Philomena | Marta Barcellos | Digestivo Cultural

busca | avançada
79144 visitas/dia
2,4 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Projeto 8x Hilda reúne obra teatral de Hilda Hilst em ciclo de leituras online
>>> Afrofuturismo: Lideranças de de Angola, Cabo Verde e Moçambique debatem ecossistemas de inovação
>>> Ibraíma Dafonte Tavares desvenda preparação e revisão de texto
>>> O legado de Roberto Burle Marx é tema de encontro online
>>> Sala MAS/Metrô Tiradentes - Qual é a sua Cruz?
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Da fatalidade do desejo
>>> Cuba e O Direito de Amar (3)
>>> Isto é para quando você vier
>>> 2021, o ano da inveja
>>> Pobre rua do Vale Formoso
>>> O que fazer com este corpo?
>>> Jogando com Cortázar
>>> Os defeitos meus
>>> Confissões pandêmicas
>>> Na translucidez à nossa frente
Colunistas
Últimos Posts
>>> Mehmari, Salmaso e Milton Nascimento
>>> Gente feliz não escreve humor?
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
Últimos Posts
>>> Kate Dias vive Campesina em “Elise
>>> Editora Sinna lança “Ninha, a Bolachinha”
>>> “Elise”: Lara Oliver representa Bernardina
>>> Tonus cristal
>>> Meu avô
>>> Um instante no tempo
>>> Salvem à Família
>>> Jesus de Nazaré
>>> Um ato de amor para quem fica 2020 X 2021
>>> Os preparativos para a popular Festa de Réveillon
Blogueiros
Mais Recentes
>>> A discreta crise criativa das novelas brasileiras
>>> Um post sem graça
>>> Política em perguntas
>>> Os Estertores da Razão
>>> Encontro com Marina Silva
>>> Palavrões
>>> Pequena poética do miniconto
>>> Memórias de um caçador, de Ivan Turguêniev
>>> O número um
>>> Casa, poemas de Mário Alex Rosa
Mais Recentes
>>> Os Dez Mandamentos. Princípios Divinos Para Melhor Seus Relacionamentos. de Loron Wade pela Casa Publicadora Brasileira (2007)
>>> Esperança Para A Família. O Caminho Para Um Final Feliz de Willie E Elaine Oliver - Alejandro Bullón pela Casa Publicadora Brasileira (2018)
>>> Viva Com Esperança. Segredos para ter saúde e qualidade de vida. de Mark Finley - Peter Landless pela Casa Publicadora Brasileira (2014)
>>> Esperança Para Viver. O VERDADEIRO CAMINHO DA FELICIDADE. de Ellen G. White. pela Casa Publicadora Brasileira (2007)
>>> Esperança Viva. Uma Escolha Inteligente de Ivan Saraiva pela Casa Publicadora Brasileira (2016)
>>> Cascão 360 - Outubro/2000 - Uma Folha De Jornal, Mil Idéias na cabeça de Maurício de Sousa pela Globo (2000)
>>> Chico Bento 354 - Agosto/2000 - O Fenômeno de Maurício de Sousa pela Globo (2000)
>>> Magali 185 - Julho/1996 - Gato De Guarda - Editora Globo de Maurício de Sousa pela Globo (1996)
>>> Ed & Lorraine Warren Lugar sombrio de Carmen Reed e AL snedeker & Ray Garton pela Darkside (2021)
>>> 1822 de Laurentino Gomes pela Nova Fronteira (2010)
>>> A cabana de William P. Young pela Sextante (2008)
>>> 1808 de Laurentino Gomes pela Planeta (2014)
>>> Eram os Deus Astronautas? de Erich von Daniken pela Edições Melhoramentos (1977)
>>> Pequena Filocalia - O Livro Clássico da Igreja Oriental de Vários Autores pela Paulus (1985)
>>> Os Sertões de Euclides da Cunha pela Nova Cultural (2002)
>>> Búfalo - Zodíaco Chinês de Catherine Aubier pela Pensamento (1982)
>>> Sociologia e Sociedade - Leituras de introdução á Sociologia. de José de Souza Martins pela Livros Tecnicos (1977)
>>> Luz Emergente - A Jornada da Cura Pessoal de Barbara Ann Brennan pela Cultrix (1993)
>>> Os homens dos Pés Redondos de Antônio Torres pela Francisco Alves (1973)
>>> Maça Profana de Wellington Soares pela The Books (2003)
>>> Teologia do Novo Testamento de George Eldon Laad pela Juerp (1985)
>>> Colette - Uma Biografia de Allan Massie pela Casa Maria (1989)
>>> Enigmas Bíblicos Revelados de Ernesto Barón pela Ceg (1998)
>>> Salvador de Sá e aluta pelo Brasil e Angola 1602-1686 Vol. 353 de C. R. boxer pela Ed. da usp (1973)
>>> Relações da Psicanálise com analistas, instituições e pacientes de David Zimmermann pela Artes Médicas (1988)
>>> Os Africanos no Brasil Vol. 9 de Nina Rodrigues pela Companhia Ed. Nacional (1997)
>>> Na Colméia do inferno - 1ª coleção veredas de Pedro Bandeira pela Moderna (1991)
>>> Os libertos: sete caminhos na liberdade de escravos da Bahia no século XIX de Pierre verger pela Corrupio (1992)
>>> Ao passar das caravanas ciganas de Valéria Sanchez Silva Contrucci pela Zenda (1995)
>>> O Jesus Histórico de Otto Borchert pela Sociedade religiosa edições vida nova (1985)
>>> Contra a Maré: Watchman Nee de Angus Kinnear pela Clc (1989)
>>> Encontro Com a Morte de Agatha Christie pela Record (1987)
>>> Por uma sociologia do protestantismo brasileiro de Vários autores pela Umesp (2000)
>>> Liberdade e Exclusivismo: ensaios sobre os batistas ingleses de Zaqueu Moreira de Oliveira pela STBNB edições (1997)
>>> Teologia Oriental: A identidade das igrejas orientais católicas no Codex Canonum Ecclesiarum Orientalum Vol. III de Thodoro Corrêa de Oliveira pela Gráfica (2009)
>>> Introdução ao estudo do novo testamento de Broadus David Hale pela Juerp (1985)
>>> Aquinas - Selected Philosophical Writings de Tomás De Aquino pela Oxford University Press (1993)
>>> Histórias Com Gente Dentro de Guaracy Pinto pela do Autor (2011)
>>> A Morte da Socialite de Guaracy Pinto pela do Autor (2014)
>>> Fort of Apocalypse - Vol. 10 de Yu Kuraishi e Kazu Inabe pela Jbc (2017)
>>> Fort of Apocalypse - Vol. 1 de Yu Kuraishi e Kazu Inabe pela Jbc (2017)
>>> Fort of Apocalypse 2 de Yu Kuraishi e Kazu Inabe pela Jbc (2017)
>>> O Fazedor de Nuvens de Guaracy Pinto pela do Autor (2014)
>>> Yu Yu Hakusho - Volume - 13 de Yoshihiro Togashi pela Jbc (2014)
>>> Yu Yu Hakusho - Volume - 12 de Yoshihiro Togashi pela Jbc (2014)
>>> Yu Yu Hakusho - Volume - 11 de Yoshihiro Togashi pela Jbc (2014)
>>> Yu Yu Hakusho - Volume - 6 de Yoshihiro Togashi pela Jbc (2014)
>>> Yu Yu Hakusho - Volume - 5 de Yoshihiro Togashi pela Jbc (2014)
>>> Yu Yu Hakusho - Volume - 4 de Yoshihiro Togashi pela Jbc (2014)
>>> Yu Yu Hakusho - Volume - 8 de Yoshihiro Togashi pela Jbc (2014)
COLUNAS

Sexta-feira, 7/2/2014
Philomena
Marta Barcellos

+ de 2900 Acessos

A safra de indicados ao Oscar está pródiga em filmes "baseados em fatos reais": Trapaça, Capitão Philips, Clube de compras Dallas, Philomena, 12 anos de escravidão e O lobo de Wall Street. A tendência não chega a ser novidade, e basta lembrar que o grande vencedor de 2013 foi Argo (sobre o resgate de seis diplomatas americanos no Irã, em 1980), sem falar nos lamentos de que dois sólidos representantes do "gênero" - O mordomo da Casa Branca e Walt nos bastidores de Mary Poppins - não tenham sido lembrados pela Academia este ano.

O apelo da "verdade" parece gerar um interesse extra, capaz de alavancar divulgação e bilheteria - nada mais natural nestes tempos em que nos entupimos de "vida real" no Facebook, em reality shows e outros entretenimentos. É curioso notar que, quanto mais inverossímil a história, mais rende o espanto em torno do "sim, aconteceu!", com direito a uma boa exploração sobre o caso ou biografia na qual o filme supostamente se fundou.

A discussão mais emblemática - e ingênua - do tipo tem acontecido em torno de O lobo de Wall Street, já em cartaz no Brasil: será que Scorsese não exagerou? - é o burburinho que ouvimos na saída do cinema. Dá para imaginar o cineasta rindo da pergunta, já que as três horas de seu filme são do mais puro e assumido exagero - uma "estética do excesso" fartamente justificada pela trama.

É como se o público, uma vez que responde prontamente a este apelo do "real", precisasse depois fazer um esforço para relevar a óbvia desconfiança que paira em torno desta produção hollywoodiana: a de ser apenas "ligeiramente inspirada em fatos mais ou menos reais".

Faz bem, o público. Hollywood sabe, como nenhuma outra indústria cinematográfica, não deixar a sua qualidade dramática se comprometer pelas amarras dos fatos (se é fato, por que a redundância do "real"?). No fim, faz sempre ficção, e das boas. Quem quiser diferente que faça documentário - e amargue as bilheterias.

Essa reflexão, com o mérito de funcionar como autoironia, perpassa um dos filmes indicados este ano que certamente não vai ganhar o Oscar: uma pequena pérola chamada Philomena, com estreia marcada para 14 de fevereiro. Sim, o filme se beneficia do "marketing do real", e com uma sinopse suficiente para arrancar lágrimas: trancafiada em um convento, jovem irlandesa é submetida a trabalho escravo para pagar o pecado de ter engravidado e vê seu bebê ser adotado por uma família rica. Apenas cinqüenta anos depois, interpretada por Judi Dench, ela tem coragem de revelar sua história e procurar pelo filho que lhe foi arrancado.

Só que, diante da história lacrimosa, o diretor Stephen Frears preferiu evitar os truques usuais para empanturrar a plateia de emoções, oferecendo-lhe em lugar um biscoito fino que não lhe subestima o paladar. Além de contar, para isso, com dois ingredientes típicos britânicos - humor e comedimento -, ele se vale especialmente do personagem-jornalista Martin Sixsmith (a quem cabe investigar e divulgar a "inverossímil história real") para criar o seu contraponto surpreendente.

É Martin (Steve Coogan) quem cumpre a função, desde o início, de ridicularizar a curiosidade geral por histórias de "interesse humano". Obcecado por objetividade e por "fatos brutos" que não interessam a ninguém, o ex-correspondente da BBC preferia escrever sobre política russa, mas, contrariado, se submete à missão de ajudar Philomena em sua busca e transformar sua história na ficção barata que imagina ser inevitável naquele "gênero" menor. Seu cinismo só é reforçado pelas cobranças da editora sensacionalista e pela credulidade da senhora com quem precisa conviver, aparentemente perdida entre o próprio drama real e as histórias ficcionais açucaradas com as quais preenche a sua vida.

Em uma cena aparentemente solta no filme, o diretor parece testar a paciência do expectador para a tal ficção barata: durante o trajeto percorrido pelo carrinho de aeroporto, Philomena consegue, num só fôlego de animação, detalhar toda a trama do romance que acabara de ler. Com nova ironia, Martin declina da oferta de empréstimo do livro: agradece, mas já tem a sensação de tê-lo lido.

A própria personagem principal, depois de conhecer o destino do filho, questiona o que vale mais a pena: cavoucar uma história real que nunca se revelará completamente nem fará sentido, ao contrário da ficção, ou voltar para a rotina de crenças, culpas e pequenas alegrias, à qual se habituou?

O coração de Martin, claro, vai amolecendo, e os dois personagens aprendem um com o contraponto do outro. Com o suposto clímax revelado cedo demais na trama, numa cena banal de café da manhã, o expectador se flagra inquieto, e quase se envergonha por ter ansiado pelos tais truques da ficção barata. Um sentimento de justiça, no entanto, é irrefreável: OK, Philomena pode até recusar o papel de mocinha (sente-se uma "pecadora", diferente das heroínas de seus livros). Mas há de haver um vilão nesta história! E as freiras más? - tenta achar uma saída a editora sensacionalista.

Stephen Frears vai achar a saída e surpreender com outro clímax. Como o expectador merece. Como a boa ficção merece.

E não me venham perguntar sobre a história real, porque eu não quis saber...



Marta Barcellos
Rio de Janeiro, 7/2/2014


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Como amar as pessoas como se não houvesse amanhã de Ana Elisa Ribeiro
02. As redes sociais e a política de Wellington Machado
03. Convite ao 'por quê?' de Edson Vitoretti
04. Como escrever bem — parte 1 de Marcelo Maroldi


Mais Marta Barcellos
Mais Acessadas de Marta Barcellos em 2014
01. Esquerda x Direita - 24/10/2014
02. Escritor: jovem, bonito, simpático... - 5/9/2014
03. O turista imobiliário - 14/8/2014
04. Quase cinquenta - 14/3/2014
05. Philomena - 7/2/2014


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Vai Amanhecer Outra Vez - Portugues Brasil
Ricky Madeiros
Vida & Consciência
(2003)
R$ 8,00



O seculo da maquina e a permanencia do homem
Euro brandão
G r d
(1992)
R$ 12,00



Serva de Deus Virginia Centurione Bracelli
Mons. Luigi Traveso
Ave-maria
(1961)
R$ 19,76



Penélope, Fazer e Desfazer a História, Partidos, Eleições e Crise D...
António Csoat Pinto
Cosmos
(1998)
R$ 25,68



Dia de Chuva
Nelson Cruz; Ana Maria Machado
Salamandra
(2002)
R$ 16,00



As Campeãs Ocultas
Hermann Simon
Bookman
(2003)
R$ 46,00



Se eu fosse chão
Nuno Camarneiro
Leya
(2016)
R$ 9,99



Cinco Minutos
José de Alencar
L&pm Pocket
(2015)
R$ 10,00



Porém Efervescente
Marcelo Plácido
Inteligência
(2010)
R$ 14,90



O Menino - Leão a Caçada
Zizou Corder
Objetiva
(2005)
R$ 5,00





busca | avançada
79144 visitas/dia
2,4 milhões/mês