A Farsa de 2012 | Gian Danton | Digestivo Cultural

busca | avançada
83745 visitas/dia
2,4 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Oficina de Objetos de Cena nas redes do Sesc 24 de Maio
>>> Lançamento: livro “A Cultura nos Livros Didáticos”, de Lara Marin
>>> Exposição coletiva 'Encorpadas - Grandes, largos, políticos: corpos gordos'
>>> Clássicos da Literatura Unesp ganha mais cinco títulos
>>> Bertolt Brecht inspira ÉPICO
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> 2021, o ano da inveja
>>> Pobre rua do Vale Formoso
>>> O que fazer com este corpo?
>>> Jogando com Cortázar
>>> Os defeitos meus
>>> Confissões pandêmicas
>>> Na translucidez à nossa frente
>>> A Velhice
>>> Casa, poemas de Mário Alex Rosa
>>> Doutor Eugênio (1949-2020)
Colunistas
Últimos Posts
>>> Mehmari, Salmaso e Milton Nascimento
>>> Gente feliz não escreve humor?
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
Últimos Posts
>>> Tonus cristal
>>> Meu avô
>>> Um instante no tempo
>>> Salvem à Família
>>> Jesus de Nazaré
>>> Um ato de amor para quem fica 2020 X 2021
>>> Os preparativos para a popular Festa de Réveillon
>>> Clownstico de Antonio Ginco no YouTube
>>> A Ceia de Natal de Os Doidivanas
>>> Drag Queen Natasha Sahar interpreta Albertina
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Mauro Henrique
>>> Uma pirueta, duas piruetas, bravo, bravo!
>>> Ele, Francis
>>> A crítica e o custo Brasil
>>> Manual prático do ódio
>>> Greatest hits em forma de coluna
>>> Asia de volta ao mapa
>>> Jogando com Cortázar
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Diálogos de Platão, pela editora da Universidade Federal do Pará
Mais Recentes
>>> O RELATÓRIO HITE SOBRE SEXUALIDADE MASCULINA de SHERE HITE pela DIFEL (1970)
>>> O RELATÓRIO HITE de SHERE HITE pela DIFEL (1996)
>>> Eu fui a melhor amiga de Jane Austen de Cora Harrison pela Rocco (2011)
>>> FUNDAMENTOS DE ESTATÍSTICA PARA AS CIÊNCIAS DO COMPORTAMENTO de EVA NICK & SHEILAH R. O. KELLNER pela RENES (1971)
>>> EXPERIÊNCIAS PSÍQUICAS ALÉM DA CORTINA DE FERRO de SHEILA OSTRANDER&LYNN SCHROEDER pela EDITORA CULTRIX
>>> Um Dia a Autenticidade de Ayrton Toledo pela T. A. Queiroz Editora LTDA
>>> POEMA DO NÉCTAR de LEANDRO COCICOV pela JOÃO ESCORTECCI EDITOR (1985)
>>> História 6º Ano - Das Cavernas ao Terceiro Milênio de Patrícia Ramos Braick & Myriam Becho Mota pela Moderna (2006)
>>> Problemas de pessoal da empresa moderna. Introd. de Benedicto Silva de Tomás de Vilanova Monteiro Lopes e Introd. de Benedicto Silva pela Fgv (1978)
>>> MOMENTO SEM TEMPO de MARÍLIA FAIRBANKS MACIEL pela EDITORA CUPOLO (1972)
>>> Martin Fierro Edicion Critica de Carlos Alberto Leumann de Jose Hernandez pela Estrada Editores
>>> I CONFINI DELLA MENTE de PIERLUIGI RUSSO pela IL POLIEDRO (1976)
>>> EU TE AMO de PROF ROBERTO SIMÕES pela PERON FILHO COMUNICAÇÕES (1998)
>>> Combo 2 Livros Físicos Arsène Lupin Seriado Netflix de Ciranda Cultural pela Ciranda Cultural
>>> Livro Arsène Lupin contra Herlock Sholmes Seriado Lupin de Ciranda Cultural pela Ciranda Cultural
>>> Administração contábil e financeira na pequena empresa brasileira de Milton Huppert Monte Carmello, Wolfgang Schoerps pela Fgv (1979)
>>> CEM SONETOS DE AMOR de PABLO NERUDA pela L&PM EDITORES
>>> Livro Fisico Arsene Lupin O Ladrão de Casaca Seriado Lupin de Ciranda Cultural pela Ciranda Cultural
>>> Box 8 Livros Físicos Anne Whit An E Lucy Maud Montgomery + Diário de Aventuras Ciranda Cultural de Ciranda Cultural pela Ciranda Cultural
>>> Somos 2 de Isaías De Matos Campolim pela Morgan Gráfica e Editora LTDA
>>> III Encontro Nacional de Psicólogos - Vol 34 de Fundação Getúlio Vargas pela F G V
>>> Geografia 6º Ano - Volume 1 – Coleção Perspectiva de Cláudia Magalhães, Lilian Sourient, Marcos Gonçalves e Roseni Rudek pela Do Brasil (2010)
>>> Livro Físico Napoleão A Arte da Guerra e do Poder de Ciranda Cultural pela Ciranda Cultural
>>> CULTURA de MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CULTURA pela MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CULTURA
>>> Livro Físico O Homem Eterno G. K. Chesterton Texto Integral de Ciranda Cultural pela Ciranda Cultural
>>> Multinacionais: os limites da soberania de Getúlio Carvalho pela Fgv (1979)
>>> Biblioteca Básica Informática de Século Futuro / Dentro E Fora Do Computador pela Editora Antártica S A
>>> Organização e métodos de Harry Miller pela Fgv (1979)
>>> Biblioteca Básica Informática de Século Futuro / Dentro E Fora Do Computador pela Editora Antártica S A
>>> PRINCIPIOS DA ESTADÍSTICA MEDICA de A. BRADFORD HILL pela EL ATENEO (1965)
>>> Livro Físico O Livro dos Mártires John Foxe Texto Integral de Ciranda Cultural pela Ciranda Cultural
>>> Chefia: sua técnica, seus problemas de Wagner Estelita Campos pela Fgv (1979)
>>> VONTADE DE VIVER, A BICICLETA AZUL - 2 de RÉGINE DEFORGES pela BEST SELLER (1985)
>>> Livro Físico Mitos Gregos para Jovens Leitores Nathaniel Hawthorne de Ciranda Cultural pela Ciranda Cultural
>>> UMA MULHER DE FIBRA de BARBARA TAYLOR BRADFORD pela Record (1979)
>>> THE OLD MAN AND THE SEA de HEMINGWAY pela PANTHER
>>> Custos: princípios e contabilização de Américo Matheus Florentino pela Fgv (1979)
>>> Coleção 4 Livros Físicos Anne Whit An E Lucy Maud Montgomery Ciranda Cultural de Ciranda Cultural pela Ciranda Cultural
>>> Orlando de Virginia Woolf pela Bruguera (1969)
>>> THE ISLAND OF TRUTH de COLLIER MACMILLAN pela MACMILLAN PUBLISHING CO,INC (1977)
>>> Sodoma e Gomorra de Marcel Proust pela Globo
>>> Os Miseráveis de Victor Hugo pela Circulo do Livro S A
>>> Livro Físico Diário de Aventuras Anne Lucy Maud Montgomery Ciranda Cultural de Ciranda Cultural pela Ciranda Cultural
>>> Livro Físico O Caminho Alpino Autobiografia Lucy Maud Montgomery Ciranda Cultural de Ciranda Cultural pela Ciranda Cultural
>>> Livro Físico Mais Crônicas de Avonlea Lucy Maud Montgomery Ciranda Cultural de Ciranda Cultural pela Ciranda Cultural
>>> Livro Físico Crônicas de Avonlea Lucy Maud Montgomery Ciranda Cultural de Ciranda Cultural pela Ciranda Cultural
>>> O Tempo Redescoberto de Marcel Proust pela Globo
>>> Box 3 Livros Físicos Trindade da Ficção Científica de Ciranda Cultural pela Ciranda Cultural
>>> O SABÁ DAS FEITICEIRAS de JOHN UPDIKE pela Circulo do Livro S A (1984)
>>> O Pêndulo de Foucault de Umberto Eco pela Record
COLUNAS

Segunda-feira, 28/1/2013
A Farsa de 2012
Gian Danton

+ de 4100 Acessos

2012 foi um ano sui generis. Foi o ano em que a população brasileira deixou de acreditar na mídia, por conta das relações entre a revista Veja e o contraventor Carlinhos Cachoeira. Foi também o ano em que uma restauração desastrosa se transformou em uma obra de arte. Foi o ano de ótimos filmes pipoca e humorísticos que fogem do convencional.

Um dos escândalos que dominaram 2012 foi a investigação sobre o contraventor Carlinhos Cachoeira. Conforme evoluíam as investigações da CPI, mais e mais pessoas iam sendo implicadas, tanto do PT quanto do PSDB. E não demorou para que se descobrissem as estranhas relações entre o editor da Veja em Brasília, Policarpo Júnior, e o contraventor.

Para coroar o caso, a mulher de Cachoeira foi presa ao tentar chantagear o juiz responsável pelo caso com a possibilidade de publicação de um dossiê contra ele na revista Veja.

Como era de se esperar, a CPI do Cachoeira se afogou e acabou não dando em nada. O casamento do contraventor, amplamente divulgado pela mídia, coroou a festa.

Outro fato relevante de 2012 foi a entrevista da ex-primeira-dama Rosane Collor, que marcou exatamente por sua irrelevância.

Aparentemente, sua única motivação era pressionar o marido para aumentar-lhe a pensão. Recém-convertida ao protestantismo, ela soltou pérolas, como "jesuiscidência", e denunciou os rituais de macumba feitos pelo marido. Pode não ter conseguido aumentar a pensão, mas conseguiu seu minuto de fama no Twitter. Alguns dos posts mais interessantes: "Malandra é a Roseane Collor, que ganha 18 mil por mês para falar mal do Collor enquanto o pessoal faz isso de graça", "Aceitou Jesus, mas não aceitou a pensão", "Coitada da Roseane Collor que ganha apenas 18 mil de pensão. Vai ter que vender os produtos da Jequiti pra por um prato de comida na mesa".

Se no cenário nacional, políticos, ex-mulheres, jornalistas e contraventores se uniram para encenar uma farsa, no cenário internacional, uma das notícias que mais repercutiram foi a restauração de uma pintura do século XIX, Ecce Homo, na Igreja de Borja, na Espanha. A restauração, realizada por uma senhora de 80 anos, desfigurou de tal forma a obra original que virou notícia no mundo todo e fez sucesso entre os internautas, que imaginaram como ficariam outras obras de arte após serem reformadas pela idosa.

Curiosamente, a pintura, até então pouco conhecida, tornou-se famosa e turistas passaram a visitar a cidade apenas para ver a obra. Tanto que a igreja passou a cobrar pelas visitas. A idosa chegou a cogitar entrar na justiça, pedindo direitos autorais.

Digno de um ano como esse, o filme O Ditador, estrelado por Sacha Baron Cohen, pode não ter sido tão anárquico quanto Borat, mas mesmo assim trouxe um tipo de humor que foge do lugar comum. As piadas já começam nos nomes: Alladim é o ditador de Wadyia, um país rico em petróleo que está criando sua própria bomba atômica (todos os meus amigos ditadores têm armas atômicas, reclama o protagonista, como uma criança birrada, à certa altura). Para evitar um ataque da ONU, ele precisa ir a Nova York fazer uma declaração. É quando sofre um atentado e é substituído por um sósia. O filme desconstrói as expectativas, fazendo o expectador torcer por um odioso ditador.

Difícil destacar qual a melhor cena. Talvez aquela em que o ditador muda o dicionário, trocando várias palavras pelo seu nome, inclusive positivo e negativo (o médico, com o resultado de um exame na mão pergunta ao paciente se ele quer a informação Aladim ou Aladim) ou aquela em que o ditador precisa aliviar os bolsos de peso e se descobre que ele levou uma garrafa de água de coco, três bananas e dois tijolos, ou a cena em que ele defende os benefícios da ditadura, mas parece estar falando da democracia americana.

Outra comédia politicamente incorreta que vale o registro é Ted, dirigido por Seth MacFarlane (do desenho Uma Família da Pesada), que se tornou famoso depois de o deputado Protógenes Queiroz o assistir com seu filho de 12 anos e pedir a proibição do mesmo.

O filme conta a história de um garotinho solitário que, na noite de Natal, pede ao Papai Noel que seu ursinho de pelúcia ganhe vida. Já adulto, John (Mark Wahlberg) precisa decidir entre manter a amizade de infância com um Ted que usa maconha, bebe e vive com prostitutas, ou o namoro com Lori Collins (Mila Kunis).

É um filme sobre amizade, responsabilidade e desejos. Na analogia com a teoria freudiana, Ted é o ID, o instinto, a realização dos desejos do protagonista. Quando seu dono é criança isso se revela, por exemplo, em passar o tempo jogando videogame ou assistindo Flash Gordon. Quando este se torna um adulto, a realização passa a ser curtir a vida em baladas, com mulheres, bebidas, etc. Se Ted é o ID, a namorada Lori é o Superego. É ela que chama John às responsabilidades da vida, à preocupação com a carreira e com os deveres sociais. John deverá aprender a equilibar-se entre o ID e o Superego, e é sobre essa premissa que o filme se sustenta.

A força de Ted está toda no roteiro, que consegue arrancar gargalhadas, especialmente dos expectadores mais antenados às referências à cultura pop, como a aparição de Flash Gordon no filme.

Na televisão, finalmente tivemos uma novela que balançou os cânones do gênero. Avenida Brasil, de João Emanuel Carneiro, quebrou com o estereótipo da heroína ingênua boazinha. As ótimas interpretações de Débora Falabela, como uma mocinha disposta a qualquer coisa para conseguir sua vingança, e de Adriana Esteves, no papel de uma vilã carismática, deram tridimensionalidade às personagens e cativaram a audiência, num verdadeiro fenômeno que deve mudar para sempre a cara da teledramaturgia brasileira.

Nessa retrospectiva não poderia faltar um filme pipoca e nessa categoria nenhum outro conseguiu ser tão bom quanto Os Vingadores, de Joss Whedon. O diretor mostrou que é fã de quadrinhos e entende como ninguém a sintaxe das histórias Marvel. Ele explora isso com maestria no filme, desde a inevitável briga entre os heróis ao ardiloso vilão, que, no entanto, se revela tridimensional, ou a Viúva Negra, que se mostra de fato uma espiã de talento. Coroando tudo, a melhor cena pós-créditos de filmes Marvel, dando pistas do vilão da sequência.


Gian Danton
Goiânia, 28/1/2013


Mais Gian Danton
Mais Acessadas de Gian Danton em 2013
01. E Benício criou a mulher... - 19/8/2013
02. Conservadores e progressistas - 29/7/2013
03. Billy Wilder: o mestre do cinema, parte I - 8/4/2013
04. Procure saber: os novos donos da história - 21/10/2013
05. Biocyberdrama: quadrinhos pós-humanos - 20/12/2013


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




QUAESIVI ET NON INVENI
AUGUSTO GUERRIERO
ARNOLDO MONDADORI
(1974)
R$ 10,00



ADOBE DREAMWEAVER CS3: DESENVOLVA SITES POR COMPLETO
EVERALDO ANTONIO DE PAULA; DANILO MINORELLO
VIENA
(2009)
R$ 10,00



WILL & WILL
JOHN GREEN, DAVID LEVITHAN
GALERA
(2015)
R$ 10,00



TERRA DO FOGO
FRANCISCO COLOANE
FRANCIS
(2006)
R$ 10,00



MASSAGEM PSÍQUICA
ROBERTA DELONG MILLER
SUMMUS
(1975)
R$ 10,00



CARTA DE UMA MULHER SEPARADA
R. ROLDAN-ROLDAN
PONTES
(1990)
R$ 10,00



O ENIGMA DE DEUS
ROLIM DE MOURA
L. OREN
(1974)
R$ 10,00



CONTABILIDADE PARA NÃO-CONTADORES
GRAHAM MOTT
MAKRON
(1996)
R$ 10,00



VIVA A INFANCIA! AJUDE SEU FILHO A SER CRIANÇA PARA SE TORNAR UM ADULTO REALIZADO
CRIS POLI
GENTE
(2009)
R$ 10,00



MUITO MAIS QUE 5INCO MINUTOS
KÉFERA BUCHMANN
COMPANHIA DAS LETRAS
(2015)
R$ 10,00





busca | avançada
83745 visitas/dia
2,4 milhões/mês