Comentários de Cozete Gelli | Digestivo Cultural

busca | avançada
29020 visitas/dia
891 mil/mês
Mais Recentes
>>> CRIANÇAS DE HELIÓPOLIS REALIZAM CONCERTO DE GENTE GRANDE
>>> Winter Fest agita Jurerê Internacional a partir deste final de semana
>>> Coletivo Roda Gigante inicia temporada no Jazz B a partir de 14 de julho
>>> Plataforma Shop Sui dança dois trabalhos no Centro de Referência da Dança
>>> Seminário 'Dança contemporânea, olhares plurais'
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Leminski, estações da poesia, por R. G. Lopes
>>> Crônica em sustenido
>>> Do inferno ao céu
>>> Meninos, eu vi o Bolsonaro aterrando
>>> Manual para revisores novatos
>>> A Copa, o Mundo, é das mulheres
>>> O espelho quebrado da aurora, poemas de Tito Leite
>>> Carta ao(à) escritor(a) em sua primeira edição
>>> Paris branca de neve
>>> A cidade e o que se espera dela
Colunistas
Últimos Posts
>>> Mirage, um livro gratuito
>>> Lançamento de livro
>>> Jornada Escrita por Mulheres
>>> Pensar Edição, Fazer Livro 3
>>> Juntos e Shallow Now
>>> Dicionário de Imprecisões
>>> Weezer & Tears for Fears
>>> Gryphus Editora
>>> Por que ler poesia?
>>> O Livro e o Mercado Editorial
Últimos Posts
>>> É cena que segue...
>>> Imagens & Efeitos
>>> Segredos da alma
>>> O Mundo Nunca Foi Tão Intenso Nem Tão Frágil
>>> João Gilberto
>>> Retalhos ao pôr do sol
>>> Pelagem de flor: AMARELO
>>> Muriel e o vovô
>>> Opção de cada um
>>> Páginas pautadas
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Fritas acompanham?
>>> K 466
>>> O próximo do Woody Allen
>>> Terror em São Paulo
>>> Anna Schwartz sobre a crise
>>> A volta da Mad
>>> Espelho
>>> Syd Barrett no YouTube
>>> Lançamento de livro
>>> Música Folclórica: Bahia Singular e Plural
Mais Recentes
>>> A jangada de pedra de José Saramago pela Record-Altaya (1998)
>>> A grande arte de Rubem Fonseca pela Record - Altaya (1998)
>>> Lembranças da meia-noite de Sidney Sheldon pela Record (2014)
>>> Primeiro amor de Ivan Turguêniev pela Lpm (2008)
>>> A mágica de pensar grande de David J. Schwartz pela Record (1994)
>>> Conviviologia de Ilie Gilbert pela Ibrasa (1979)
>>> O ateneu de Raul Pompeia pela Martin Claret (2000)
>>> Brasíliana da biblioteca Nacional de Paulo Roberto Pereira pela Nova Fronteira (2001)
>>> Interesse Público: Doutrina/ Caderno de Direito Municipal ... de Marco Antonio C. Paixão: Diretor pela Notadez (2000)
>>> Sistemas de Registros de Imóveis (encadernado/ Com Sobre Capa) de Maria Helena Diniz pela Saraiva/ Sp. (1997)
>>> Direito Processual do Trabalho- Curso de Revisão e Atualização de Candy Florencio Thome/ Rodrigo Garcia Schwarz: Coord. pela Elsevier/ Campus (2011)
>>> Livro Como Chegar ao Sim - A negociação de acordos sem concessões de Roger Fisher pela Imago (2005)
>>> Natureza das Normas Sobre Provas de Hermenegildo de Souza Rego pela Revista dos Tribunais/ SP. (1985)
>>> Leasing: Arrendamento Mercantil no Direito Brasileiro de Arnaldo Rizzardo pela Revista dos Tribunais/ SP. (1996)
>>> Técnicas Straight-Wire Simplificada de Messias Rodrigues pela Dental Press (2011)
>>> Dynamics of Complex Systems de Yaneer Bar-Yam pela Perseus Book (2000)
>>> Livro Flor da neve e o leque secreto de Lisa See pela Rocco (2005)
>>> Responsabilidade Civil: Aquiliana.- Contratual e do Estado de Humberto Theodoro Júnior (Autografado) pela Leud; Livr. Ed. Direito (1986)
>>> Livro Jogos para Atores e Nao-atores de Augusto Boal pela Civilização Brasileira (2009)
>>> Prótese Fixa - Atualidades e Perspectivas de Antonio Domingos Bassanta e Danielle S. Bassanta pela Sarvier (1997)
>>> O Manifesto da Economia Digital de Rick Levine - Cristopher Locke - Doc Searls pela Campus (2000)
>>> Euclidean and Non euclidean Geometries Development and History - 3ª edition de Marvin Jay Greenberg pela W.H.freemann (1997)
>>> Livro Shakespeare: Uma Vida de Park Honan pela Companhia das Letras (2001)
>>> As Lições de Outubro de Leon Trotsky pela Global/ SP. (1976)
>>> Relações de Trabalho e Negociação Coletiva na virada de Antonio Carvalho Neto pela Vozes (2001)
>>> Boris Yeltsin: Biografia Política de Vladimir Solovyov / Elena Klepikova pela Rocco/ RJ. (1993)
>>> Livro Dicionário Teórico e Crítico de Cinema de Jacques Aumont pela Papirus (2010)
>>> S. Bernardo de Graciliano Ramos pela Record (2003)
>>> As Mecânicas do Tratamento Ortodôntico e o Aparelho Pré-Ajustado de J. C. Bennett e R. P. McLaughlin pela Artes Médicas (1996)
>>> O Político E As Transformações: Crítica ao Capitalismo e Ideologias da Crise Entre Os Anos Vinte e Trinta de Giacomo Marramao pela Oficina de Livros: Página Aberta (1990)
>>> Livro Cinema e Politicas de Estado - Vol.1 de Melina Izar Marson pela Escrituras (2009)
>>> Psicoterapias: Abordagens Atuais de Aristides Volpato Cordioli: Organizador pela Artmed (1998)
>>> Medicina Intensiva Em Pediatria de Piva & Celiny pela Revinter (2005)
>>> Ensine Ciência a seu Filho de Michael Shermer pela Jsn (2011)
>>> Livro Cinema - Direção de Atores de Carlos Gerbase pela Artes e Ofícios (2010)
>>> O homem que fazia chover de Edson Amâncio pela Barcarolla (2006)
>>> Química - Volume único de João Usberco, Edgar Salvador pela Saraiva (2013)
>>> Sentença Civil: Liquidação e Cumprimento de Luiz Rodrigues Wambier pela Revista dos Tribunais (2005)
>>> A Clínica de Dor - Organização, Funcionamento e Bases Científicas de Antônio Bento de Castro pela Maio (2003)
>>> Livro O Tartufo ou o Impostor de Moliére pela Martin Claret (2005)
>>> Livro Hamlet de William Shakespeare pela Martin Claret (2000)
>>> Livro Dicionário de Teatro de Luiz Paulo Vasconcellos pela L&PM Pocket (2009)
>>> Livro A Águia e a Galinha de Leonardo Boff pela Vozes (2010)
>>> Gorbachiov - Reagan- um Passo para a Paz: Acordos Sobre a Eliminação de Mísseis Firmados entre URSS e EUA de Gorbachiov - Reagan pela Revan (1988)
>>> Livro Shakespeare e a Economia de Gustavo Franco pela Zahar (2009)
>>> Como a Criança Pensa - A psicologia de Piaget e suas aplicações educacionais de Ruth M. Beard pela Ibrasa (1978)
>>> Livro As Alegres Matronas de Windsor de William Shakespeare pela L&PM Pocket (2007)
>>> Itinerário de Pasárgada de Manuel Bandeira pela Nova Fronteira/ RJ. (1998)
>>> Livro Macbeth de William Shakespeare pela L&PM Pocket (2009)
>>> Livro O Doente Imaginário de Moliére pela Martin Claret (2005)
COMENTÁRIOS >>> Comentadores

Segunda-feira, 4/7/2005
Comentários
Cozete Gelli


Escrever até ficar bem...
Quase sempre considero que escrevo mal. Seu texto, delicioso, reforçou minha auto-avaliação. Benevolente, penso que hoje escrevo menos mal que ontem. Resta então resistir ao prazer da leitura como forma de lazer, e passar à rigidez do estudo, da análise, da desconstrução dos textos. Que alento. Trabalho, sem dúvida, mas recompensas futuras acenam. Obrigada. Vou agora ler (meticulosamente) a segunda parte de seu texto...

[Sobre "Como escrever bem — parte 1"]

por Cozete Gelli
4/7/2005 às
02h05 200.227.194.171
 
Há esperança
Bom saber que Gullar volta à baila. Há algum tempo que a poesia vinha obtendo status de gênero literário de menor importância para leitores, e de menor apelo comercial para editores. E não há nada melhor para tempos tão ásperos do que poesia. Ainda que o engajamento seja sublimado em detrimento da sensibilidade...

[Sobre "Nas vertigens de Gullar"]

por Cozete Gelli
9/12/2004 às
12h02 200.168.122.123
 
Jornalismo ou Marketing?
Sempre achei que o ofício de escrever releases - e mais abrangentemente, das próprias assessorias de imprensa - pendesse mais para o marketing do que para o jornalismo. Num mundo ideal (e portanto utópico), caberia ao jornalista a função investigativa, a crítica imparcial, o expressar de opiniões isentas de influências. O release é apenas uma ferramenta de marketing, e deveria ser visto tão somente como um panfleto, uma peça de informação que visa promover este ou aquele produto, mesmo que irresistivelmente bem redigido, embalado e pronto para o consumo. Mas isso, só mesmo em um mundo ideal...

[Sobre "Release: subsídio ou substituto?"]

por Cozete Gelli
27/7/2004 às
12h29 192.168.133.47
 
A Foreign Caetano
Acredito, sim, que paira um movimento para tirar de Caetano sua aura de poeta genial. E não há nada de inconsciente nisto. Diz respeito àquilo a que já me referi antes, à tal roda permanente de modismos, onde tudo que é bom vira ruim, e tudo que era ruim vira bom. Para quem (aqui me incluo) não faz a mínima questão de ostentar o rótulo de moderno e antenado na “basic t-shirt” do dia, Caetano é Caetano. Simples (e monocórdico) assim. Vai na contramão da corrente, soltando um “mesmo” quando esperavam “mais”. Regravou Peninha e Odair José, lançou um CD em inglês no momento em que o mundo execra países de língua inglesa. Sua genialidade tornou-se mais macro, mais estratégica. Mas ainda assim, defendo, genialidade. Menos tímido e nada espalhafatoso, resta a Caetano esperar que a roda incessante dos modismos resolva de novo que ele é bom, é moderno, é genial. Que as bacantes da modernidade terminem pois de degluti-lo, devora-lo, para que daqui há um tempo, Caetano possa, novamente, redentoramente, ser digerido.

[Sobre "Digestivo nº 173"]

por Cozete Gelli
11/6/2004 às
12h18 192.168.133.51
 
Literatura e macarrão-com-tudo
Sempre gostei de cozinhar e de escrever. Desconfio que em ambos os ofícios produzo resultados medíocres, porém corretos. Criei certa vez um prato - não chega a ser uma receita, uma vez que a forma e o conteúdo variam sempre - que apelidei de "macarrão com tudo". Eu era bem mais jovem, e a gororoba servia muito bem para matar a fome pós-balada. Um dia um amigo provou o "macarrão-com-tudo" e disse que eu deveria abrir um restaurante, que aquilo era maravilhoso demais. Creditei o elogio à fome da madrugada e às más disfarçadas intenções do meu amigo de comer não só o macarrão - mas a autora do prato. Com meus escritos não foi diferente - quando tinha coragem de mostrá-los a alguém, choviam elogios, inclusive de um professor que passou a repetir diariamente "você tem que cursar jornalismo, não desperdice este talento..." Os anos passaram... fui a um restaurante caro, aliás um "café" num shopping, para comer a comida-filhote daqueles outros restaurantes carésimos da famiglia... e não é que havia um prato, que muito lembrava meu macarrão-com-tudo das madrugadas pós-balada? Só que tinha a grife da famiglia e custava uma fábula. Assim acontece com a literatura. Aliás, houve mesmo um caso de suicídio do chefe de cozinha de Luís XV, que matou-se ao desconfiar que um jantar de honra que preparara não saíra a contento. Um exagero. Há espaço para big-macs, para pastel de feira, e para os pratos franceses, um tiquinho de comida dentro do prato, enfeitado à exaustão e alçado à categoria de arte. Autores a quem muitos tratarão como iguaria, não passam de gororoba para o autor desta coluna. É tudo questão de gosto, de horário e do tamanho da fome.

[Sobre "O Último Samurai Literário"]

por Cozete Gelli
19/2/2004 às
08h13 200.234.70.134
 
Zeca e pão com mortadela
No círculo incessante dos modismos, tudo que é in vira out, tudo que é up um dia é tachado como down. Foi assim com as havaianas, com o fusca, com o pastel de feira, com a mortadela. E é assim com Zeca Pagodinho. Desconfio que exista um submundo, os tais "antenados", que elenquem todas as coisas ou pessoas em baixa para lançá-las como "cult" no tempo apropriado. Foi assim com Zé do Caixão. Até Clodovil está sendo exumado por Alexandre Herkovitch. Imagino que estes "muderrnos" passem uma hora de seu dia pensando nas coisas "de raiz", nas "brasilidades" que possam desenterrar. Para a gente é bom, porque não precisa mais omitir que a-do-ra pastel de feira, sempre adorou. Não precisa esconder o CD do Zeca Pagodinho embaixo daquele da Marisa Monte, do outro da Adriana Calcanhoto. Dá uma liberdade danada assumir uma certa breguice de vez em quando. É confortável, assim como as havaianas são mais confortáveis para os pés e para o bolso que as "manolos" americanas. É claro que sempre irão existir os intelectuais preferindo mussarela de búfala e rúcula no seu ciabata (comprado, claro, numa boulangerie). Enquanto a gente come divertidamente nosso pãozinho com mortadela, ali mesmo na padaria da esquina...

[Sobre "Digestivo nº 161"]

por Cozete Gelli
19/2/2004 às
08h13 200.234.70.134
 
Necessidade de aparecer
De verdade, nunca tive saco para ler estes tais blogs, embora para todo lado você se depare com comentários - reais ou virtuais - sobre eles. Para mim, são um tipo de doença típica da realidade, aí sim, bem semelhante aos reality shows. Todo mundo quer aparecer, todo mundo quer ser elogiado, visto, comentado. A Sabrina quer mostrar o peito na Playboy, a Fernanda Young se esfalfela para se mostrar diferente e culta/cult no Saia Justa, a Malu Mader faz um esforço danado para reunir jornalistas e dizer: a mídia me persegue, quero sossego... Os blogueiros não tem bunda para mostrar, nem cacife para bancar uma boa assessoria de imprensa, então escrevem tudo o que podem - nem sempre o que devem - nestas porcarias virtuais. É o jornalzinho da classe, mimiografado, finalmente revisitado e colocado a disposição de todos (que tiverem tempo e paciência...)

[Sobre "A internet e os blogs"]

por Gelli
22/5/2003 às
21h57 200.177.192.136
 
Julio Daio Borges
Editor

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




O BOI ARUÁ
LUÍS JARDIM
JOSÉ OLYMPIO
(1979)
R$ 4,00



TAO TE KING
LAO TSE
HEMUS
R$ 78,00



O FUTURO DO CAPITALISMO
LESTER C. THUROW
ROCCO
(1997)
R$ 10,00



AS CINCO PESSOAS QUE VOCÊ ENCONTRA NO CÉU
MITCH ALBOM
SEXTANTE
(2004)
R$ 39,00
+ frete grátis



MEIN HEIMATLAND - DIE SCHÖNSTEN VOLKSLIEDER (2774)
WILHELM LUTZ
B. SCHOTTS SÖHNE
(1985)
R$ 60,00



A VIDA SECRETA DAS PLANTAS
PETER TOMPKINS E CHRISTOPHER BIRD
CIRCULO DO LIVRO
(1976)
R$ 35,00



A CULTURA DE WEIMAR
PETER GAY
PAZ E TERRA
(1978)
R$ 65,00



LITERATURA COMENTADA
EÇA DE QUEIROZ
ABRIL
(1980)
R$ 19,90
+ frete grátis



A ARTE DE QUEBRAR VIDRO
MATTHEW HALL
BERTRAND BRASIL
(2000)
R$ 7,50



DRACULA
BRAM STOKER
BARNES & NOBLE CLASSICS
(2003)
R$ 9,00





busca | avançada
29020 visitas/dia
891 mil/mês