Guilherme Carvalhal | Guilherme Carvalhal | Digestivo Cultural

busca | avançada
58257 visitas/dia
1,6 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Sessão Única com Jogo de Escape Game e debate do filme 'Os Bravos Nunca se Calam' em SP
>>> OBRAS INSPIRADAS DURANTE A PANDEMIA GANHAM DESTAQUE NO INSTITUTO CERVANTES, EM SÃO PAULO
>>> Sempre Um Papo com Silvio Almeida
>>> FESTIVAL DE ORQUESTRAS JUVENIS
>>> XIII Festival de Cinema da Fronteira divulga Programação
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Entre Dois Silêncios, de Adolfo Montejo Navas
>>> Home sweet... O retorno, de Dulce Maria Cardoso
>>> Menos que um, novo romance de Patrícia Melo
>>> Gal Costa (1945-2022)
>>> O segredo para não brigar por política
>>> Endereços antigos, enganos atuais
>>> Rodolfo Felipe Neder (1935-2022)
>>> A pior crônica do mundo
>>> O que lembro, tenho (Grande sertão: veredas)
>>> Neste Momento, poesia de André Dick
Colunistas
Últimos Posts
>>> Lula de óculos ou Lula sem óculos?
>>> Uma história do Elo7
>>> Um convite a Xavier Zubiri
>>> Agnaldo Farias sobre Millôr Fernandes
>>> Marcelo Tripoli no TalksbyLeo
>>> Ivan Sant'Anna, o irmão de Sérgio Sant'Anna
>>> A Pathétique de Beethoven por Daniel Barenboim
>>> A história de Roberto Lee e da Avenue
>>> Canções Cruas, por Jacque Falcheti
>>> Running Up That Hill de Kate Bush por SingitLive
Últimos Posts
>>> Nosotros
>>> Berço de lembranças
>>> Não sou eterno, meus atos são
>>> Meu orgulho, brava gente
>>> Sem chance
>>> Imcomparável
>>> Saudade indomável
>>> Às avessas
>>> Amigo do tempo
>>> Desapega, só um pouquinho.
Blogueiros
Mais Recentes
>>> iPad
>>> iPad
>>> iPad
>>> Sátiro e ninfa, óleo s/ tela em 7 fotos e 4 movies
>>> poeta del vacío existencial
>>> Croft & Kidman
>>> Histórias de gatos
>>> Whitesnake, 1987
>>> Por que Dilma tem de sair agora
>>> A árvore da vida
Mais Recentes
>>> Livro - A Ararajuba - Série natureza brasileira 2 de Rubens Matuck pela Biruta (2003)
>>> Arsène Lupin e Victor, da Brigada Anticrime (como novo) de Maurice Leblanc pela Principis (2021)
>>> Livro - Os Pássaros - Coleção Infanto Juvenil de Germano Zullo Albertine pela 34 (2013)
>>> Livro - Betina de Nilma Lino Gomes pela Maza (2009)
>>> Agente em campo (como novo) de John le Carré pela Record (2021)
>>> Fantasma sai de cena (muito bom) de Philip Roth pela Cia das letras (2008)
>>> Gota d’água - Coleção Teatro Hoje de Chico Buarque (Autor), Paulo Pontes (Autor) pela Civilização Brasileira (1977)
>>> Privação Cultural e Educação Pré-Primária de Maria Helena Souza Patto pela Livraria José Olympio (1977)
>>> Lisbela e o Prisioneiro de Osman Lins pela Planeta (2015)
>>> A Franco Maçonaria. Origem Historia e Influencia (raro exemplar) de Robert Ambelain pela Gnose (1990)
>>> O Desmonte de Amarildo Felix pela Patuá (2021)
>>> Diário de um Ladrão de Jean Genet pela Nova Fronteira (2005)
>>> Comédias para se ler na escola de Luis Fernando Verissimo pela Objetiva (2001)
>>> Auto da Barca do Inferno Farsa de Inês Pereira Auto da Índia de Gil Vicente pela Atica (2005)
>>> Eu não disse? (muito bom) de Mauro Chaves pela Perspectiva (2004)
>>> Os Sofrimentos Do Jovem Werther de Johann Wolfgang Von Goethe pela Martins Fontes (1998)
>>> O Quarto Reich (capa dura- ótimo estado) de M. A. Costa pela Livros de guerra (2018)
>>> A Inocência do Padre Brown (raro exemplar) de G. K. Chesterton pela Record
>>> Ventos de Quaresma (muito bom) de Leonardo Padura Fuentes pela Cia das letras (2008)
>>> Perseguido (muito bom) de Luiz Alfredo Garcia-Roza pela Cia das letras (2003)
>>> O Rei De Girgenti (muito bom) de Andrea Camilleri pela Record (2004)
>>> D. Pedro I (Perfis Brasileiros) de Isabel Lustosa pela Companhia das Letras (2006)
>>> Quatro Estações de Stephen King pela Objetiva (2001)
>>> Wicca Gardneriana de Mario Martinez pela Gaia (2005)
>>> O Feitiço do Cinema Ensaios de Griffe Sobre a Sétima Arte de Juan Guillermo D. Droguett e Flavio F. A. Andrade pela Saraiva (2009)
COLUNAS >>> Especial Apresentações

Quinta-feira, 15/8/1985
Guilherme Carvalhal
Guilherme Carvalhal

+ de 2000 Acessos

Me chamo Guilherme Silva Carvalhal de Oliveira. Tenho um sobrenome triplamente agrário, condizente com alguém que nasceu em Itaperuna, cidade do interior do estado do Rio de Janeiro. Não tão agrária também, tendo em vista que a cidade é globalizada. Uma situação interessante, de uma geração que viveu na roça e hoje convive com a alta tecnologia. Meus pais passaram infância na roça com lampião a gás e hoje estão conectados à internet.

Descendo de portugueses, negros, italianos e índios. Meu tataravô chamava Manoel Moço e é um nome típico de histórias de faroeste. Uma tia bisavó contou que o primeiro Carvalhal de nossa linhagem veio fugido de dívidas de Portugal. Um bisavô era filho de um branco e uma negra e foi beneficiado pela Lei do Ventre Livre. Nasceu mulato dos olhos azuis.

Entre avós e bisavós teve costureira, agricultor, dona de pensão, carpinteiro, professora. Teve um bisavô que chegou a ser vereador pela UDN, destoando de todo restante da Câmara que era do PSD. Meus pais são funcionários públicos.

Nasci em 1985, meses após a posse de Sarney. Me formei em jornalismo há alguns anos e agora me formei em administração. Trabalhei com jornalismo em cidades de interior mesmo. Fui repórter, assessor de imprensa (três anos no Sistema Firjan), tive uma empresa de comunicação empresarial, já lancei um site de notícias de Itaperuna e região juntamente a um jornal local. Sem contar os muitos blogs iniciados e abandonados.

Também tenho um trabalho literário. Já lancei quatro romances, As Trigêmeas, Engenharia do Fim da Vida, O Ídolo de Madeira e Berço Esplêndido. Foram tiragens pequenas, mas dá para achar um exemplar ou outro em sebo online. Narrativas interioranas com influência de realismo fantástico e política.

Sempre tive bastante correria para trabalhar. Lidei com jornal diário e era uma agitação louca. Esse ritmo, mesmo que deixando à beira de um infarto, era bacana. Em 2014 eu me preparava para tentar um mestrado em sociologia política quando descobri um problema de saúde relativamente grave, chamado doença de Crohn. Muita coisa mudou, meu ritmo hoje é bem mais devagar e o projeto de mestrado foi adiado.

Entre meu maior interesse sempre esteve o jornalismo cultural, porque sempre acreditei que se o jornalismo pode ocasionar alguma mudança à sociedade, seria ao aproximá-la da cultura. Não que jornalismo político ou policial sejam menos importantes, mas os nomes de Lula e Fernandinho Beira-Mar estão mais na boca do povo do que o de Machado de Assis.

Meu autores preferidos são Graciliano Ramos e Gabriel García Márquez. Graciliano teve um estilo único de escrever, seco, preciso, ao mesmo tempo de uma humanidade grandiosa em tudo que produziu. Gabriel reinventou a América Latina e a maneira como nós a enxergamos e nos enxergamos.

Meus interesses em escrever no Digestivo são focados em literatura, música e cinema. Não tenho a pretensão de achar defeitos ou qualidades no que leio ou em tentar qualificar obra X ou Y, mas em apresentar os produtos culturais ao público. Sou mais um jornalista do que um crítico.


Guilherme Carvalhal
Itaperuna, 15/8/1985


Mais Guilherme Carvalhal
Mais Acessadas de Guilherme Carvalhal
01. Sabemos pensar o diferente? - 21/9/2017
02. Influências da década de 1980 - 30/7/2015
03. A trilogia Qatsi - 15/10/2015
04. Três filmes sobre juventude no novo século - 3/11/2016
05. Aquarius, quebrando as expectativas - 6/4/2017


Mais Especial Apresentações
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Estorvo
Chico Buarque
Companhia das Letras
(1991)



A Clara e a Gema - O Viver na Escola e a Formação de Valores
Paulo Afonso Caruso Ronca
edesplan
(1998)



O Curupira Em uma Dança da Pesada - Bicho do Mato
Jorge Saad
Ftd
(1997)



Mata Atlântica - a Floresta Corre Perigo 1 (2000)
Coleção de Olho no Mundo (recreio)
Abril
(2000)



Metodologia do Trabalho Científico - 21 Ed Revista e Ampliada
Antônio Joaquim Severino
cortez
(2000)



Estatuto da Advocacia e a Ordem dos Advogados do Brasil Codigo de Etic
Luiz Flavio Borges Durso
Oab-sp
(2005)



Reegenharia de Processos
Thomas H. Davenport
Campus
(1993)



Os Pensadores - Xiii - Novum Organum Ou Verdadeiras Indicações...
Francis Bacon
Abril Cultural
(1973)



Os Simpsons e a Ciência
Paul Halpern
Novo Conceito
(2012)



Instrumentos do Tempo
Francisco Cândido Xavier
geem
(1974)





busca | avançada
58257 visitas/dia
1,6 milhão/mês