O mestre da arte pela vida | Luís Antônio Giron

busca | avançada
50174 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Novo livro de Vera Saad resgata política brasileira dos anos 90 para destrinchar traumas familiares
>>> Festival de Cinema da Fronteira e Sur Frontera WIP LAB abrem inscrições
>>> O Pequeno Príncipe in Concert
>>> Estreia da Orquestra Jovem Musicarium ocorre nesta quarta, dia 21, com apresentação gratuita
>>> Banda Yahoo se apresenta na Blue Note SP
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Susan Sontag em carne e osso
>>> Todas as artes: Jardel Dias Cavalcanti
>>> Soco no saco
>>> Xingando semáforos inocentes
>>> Os autômatos de Agnaldo Pinho
>>> Esporte de risco
>>> Tito Leite atravessa o deserto com poesia
>>> Sim, Thomas Bernhard
>>> The Nothingness Club e a mente noir de um poeta
>>> Minha história com o Starbucks Brasil
Colunistas
Últimos Posts
>>> Jensen Huang, o homem por trás da Nvidia (2023)
>>> Philip Glass tocando Opening (2024)
>>> Vision Pro, da Apple, no All-In (2024)
>>> Joel Spolsky, o fundador do Stack Overflow (2023)
>>> Pedro Cerize, o antigestor (2024)
>>> Andrej Karpathy, ex-Tesla, atual OpenAI (2022)
>>> Inteligência artificial em Davos (2024)
>>> Bill Gates entrevista Sam Altman, da OpenAI (2024)
>>> O maior programador do mundo? John Carmack (2022)
>>> Quando o AlphaGo venceu a humanidade (2020)
Últimos Posts
>>> Sem noção
>>> Ícaro e Satã
>>> Ser ou parecer
>>> O laticínio do demônio
>>> Um verdadeiro romântico nunca se cala
>>> Democracia acima de tudo
>>> Podemos pegar no bufê
>>> Desobituário
>>> E no comércio da vida...
>>> HORA MARCADA
Blogueiros
Mais Recentes
>>> A Loja de Tudo - Jeff Bezos e a Era da Amazon, de Brad Stone
>>> De perto, ninguém é normal
>>> 14 de Outubro #digestivo10anos
>>> Scott Henderson, guitarrista fora-de-série
>>> O primeiro parágrafo
>>> O prazer da literatura em perigo
>>> Aulas de filosofia on-line
>>> Mezzo realidade, mezzo ficção
>>> Telemarketing, o anti-marketing dos idiotas
>>> Esquema Dilma opta por Russomano
Mais Recentes
>>> Pântano De Sangue - Coleção Os Karas de Pedro Bandeira pela Moderna (2013)
>>> Droga de Americana! - Os Karas de Pedro Bandeira pela Moderna (1999)
>>> O Livro da sua Vida de Osho pela Cultrix (2019)
>>> Inveja - O Inimigo Oculto de Alexandre Bez pela Juruá (2011)
>>> O Livro Do Tibete de M. Nilsa Lopes e J. C Alarcon pela Caioá (1996)
>>> Rituais Celtas de Andy Baggott pela Madras (2002)
>>> Apresentaçao da Poesia Brasileira de Manuel Bandeira pela Ediouro (2001)
>>> Tarô de Stefanie Caponi pela Mantra (2022)
>>> Livro de Tarefas Pense Magro de Judith Beck pela Artmed (2009)
>>> Calendário Cósmico de Stellarius pela Nova era (2000)
>>> A Magia dos Metais de Mellie Uyldert pela Pensamento (1990)
>>> Multiletramentos na Escola de Roxane Rojo pela Parábola (2012)
>>> Dicionário do doceiro brasileiro de Dr Antonio José de Souza Rego pela Senac (2010)
>>> Video Marketing. Como Usar O Dominio Do Video Nos Canais Digitais Para Turbinar O Marketing De Produtos Marcas E Negocios de Jon Mowat pela Autêntica Business (2018)
>>> O livro de Gizé de M. Nilsa Lopes e J. C Alarcon pela Caioá (1996)
>>> Salmos - Misterios Revelados de Moacyr Martins pela Empório do Livro (1998)
>>> Gastroenterologia Pancreatites de José Galvão Alves pela Rubio (2002)
>>> O livro do Brasil 2 de M. Nilsa Lopes pela Humi (2007)
>>> Apertada E Sem Espaço de Julia Donaldson pela Brinque-book (2003)
>>> Ícaro Redimido de Gilson Freire pela Inede (2020)
>>> Gestao Do Design de Cyntia Malagutti pela Belas Artes (2008)
>>> Dinossauros de Paul Barret pela Wmf Martins Fontes (2011)
>>> Pai rico, pai pobre de Robert Kiyosaki, Sharon Lechter pela Elsevier (2000)
>>> Italian Folktales de Italo Calvino pela Mariner Books (1980)
>>> Introdução Ao Novo Testamento de Douglas Moo, Leon Morris, D.A. Carson pela Vida Nova (1992)
COMENTÁRIOS

Sábado, 25/5/2002
Comentários
Leitores

O mestre da arte pela vida
Pedro Maciel nos traz uma perspectiva interessante e renovadora em torno de Joseph Beuys, uma das figuras mais interessantes do século que já passou há tanto tempo...

[Sobre "A arte como destino do ser"]

por Luís Antônio Giron
25/5/2002 às
15h49 200.177.142.69
(+) Luís Antônio Giron no Digestivo...
 
Na mosca
Como sempre, Alexandre, você vai ao centro da questão imediatamente. Televisão não é um veículo sem qualidade, quem não tem qualidade é o público. Por isso mesmo, quando os canais são pagos,e o público é mais seletivo, a qualidade aumenta. Quanto alguém pagaria para ver o Show do Milhão? Acho que nem quem assiste aquilo assistiria se fosse pago. Já o contrário... quanto estariam dispostos os leitores do Digestivo a oferecer ao Sívio Santos para NÃO PASSAR aquela porcaria? Deixo a sugestão de campanha online. Caro Baraúna, acho que você está coberto de razão, e eu junto ao jazz a tal de bossa nova, que é o jazz tupiniquim. Música morta, que só deve ser boa de tocar, porque todos os músicos que conheço adoram, e têm como referência de qualidade o músico de jazz. Deve ter algo bom ali... mas eu não vejo. Beijo da Sue

[Sobre "Joss Whedon"]

por Assunção Medeiros
25/5/2002 às
02h23 200.184.36.53
(+) Assunção Medeiros no Digestivo...
 
D, R, J, R, J, D...
Dennis: gostei bastante da sua sugestão e cheguei até a pensar em encabeçarmos uma petição para o governo russo, mas depois pensei melhor e mudei de idéia: Gloria Pérez não é digna de ser enterrada viva em Iasnaia Poliana, Dennis! Tenha pena dos mujiques! (E de todos os turistas que, passando no lugar, teriam que ouvir do guia: "Aqui foi enterrada uma brasileira que escreveu..."). Que escreveu o quê, Dennis? Nem sei. Mas temos que preservar Iasnaia Poliana! E que história é essa da irmã do Gugu? E por quê é que esses debilóides sempre têm nomes de debilóides, como Gugu, Popó, Xuxa, Babi? Ricardo: concordo, há muitos nomes de pessoas interessantes fazendo televisão - Larry David, o cara que ajudou a criar "Seinfeld", é o primeiro que me ocorre. O que me faz perguntar ao Juliano: você poderia me dizer quem é a pessoa responsável pela criação de "Anos Incríveis"? Sempre quis saber isso. Rogério: foi mesmo a Cuca que te fez detestar a TV? Mas não deixe a Cuca te impedir de ver Buffy, eu acho que realmente vale a pena...J. Baraúna: sua pergunta pede uma resposta em separado, que vou mandar assim que terminar esta mensagem. Mas obrigado pelo "cara refinado". Diego: foi bom você dizer o horário, que eu esqueci de pôr. Sim, FOX, às terças, às 21:00 (Buffy) e 22:00 (Angel), com várias reprises. A todos que leram e se deram ao trabalho de deixar um olá aqui, e a todos que leram e preferiram não dizer nada, um abraço- Alexandre.

[Sobre "Joss Whedon"]

por Alexandre
25/5/2002 à
01h37 200.205.157.155
(+) Alexandre no Digestivo...
 
Texto de primeira
Este é sem sombra de dúvida um dos melhores e mais elucidativos textos sobre arte contemporânea que já li. Pena que a maioria dos críticos de arte não seja capaz de analisar a situação de um ponto de vista tão alto. Gostei do que está escrito e do que você optou por não escrever.

[Sobre "Crítica à arte contemporânea"]

por Eduardo Arruda
24/5/2002 às
23h31 200.191.163.90
(+) Eduardo Arruda no Digestivo...
 
Resposta
Muito interessante o seu artigo. Abordei esse tema em minha tese de mestrado. Vejo que algumas pessoas, como você e Affonso Romano de Santana estão procurando dar um basta ao grande número de mistificações que se abrigam à sombra da verdadeira arte moderna. Parabéns.

[Sobre "Crítica à arte contemporânea"]

por Maria de Fátima C. N
24/5/2002 às
23h35 200.154.211.129
(+) Maria de Fátima C. N no Digestivo...
 
Enxergando bantustões por aí
Achei bastante infeliz a comparação dos bantustões com fenômenos absolutamente diferentes, tais como os citados. Os bantustões eram enclaves, sim, mas visando servir como “bolsões” de mão-de-obra negra, assim tornada controlável e disponível. Quanto às terras indígenas, sempre tiveram objetivo outro, o de garantir uma preservação mínima da forma de vida de seus habitantes. Se cumpriram esse objetivo ou não, é outra história. Mas nada têm a ver com os bantustões. Faz bem a comunidade internacional em não condená-las da mesma maneira que condenava o apartheid, já que visam objetivos diferentes, senão opostos. Dizer que visam a “excluir os índios” não deixa de ser um certo malabarismo de raciocínio./// Quanto aos “outros bantustões” que estariam sendo criados, não vejo nenhuma semelhança entre os mesmos e bantustões, uma vez que não visam a excluir indivíduos para melhor explorarem seu trabalho e dominá-los, antes pelo contrário. Um exemplo: o movimento pelos direitos dos descendentes de quilombolas jamais pretendeu manter os mesmos “isolados no interior do país”. Visa, sim, a impedir que suas terras sejam tomadas. O que é bem diferente. Será tão difícil perceber? Comparar esse pleito com às críticas ao Tiririca é uma miscelânea que não ajuda em nada a clarear o debate. Um saco não de gatos, mas de felinos, caninos e roedores variados./// Bantustões no MST? Novamente, não entendo por quais reviravoltas de raciocínio seria possível concluir isso. Bantustões no movimento feminista? Dos meninos de rua? Dos gays? Bem, pelo que percebo, “bantustão” está sendo proposto como conceito que define toda e qualquer coisa de que o autor diverge politicamente. Uma categoria nova, sem sombra de dúvida. /// No passado, essa categoria sempre indicou formas de discriminação e segregação espacial e social. O fechamento de ruas e a formação de condomínios exclusivos, para militares ou para a elite, não seriam bantustões nesse sentido? A restrição dos palestinos a áreas cercadas, como se está fazendo agora em Israel, não seria outro exemplo? Eles parecem se ajustar bem melhor ao conceito do que os exemplos citados pelo autor./// Enfim, me parece que o artigo toca em temas importantes, merecedores de discussão, mas temo que, na confusa forma apresentada, estejamos muito longe de poder discuti-los com um mínimo de seriedade.

[Sobre "Bantustões brasileiros"]

por Helion
24/5/2002 às
21h35 200.154.217.73
(+) Helion no Digestivo...
 
Para Moretti
Sim, desculpa os erros ortográficos é que eu estava com pressa. Saudações.

[Sobre "Sobre responsabilidade"]

por Vinicius Brown
24/5/2002 às
15h05 200.19.104.166
(+) Vinicius Brown no Digestivo...
 
para Brown
Para Brown: a pontuação é um magnífico recurso linguístico e existe para ser usada.Saudações.

[Sobre "Sobre responsabilidade"]

por moretti
24/5/2002 às
14h49 200.128.28.100
(+) moretti no Digestivo...
 
indole
Adrianna, quando você for falar da hipotetica índole fóbica do brasileiro em relação a responsabilida inclua a respectiva e correspondente indole austriaca, alemã ,italiana ,etc.Quero dizer, de todos os que assistiam o GP da Austria e vaiaram unissonamente a atitude inacreditavel que viam.E depois da maioria dos jornais europeus que fizeram o mesmo.Ou a indole humana está descambando para a inconsequencia ou essas analises no atacado são furadas.A menos que você me diga quais seus metodos de psicologia social, sua gigantesca amostra com milhares de entrevistados em todo o país me inclui fora dessa por favor.

[Sobre "Sobre responsabilidade"]

por C. Moretti
24/5/2002 às
14h24 200.128.28.100
(+) C. Moretti no Digestivo...
 
Surpresa
Fiquei extremamente surpreso quando vi uma coluna intitulada "Joss Whedon" aqui no Digestivo Cultural e ainda mais surpreso quando li seu conteúdo. Acompanho religiosamente as duas séries citadas (aliás, você poderia ter informado que elas são exibidas na Fox às terças, a partir das 21 horas), de longe as minhas prediletas, e a cada episódio fico boquiaberto com a capacidade de criação do Joss. Pena que, ao que parece, ele terá menos tempo para se dedicar a essas duas crias porque está escrevendo uma nova série para a Fox ("Firefly", na linha sci-fi, que vai entrar no lugar de "Dark Angel" e, suponho, tentar até preencher uma lacuna deixada com o fim de "Arquivo-X").

[Sobre "Joss Whedon"]

por Diego Sana
24/5/2002 às
14h06 200.242.30.202
(+) Diego Sana no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Um Curso Em Milagres
Lilian Salles de Oliveira Paes
Foundation for Inner Peace
(1996)



Livro Administração A Cabeça De Steve Jobs As Lições Do Líder Da Empresa Mais Revolucionaria Do Mundo
Leander Kahney
Harpercollins Brasil
(2008)



Haitian Vodou: Spirit, Myth & Reality
Patrick Bellegarde-smith and Claudine Michel
Indiana
(2006)



Relações Assessorias e Redações
Varios
Cubic
(1999)



De volta para casa
Mary Sheldon
Record
(2003)



Correntezas da Maldade
Michael Connelly
Record
(2006)



An Analysis of Anti Money Laundering Systems in Brazil
Fernanda Emília Costa Campos
Sergio Antonio Fabris
(2010)



Onde Esta Tudo Aquilo Agora?
Fernando Gabeira
Companhia das Letras
(2012)



/Benditos Hormônios!
Dr. J. Ron Eaker
Graça
(2000)



Livro Literatura Brasileira O Negociador
Frederick Forsyth
Record
(1989)





busca | avançada
50174 visitas/dia
1,8 milhão/mês