Wiki e outras pedidas | Ram

busca | avançada
29791 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Leminski, estações da poesia, por R. G. Lopes
>>> Crônica em sustenido
Colunistas
Últimos Posts
>>> Não Aguento Mais a Empiricus
>>> Nubank na Hotmart
>>> O recente choque do petróleo
>>> Armínio comenta Paulo Guedes
>>> Jesus não era cristão
>>> Analisando o Amazon Prime
>>> Amazon Prime no Brasil
>>> Censura na Bienal do Rio 2019
>>> Tocalivros
>>> Livro Alma Brasileira
Últimos Posts
>>> O céu sem o azul
>>> Ofendículos
>>> Grito primal V
>>> Grito primal IV
>>> Inequações de um travesseiro
>>> Caroço
>>> Serial Killer
>>> O jardim e as flores
>>> Agradecer antes, para pedir depois
>>> Esse é o meu vovô
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O Salão e a Selva
>>> Ed Catmull por Jason Calacanis
>>> Por que a Geração Y vai mal no ENEM?
>>> Por que a Geração Y vai mal no ENEM?
>>> A massa e os especialistas juntos no mesmo patamar
>>> Entrevista com Jacques Fux, escritor e acadêmico
>>> Nuno Ramos, poesia... pois é
>>> Literatura e interatividade: os ciberpoemas
>>> O Valhalla em São Paulo
>>> Por dentro do Joost: o suco da internet com a TV
Mais Recentes
>>> Direito Romano - Vol. II de José Carlos Moreira Alves pela Forense (2003)
>>> Divinas Desventuras: Outras Histórias da Mitologia Grega de Heloisa Prieto pela Companhia das Letrinhas (2011)
>>> Le Nouveau Sans Frontières 1 - Méthode de Français de Philippe Dominique e Jacky Girardet e Michele Verdelhan e Michel Verdelhan pela Clé International (1988)
>>> Sobrevivência de Gordon Korman pela Arx Jovem (2001)
>>> Ética Geral e Profissional de José Renato Nalini pela Revista dos Tribunais (2001)
>>> Mas Não se Mata Cavalos ? de Horace McCoy pela Abril (1982)
>>> O Menino no Espelho de Fernando Sabino pela Record (2016)
>>> Labirintos do Incesto: O Relato de uma Sobrevivente de Fabiana Peereira de Andrade pela Escrituras-Lacri (2004)
>>> Mas Não se Mata Cavalos ? de Horace McCoy pela Círculo do Livro (1975)
>>> Ponte para Terabítia de Katherine Patersin pela Salamandra (2006)
>>> O Desafio da Nova Era de José M. Vegas pela Ave-Maria (1997)
>>> Casa sem Dono Encadernado de Heinrich Boll pela Círculo do Livro (1970)
>>> Trabalho a Serviço da Humanidade de Escola Internacional da Rosa Cruz Áurea pela Rosacruz (2000)
>>> Casa sem Dono Encadernado de Heinrich Boll pela Círculo do Livro (1976)
>>> Ensinando a Cuidar da Criança de Nébia Maria Almeida de Figueiredo (org.) pela Difusão (2004)
>>> Ensinando a Cuidar da Mulher, do Homem e do Recém-nascido de Nébia Maria Almeida de Figueiredo (org.) pela Difusão (2004)
>>> Luxúria Encadernado de Judith Krantz pela Círculo do Livro (1978)
>>> Fundamentos, Conceitos, Situações e Exercícios de Nébia Maria Almeida de Figueiredo (org.) pela Difusão (2004)
>>> Personality: How to Unleash your Hidden Strengths de Dr. Rob Yeung pela Pearson (2009)
>>> Um Mês Só de Domingos de John Updike pela Record (1975)
>>> Um Mês Só de Domingos Encadernado de John Updike pela Círculo do Livro (1980)
>>> Um Mês Só de Domingos Encadernado de John Updike pela Círculo do Livro (1980)
>>> Caravanas de James Michener pela Record (1976)
>>> A Terra Ainda é Jovem de J.M. Simmel pela Nova Fronteira (1981)
>>> A Terra Ainda é Jovem de J. M. Simmel pela Nova Fronteira (1981)
>>> Deus Protege os Que Amam de J.M. Simmel pela Nova Fronteira (1977)
>>> Um Ônibus do Tamanho do Mundo de J. M. Simmel pela Nova Fronteira (1976)
>>> Um Ônibus do Tamanho do Mundo de J. M. Simmel pela Nova Fronteira (1976)
>>> O Quarto das Senhoras de Jeanne Bourin pela Difel (1980)
>>> Beco sem Saída de John Wainwright pela José Olympio (1984)
>>> Casais Trocados de John Updike pela Abril (1982)
>>> O Hotel New Hampshire Encadernado de John Irving pela Círculo do Livro (1981)
>>> As Moças de Azul de Janet Dailey pela Record (1985)
>>> Amante Indócil Encadernado de Janet Dailey pela Círculo do Livro (1987)
>>> A Rebelde Apaixonada de Frank G. Slaughter pela Nova Cultural (1986)
>>> Escândalo de Médicos de Charles Knickerbocker pela Record (1970)
>>> A Turma do Meet de Annie Piagetti Muller pela Target Preview (2005)
>>> O Roteiro da Morte de Marc Avril pela Abril (1973)
>>> Luz de Esperança de Lloyd Douglas pela José Olympio (1956)
>>> Confissões de Duas Garotas de Aluguel de Linda Tracey e Julie Nelson pela Golfinho (1973)
>>> Propósitos do Acaso de Ronaldo Wrobel pela Nova Fronteira (1998)
>>> Olho Vermelho de Richard Aellen pela Record (1988)
>>> A Comédia da Paixão de Jerzy Kosinski pela Nova Fronteira (1983)
>>> Casa sem Dono Encadernado de Heinrich Böll pela Círculo do Livro (1976)
>>> Ventos sem Rumo de Belva Plain pela Record (1981)
>>> Ventos sem Rumo de Belva Plain pela Record (1981)
>>> O Caminho das Estrêlas de Christian Signol pela Círculo do Livro (1987)
>>> Longo Amanhecer de Joe Gores pela Best-seller (1988)
>>> As Damas do Crime de B. M. Gill pela Círculo do Livro (1986)
>>> Os Melhores Contos de Alexandre Herculano de Alexandre Herculano pela Círculo do Livro (1982)
COMENTÁRIOS

Sábado, 28/4/2007
Comentários
Leitores


Wiki e outras pedidas
As minhas consultas 'a wikipedia tem sido muito legais, especialmente quando o assunto e' algo recente. A wiki em portugues e' um mundo 'a parte... Mas fora a Wiki, existem outras enciclopedias gratis eletronicas, como a MathWorld baseada inicialmente nos catalogos de Weisstein. Quanto aos trabalhos escolares, o problema nao' esta nos alunos e, sim, nos professores que indicam trabalhos sem valor algum para o aprendizado. Enquanto os professores continuarem sem imaginacao, as criancas encontrarao algo melhor para fazer...

[Sobre "Os enciclopedistas franceses rolam nos túmulos"]

por Ram
28/4/2007 às
15h35 71.202.209.152
(+) Ram no Digestivo...
 
onde nasce a violência?
Talvez a pergunta seja onde nasce a violência? Senão toda a platéia de filmes que, digamos, faça "apologia" à violência seria transformada em serial killers; aí seria uma simplificação. Questionemos então o que seria violência utilizando referências cinematográficas: A escolha de Sofia? O bravo dirigido por Johnny Deep? Quem sabe O resgate do soldado Ryan, do Spilberg? A violência nas telas têm em muito servido de alegoria para que algumas culturas discutam a segmentação e a necessidade de controle sobre a própria vida. O cinema oriental esta por assim dizer saturado de temas ligados à violência e em geral isto não significa que estejam se tornando mais violentos que no seu passado. A violência no cinema, em Scorcese e outros diretores, se vale de alegoria. A escolha de Sofia busca fragilizar o espectador ao desmontar salvaguardas emocionais fundadas na empatia com a personagem para então conduzi-lo à catarse. Cinema não propaga violência mas, como vimos, permite registrar e discutir...

[Sobre "Violência, violência"]

por Carlos E. F. Oliveir
28/4/2007 às
07h43 201.65.37.4
(+) Carlos E. F. Oliveir no Digestivo...
 
A Wiki e a aceitação passiva
Não acredito que pessoas informadas validem inquestionavelmente quaisquer informações, a própria busca já traz em si um desejo elucidativo. Absorver determinados conceitos ou conhecimentos, geralmente ocorre do cruzamento de fontes e complementação ou ratificação de mais de um formulador. A aceitação passiva de uma única fonte é uma quase negligência que está aquém do desejo de esclarecer. Quanto aos analfabetos funcionais, o IBGE serve-se de dados e números, esta é a sua razão, enquanto o senso comum se abriga unicamente no preconceito. Temos analfabetos funcionais, em um número muito maior, com diplomas de terceiro grau, dirigindo importantes negócios ou até acreditando que fazem parte de uma elite cultural. Crianças acreditam em fábulas que é também matéria cognitiva; carentes trocam mentiras por atenção; excluídos trocam qualquer coisa por mais um minuto de vida; cada qual acredita no que quiser à medida que seja possível situar seu desejo na realidade. O mundo não é mau e nem somos ingênuos...

[Sobre "Wikipedia: prós e contras"]

por Carlos E. F. Oliveir
27/4/2007 às
22h40 201.65.37.4
(+) Carlos E. F. Oliveir no Digestivo...
 
fiquei arrepiada com o texto
Sem dúvida, o show do Aerosmith valeu muito a pena. Esperei por muito tempo para viver duas horas de muita felicidade. Até hoje não acredito que vivi e senti tudo aquilo. Foi uma explosão de alegria que só quem é fã de puro e bom rock pode sentir. Posso dizer também, conforme mencionado nos comentários deste texto, que prometi a mim mesma que irei ao show do Aerosmith em algum lugar do mundo. Aeros é a minha banda...

[Sobre "Aerosmith no Morumbi"]

por Fernanda
27/4/2007 às
20h47 200.216.152.19
(+) Fernanda no Digestivo...
 
bom de mais da conta!
Cara amiga... você é ótima! Parabéns! Que Deus (feminino ou masculino - whatever) te abençoe sempre e amém! bjm, Tania

[Sobre "Uomini di poca fede!"]

por Tania
27/4/2007 às
19h28 150.164.231.159
(+) Tania no Digestivo...
 
Catalogando o efêmero
Nestes tempos de acesso franco a informação e de um suporte tecnológico massificando este acesso, resta-nos ponderar sobre a qualidade da informação recebida. Observando Wikipédia e enciclopédia, talvez não haja sentido numa comparação. O tratamento da informação dependerá do nível de profundidade de quem prospecta, da disponibilidade de fontes comparativas para ratificar tal dado e do objetivo concreto no tratamento dado a informação. Considerando ainda a referência cultural que deu origem aquele registro; imaginemos culturas ou referências antagônicas registrando dados uns dos outros. Torna-se necessário qualificar a informação com a distância e os critérios de sempre. Como caminhamos entre erros, acertos e tardias correções; algumas alusões de conhecimento ainda são tratadas como ciência. A busca do conhecimento hegemônico é um mito; como tal, revela nossa angústia do não saber, então o que resta é a ilusão de colecionar questionamentos, catalogar o efêmero e registrar sua superação...

[Sobre "Os enciclopedistas franceses rolam nos túmulos"]

por Carlos E. F. Oliveir
27/4/2007 às
17h23 201.65.37.4
(+) Carlos E. F. Oliveir no Digestivo...
 
lendas em detrimento de fatos
Em termos práticos, se a partir de amanhã o coelhinho da Mônica for pintado de verde, uma geração inteira se acostumará com a nova cor e apenas os antigos perceberão a mudança. Caberá aos profissionais do futuro relembrarem (com acerto e precisão) do histórico que resultou na obra. Nesse sentido, as informações divulgadas aleatoriamente pela internet (no orkut, por exemplo) não podem competir com os 40 anos de vida dos estúdios MSP. As informações precisam ser checadas criteriosamente antes de se tornarem públicas, ou corremos o risco de acreditar em lendas em detrimento de fatos.

[Sobre "Os enciclopedistas franceses rolam nos túmulos"]

por Roberto Munhoz
27/4/2007 às
15h26 201.8.241.125
(+) Roberto Munhoz no Digestivo...
 
Um contra-exemplo
A afirmacao do seu primeiro paragrafo e' desmentida por obras-primas como Ulisses (ninguem merece ler isso!), ou os calhamacos do Tom Clancy...

[Sobre "O físico que era médico"]

por Ram
27/4/2007 às
15h02 71.202.209.152
(+) Ram no Digestivo...
 
Bunda, bunda, bunda
Eu me admiro com esses "comentadores". Todo mundo fica arrumando mil pretextos para fazer uma crítica "cabeça" do filme. Política, falta de política, opressor, oprimido, superficialidade, hedonismo... Mas, no final, todo mundo se embasbaca mesmo é com a política da bunda. Bunda, bunda, bunda. Ensaia-se, desvia-se, disfarça-se e se chega na... bunda. E é isso mesmo, uma bunda majestosa e dominante, num filme muito original, divertido e absorvente, no bom sentido. Assisti fascinado, sentindo que, apesar de esse Selton Mello quase estragar tudo, como sempre, esse sim é um filme muito melhor do que essas leguminosas a que vamos assistir no fim de semana nos Cinemarks dos shoppings.

[Sobre "A política de uma bunda"]

por Jose Bueno Franco
27/4/2007 às
14h43 201.63.121.154
(+) Jose Bueno Franco no Digestivo...
 
Eu trabalhei no Cemitério!
De Automóveis... Era um espetáculo de alta periculosidade... mas genial. Escrevi até uma matéria na revista Agulha sobre o Victor Garcia...

[Sobre "Cemitério de Automóveis"]

por Ana Vasconcelos
27/4/2007 à
00h52 201.53.222.153
(+) Ana Vasconcelos no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




UFO VISITATION: PREPARING FOR THE TWENTY-FIRST CENTURY
ALAN WATTS
BLANDFORD PR
(1996)
R$ 50,00



NOVA CHANCE PARA A VIDA
FRANCISCO ROBERTO DE CARVALHO
BOA NOVA
(2015)
R$ 10,00



A FLECHA DE DEUS
CHINUA ACHEBE
COMPANHIA DAS LETRAS
(2011)
R$ 48,50
+ frete grátis



A PAIXÃO DO PODER
ARELO SEDERBERG
RECORD
(1980)
R$ 8,00



VEJA CONTRATADO
VÁRIOS AUTORES
ABRIL
R$ 7,00



OS MENINOS DA NAVE FAZDECONTA
MERY WEISS
MODERNA
(1982)
R$ 8,00



100 DICAS INFALÍVEIS PARA EMAGRECER E SE MANTER EM FORMA
FRED A. STUTMAN
SEXTANTE
(2010)
R$ 10,00



O FACEBOOK COMO AMBIENTE DE APRENDIZAGEM
ADRIANA ALVES NOVAIS SOUZA
NOVAS EDIÇÕES ACADÊMICAS
R$ 293,00



100 PETITES EXPÉRIENCES EN PSYCHOLOGIE DU CONSOMMATEUR : POUR MIEUX CO
NICOLAS GUÉGUEN
DUNOD
(2005)
R$ 30,00



VOCABULÁRIO NOTURNO (1942-1945)
JACQUES DO PRADO BRANDÃO
IMPRENSA OFICIAL
(1947)
R$ 200,00





busca | avançada
29791 visitas/dia
1,1 milhão/mês