Imitação da Vida e as barreiras da intolerância | Carla Ceres | Digestivo Cultural

busca | avançada
39401 visitas/dia
1,4 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS

Quinta-feira, 3/10/2013
Imitação da Vida e as barreiras da intolerância
Carla Ceres

+ de 3500 Acessos

O romance Imitação da Vida, uma história lacrimogênia sobre duas amigas, uma negra e a outra branca, lutando para criar suas filhas, foi publicado em 1933, pela escritora norte-americana Fannie Hurst. Agradou tanto ao público que, no ano seguinte, ganhou sua primeira adaptação cinematográfica, sob a direção de John M. Stahl. A segunda versão para o cinema, com o diretor Douglas Sirk, surgiu em 1959. Ambos os filmes fizeram grande sucesso e ainda hoje são lembrados em discussões sobre racismo, machismo e preconceito social.

A série de TV Mad Men, que estreou em julho de 2007 e retrata o mundo dos publicitários da avenida Madison, em Nova York, durante a década de 1960, provocou uma onda de interesse por propagandas antigas e seus conteúdos preconceituosos. Incrédulas, muitas pessoas procuraram parentes e amigos mais velhos para saber se o papel humilhante reservado às mulheres e aos negros, há cerca de 50 anos, era aquele mesmo ou se havia exagero naqueles anúncios. A resposta foi: "Era daí pra pior. Você nunca viu Imitação da Vida?" Assim os filmes ganharam um novo público.

Em 2008, para comemorar o Mês da História Negra, a revista Time publicou uma lista feita pelo crítico Richard Corliss, com os 25 filmes que "derrubaram as barreiras da intolerância". O primeiro Imitação da Vida, de 1934, marcou presença. Esse filme em preto e branco é mais fiel ao livro de Fannie Hurst. Conta a história da viúva branca Bea Pullman (Claudette Colbert) que luta para sustentar sua filhinha, também branca, Jessie. Por sorte, Bea encontra Delilah Johnson (Louise Beavers), uma ótima cozinheira negra que se oferece para trabalhar como empregada e babá em troca de um lugar para morar com sua filhinha Peola, cuja pele é tão clara que "parece branca".

As duas mulheres se tornam muito amigas e trabalham juntas para abrir um restaurante onde vendem as excelentes panquecas feitas segundo a receita secreta de Delilah. Depois de anos labutando juntas, Bea aceita a sugestão de um amigo e começa a vender a "Farinha para Panquecas da Tia Delilah" em caixas. Torna-se, assim, uma rica empresária. Delilah recebe 20% dos lucros, também está rica, mas prefere continuar como doméstica e babá na casa de Bea. Desde pequena, Peola, a filha de Delilah, aproveita sua pele clara para tentar "se passar por branca" ainda que, para isso, precise renegar a própria mãe.

Na época em que foi lançado, muitos negros reclamaram que o filme apresentava Delilah como uma caricatura da babá negra afetuosa, subserviente e ingênua por natureza. Eles estavam certos. Leitores modernos do livro de Fannie Hurst se queixam da mesma coisa, esperavam mais atitude do personagem. Outros não entendem bem qual era a importância de ser considerado negro na época. Vale lembrar que os estados do Sul dos Estados Unidos tiveram rígidas leis segregacionistas, que proibiam os negros de frequentar certos lugares e de se casar com brancos. Para aplicar essas leis, entretanto, era necessário determinar quem era de qual "raça".

"A lei do estado da Virgínia definia uma pessoa negra como alguém com 1/16 de ascendência africana. Já a Flórida definia uma pessoa negra como alguém com 1/8 de ascendência africana. O estado do Alabama dizia que você é negro se tiver qualquer ascendência negra, qualquer ascendência africana que seja. Mas sabe o que isso significa? Você pode cruzar uma fronteira estadual e literalmente, legalmente mudar de raça", comenta o historiador James Horton no documentário Race: the power of an illusion.

Na nova versão em cores, de 1959, a história mudou bastante. As lutas pelos direitos civis dos afro-americanos não permitiriam uma Delilah recebendo meros 20% de um negócio que merecidamente levava seu nome. A trama gira em torno de Lora Meredith (Lana Turner), uma viúva loira e linda que luta para criar sua filha Susie e se tornar uma estrela da Broadway, e sua empregada e amiga Annie Johnson (Juanita Moore), uma negra que cria sozinha uma filha, Sarah Jane, que poderia e pretende "se passar por branca".

Luxuoso e elegante ao extremo, o filme foi mal recebido pelos críticos que o consideraram um dramalhão. O público, entretanto, adorou. A questão do racismo continuava presente, mas, dessa vez, tratada de uma forma que agradou aos espectadores negros. A novidade que estarrece os espectadores jovens de hoje em dia é o grau de machismo na história. Talvez também por isso, ainda gere tanta discussão. Digam os críticos o que disserem, estejam eles certos ou não, Imitação da Vida é um clássico e os problemas que levanta ainda não foram bem resolvidos.

Nota do Editor
Carla Ceres mantém o blog Algo além dos Livros. http://carlaceres.blogspot.com/


Carla Ceres
Piracicaba, 3/10/2013


Quem leu este, também leu esse(s):
01. A jornada do herói de Gian Danton
02. Sobre e-books e caipiras de Yuri Vieira
03. A rentável miséria da literatura de Lucas Carvalho Peto
04. Você cumpre as promessas de final de ano? de Débora Carvalho
05. Sobre jabutis, o amor, a entrega de Elisa Andrade Buzzo


Mais Carla Ceres
Mais Acessadas de Carla Ceres em 2013
01. Histórias de gatos - 4/4/2013
02. Um livro canibal - 9/5/2013
03. Autodidatas e os copistas da vez - 7/2/2013
04. Em busca de cristãos e especiarias - 7/11/2013
05. Brasileiros aprendendo em inglês - 17/1/2013


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




FRIEZA BURGUESA E EDUCAÇÃO
ANDREAS GRUSCHKA
AUTORES ASSOCIADOS
(2014)
R$ 55,00



LILI, LIBERDADE
GONZALO MOURE TRENOR
PAULINAS
(1999)
R$ 6,10



O SERTÃO, O BOI E A SECA MARANHÃO, PIAUÍ, CEARÁ E RIO GRANDE DO NORTE
DIAULAS RIEDEL ORGANIZAÇÃO
CULTRIX
(1960)
R$ 14,00



LITERATURA BRASILEIRA - SÍNTESE HISTÓRICA
DINO F. FONTANA
SARAIVA
(1968)
R$ 15,00



NO MUNDO DO BOXE 2ª EDIÇÃO - 842
JUVENAL QUEIROZ
WEJARTE COMPOSIÇÕES
(1989)
R$ 12,00



O NOME DA ESTRELA
MAUREEN JOHNSON; LARISSA HELENA
FANTASTICA ROCCO
(2015)
R$ 10,00



DANO MORAL E O DIREITO DO TRABALHO
VALDIR FLORINDO
LTR (SP)
(1996)
R$ 11,82



FOI-SE O MARTELO
BEM LEWIS
RECORD
(2014)
R$ 53,00



PRIMEIRO O MAIS IMPORTANTE - FIRST THINGS FIRST
STEPHEN R. COVEY
CAMPUS
(1995)
R$ 45,00



CURRICULUM: POESIA
MARIA HELENA VENTURA
ESCRITOR
(1999)
R$ 20,10





busca | avançada
39401 visitas/dia
1,4 milhão/mês