Diário impertinente | Bruno Garschagen | Digestivo Cultural

busca | avançada
31843 visitas/dia
1,0 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Leminski, estações da poesia, por R. G. Lopes
>>> Crônica em sustenido
>>> Do inferno ao céu
>>> Meninos, eu vi o Bolsonaro aterrando
>>> Manual para revisores novatos
>>> A Copa, o Mundo, é das mulheres
Colunistas
Últimos Posts
>>> 100 nomes da edição no Brasil
>>> Eu ganhei tanta coisa perdendo
>>> Toda forma de amor
>>> Harvard: o que não se aprende
>>> Pedro Cardoso em #Provocações
>>> Homenagem a Paulo Francis
>>> Arte, cultura e democracia
>>> Mirage, um livro gratuito
>>> Lançamento de livro
>>> Jornada Escrita por Mulheres
Últimos Posts
>>> João Gilberto: o mito
>>> Alma em flor
>>> A mão & a luva
>>> Pesos & Contra-pesos
>>> Grito primal II
>>> Calcanhar de Aquiles
>>> O encanto literário da poesia
>>> Expressão básica II
>>> Expressão básica
>>> Minha terra, a natureza viva.
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Cinema é filosofia
>>> Quem é (e o que faz) Julio Daio Borges
>>> Mulher no comando do país! E agora?
>>> YouTube, lá vou eu
>>> YouTube, lá vou eu
>>> Bar azul - a fotografia de Luiz Braga
>>> Eu + Você = ?
>>> Virtudes e pecados (lavoura arcaica)
>>> Pela estrada afora
>>> A vida sem computador
Mais Recentes
>>> Coleção Os Pensadores de Vários pela Abril Cultural (1973)
>>> Passando a Limpo: a Trajetória de um Farsante: História Completa... de Pedro Collor de Mello/ Coord. Dora Kramer pela Record (1993)
>>> Passando a Limpo: a Trajetória de um Farsante: História Completa... de Pedro Collor de Mello/ Coord. Dora Kramer pela Record (1993)
>>> Um Diplomata da Regeneração - O 1º Conde de Villa Franca do Campo de Fernando Abecassis pela Tribuna da Historia (2007)
>>> Inspeção do Trabalho de Nelson Mannrich pela LTr (1991)
>>> Jurupari - Estudos de Mitologia Brasileira de Silvia Maria S. de Carvalho pela Ática (1979)
>>> Sport in the 21st Century de John Mehaffey & Reuters pela Thames & Hudson (2007)
>>> Matemática para economistas de Alpha Chiang pela Unesp (1982)
>>> Memórias do cárcere 3º volume Colônia Correlaccional de Graciliano Ramos pela José Olympio (1954)
>>> As hortaliças na medicina doméstica de A. Balbach pela Edel
>>> Caderno de teses vol.2 28ºCongresso Nacional procuradores Estado de Helena Maria Silva Coelho pela Metropole industria gráfica ltda (2002)
>>> Casais Inteligentes Enriquecem Juntos de Gustavo Cerbasi pela Gente/ SP. (2004)
>>> Ordem Juridico-econômica e trabalho de Ricardo Antonio Lucas Camargo pela Sergio antonio fabris (1998)
>>> Capo Verde. Una storia lunga dieci isole de Marzio Marzot & Maria de Lourdes de Jesus et alii pela D'Anselmi (1989)
>>> Investimentos Inteligentes: Para Conquistar e Multiplicar o seu Primeiro Milhão de Gustavo Cerbasi pela Thomas Nelson do Brasil (2008)
>>> Esquecidos e Renascidos - Historiografia Acadêmica Luso-americana de Iris Kantor pela Hucitec (2004)
>>> Nova York anos 40 de Andreas Feininger pela Museu Lazar Segall (2011)
>>> O Intelectual e o Poder de Eduardo Portella pela Tempo Brasileiro/ RJ. (1983)
>>> Indivíduo e Cosmos na Filosofia do Renascimento de Ernest Cassirer pela Martins Fontes (2001)
>>> Fundamentos Culturales de Civilizacion Industrial de John U. Nef pela Editorial Paidós/ Buenos Aires (1964)
>>> Noções Preliminares de Direito Previdenciário de Wagner Balera pela Quartier Latin (2004)
>>> Salvador Negro Amor de Sérgio Guerra pela Maianga (2007)
>>> Ensaios de Biologia Social - Encadernado de Josué de Castro pela Brasiliense/ SP (1957)
>>> A imprensa na História do Brasil & Fotojornalismo no século XX de Oswaldo Munteal & Larissa Grandi pela Desiderata/PUC (2005)
>>> Roteiro de Macunaíma (Encadernação de Luxo) de M. Cavalcanti Proença/ Autografado pela Ahembi/ SP. (1955)
>>> Alferes Teófilo Olegário de Brito Guerra -Um Memorialista Esquecido de Raimundo Soares de Brito pela Coleção Mossoroense (1980)
>>> HQ Os Grandes Inimigos do Mandrake Nº 2 + A Volta do Camelo de Barro de Lee Falk pela Globo (1989)
>>> Lugar de Fala de Djamila Ribeiro pela Polen (2019)
>>> Administração Financeira Internacional de David K. Eiteman, ArthurStonehill, e Michael Moffett pela Bookman (2002)
>>> HQ Os Grandes Inimigos do Mandrake Nº 1 + o Retorno do Cobra de Lee Falk pela Ebal (1989)
>>> História da Literatura Portuguesa/ Encadernado de Antonio José Saraiva e Oscar Lopes pela Porto Ed.
>>> Cortez -A Saga de Um sonhador de Teresa Sales -Goimar Dantas pela Cortez (2010)
>>> HQ Os grandes inimigos do Mandrake Nº 4 + Os Oito Tentáculos da Morte de Lee Falk pela Ebal (1989)
>>> HQ Rastros de ódio - Revista Cinemin Nostalgia 3 de Diversos Autores pela Ebal (1989)
>>> Regulamento do ICMS do Rio de Janeiro de Ana Cristina Martins Pereira pela Lex (2006)
>>> A cidade do sol de Khaled Hosseini pela Nova froteira (2007)
>>> HQ Revistsa Elipse nº 1 + Crepúsculo dos Super-heróis de David Campiti & Kevin Juaire & Bart Sears pela Ebal (1992)
>>> Cinquenta tons mais escuros de E L James pela Intrínseca (2012)
>>> As mil e uma noites- os corações desumanos de René Khawam pela Brasiliense (1991)
>>> HQ Quem foi? Os prisioneiros de Sulma de Diversos Autores pela Ebal (1982)
>>> Autoritarismo e Participação Política da Mulher de Fanny Tabak pela Graal/ RJ. (1983)
>>> Cartas entre amigos - sobre os medos contemporâneos de Fábio de melo e Gabriel chalita pela Ediouro (2009)
>>> A Civilização Romana de Pierre Grimal pela Edições 70 (2001)
>>> Centenário de José Bezerra Gomes de Joabel R. de Souza pela Fcjbg (2011)
>>> Alienação na Univesidade - a Crise dos Anos 80 de Paulo L. Hoffmann pela Edit. da UFSC (1985)
>>> O castelo da intriga de Paulo Stewart pela Scipicione (1996)
>>> No Tempo dos Faraós (Crianças Na História) de Ginette Hoffmann - Françoise Lebrun pela Scipione (1993)
>>> No Tempo dos Faraós (Crianças Na História) de Ginette Hoffmann - Françoise Lebrun pela Scipione (1996)
>>> As asas do joel de Walcir Carrasco pela Quinteto Editorial (2019)
>>> No Tempo dos Faraós (Crianças Na História) de Ginette Hoffmann - Françoise Lebrun pela Scipione (1998)
COLUNAS

Terça-feira, 19/3/2002
Diário impertinente
Bruno Garschagen

+ de 1500 Acessos

Sim, há vida além das montanhas que sufocam esta cidade (Cachoeiro de Itapemirim é cercada de morros como se houvesse sido construída num buraco. Nada mais apropriado). Mais do que aqui, aliás. Nada mais revigorante - mais até do que uma colher de biotônico Fontoura ou de Power Up - do que visitar cidades com intensa vida cultural.

Estive no Rio de Janeiro Babilônia Salve Salve resolvendo alguns assuntos (não sejam curiosos e indiscretos para querer saber do que se tratavam) e, por alguns dias, esqueci que cumpria pena em Cachoeiro de Itapemirim (uma punição divina, talvez, para quem crê nisso).

No teatro, Casa de Boneca, de Ibsen; exposições de arte gráfica russa e pintores modernistas brasileiros no Centro Cultural do Banco do Brasil; livrarias com ar condicionado simulando o clima de cidades européias e cafés; sebos grandes e com o maravilhoso cheiro de traça e papel velho (sete ótimos livros por quarenta pratas). Banho de civilidade, que seria completo se não fossem a falta de educação do carioca médio, o trânsito infernal, o preço da comida - maldições a atormentar qualquer grande cidade. Entendo agora porque Cachoeiro de Itapemirim era tão ligada culturalmente ao Rio em boa parte do século 19. E os efeitos nefastos desse afastamento nos dias de hoje.

Não pretendo fazer elegia gratuita à capital do Rio de Janeiro, que por uma dessas ironias do destino (e falta de criatividade!) também se chama Rio de Janeiro. Mas sou desses que acreditam que uma sucessão de acontecimentos é um acontecimento seguido do outro, que, no fim, dá em alguma coisa.

Tentarei ser mais didático, como um professor de grego: uma produção cultural pulsante, com todos os artistas estimulados a produzir leva inexoravelmente (e me perdoem o óbvio) à arte de boa qualidade - mesmo que seja em menor grau. Óbvio que leva a produções chinfrins, que até podem ser maioria. O que quero dizer é que um ambiente, digamos, besuntado em arte, propicia a busca de algo melhor, sem essa apatia ou a terrível escolha do menos pior porque é o que existe - Cachoeiro é pródiga nisso. A aceitação do sórdido leva (é incrível essa incrível capacidade de influência do gosto questionável), pasmém, à produção em escala do sórdido. E se o sórdido é o que existe, e se sórdido é considerado bom, logo, o bom é sórdido. Sacaram?

Percorrendo algumas ruas do Rio me senti como numa outra dimensão, acostumado que já estava (afinal fazem cinco longos anos) com o ar insuportável desta waste land capixaba. Tive vontade de parar em vários lugares, sentar no chão e me por a escrever. O ar poluído e quente do centro da cidade parecia até colaborar; a correria nas calçadas me lembrava a todo o instante de que é preciso fazer algo, logo, mesmo que de forma mais lenta para atingir um grau razoável de satisfação com o resultado. Numa cidade do interior quem trilha os caminhos da arte segue sem ceder à tentação da ação - como na frase de Jorge Luis Borges referindo-se a Macedônio Fernandes (quem não conhece, corra para ler). E quando cede, não raro consuma um desastre. Difícil saber o que seria morar numa cidade como o Rio, com todos os defeitos que carrega. Ouço que o estresse não compensa e o que se ganha se gasta na sobrevivência, o que não inclui custos para mim vitais como livros, teatro, cinema, exposições, restaurantes e bares. Como o sujeito pode viver sem essas garantias básicas a uma sobrevivência digna?

Desconheço até que ponto a cantada em prosa e verso violência carioca perturba a vida de quem lá mora. Quem está fora e acompanha tudo pela imprensa, tem a impressão de que o faroeste foi institucionalizado, a exemplos de outras coisas perigosas à saúde, como o piscinão de Ramos, César Maia e Garotinho, o Anthony.

Não vi nada, acho que por sorte. Mas quase roubaram o carro do meu tio quando saía da faculdade. Nada é perfeito, dizem por aí, e eu nunca entendi muito bem o real significado da frase. Tenho um sério problema com ditos populares. Para ser mais preciso, tenho sérias divergências com o popular.

Acreditem, passar uma semana no Rio foi o maior legal (e me perdoem por uma expressão tão juvenil e antiga). Terrível foi desembarcar em Cachoeiro; ver que a cidade continua com aquela clássica arquitetura de reboco exposto; que nenhum motorista utiliza a seta; que o cinema só passa blockbuster; que no teatro só haja peça infantil de gosto questionável; que a única livraria é indecente (de ruim!); que os escritores tenham mais pompa do que circunstância (se é que vocês me entendem); que o modernismo tenha passado por cima da cidade, como os ventos; que o absurdo tenha se tornado moeda comum nas relações profissionais, econômicas, políticas e culturais.

Ainda bem, restam alguns poucos amigos com quem é possível conversar, rir e beber. São pessoas de gerações anteriores a minha, e talvez isso faça a grande diferença entre eu aderir à mediocridade instituída ou buscar olhar sobre os morros ocupados ilegalmente (bom, nunca vi o contrário); são como guias a orientar-me pela estrada sem fronteiras dos que resolvem buscar a graça da vida numa ironia ao riso fácil de uma piada de português.


Bruno Garschagen
Cachoeiro de Itapemirim, 19/3/2002


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Quem entende de História e quem se faz entender de Sergio Amaral Silva


Mais Bruno Garschagen
Mais Acessadas de Bruno Garschagen em 2002
01. O romance da desilusão - 6/8/2002
02. Eu quero é rosetar - 12/2/2002
03. Niilismo e iconoclastia em Thomas Bernhard - 26/2/2002
04. Paz é conto da Carochinha - 28/5/2002
05. Chopin não viu, mas deve ter gostado - 14/5/2002


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




UM IR E VIR COTIDIANO
SIVA BIANCHI
NOVAS EDIÇÕES ACADÊMICAS
R$ 349,00



TRAÍDA SÉRIE HOUSE OF NIGHT - LIVRO 02 8898
P C CAST E KRISTIN CAST
NOVO SÉCULO
(2009)
R$ 10,00



OSTEOPOROSE
M. A. DAMBACHER E E. SCHATCHT
ALFAD
R$ 9,00



MANEJO REPRODUTIVO DE OVINOS DE CORTE (NAS REGIÕES CENTRO-OESTE, NORTE E SUDESTE DO BRASIL)
AURORA MARIA GUIMARÃES GOUVEIA CLÁUDIO JOSÉ BORELA ESPESCHIT E SILVIA LETICIA TARTARI
LK
R$ 63,00



TRAVESSIA REPORTAGEM SOBRE O SERTÃO DE GUIMARÃES ROSA
JULIANA SIMONETTI
LINC
(2010)
R$ 35,00
+ frete grátis



O LIVRO DOS MILAGRES
KEVIN BELMONTE
THOMAS NELSON BRASIL
(2015)
R$ 36,00



POIROT INVESTIGA
AGATHA CHRISTIE
RECORD
(2001)
R$ 10,00



LOVE KISS
GILBERT OAKLEY
DIAMOND STAR
(1970)
R$ 19,82



O GUIA OFICIAL DO CLUB PENGUIN VOL 1
DISNEY
MELHORAMENTOS
(2011)
R$ 4,00



DIREITO PENAL CONCRETO
ANTÔNIO JOSÉ MIGUEL FEU ROSA
CONSULEX
(1992)
R$ 26,82





busca | avançada
31843 visitas/dia
1,0 milhão/mês