Clube de Leitura Cult | Eugenia Zerbini | Digestivo Cultural

busca | avançada
72442 visitas/dia
2,4 milhões/mês
Mais Recentes
>>> FESTIVAL CORO NA QUARENTENA
>>> MAB FAAP estará fechado nos próximos dois finais de semana, devido ao Plano SP
>>> Exposição de Pietrina Checcaci é prolongada no Centro Cultural Correios
>>> Escritora Luci Collin participa de encontro virtual gratuito
>>> Máscaras Decoloniais: Dança e Performance (edição bilingue)
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Da fatalidade do desejo
>>> Cuba e O Direito de Amar (3)
>>> Isto é para quando você vier
>>> 2021, o ano da inveja
>>> Pobre rua do Vale Formoso
>>> O que fazer com este corpo?
>>> Jogando com Cortázar
>>> Os defeitos meus
>>> Confissões pandêmicas
>>> Na translucidez à nossa frente
Colunistas
Últimos Posts
>>> Mehmari, Salmaso e Milton Nascimento
>>> Gente feliz não escreve humor?
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
Últimos Posts
>>> Kate Dias vive Campesina em “Elise
>>> Editora Sinna lança “Ninha, a Bolachinha”
>>> “Elise”: Lara Oliver representa Bernardina
>>> Tonus cristal
>>> Meu avô
>>> Um instante no tempo
>>> Salvem à Família
>>> Jesus de Nazaré
>>> Um ato de amor para quem fica 2020 X 2021
>>> Os preparativos para a popular Festa de Réveillon
Blogueiros
Mais Recentes
>>> 12 de Julho #digestivo10anos
>>> The Good Life
>>> A odisseia do homem tecnomediado
>>> A diferença entre baixa cultura e alta cultura
>>> Van Halen 2013
>>> Treehouse
>>> Música em 2004
>>> O pai tá on: um ano de paternidade
>>> Jornalismo em tempos instáveis
>>> Rasgos de memória
Mais Recentes
>>> A Selva do Amor de Roberto Muggiati Seleção pela Record (2003)
>>> Spotlight - Segredos Revelados de The Boston Globe pela Vestígio (2016)
>>> Muito Mais Que 5inco Minutos de Kéfera Buchmann pela Paralela (2015)
>>> 1 Drible 2 Dribles 3 Dribles - Manual do Pequeno Craque Cidadão de Marcelo Rubens Paiva e Jimmy Leroy pela Companhia das Letras (2014)
>>> Exercícios para Manter a Mente Ativa de Anna Puig pela Vozes (2012)
>>> Botânica - Morfologia Interna das Plantas Anatomia de Mário Guimarães Ferri pela Nobel (1984)
>>> Botânica - Morfologia Externa das Plantas de Mário Guimarães Ferri pela Nobel (1983)
>>> Cem Dias Entre Céu e Mar de Amyr Klink pela Companhia das Letras (2004)
>>> Como Ficar Com Rick de Julie Fison pela Agir Now (2016)
>>> O Morro dos Ventos de Vera Lúcia Marinzeck de Carvalho e Antônio Carlos pela Academia (2018)
>>> Hora de Alimentar Serpentes de Marina Colasanti pela Global (2013)
>>> Sexo e vida de A. Willy e colaboradores pela Ibrasa (1961)
>>> Mulheres Que Amam Demais de Robin Norwood pela Siciliano (1998)
>>> A Extraordinária Garota Chamada Estrela de Jerry Spinelli pela Gutenberg (2015)
>>> Comentário bíblico Boradman Vol 12 (Hebreus-Apocalípse) de Adiel Almeida de Oliveira pela Juerp (1990)
>>> Minha Vida Fora de Série - 2ª Temporada de Paula Pimenta pela Gutenberg (2014)
>>> Modesty Blaise - Sabor de Morte de Peter Odonnell pela Record (1969)
>>> Comentário bíblico Boradman Vol 1 (Gênesis-Êxodo) de Adiel Almeida de Oliveira pela Juerp (1986)
>>> Diario em topicos de Rachjel Wilkerson miller pela Sextante (2017)
>>> Espiritismo e Ecologia de André Trigueiro pela Feb (2009)
>>> Comentário bíblico Boradman Vol 11 (II Coríntios-Filemom) de Adiel Almeida de Oliveira pela Juerp (1988)
>>> Os Cadernos de Malte Laurids Brigge de Rainer Maria Rilke pela Inova/Porto (1975)
>>> Stress a seu favor de Drª Susan andrews pela Ágora (2003)
>>> Comentário bíblico Boradman Vol 9 (Lucas-João) de Adiel Almeida de Oliveira pela Juerp (1987)
>>> Sempre às Vezes Nunca - Etiqueta e Comportamento de Fabio Arruda pela Arx (2003)
>>> Me Deixem Em Paz! de Jacqueline Wilson pela Ática (2009)
>>> A Senhora do Jogo de Sidney Sheldon pela Record (2010)
>>> Mulheres de Médicos de Frank G. Slaughter pela Nova Cultural (1988)
>>> Nada Dura para Sempre de Sidney Sheldon pela Record (2007)
>>> O pequeno principe em cordel de Josué Limeira pela CativAR (2017)
>>> She - A chave do entendimento da Psicologia Feminina de Robert A. Johnson pela Mercuryo (1987)
>>> Angel With One Hundred Wings de Daniel Horch pela St Martins Press (2002)
>>> Interferencias contemporaneas de angela prysthon ORG. pela Bagaço (2002)
>>> Seleta em prosa e Verso de Manuel Bandeira pela José Olympio (1986)
>>> Os Sentidos da Paixão de Sérgio Cardoso-marilena Chaui-paulo Leminski... pela Funarte Companhia das Letras (1987)
>>> O Mistério do Cinco Estrelas de Marcos Rey pela Global (2005)
>>> Estudando a mediunidade de Martins Peralva pela Feb (2014)
>>> Novíssimo Dicionário Escolar de Antenor Nascentes pela Ediouro
>>> Dom pedro I- a luta pela liberdade no Brasil e em Portugal... de Neill macaulay pela Record (1986)
>>> Principios essenciais das pessoas altamente eficazes de Stephen r covey pela Sextante (2004)
>>> Primeiros Passos na jornada da Eternidade de J.F Lourenço pela Ibcd (1998)
>>> Apostila workshop urbano curso perícias em avaliação de imóveis. de Caavi pela Caavi (2011)
>>> Stewardship: Choosing Service over Self-Interest de Peter Block pela Berrett-Koehler (1993)
>>> Fuvest 2000 - Literatura de Célia N. A. Passoni pela Núcleo (1999)
>>> Doze Contos Peregrinos de Gabriel Garcia Márquez pela Record (1992)
>>> Outeiro da Glória Marco na História da Cidade do Rio de Janeiro de Jorge de Souza Hue e Outros pela Artepadilla (2015)
>>> Le Voyageur et son Ombre de Nietzsche pela Mediations (1979)
>>> Avenidas da Saúde de Dr Haroldo Shryock pela Casa Publicadora Brasileira (1963)
>>> Livro Anne Whit An E Lucy Maud Bordando com as Estrelas de Lucy Maud Montgomery pela Ciranda Cultural (2021)
>>> O Flâneur - um Passeio Pelos Paradoxos de Paris de Edmund White pela Companhia das Letras (2001)
COLUNAS

Quinta-feira, 21/3/2013
Clube de Leitura Cult
Eugenia Zerbini

+ de 4700 Acessos

- Achei as primeiras páginas contundentes, aquele diálogo entre pai e filho, mas de repente dei de cara com páginas que de certa forma acabaram me cansando. Não sei, muitos detalhes...

- Adjetivos demais.

- Eu comecei bem, mas - sabem? - deixei o livro de lado. Depois de um tempo, peguei de novo e daí foi uma maravilha.

"Giram as tampinhas de suas long necks, o gás escapa dos gargalos com interjeições de desdém, brindam a nada específico.

Me arrependo de não ter ido mais a esse litoral catarinense. Todo mundo ia nos anos setenta. Tua mãe ia antes de me conhecer. Eu que comecei a levar ela pro sul. Uruguai, coisa e tal. Essas praias lá me davam um pouco de agonia. Meu pai morreu pra esses lados de Laguna, Imbituba. Em Garopaba.
Leva alguns instantes para perceber que se trata do avô, morto antes dele nascer".

Começou assim o primeiro encontro de 2013 do Clube de Leituras Penguin-Companhia das Letras, sediado no Espaço Revista Cult. Intermediado por Pedro Schwartz, os oito participantes, durante pouco mais de uma hora, trocaram opiniões sobre o mais recente romance de Daniel Galera (1979), o aclamado Barba Ensopada de Sangue (SP, Cia das Letras, 2012). Nada pareceu constrangê-los no debate de um dos livros mais incensados pela crítica, em 2012 ( O Globo, O Estado de São Paulo, Revista Cult, Valor Econômico). Todos se colocaram à vontade, tendo sido recordado de que se tratava de um grupo de leitores, reunidos para trocar idéias acerca de um livro, não para fazer teoria ou crítica literária. Ninguém se sentiu embaraçado para dizer ou que esse era o primeiro livro que lera de Galera ou até para ressalvar que não havia concluído a leitura. Muitos já haviam lido Cachalote, a graphic novel publicada em 2010. Além do enredo desta última e do livro objeto das discussões da noite, Daniel Galera também é autor de Dentes guardados (2001); Mãos de cavalo(2006); Até o dia em que o cão morreu (2007); e Cordilheira (2008).

Há quem diga que nós nascemos e morremos sozinhos. A leitura também é uma ação solitária. Cada um tem seu ritmo, hábitos, manias. Há os que leem antes de dormir. Para outros, é atividade de fim de semana. Os leitores bissextos preferem ler nas férias... Há os que leem em ônibus e metrô (isso mais comum no exterior, onde o transporte público oferece condições decentes para os usuários). Existem leitores que se dedicam a diversos livros ao mesmo tempo, enquanto outros só começam um quando terminam outro. Tem o grupo que usa marcadores de páginas (alguns, especialíssimos; outros, simples pedaços de papel). Mas, depois de ler um livro, nada mais prazeroso do que comentar sobre o que se leu.

- Eu tiraria aquele fim. Os conceitos são importantes - perdoar e ser perdoado -, mas colocaria as mesmas ideias em alguma reflexão do personagem antes do fim. Tirou o clímax. Depois da cena do resgate da cachorra, não tem mais o que escrever.

- O que eu gostei mesmo foi o jeito que ele escolheu para o narrador. O cara é campeão de triatlo, corre, anda de bicicleta e nada.

- Tem o lance do mar. Em Cordilheira, o mar também é uma presença forte.

-Dizem que é a experiência do próprio escritor. Que ele se retirou para uma praia em Santa Catarina (quem sabe, até mesmo Garopaba) para poder escrever.

"Mais tarde perambula de barriga cheia pela avenida principal e pelas transversais marcando no mapa uma cafeteria, uma ferragem, uma lavanderia expressa, uma parilla uruguaia, até se dar conta de que boa parte daquele comércio é transitório e nasce e morre ao sabor das temporadas de verão. Reparando bem, muitas lojas já fecharam após o Carnaval e algumas estão com as vidraças cobertas de papel pardo ou papelão. Um aviso escrito à mão numa sorveteria artesanal informa que o estabelecimento seguirá funcionando durante o inverno em outra rua. Tudo que não é verão é inverno".

O bom livro sustenta-se por si, sem que seja necessária nenhuma informação sobre o autor. Pelo contrário, Margaret Atwood (1939), em Negociando com os mortos (SP, Rocco, 2004), afirma com sabedoria que não é porque gostamos de foi gras que temos que conhecer o pato. O importante é que em Barba ensopada de sangue o enredo é original e vigoroso. O personagem principal, além de triatleta, sofre de prosopagnosia, distúrbio neurológico que o impede de reconhecer os semblantes dos outros. Às vezes confunde até seu próprio reflexo no espelho. Cria-se, assim, um jogo interessante de identidades e projeções, tudo iluminado por uma fotografia antiga, prova da existência do avô (e sua semelhança física com o neto). Os personagens são bem construídos e os diálogos (em que pese a ausência de sinais travessão ou aspas) bem escritos. Um livro superlativo.

"Tem cinco sujeitos numa das mesas. O bigodudo está atrás do balcão secando os copos com um pano branco. Todos o observam e ninguém diz nada. Ele já não lembra do rosto deles e fica olhando de um para outro, sentindo o sangue escorrer nos olhos, piscando sem parar e franzindo o rosto inchado. Quatro dos cinco usam boné, três são loiros, e mais que isso ele não conseguiu reparar. Põe a mão em volta do queixo e espreme a barba ensopada de sangue de cima para baixo, até a ponta, fazendo escorrer um filete rubro que forma uma pequena poça nas lajotas brancas do pavimento.

Qual de vocês mesmo pegou a minha cachorra?"

Apesar dos elogios de todos, há, contudo, uma voz que indaga ao mediador:

- Supondo que uma editora recebesse os originais dessa obra, sem saber da autoria, será que publicariam, ou melhor, será que se dariam ao cuidado de ler essas mais de 400 páginas, com descrições detalhadas, exaustivas, que ocupam parágrafos e mais parágrafos, sem o respiro de nenhum diálogo?
A resposta não vem, lembrando-se apenas de que o primeiro capítulo, antes do lançamento do livro, já havia sido publicado na edição da revista Granta dedicada aos 20 melhores jovens autores brasileiros. Além disso, os direitos autorais do Barba ensopada de sangue, mesmo antes da publicação no Brasil, já haviam sido vendidos no exterior. De todo modo é uma saga familiar, com um não sei o quê de mítico, contada de um jeito único.

- Voltando à questão do mar, guardei uma frase do livro: "o mar é o útero ao contrário".

- É, mas eu fiquei me perguntando: Bonobo não morreu em Mãos de Cavalo? Por que ele reaparece agora, numa história completamente diferente? E os enredos não batem. Não pode ser aquele, o mesmo Bonobo.

- Vai ver que o autor gosta do nome. Usou lá e repetiu aqui. Só isso.

Para o próximo encontro (25 de março de 2013, das 20 às 21 horas)l, ficou acertado que o livro será Os Enamoramentos (SP, Cia das Letras, 2012) de Javier Marias (1951). Inscrições pelo e-mail [email protected]


Eugenia Zerbini
São Paulo, 21/3/2013


Mais Eugenia Zerbini
Mais Acessadas de Eugenia Zerbini em 2013
01. Anna Karenina, Kariênina ou a do trem - 21/2/2013
02. Era Meu Esse Rosto - 18/4/2013
03. Clube de Leitura Cult - 21/3/2013
04. Livros na ponta da língua - 24/1/2013
05. Clube de leitura da Livraria Zaccara: um ano! - 23/5/2013


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Curso Básico de Regulação Controle Avaliação e Auditoria do Sus
Ministério da Saúde
Ministério da Saúde
(2006)
R$ 49,16



A Imaginação Sociológica
C. Wright Mills
Zahar
(1969)
R$ 160,30
+ frete grátis



Sociologia Geral - PLT 254
Reinaldo Dias
Alinea
(2010)
R$ 15,00



Rumo á Alemanha
Regina Drummond
Salesiana
(2008)
R$ 7,00



Médicos Escritores
Waldomiro Manfroi
Rafael Martins Trombetta
(2013)
R$ 15,00



Reforma do Ensino Primário e Várias Insituições Complementares da I...
Rui Barbosa
Fundação Casa de Rui Barbosa
R$ 52,53



Democracia e Formação dos Juízes
Instituto dos Advogados Brasileiros
Destaque
(1997)
R$ 24,82



A Vida Sexual de Robinson Crusoé
Michel Gall
Brasiliense
(1986)
R$ 5,00



O Amor Jamais Acabará (1 Cor 13, 8)
Varios Autores
Paulinas
(2008)
R$ 5,60



Literaturas & Língua: uma Visão Acadêmica
Angela Cristina de Souza Rego
Oficina
(2006)
R$ 10,00





busca | avançada
72442 visitas/dia
2,4 milhões/mês