É isso aí | Assunção Medeiros

busca | avançada
69289 visitas/dia
2,0 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Mostra de Teatro traz quatro peças para assistir on-line
>>> Festival Som na Faixa apresenta edição online com atrações da música instrumental
>>> Leituras Urbanas começa novo ciclo literário
>>> Unil oferece abordagem diferenciada da gramática a preparadores e revisores de texto
>>> Conversas no MAB com Sergio Vidal e Ana Paula Lopes
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Aos nossos olhos (e aos de Ernesto)
>>> Carol Sanches, poesia na ratoeira do mundo
>>> O fim dos livros físicos?
>>> A sujeira embaixo do tapete
>>> Moro no Morumbi, mas voto em Moema
>>> É breve a rosa alvorada
>>> Alameda de água e lava
>>> Entrevista: o músico-compositor Livio Tragtenberg
>>> Cabelo, cabeleira
>>> A redoma de vidro de Sylvia Plath
Colunistas
Últimos Posts
>>> Gente feliz não escreve humor?
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
>>> Chico Buarque em bate-papo com o MPB4
Últimos Posts
>>> A busca
>>> O poder da história
>>> Caraminholas
>>> ETC. E TAL
>>> Acalanto para a alma
>>> Desde que o mundo é mundo
>>> O velho suborno
>>> Normal!
>>> Os bons companheiros, 30 anos
>>> Briga de foice no escuro
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Papa Francisco
>>> Pequena notável
>>> Notas de leitura sobre Inácio, de Lúcio Cardoso
>>> USP: 75 anos de histórias várias
>>> Asia de volta ao mapa
>>> Minicursos na PUC Minas
>>> 7 de Setembro
>>> Dublinenses
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> A Lógica do Cisne Negro, de Nassim Nicholas Taleb
Mais Recentes
>>> O Estranho Caso do Cachorro Morto de Mark Haddon pela Record (2011)
>>> Barriga de Trigo: Livre-se do Trigo, Livre-se dos Quilos a Mais e Descubra seu Caminho de Volta para a Saúde de William Davis pela WMF Martins Fontes (2014)
>>> Pecados sagrados de Nora Roberts; Alda Porto pela Bertrand Brasil (2009)
>>> Orgullosamente Lupita de Marta Anchustegui Y Amparin Serrano pela Independente (2008)
>>> As Crônicas de Bane de Cassandra Clare; Sarah Rees Brennan; Maureen Johnson pela Galera Record (2014)
>>> Quem Manipula os Povos Indígenas Contra o Desenvolvimento do Brasil de Lorenzo Carrasco; Silvia Palacios pela Capax Dei (2013)
>>> FIlho do Hamas de Mosab Hassan Yousef pela Sextante (2010)
>>> Decida você - Como e quanto viver de Renato Maia Guimarães pela Saude e Letras (2008)
>>> O jardim de ossos de Tess Gerritsen; Alexandre Raposo pela Record (2009)
>>> Perdas Necessárias de Judith Viorst pela Melhoramentos (2005)
>>> O corretor de John Grisham pela Rocco (2005)
>>> Cinquenta tons mais escuros de E L James; Juliana Romeiro pela Intrinseca (2015)
>>> Esta Terra Tem Dono - Esta Tierra Tiene Dueño - Co Yvy Oguereco Yara de Alcy Cheuiche pela Age (2012)
>>> A Odisseia da Filosofia: Uma Breve História do Pensamento Ocidental de José Francisco Botelho pela Abril (2015)
>>> Pureza mortal de Nora Roberts; J. D. Robb; Renato Motta pela Bertrand Brasil (2011)
>>> A Hisótira da Ciência Para Quem Tem Pressa: De Galileu a Stephen Hawking em 200 Páginas de Nicola Chalton; Meredith MacArdle pela Valentina (2017)
>>> Contos da seleção o principe e o guarda de Kiera Cass; Cristian Clemente pela Seguinte (2014)
>>> 1808 de Laurentino Gomes pela Planeta do Brasil (2007)
>>> Dublinenses de James Joyce pela Biblioteca Folha (2003)
>>> Viaje a Ixtlan de Carlos Castaneda pela Fondo de Cultura Económica (2009)
>>> História do amor no Ocidente de Denis de Rougemont pela Ediouro (2003)
>>> As cidades invisíveis - coleção biblioteca folha de Italo Calvino pela Biblioteca Folha (2003)
>>> O evangelho segundo o espiritismo de Allan Kardec pela Ide (2004)
>>> Breves Respostas para Grandes Questões de Stephen Hawking pela Intrínseca (2018)
>>> Presença do Vinho no Brasil. um Pouco de História de Carlos Ernesto Cabral de Mello pela Cultura (2018)
>>> Uberizacao de Tom slee pela Elefante (2020)
>>> O Processo de Franz Kafka pela 1117 (2012)
>>> União 100 anos - Receitas que fazem nossa história de Açucar União pela Gold (2000)
>>> Os Miseráveis de Victor Hugo; Walcyr Carrasco pela Moderna (2012)
>>> La Religión Dentro de los Límites de la Mera Razón de Immanuel Kant pela Alianza Editorial (2009)
>>> A Dama das Camélias de Alexandre Dumas Filho pela Nova Alexandria (2015)
>>> Mentes Inquietas: TDAH - Desatenção, Hiperatividade e Impulsividade de Ana Beatriz Barbosa Silva pela Objetiva (2004)
>>> A primeira história do cristianismo de Daniel Marguerat pela Paulus, Loyola (2003)
>>> As erras mais primitivas da terra (Tomo 1 e 2) de G. H. Pember pela Ed Clássicos (2003)
>>> The Witcher Livro 1: O Último Desejo de Andrej Sapkowski pela WMF Martins Fontes (2011)
>>> O Hobbit de J. R. R. Tolkien pela WMF Martins Fontes (2013)
>>> O Silmarillion de J. R. R. Tolkien pela WMF Martins Fontes (2011)
>>> Livro de Uma Sogra – Obra Completa Nº 5 de Aluísio Azevedo pela Waldré (1982)
>>> O Mulato de Aluísio Azevedo pela Ática (1992)
>>> Os Lusíadas de Luís de Camões pela Abril (1979)
>>> Os Trabalhadores do Mar de Victor Hugo pela Abril (1979)
>>> Decamerão (2 volumes) de Giovanni Boccaccio pela Abril (1981)
>>> Relações entre a Igreja e o Estado de Rafael Llano Cifuentes pela José Olympio (1989)
>>> A Interpretação do Homem de Renato Kehl pela Francisco Alves (1951)
>>> Envelheça Sorrindo de Renato Kehl pela Francisco Alves (1949)
>>> O Milagre de Lourdes de Ruth Cranston pela Melhoramentos (1955)
>>> Diário de um pároco de aldeia de Georges Bernanos pela Agir (1964)
>>> A Doutrina Social da Igreja de G. C. Rutten, O. P. pela Agir (1947)
>>> Maria e o Evangelho de Jean Galot pela Aster (1961)
>>> O que sobrou do paraíso? de Jean Delumeau pela Companhia das letras (2003)
COMENTÁRIOS

Domingo, 2/6/2002
Comentários
Leitores


É isso aí
Querido Dennis: concordo, concordo, concordo! E digo mais: concordo!Mas não fique amargurado,porque isso é apenas sinal de que temos muito o que fazer. Arregace as mangas, menino, e faça bem o que quer que seja que você faz melhor. Se for escrever, escreva. Se for cantar, cante. Crie seus filhos, presentes ou futuros, com cuidado e com valores sólidos. Ensine-os a ler com gosto e com entendimento. Seja um exemplo para as pessoas à sua volta. E deixe que os Alulelês de Orubás se comam entre si. Plante uma semente boa para o futuro, e procure solo bom onde plantar. O que for erva daninha, tenha certeza, vai ser jogado no fogo do tempo e será destruído. E quando o trio elétrico estiver dando nos nervos, pegue o walkman e ouça Bach. Beijos da Sue.

[Sobre "Psiquiatra declara Japão Oficialmente Maluco"]

por Assunção Medeiros
2/6/2002 às
14h27 200.184.36.97
(+) Assunção Medeiros no Digestivo...
 
Mais malucos do que os japas
Querida Sue, citei São Paulo, é verdade, mas foi como exemplo, apenas... Questão de Matemática, já que São Paulo representa o maior doador de impostos e taxas, entre os Estados brasileiros. Prometo tomar cuidado para não transformar minhas amarguras em bairrismo. Prometo. Mas as amarguras existem; amarguras e indignações, principalmente quando fica claro que "alguns poucos" estão financiando as Micaretas, Pomponetas, Petapetas, Caranamaios, Carnajunhos, Carnajulhos, Carnagostos e inúmeras outras fentanças populares, geralmente comandadas por brasileiros de turbantes, com trajes e colares africanos... brasileiros que acham "lindju" ser filho de "Mama África" e até trocam o nome José e Raimundo por Alulelê de Orubá e Pomaturé de Alaketo. Pra mim, se quer mesmo saber o que penso, essa gente batuqueira é muito mais maluca do que os inventores dos pets tomagoshis. Você não acha, Sue? Ah, testou cheio de ver tanta festa cretina, comemorando porcaria nenhuma. Mas isto é Brasil: uma escritora como Hilda Hilst, com 50 anos de literatura, tendo escrito prosa, poemas, teatro... é jogada de lado... Uma Dona Zélia Gatai, com uma obra literária muitíssimo menos representativa é "imortalizada" pela Academia Brasileira de Letras, porque foi casada com Seu Jorge. Isso dá nos nervos! 1... 2... 3...4... 5... Abraço, Sue.

[Sobre "Psiquiatra declara Japão Oficialmente Maluco"]

por Dennis
2/6/2002 às
12h33 200.225.146.170
(+) Dennis no Digestivo...
 
Oi Dennis!
Meu querido, cuidado com o bairrismo. E eu não disse que TODO brasileiro é maluco, assim como o próprio Alexandre não disse que TODO japonês é maluco. Veja o que ele diz: "Sigam-me, pois: pelo menos aqueles que compartilharem um pouquinho do meu prazer em chamar uma nação inteira de maluca. Que é o prazer, claro, de falar uma bobagem, mas com alguma verdade emaranhada nela." É uma bobagem mesmo achar que todo muno em um país é igual, mas nós sabemos como é o perfil do brasileiro como POVO. Eeu duvido que TODO o paulista ou paulistano seja trabalhador, meu querido, assim como sei que o povo carioca também não é TODO ele indolente. Nem os baianos o são. Enfim, não sendo paulista, mas tendo uma porção de coisas para fazer, eu deixo meu beijo para você. Por favor, pode me chamar de Sue mesmo... :o) Fui!

[Sobre "Psiquiatra declara Japão Oficialmente Maluco"]

por Assunção Medeiros
2/6/2002 às
10h57 200.184.36.141
(+) Assunção Medeiros no Digestivo...
 
O Brasil que carrega o Brasil
Caríssima Assunção Medeiros: sim, é fato que existe um Brasil festeiro e safado, indolente e descarado, que descansa até desmanchar. Você só não mencionou que esse Brasil indolente é carregado nas costas do outro Brasil, o Brasil responsável e lutador, que trabalha até quebrar, o nosso Brasil Paulista, por exemplo. Este acorda antes do galo e adormece depois da coruja!!! Abraço do Dennis.

[Sobre "Psiquiatra declara Japão Oficialmente Maluco"]

por Dennis
2/6/2002 às
09h28 200.226.197.65
(+) Dennis no Digestivo...
 
Desculpem a falha
Onde se lê "senso de ralidade", favor trocar por "senso de REALIDEDA" ops! RAELIDADE... REDALIDADE... ah, vocês sabem! :o)))

[Sobre "Psiquiatra declara Japão Oficialmente Maluco"]

por Assunção Medeiros
2/6/2002 à
00h48 200.184.36.161
(+) Assunção Medeiros no Digestivo...
 
Para Karla
Karla, você mencionou meu nome, então acho que merece uma resposta. Veja bem, eu só mencionei certas coisas porque o Eduardo foi ACUSADO de não poder emitir opinião devido à sua idade e sexo. Então eu quis pular por cima de objeções deste tipo e dizer que me considero pertencente ao grupo mais capacitado para criticar o dito programa, ou seja, parte do público-alvo do mesmo. Não sou? Pois é, e acontece que eu concordo plenamente com o moleque de 22 anos (desculpa aí Eduardo) no que ele diz a respeito do programa. E nada do que você - ou as outras meninas que se enfezaram com ele - disseram mudou minha opinião. No seu primeiro comentário você diz: "Rita Lee (...) até quando não fala nada, é inteligente, interessante, moderna, culta, sábia..." (!!!!!!!!!) Realmente, essa frase dispensa comentários, mas por favor, medite sobre ela. Qualquer pessoa calada pode fazer cara de inteligente, neguinha... e quanto ao sábia, ela deve ser mesmo muito sábia por ter sido presa por porte de drogas e agitação quando estava grávida, de oito meses, se não me engano. Exemplo de sabedoria, se drogar durante a gestação! E eu não vi nenhuma atitude dela desde entã o que justifique o uso da palavra "sábia"!!!! Por favor, pense antes de escrever! Depois você diz que o Eduardo responde os comentários um a um , "como se fosem agressão". Pois eu só vi agressão contra ele, tirando os três primeiros comentários. Eu escrevi um texto aqui no DC, e meu pai quase colocou um comentário elogioso, mas ele é mais velho e experiente que as meninas, e achou que ia pegar mal... mas eu dou o direito das meninas gostarem do que o irmão escreveu e terem vontade de expressar isso. Teria tido muito orgulho em ter um comentário do meu pai no DC. Você não teria? No que isso invalida o comentário delas, ou o dele? E se é infantilidade dizer que a Rita Lee NÃO É um expoente de nossa música bom, tragam minhas jujubas! E se é tã oinfantil discutir aqui, o que faz uma tão madura e sábia mulher por aqui? vá assistir ao saia justa! Um abraço, Sue.

[Sobre "Com a calcinha aparecendo"]

por Assunção Medeiros
2/6/2002 à
00h14 200.184.36.161
(+) Assunção Medeiros no Digestivo...
 
Para Yara, novamente
Cara Yara, desculpe a demora da resposta, mas sabe como é feriado... não olhei o computador até hoje à noite. Bom (suspiro fundo) se eu for responder seu comentário com o cuidado que deveria, o MEU comentário vai ficar imenso. Deixa eu ver, então, o que eu posso fazer num espaço um pouco menor. Primeiro, se quiser ver o site do meu grupo de estudos, vá ao endereço www.brathair.cjb.net e olhe a nossa revista eletrônica. Se você também estuda história antiga e medieval com seriedade, vai gostar. Segundo, eu não tenho o hábito de fazer de conta que não conheço a dita "cultura popular" para me sentir mais elite. A televisão está lá, e invade nossa consciência. O BBB, o Casa dos Artistas, o Gugu, infelizmente são forças verdadeiras, que seria melhor que entendêssemos ao invés de ignorar. Terceiro, se a Rita Lee era responsável pelo lado criativo junto com três outras pessoas, então ela era no máximo 25% do poder criativo da banda. E eu acho que nem isso ela era. Eu não vou abanar o rabo e dizer "maravilhosa!" só porque ela é mulher. Conheço mulheres que são infinitamente superiores como instrumentistas e como compositoras. A Rita Lee é uma música medíocre, e sinto muito se isso ofende sensibilidades femininas. Quarto: quer um exemplo de pensamento de rebanho? Seu comentário "Diga isto às familias das pessoas que morreram e que foram torturadas durante a ditadura militar". Me diz uma coisa: quantas pessoas você acha que morreram durante a dita ditadura militar? E de que lado estavam? E que lado eram esses? Você já foi se INFORMAR a respeito, ou só gosta de repetir os slogans dos líderes do rebanho? Você não estava nem próxima de nascer quando tudo aconteceu, mas eu digo a você que o buraco é bem mais embaixo. Quinto, gostar do programa é direito seu, e acho que ninguém disse aqui que não se podia gostar dele. Eu gosto de jujuba, e sei que faz mal aos dentes e engorda, e tem pouquíssimo valor nutritivo. Mas eu gosto. O que eu estou dizendo é que concordo com o Eduardo quando ele fala "Porque a ignorância – especialmente quando disfarçada - é entediante." E que discordo quando as mocinhas gritam e dizem que ele é machista por falar isso. Você já reparou o quanto os homens se cobram e criticam OBJETIVAMENTE uns aos outros? Vamos largar essa coisa de feminino/masculino e julgar as coisas no seu sentido universal? Ou o programa é bom porque é bom, ou é ruim. Na mesma escala de valores de um programa "masculino" (eca! detesto ter de usar essa separação idiota). Um abraço, Sue. P.S.: Eu ADORO o programa da Ana Maria Braga, tiro receitas INCRÍVEIS de lá. Sua mãe tem bom gosto.

[Sobre "Com a calcinha aparecendo"]

por Assunção Medeiros
1/6/2002 às
23h44 200.184.36.161
(+) Assunção Medeiros no Digestivo...
 
De médico e de louco...
Esse meu general é mesmo um artista! Parabéns, senhor!Mais uma obra prima de humor, jóia do mais fino witticism. Oscar Wilde bateria palmas de prazer! É um texto que merece centenas de exclamações!!!!! E o pior é que é verdade, mas não só para os japoneses. Se olharmos com um pouco menos de ternura para o nosso país, veremos que abundamos também de psicoses. Apenas somos uns maluquinhos mais divertidos que os japoneses, que não conseguem perder a rigidez de manual nem quando são malucos, coitados. Nós, nós somos malucos-beleza, com forte fixação anal, mais um tanto de necrofilia (veja os jornais do Rio/São Paulo), total ausência de senso de ralidade, e quase que total incapacidade de viver em sociedade. A diferença entre os malucos nipônicos e os malucos tupiniquins é que os primeiros trabalham até quebrar, e os segundos descansam até desmanchar... Beijos da Sue

[Sobre "Psiquiatra declara Japão Oficialmente Maluco"]

por Assunção Medeiros
1/6/2002 às
22h11 200.184.36.185
(+) Assunção Medeiros no Digestivo...
 
luz dos Açores
Pedroservio, achei curiosa a afirmação de que o Brasil ("tupinambaquistão" como talvez você prefira) foi invadido pelos colonizadores manés, da mesma forma que a Palestina o foi por colonos vindos da Europa. Tanto quanto o meu escasso gauchês me permite depreender, o termo "mané" se refere aos imigrantes açorianos que nos séculos dezoito e dezenove, com coragem e desprendimento, aportaram nos então insalubres e despovoados vales do que são hoje Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Se algum índio havia por lá na ocasião (e em que quantidade, o que até hoje é discutido), creio que foi é beneficiado com o alargamento de consciência trazido pelos históricos manés. Comparar o povoamento daquelas terras com o contexto político da Palestina do pós-guerra decididamente não se afigura razoável. Na verdade não desejo lhe convencer de nada, pois algum tipo de ideologia hegemônica parece que foi mais rápida... Acho apenas que um pouco de informação... ah, a informação, sempre ajuda. Um abraço.

[Sobre "Nas garras do Iluminismo fácil "]

por Toni
1/6/2002 às
18h31 200.154.144.165
(+) Toni no Digestivo...
 
Nomes e cores
O nome dele é pela cor. Quando filhotinho, Ferrugem era quase ruivo. Hoje ele já desbotou um pouco, mas ainda chama atenção na rua. E o seu nome, também é pela cor ? :)

[Sobre "Eu & Ferrugem"]

por Adriana
31/5/2002 às
18h42 200.199.108.12
(+) Adriana no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




ACIMA DE QUALQUER SUSPEITA
SCOTT TUROW
RECORD
(1987)
R$ 5,00



ONTEM À NOITE ERA SEXTA-FEIRA
ROBERTO DRUMMOND
SICILIANO
(1991)
R$ 8,90



CAMPANHA DA BIRMÂNIA
MICHAEL CALVERT
RENES
(1978)
R$ 9,90



COLEÇÃO OBJETIVO PORTUGUÊS LITERATURA BRASILEIRA LIVRO 4
COLEÇÃO OBJETIVO
CERED
R$ 6,90



TUA FÉ TE GUIARÁ
TECA JORGE / JANAINA VIEIRA
GENTE
(1999)
R$ 10,00



O PRIMEIRO TREM EM BRASÍLIA; A BOMBA DO TERROR - SÃO PAULO;
REVISTA MANCHETE, Nº 837 DE 1968
BLOCH
(1968)
R$ 35,28



REVISTA BRASILEIRA DE OFTALMOLOGIA Nª 3
SOCIEDADE BRASILEIRA DE OFTALMOLOGIA
SOCIEDADE BRASILEIRA DE OFT
(1977)
R$ 11,66



PROBLEMÁTICA DA CIVILIZAÇÃO CONTEMPORÂNEA
WILSON DE LIMA BASTOS
EDIÇÕES PARAIBUNA
(1974)
R$ 9,28



BOM LIVRO - MEMÓRIAS DE UM SARGENTO DE MILÍCIAS
MANUEL ANTONIO DE ALMEIDA
ATICA
(1973)
R$ 6,90



HISTÓRIAS QUE TRAZEM FELICIDADE - 3ª EDIÇÃO
RICHARD SIMONETTI
CEAC
(2005)
R$ 7,00





busca | avançada
69289 visitas/dia
2,0 milhão/mês