoje, no regime "democrático", o direito dos que não desejam votar não é respeitado. Os políticos argumentam que o povo não está preparado para abster-se do voto. O que mudou? Apenas o público alvo. O desrespeito é o mesmo. A falta de liberdade continua.

[Sobre "A favor do voto obrigatório"]

por Marcelo Andriolo
7/8/2010 às
17h01 200.141.104.189
(+) Marcelo Andriolo no Digestivo...
 
Dom Casmurro não é chato
Ao comentar "Dom Casmurro" mais de cem anos depois da sua publicação, e provocar outros comentários dos leitores, Domingos testemunha a força da obra. Um livro absolutamente chato como ele quer fazer ver não resistiria tanto tempo. Acabaria como as obras de Paulo Setúbal, conforme lembra o próprio Pellegrini no texto "O dia em que Paulo Coelho chorou", que ninguém lê mais. Acredito que se lesse "Dom Casmurro" hoje, em condições adequadas (a trilha de Machu Pichu não é exatamente o lugar ideal para desfrutar do livro), teria impressão melhor do romance. Na verdade, ele não simpatizou com o personagem, psicologicamente muito distante dele, transladando a sua antipatia para o livro e seu escritor. Aconteceu comigo ao ler "Adrienne Mesurat", que achei abominável, obra premiada do acadêmico francês Julien Greeen. Considerei o comportamento da personagem principal totalmente absurdo e o livro o pior que eu li. Será que a Academia Francesa de Letras estaria totalmente equivocada?

[Sobre "Machado e Érico: um chato e um amigo"]

por José Frid
http://blogdofrid.blogspot.com
7/8/2010 às
13h13 189.47.212.193
(+) José Frid no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




O NOVO PROCESSO CIVIL BRASILEIRO - VOL. 1
JOSÉ CARLOS BARBOSA MOREIRA
FORENSE
(1977)
R$ 39,90
+ frete grátis



ATITUDES VENCEDORAS
CARLOS HILSDORF
SENAC
(2003)
R$ 6,50



GUIA PRÁTICO PLANTAS AROMÁTICAS CULINÁRIAS MEDICINAIS COSMÉTICAS
LESLEY BREMNESS
CIVILIZAÇÃO
(1993)
R$ 41,77



O RIO DE JANEIRO DO MEU TEMPO - VOL. 1
LUIZ EDMUNDO
IMPRENSA NACIONAL
(1938)
R$ 90,00



O MANUAL DA CRISE
JOÃO CARLOS M. FERRAZ
ALFA-OMEGA
(2009)
R$ 40,00



UM DIA DAQUELES
BRADLEY TREVOR GREIVE
SEXTANTE
(2004)
R$ 6,00



PSICOLOGIA ATUAL E DESENVOLVIMENTO
PIERRE VAYER E CHARLES RONCIN
MANOLE DOIS
(1990)
R$ 50,00



TELENOVELA, CONSUMO E GÊNERO
HELOÍSA BUARQUE DE ALMEIDA
EDUSC
(2003)
R$ 28,00



RESIDENTIAL SPACES OF THE WORLD, V. 4
IMAGES PUBLISHING GROUP
IMAGES PUBLISHING
(2001)
R$ 70,00



MASCULINO / FEMININO: TENSÃO INSOLÚVEL
MARIA ISABEL MENDES DE ALMEIDA
ROCCO
(1996)
R$ 6,00





busca | avançada
44847 visitas/dia
1,1 milhão/mês