Repensar o refazer | Ana Elisa Ribeiro

busca | avançada
80332 visitas/dia
2,6 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Projeto aborda riqueza da tradicional Festa da Carpição
>>> Canto dos Recuados - espetáculo musical mergulha na cultura afrobarroca
>>> Primeiro Roteiro
>>> Festival Cine Inclusão abre inscrições de curtas-metragens com o tema terceira idade
>>> Musical Guerra de Papel estreia dia 3 de setembro no Teatro Viradalata
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Errando por Nomadland
>>> É um brinquedo inofensivo...
>>> Poesia como Flânerie, Trilogia de Jovino Machado
>>> O mundo é pequeno demais para nós dois
>>> Ao pai do meu amigo
>>> Paulo Mendes da Rocha (1929-2021)
>>> 20 contos sobre a pandemia de 2020
>>> Das construções todas do sentir
>>> Entrevista com o impostor Enrique Vila-Matas
>>> As alucinações do milênio: 30 e poucos anos e...
Colunistas
Últimos Posts
>>> Unchained by Sophie Burrell
>>> Deep Purple em Nova York (1973)
>>> Blue Origin's First Human Flight
>>> As últimas do impeachment
>>> Uma Prévia de Get Back
>>> A São Paulo do 'Não Pode'
>>> Humberto Werneck por Pedro Herz
>>> Raquel Cozer por Pedro Herz
>>> Cidade Matarazzo por Raul Juste Lores
>>> Luiz Bonfa no Legião Estrangeira
Últimos Posts
>>> O cheiro da terra
>>> Vivendo o meu viver
>>> Secundário, derradeiro
>>> Caminhemos
>>> GIRASSÓIS
>>> Biombos
>>> Renda Extra - Invenção de Vigaristas ou Resultado
>>> Triste, cruel e real
>>> Urgências
>>> Ao meu neto 1 ano: Samuel "Seu Nome é Deus"
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O rei nu do vestibular
>>> Selvageria Nunca Sai de Moda
>>> Você cumpre as promessas de final de ano?
>>> A cabeça de Steve Jobs
>>> O sublime Ballet de Londrina
>>> A vida subterrânea que mora em frente
>>> Por que as curitibanas não usam saia?
>>> Incubus - Circles
>>> Citizen Kane
>>> Da vitrola ao microchip
Mais Recentes
>>> Entrega total de Suma pela Suma (2021)
>>> Revolução Francesa de Frederic Bluche - Stéphane Rials - Jean Tulard pela L&pm (2009)
>>> A Loira de Concreto de Michael Connelly pela Best Seller (1994)
>>> Canaã - Série Bom Livro de Graça Aranha pela Ática (2006)
>>> Verônica e o Fantasma de Canterville de Jordi Vila Delclos - Carlos Puerto pela Ftd (2008)
>>> Planeta Meu Amor de Sylvie Girardet pela Companhia Ed Nacional (2007)
>>> Entre O Amor E As Estrelas de Letramais pela Letramais (2021)
>>> O Homem Que Sabia Demais - Alan Turing e a Invenção do Computador de David Leavitt pela Novo Conceito (2011)
>>> Em Busca do Novo Rei de Lino de Albergaria pela Atual (1993)
>>> Epistemologia Jurídica E Democracia de Unisinos pela Unisinos (2021)
>>> Liberdade Virtual - Coleção Jabuti de Sylvio Gonçalves - Vilachã pela Saraiva (1997)
>>> Cyrano de Bergerac de Edmond Rostand - Rubem Braga pela Scipione (2004)
>>> Empreendedoras.Coaching Dicas De Mulheres Inspiradoras de Leader pela Leader (2021)
>>> Texas fever de Kimberly Raye pela Harlequin (2005)
>>> Empreendedorismo de Leader pela Leader (2021)
>>> The Secrets of Sadie Maynard de Linda Anderson pela Pocket Star Books (1999)
>>> 9 Coisas E-mail Que Eu Odeio Em Você de Marcia Kupstas pela Ftd (2001)
>>> Em Tudo Uma Lição - Água Da Vida de Árvore da Vida pela Árvore da Vida (2021)
>>> Em Um Mar de Emoções de Vida e Consciencia pela Vida e Consciencia (2021)
>>> Enfim de Gen pela Gen (2021)
>>> Confissões de Virgínia de Júlio Emílio Braz pela Ftd (2008)
>>> Enfim, capivaras de Cia das Letras pela Cia das Letras (2021)
>>> Enlaces 3 - Español Para Jóvenes Brasileños de Ele pela Ele (2021)
>>> Descobrindo os Fenômenos Físicos de Antonio Acleto pela Cpb (2011)
>>> Dom Quixote de Principis pela Principis (2021)
COMENTÁRIOS

Terça-feira, 13/3/2007
Comentários
Leitores


Repensar o refazer
Verônica, boa sorte mesmo! A USP parece ainda mais embolorada do que a UFMG, onde me formei, e muito bem, em Letras. Concluo o doutoramento este ano, mas ainda me lembro de que grande parte do que aprendi e das boas experiências que tive não foram em sala de aula, mas nos gabinetes dos professores, em conversas e atividades na companhia deles. É um universo diferente daquele das aulinhas. Outra grande parte do que me pareceu interessante e formativo pintou porque eu procurei. Teria procurado (e encontrado) nas bibliotecas do campus, na Internet, numa universidade privada ou pública. Tanto faz. Mas há coisas inteligentes que só uma universidade pública se preocupará em fazer e oferecer bem-feito (cursos de Letras, por exemplo). Encontre seu caminho apesar de professores, banheiros, cantinas, traças, retroprojetores emperrados. Isso não é o principal. Mais bacana é ter Antônio Cândido como professor. Mais ninguém tem.

[Sobre "A Letras, como ela é?"]

por Ana Elisa Ribeiro
13/3/2007 às
12h05 201.78.128.101
(+) Ana Elisa Ribeiro no Digestivo...
 
entrar na vida de cabeça
Deve ser mesmo gostoso entrar nessas páginas de "A Idade da Paixão" e lembrar que um dia fui assim, como tantos outros foram. A Idade da Paixão é essa mesma, acreditar que vamos e podemos modificar o mundo, acreditar em valores genuinamente honestos e entrar na vida de cabeça, corpo e alma. Ainda que sobrem alguns lampejos dessa intensa juventude, jamais seremos os mesmos. Percebemos que o mundo é mais forte que nós. Obrigada pela dica, vou tentar encontrar esse livro. Um abraço, Adriana

[Sobre "Qual é, afinal, a melhor idade?"]

por Adriana
13/3/2007 às
11h21 201.58.144.221
(+) Adriana no Digestivo...
 
O que sei da literatura?
Só tive a convivência cotidiana com escritos, que às vezes eram livros, outras não. Ainda hoje me sinto inseguro para endossar determinadas definições que obedecem tendências. Se o que leio me alimenta a percepção, desloca do ponto leitor, me integra a narrativa e provoca alguma inquietação; só estas descrições já valem a visita. Nada sei dos academicismos que estão gerando uma horda de escritores cheios de fórmulas e sem imaginação. Quero o registro, um ângulo inusitado que se revelou ao fotógrafo e da arte que o transformou em ator. Busco o sem-fim de Guimarães e o reconheço na prosódia de Miguilim reproduzida a cinzel; quero os ecos viciantes do Manual dos Berros, digo Manuel de Barros, por tudo o que ele atentou de escutar. Pois se literatura tiver este quê de ciencia, está para a medicina em relação à necropsia, ajuda a desenvolver, porém não salva vidas. O que sei da literatura? Nada. Que me digam da definição do nada e então serei feliz, quem sabe, culto.

[Sobre "Dá para aprender literatura?"]

por Carlos E. F. Oliveir
12/3/2007 às
23h54 201.65.37.4
(+) Carlos E. F. Oliveir no Digestivo...
 
tanta gente nova escrevendo
Muito BOM!!! Texto flui super bem e a linguagem é uma delícia. Sou professora de Literatura do Ensino Médio e do Curso de Letras e é uma luta tentar mudar essa cara do Brasil. Explico: a crítica somente valoriza escritores ao estilo machadiano ou drummoniano. Nada contra. Contudo temos tanta gente nova escrevendo que precisam tão somente de gente com olhos para percorrer seus textos. Quem sabe, assim, teríamos adolescentes que aprendessem a gostar de literatura e, conseqüentemente, adultos letrados e sobretudo engajados com seu tempo e sua realidade. Mas, num país ainda voltado para modelos impostos, talvez isso seja somente um sonho...

[Sobre "Amar é burocrático"]

por Valeria Mello Freire
12/3/2007 às
20h16 201.1.77.248
(+) Valeria Mello Freire no Digestivo...
 
clima de casa de praia
Muito bom isso! Tão legal ter sensibilidade e bom humor para trazer tanta atmosfera para o texto. Já senti tantas vezes esse clima de casa de praia, cheio de dezembros e janeiros vencidos e com cheiro de maresia misturado com chuva de verão. E nada como revistas femininas (ou masculinas!) para matar nosso tempo com questões profundíssimas...

[Sobre "Revistas velhas na praia"]

por Jose Bueno Franco
12/3/2007 às
17h55 201.63.121.154
(+) Jose Bueno Franco no Digestivo...
 
beleza de entrevista
poderia ficar lendo mais 30 páginas na telinha. e não acionaria a impressora, não. grato, edson cruz

[Sobre "Flávia Rocha"]

por edson cruz
http://www.cronopios.com.br
12/3/2007 às
17h35 200.246.143.26
(+) edson cruz no Digestivo...
 
O privilégio da pobreza
A exclusão citada nada tem a ver com pobreza, Índia ou Coréia. Pensava nas oligarquias que ainda fazem política em defesa de seus privilégios. Pensava nas oportunidades desperdiçadas, pela falta de apetite e talento para encarar uma competição leal; se é que neste modelo de sociedade isto seja possível. Não entendi bem esta história de privilegiar a pobreza mas vou acompanhar a firmeza com que defendes sua argumentação e, quem sabe, eu possa perceber o sentido de tudo isso. Quanto ao anacronismo e protecionismo, me perdoa, fiquei perdido de vez; não sei o que fazer com os pobres, de quaisquer penúrias, seja material, seja intelectual... Embora reconheça que seja necessário incentivar o talento, nunca disse ou deixei implícito que combater a exclusão seria atentar contra o talento. Creio que seja necessário aniquilar a pobreza e assim acabaremos com os pobres; ou acabarmos com pobres para dizimar a pobreza, ih, acho que estou confuso... Já vi história parecida mas os pobres eram judeus.

[Sobre "Investimento atrás das grades"]

por Carlos E. F. Oliveir
12/3/2007 às
14h55 201.65.37.4
(+) Carlos E. F. Oliveir no Digestivo...
 
por não ter o que fazer
Essas pessoas gostam de espalhar mensagens por não ter o que fazer. E acredite, tem quem goste disso.

[Sobre "Mensagens encaminhadas"]

por Márcio Faustino
http://www.thorcroix.blogspot.com/
12/3/2007 às
13h55 201.52.163.4
(+) Márcio Faustino no Digestivo...
 
Dependente tecla fumando
Tudo que a Vanessa diz das dançarinhas de axé que abundam por aí, em fama efêmera, também pensei, mas barbudo de baiana fica um pouco desusado para um piauiense criado desde um ano de idade no Rio Grande do Sul, tchê. Então, fiz terapias, lavei louça, as roupas em tanque. Cheguei ao doce devaneio da Confraria dos Blogs Não Lidos. Mesmo sem a Fama urgente, que talvez trouxese a reboque alguma Fortuna, persisto. Vou até publicar impresso algo mais alentado que já escrevi, a novela "O dia do descanso de Deus". Sei o que é dependência, nem consigo largar do teclado enquanto estou fumando.

[Sobre "Intravenosa"]

por Adroaldo Bauer
http://www.coisaegente.blogspot.com
12/3/2007 às
13h35 200.169.16.20
(+) Adroaldo Bauer no Digestivo...
 
Sejamos mais críticos!
Ótimo texto. Realmente, ser honesto, hoje em dia, infelizmente, é ser também taxado, muitas vezes, de mal educado, rude ou crítico, como se esse último adjetivo fosse pejorativo. O que a sociedade precisa é ter a consciência de que a honestidade e a crítica não têm a finalidade de depreciar quem se critica, mas sim o desenvolvimento mental, profissional e pessoal do criticado. Sejamos mais críticos, logo, mais verdadeiros!

[Sobre "Honestidade"]

por Vanessa Braz
12/3/2007 às
10h19 200.162.51.98
(+) Vanessa Braz no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Novas Palavras 1
Emília Amaral e Outros
Ftd
(2013)



Amor, Liberdade e Solitude: uma Nova Visão Sobre os Relacionamen.
Osho
Cultrix
(2019)



A Orquestra do Reich - 1ª Edição - a Filarmônica de Berlim e o Naciona
Misha Aster
Perspectiva
(2012)



Mulher 40 Graus à Sombra
Maria Lucia da Cruz Pereira
Objetiva
(1994)



Atlas Fotográfico À Cores de Anatomia Microscópica
Pietro Motta
Livraria Atheneu
(1974)



Viagens de Alice
Alice Steinbach
Benvira
(2011)



A Nação Mercantilista
Jorge Caldeira
34
(1999)



O Deus e o Imperador
Sam Meekings
Argumento
(2012)



Que Semana! a Grande Conquista
Rosie Rushton
Melhoramentos
(2006)



[email protected] Com. Br - Col. Jabuti
Telma Guimarães
Saraiva
(2009)





busca | avançada
80332 visitas/dia
2,6 milhões/mês