Pelo meio de Os Sertões | Carla Ceres | Digestivo Cultural

busca | avançada
29791 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Leminski, estações da poesia, por R. G. Lopes
>>> Crônica em sustenido
Colunistas
Últimos Posts
>>> Banco Inter É uma BOLHA???
>>> Não Aguento Mais a Empiricus
>>> Nubank na Hotmart
>>> O recente choque do petróleo
>>> Armínio comenta Paulo Guedes
>>> Jesus não era cristão
>>> Analisando o Amazon Prime
>>> Amazon Prime no Brasil
>>> Censura na Bienal do Rio 2019
>>> Tocalivros
Últimos Posts
>>> O céu sem o azul
>>> Ofendículos
>>> Grito primal V
>>> Grito primal IV
>>> Inequações de um travesseiro
>>> Caroço
>>> Serial Killer
>>> O jardim e as flores
>>> Agradecer antes, para pedir depois
>>> Esse é o meu vovô
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O apanhador no campo de centeio
>>> Curriculum vitae
>>> O Salão e a Selva
>>> Ed Catmull por Jason Calacanis
>>> Por que a Geração Y vai mal no ENEM?
>>> Por que a Geração Y vai mal no ENEM?
>>> A massa e os especialistas juntos no mesmo patamar
>>> Entrevista com Jacques Fux, escritor e acadêmico
>>> Nuno Ramos, poesia... pois é
>>> Literatura e interatividade: os ciberpoemas
Mais Recentes
>>> Constituição da República Federativa do Brasil de Senado Federal pela Senado Federal (2006)
>>> Eterna Sabedoria de Ergos pela Fraternidade Branca Universal do Arcanjo Mickael (1974)
>>> Leasing Agrário e Arrendamento Rural como Opção de Compra de Lucas Abreu Barroso pela Del Rey/ Belo Horizonte (2001)
>>> Contratos Internacionais de Seguros de Antonio Marcio da Cunha Guimarães pela Revista dos Tribunais (2002)
>>> Amor de Perdição / Eurico, o Presbítero de Camilo Castelo Branco / Alexandre Herculano pela Círculo do livro (1978)
>>> Carajás de Paulo Pinheiro pela Casa Publicadora Brasileira (2007)
>>> Menopausa de Diversos pela Nova Cultural (2003)
>>> Guia de Dietas de Diversos pela Nova Cultural (2001)
>>> Seguros: Uma Questão Atual de Coordenado pela EPM/ IBDS pela Max Limonard (2001)
>>> O Significado dos Sonhos de Diversos pela Nova Cultural (2002)
>>> A Dieta do Tipo Sanguíneo - A B O AB de Peter J. D'Adamo pela Campus (2005)
>>> Cem Noites - Tapuias de Ofélia e Narbal Fontes pela Ática (1982)
>>> Direito do Trabalho ao Alcance de Todos de José Alberto Couto Maciel pela Ltr (1980)
>>> Manon Lescaut de Abade Prévost pela Ediouro (1980)
>>> A Reta e a Curva: Reflexões Sobre o Nosso Tempo de Riccardo Campa (com) O. Niemeyer (...) pela Max Limonard (1986)
>>> Introdução às Dificuldades de Aprendizagem de Vítor da Fonseca pela Artes Médicas (1995)
>>> Dos Crimes Contra a Propriedade Intelectual: Violação... de Eduardo S. Pimenta/ Autografado pela Revista dos Tribunais (1994)
>>> O Cortiço de Aluísio Azevedo pela Ática (1988)
>>> A Voz do Mestre de Kahlil Gibran pela Círculo do livro (1973)
>>> O Jovem e seus Assuntos de David Wilkerson pela Betânia (1979)
>>> Emília no País da Gramática de Monteiro Lobato pela Brasiliense (1978)
>>> The Art Direction Handbook for Film de Michael Rizzo pela Focal Press (2005)
>>> A Escrava Isaura de Bernardo Guimarães pela Melhoramentos (1963)
>>> O Grande Conflito de Ellen G. White pela Casa Publicadora Brasileira (1983)
>>> Filosofia do Espírito de Jerome A. Shaffer pela Zahar (1980)
>>> Muito Além das Estrelas de Álvaro Cardoso Gomes pela Moderna (1997)
>>> A Grande Esperança de Ellen G. White pela Casa Publicadora Brasileira (2011)
>>> É Fácil Jogar Xadrez de Cássio de Luna Freire pela Ediouro (1972)
>>> O Espião que saiu do Frio de John Le Carré pela Abril cultural (1980)
>>> A Primeira Reportagem de Sylvio Pereira pela Ática (1988)
>>> Distúrbios Psicossomáticos da Criança de Haim Grunspun pela Atheneu
>>> Aprenda Xadrez com Garry Kasparov de G. Kasparov pela Ediouro (2003)
>>> Poemas para Viver de P. C. Vasconcelos Jr. pela Salesiana Dom Bosco (1982)
>>> A Casa dos Bronzes de Ellery Queen pela Círculo do livro (1976)
>>> Warcraft Roleplaying Game de Christopher Aylott e outros pela Blizzard / Arthaus / wizards (2004)
>>> A Dama do Lago de Raymond Chandler pela Abril cultural (1984)
>>> ABC do Vôo Seguro de Manoel J. C. de Albquerque Filho pela O Popular (1981)
>>> A Relíquia de Eça de Queirós pela Klick (1999)
>>> Manual Completo de Aberturas de Xadrez de Fred Reinfeld pela Ibrasa (1991)
>>> Para Sempre - Os Imortais - volume 1 de Alyson Noel pela Intrínseca (2009)
>>> A Máscara de Dimítrios de Eric Ambler pela Abril cultural (1984)
>>> Rômulo e Júlia - Os Caras-Pintadas de Rogério Andrade Barbosa pela Ftd (1993)
>>> O Nariz do Vladimir de José Arrabal pela Ftd (1989)
>>> Perigosa e Fascinante de Merline Lovelace pela Nova Cultural (2002)
>>> Brincar de Viver de Maggie Shayne pela Nova Cultural (2001)
>>> O Grande Conquistador de Rita Sofia Mohler pela Escala (1978)
>>> Comédias para se Ler na Escola de Luis Fernando Veríssimo pela Objetiva (2001)
>>> As 21 Irrefutáveis Leis da Liderança de John C. Maxwell pela Agir (2007)
>>> Dungeon master guide de Jonathan Tweet / Skip Williams pela Core Rulebook II (2000)
>>> Disfunção Cerebral Mínima de Antonio Branco Lefévre - Beatriz Helena Lefevre pela Sarvier (1983)
COLUNAS

Quinta-feira, 12/12/2013
Pelo meio de Os Sertões
Carla Ceres

+ de 3400 Acessos

Alguns livros exigem tanto de seus leitores em termos de vocabulário, prática de leitura e bagagem cultural que chega a parecer pedantismo afirmar que gostamos deles. Isso acontece porque obras complexas costumam reunir, além se um seleto grupo de verdadeiros apreciadores, uma horda arrogante, que mal passou das primeiras páginas, mas jura ter lido, entendido e adorado cada vírgula.

O Ulisses, do escritor irlandês James Joyce, poderia disputar o record mundial na modalidade "reunião de falsos fãs". A literatura brasileira, porém, não deixa de contribuir com o fenômeno. Grande sertão: veredas, de Guimarães Rosa, e Os sertões, de Euclides da Cunha, já levaram muitos alunos do colegial à suspeita de que todo livro contendo "sertão" no título seja incompreensível e, como diria Euclides, aspérrimo. Certos professores, por sua vez, glorificam essas obras-primas das quais só conhecem trechos, resumos, versões simplificadas, adaptações para televisão, cinema ou quadrinhos.

Livros difíceis costumam deixar o leitor numa sinuca de bico. Se não leu, é um ignorante; se admite que começou a ler e desistiu, é burro; se diz que gostou, é mentiroso e/ou esnobe. Já passei por essas três situações com vários livros. Venho de uma família de leitores que me permitia pegar o que quisesse nas estantes de casa. Aos dez anos, saltei de Monteiro Lobato para A política, de Aristóteles. O aviso do meu pai foi "Esse livro é bom, mas você ainda vai precisar ler muitos outros antes de conseguir gostar dele. Claro que pode tentar ler agora, mas, se achar chato, troque por outro". Dito e feito: li um pouquinho, não entendi nada e guardei a filosofia pra depois, sem traumas.

Quem tentou enfrentar Os sertões e desistiu tem toda a minha simpatia porque fiz o mesmo algumas vezes, até entender que estava abordando a obra pelo trecho mais inóspito aos leitores modernos. O livro se divide em três partes: A terra, O homem e A luta. Começar pelo começo é pedir para desanimar. A terra parece mais um texto acadêmico a respeito do sertão do que um romance. Descreve em minúcias o relevo, o solo, a flora, a fauna, os ciclos das secas. Tudo muito novo e interessante para o leitor de 1902, ano em que Euclides lançou sua obra-prima.

Vale lembrar que, durante a Guerra de Canudos (1896-1897), nem o próprio exército brasileiro conhecia direito a região. A estrada do Calumbi, que encurtou em mais de um dia a marcha das tropas pelo sertão, só foi descoberta após milhares de mortes, graças a "informações de alguns vaqueiros leais". Acontece, porém, que o leitor atual vê imagens do semiárido nordestino desde a infância. Estudamos relevo, clima, vegetação e tipos humanos de todas as regiões do Brasil com a ajuda de filmes. Se quisermos saber como é um determinado traje típico, basta procurar na internet. Ninguém precisa descrevê-lo para nós nem nos explicar a função das peças que o compõem. Uma foto nos aviva a memória porque já vimos essas roupas em uso, em alguma telenovela regionalista ou de época.

Por esses e outros motivos, concordo com o antropólogo Darcy Ribeiro: "Para ler Os Sertões, salte a primeira parte, A Terra, ultrapassada, pretensiosa e chata, mas leia". Comece direto por O homem e vá se acostumando, aos poucos, com o estilo, o vocabulário e as teorias científicas atualmente descartadas que Euclides utilizou para contar a história da Guerra de Canudos.

Fiel à ciência de sua época mesmo diante de fatos que a contradiziam, o autor acreditava na existência de raças superiores e inferiores, bem como na de sub-raças retardatárias. Seu coração, porém, toma o partido dos sertanejos, "nossos patrícios retardatários", que, embora fanáticos e supersticiosos, demonstravam bravura, nobreza, inteligência, esperteza, força, lealdade e heroísmo. Encanta-se com os feitos dos jagunços "caçadores de exércitos" e ironiza os inúmeros erros das expedições militares que marcharam para combatê-los e falharam miseravelmente.

Mesmo começando pelo meio, Os sertões está longe de ser um livro fácil. Os termos técnico-científicos atrapalham; o texto, cheio de explicações dentro de explicações, desorienta; os superlativos eruditos desse escritor sapientíssimo tornam certas passagens acérrimas. Isso ainda não é motivo para desistir. A obra é excelente. Seria covardia abandoná-la sem luta. Além do mais, nós temos a internet, onde podemos, sem custo algum, ler o texto integral e, também, ouvi-lo em uma gravação LibriVox. Basta decidir por onde se deseja começar. Prefere ouvir desde o começo ou a partir de O homem (section 06)? Claro, nem todo mundo vai conquistar Os sertões, mas, se você já leu muitos livros, pode ser conquistado e se interessar até pela primeira parte.

Nota do Editor
Carla Ceres mantém o blog Algo além dos Livros. http://carlaceres.blogspot.com/


Carla Ceres
Piracicaba, 12/12/2013


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Manual para revisores novatos de Ana Elisa Ribeiro
02. Carta ao(à) escritor(a) em sua primeira edição de Ana Elisa Ribeiro
03. Nobel, novo romance de Jacques Fux de Jardel Dias Cavalcanti
04. Uma suposta I.C. de Elisa Andrade Buzzo
05. Claudio Willer e a poesia em transe de Renato Alessandro dos Santos


Mais Carla Ceres
Mais Acessadas de Carla Ceres em 2013
01. Histórias de gatos - 4/4/2013
02. Um livro canibal - 9/5/2013
03. Autodidatas e os copistas da vez - 7/2/2013
04. Educando as velhas gerações - 28/2/2013
05. Em busca de cristãos e especiarias - 7/11/2013


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




ESCOLHAS ESCOLARES, HERANÇAS SOCIAIS: ORIGENS, EXPECTATIVAS
CRISTINA GOMES DA SILVA
CELTA
(1999)
R$ 4,00



CINQUENTA TONS MAIS ESCUROS
E. L. JAMES
INTRÍNSECA
(2012)
R$ 35,90



UM NOVO AMANHECER
RITA DE CÁSSIA
EMC
(1998)
R$ 4,07



DICIONÁRIO ESCOLAR INGLÊS-PORTUGUÊS PORTUGUÊS-INGLÊS
OSWALDO SERPA
FAE
(1992)
R$ 18,00



AS HORAS DO DECLÍNIO VOL 173 COL . CAMINHO FICÇÃO CIENTÍFICA
JOÃO BOTELHO DA SILVA
CAMINHO
(1996)
R$ 44,00



CÁLCULO VETORIAL
R. BRICARD
AO LIVRO TÉCNICO
(1958)
R$ 28,82



LEONARDO DA VINCI
TONY HART & SUSAN HELLARD
CALLIS
(2007)
R$ 27,00



O DESENVOLVIMENTO DO SER HUMANO
ERIC RAYNER
EDIÇÕES 70
(2000)
R$ 11,00



TARO O JOGO DA VIDA FELICIDADE DESTINO E DIVINACAO
MANTOVANNI,ANDRE
GHEMINI - ALFABETO
(2017)
R$ 23,94



AMOR E SEXUALIDADE
MOACIR COSTA
GENTE
(1994)
R$ 4,98





busca | avançada
29791 visitas/dia
1,1 milhão/mês