De primeira! | André Cintra

busca | avançada
89692 visitas/dia
2,1 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Filó Machado encerra circulação do concerto 60 Anos de Música com apresentação no MIS
>>> Mundo Suassuna, no Sesc Bom Retiro, apresenta o universo da cultura popular na obra do autor paraiba
>>> Liberdade Só - A Sombra da Montanha é a Montanha”: A Reflexão de Marisa Nunes na ART LAB Gallery
>>> Evento beneficente celebra as memórias de pais e filhos com menu de Neka M. Barreto e Martin Casilli
>>> Tião Carvalho participa de Terreiros Nômades Encontro com a Comunidade que reúne escola, família e c
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Marcelo Mirisola e o açougue virtual do Tinder
>>> A pulsão Oblómov
>>> O Big Brother e a legião de Trumans
>>> Garganta profunda_Dusty Springfield
>>> Susan Sontag em carne e osso
>>> Todas as artes: Jardel Dias Cavalcanti
>>> Soco no saco
>>> Xingando semáforos inocentes
>>> Os autômatos de Agnaldo Pinho
>>> Esporte de risco
Colunistas
Últimos Posts
>>> A melhor análise da Nucoin (2024)
>>> Dario Amodei da Anthropic no In Good Company
>>> A história do PyTorch
>>> Leif Ove Andsnes na casa de Mozart em Viena
>>> O passado e o futuro da inteligência artificial
>>> Marcio Appel no Stock Pickers (2024)
>>> Jensen Huang aos formandos do Caltech
>>> Jensen Huang, da Nvidia, na Computex
>>> André Barcinski no YouTube
>>> Inteligência Artificial Física
Últimos Posts
>>> Cortando despesas
>>> O mais longo dos dias, 80 anos do Dia D
>>> Paes Loureiro, poesia é quando a linguagem sonha
>>> O Cachorro e a maleta
>>> A ESTAGIÁRIA
>>> A insanidade tem regras
>>> Uma coisa não é a outra
>>> AUSÊNCIA
>>> Mestres do ar, a esperança nos céus da II Guerra
>>> O Mal necessário
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Bobagem
>>> Marcelo Mirisola e o açougue virtual do Tinder
>>> Delírios da baixa gastronomia
>>> A morte das línguas
>>> Mickey Mouse, historiador
>>> Always in all ways
>>> The perfect servant
>>> Future World (1987)
>>> A juventude nas livrarias
>>> Entrevista com Ruy Castro
Mais Recentes
>>> Adolescência Normal de A. Aberastury; M. Knobel pela Artes Médicas (1981)
>>> Umbanda a Nova Era Chegou de Sandro Luiz; Murillo Hiarlley pela Madras (2021)
>>> Mudras As Mãos Como Símbolo do Cosmo de Ingrid Ramm-Bonwitt pela Pensamento (1995)
>>> Reciclagem Do Plástico Como Fazer Da Reciclagem Um Negocio Lucrativo de Ana Maria Piva; Hélio Wiebeck pela Artliber (2004)
>>> Iniciativas para Preservação de Psitacídeos de Ricardo Magalhães pela Eco (2006)
>>> Os Pensadores A História da Filosofia de Will Durant pela Nova Cultural (1996)
>>> Os Pensadores Wittgenstein Investigações Filosóficas de Ludwig Wittgenstein pela Nova Cultural (1996)
>>> Os Pensadores Tomás de Aquino de Tomás de Aquino pela Nova Cultural (1996)
>>> Os Pensadores Santo Agostinho Confissões de Santo Agostinho pela Nova Cultural (1996)
>>> Os Pensadores Sócrates de Sócrates pela Nova Cultural (1996)
>>> Os Pensadores Rousseau Do Contrato Social Ensaio Sobre a Origem das Línguas Volume I de Jean-Jacques Rousseau pela Nova Cultural (1997)
>>> Os Pensadores Pré-Socráticos Vida e Obra de Pré-Socráticos pela Nova Cultural (1996)
>>> Os Pensadores More A Utopia de Thomas More pela Nova Cultural (1997)
>>> Os Pensadores Montaigne Ensaios Volume II de Michel de Montaigne pela Nova Cultural (1996)
>>> Os Pensadores Locke Ensaio Acerca do Entendimento Humano de John Locke pela Nova Cultural (1997)
>>> Os Pensadores Leibniz Novos Ensaios Sobre o Entendimento Humano de Gottfried Wilhelm Leibniz pela Nova Cultural (1996)
>>> Os Pensadores Montaigne Ensaios Volume I de Michel de Montaigne pela Nova Cultural (2000)
>>> Matei por Amor de Andrea Borelli pela Celso Bastos (1999)
>>> The Official Guide For Gmat Review 2016 With Online Question Bank And Exclusive Video de Gmac pela Wiley (2015)
>>> Teoria Processual da Constituição de Willis Santiago Guerra Filho pela Celso Bastos (2000)
>>> Princípios Constitucionais de Walter Claudius Rothenburg pela Sergio Antonio Fabris (2003)
>>> Direito Antitruste - O Combate Aos Carteis de Eduardo Molan e Juliana Oliveira pela Saraiva (2009)
>>> Pedagogia E Pedagogos, Para Quê? de José Carlos Libâneo pela Cortez (2008)
>>> Analise De Textos De Comunicacao de Dominique Maingueneau pela Cortez (2000)
>>> Produção Textual Na Universidade de Desiree Motta-roth pela Parabola (2016)
COMENTÁRIOS

Quarta-feira, 13/7/2005
Comentários
Leitores

De primeira!
Grande Guilherme, parabéns pela excelente estréia no "Digestivo".

[Sobre "Crônicas de solidão urbana"]

por André Cintra
13/7/2005 às
13h19 200.186.101.7
(+) André Cintra no Digestivo...
 
Como Holden Caulfield
Achei o livro "The Catcher in the Rye" por acaso, numa das prateleiras de uma biblioteca em uma cidadezinha qualquer. O livro praticamente pulou da prateleira para as minhas mãos. Não tive outra escolha senão lê-lo. E gostei muito, principalmente porque em várias situações identifiquei-me com Holden Caulfield, sem contar os pensamentos que passam tão depressa e aquela sensação de sentir-se uma exceção, ou um personagem fora do contexto quando há ao nosso redor tanta hipocrisia.

[Sobre "O apanhador no campo de centeio"]

por M.B.N.F.
13/7/2005 às
02h19 201.1.144.51
(+) M.B.N.F. no Digestivo...
 
escrever... tá tão saturado!
De vez em vez passo por aqui. Dá de rir um pouco, na boa. Mas sei lá, sobre escrever, escrever, escrever... isso tá tão saturado, parece. Tá pior que o abstracionismo barato de quadro de escritório. O cara escreve qualquer coisa, uma viagem qualquer, tudo é válido, lota servidores de bits, quem sabe amanhã vai ser apagado, e não fica nada, não mata a fome de leitura. Uma tagarelice pra passar o tempo e que parece não se propor a isso (é a pós-modernidade, dizem uns). Bulhufas. Gosto muito de literatura, de escrever, mas tem uma hora que a coisa só gira em torno do umbigo, sei lá. Embora esteja stand-by com a literatura, é meu trabalho escrever uma, duas, três paginas todos os dias. Um dia depois, a cidade inteira (generalização, bãn) lê. Não ganho a menos ou a mais por isso, não fico mais ou menos famoso (o que é ficar famoso, aparecer na mídia, bãn?) Na verdade, nem sei quem me lê. Essa pessoa não tem rosto. É até capaz de naquele dia ninguem me ler, e daí? Às vezes uns ligam pra xingar, às vezes pra fazer um elogio rápido na rua, sem uma argumentação consistente. E eu só trabalho para quem me lê, na verdade. Sou repórter de jornal diário, não faço artigo, faço matéria, de preferência reportagem. E, olha, essa coisa de escrever por escrever tá estéril... o que nutre as palavras mesmo é a realidade – é a lição boa que tirei dessa profissão "suspeita" que é o jornalismo. É narrar e não ficar matutando sobre tudo... é um santo remédio quando se escreve, se escreve, e tem-se a sensação de não dizer nada, para ninguem. Benjamin fala sobre isso em um texto do qual não me recordo agora. Ah... porque o lance de contar história, como antigamente, acabou, dizem uns. Acabou nada. Uma cambada que não consegue contar um bom causo prega que acabou, fica se lamuriando... oh, tudo está perdido, é o fim. Chega ao cúmulo de se promover em cima do apocalipse. E mais um bando estende o tapete vermelho. Aff. É só o cara sentir a realidade mais de perto, dar mais vida ao olhômetro, cheirômetro e etc., que sobra o que escrever, sem esforço, só por curtição. Acredito que a resposta de quem lê também é diferente, nesse caso. É isso, pode ser um pouco "realista", sei lá. Mas sou fã da imaginação, e como! Escrever tem a ver com fertilidade, fertilidade com vida. Abraços.

[Sobre "Sobre Parar de Escrever Para Sempre"]

por rogerkw
13/7/2005 à
00h19 200.101.242.157
(+) rogerkw no Digestivo...
 
Mensagem de um provinciano!
Olá Eduardo, sou do Macapá, AP, que pode ser considerada uma cidade provinciana, pois não tem nem meio milhão de habitantes apesar de ser a capital do Estado. Gostei muito do teu texto porque eu acabei lembrando de um que eu tenho a respeito de Macapá, chama-se "Que vida boa, seu mano!". Acredito que assim como São Paulo recebe a influencia de outras localidades do mundo nós também recebemos influencia, via de regra, de cidades grandes do nosso próprio país, mas isso não significa uma perda da identidade local, ao contrário, existem vários movimentos de resistência cultural que acabam garantindo nossa identidade. É como você falou: em províncias, é vantagem certos tipos de reflexão, talvez seja por causa do tempo que se tem pra parar e pensar um pouco em não ganhar dinheiro ou simplesmente sobreviver. Há braços!!!

[Sobre "Por que eu moro em São Paulo"]

por Paulozab
12/7/2005 às
16h00 200.230.155.2
(+) Paulozab no Digestivo...
 
historia intima da humanidade
do texto podemos tirar varias conclusoes, dependendo do nosso interesse e da paixao pelo que lemos: excelente e fascinante o empenho dos profissionais.

[Sobre "Crônicas de solidão urbana"]

por gilberto correia
12/7/2005 às
03h28 196.28.238.170
(+) gilberto correia no Digestivo...
 
Parar
Oi, Andréa! Bom, depois de um longo tempo, estou aquí. Estive num inferno muito intenso que me impedia de ler qualquer coisa que fosse. Tá, exagerei um pouco... mas é quase isso. Aliás, devo lhe dizer que tem passado pela minha cabeça a idéia de parar de escrever. Não que alguém vá chorar por isso. Nem um pouco... bom, talvez eu mesmo e um ou outro amigo ou amiga. Sei lá... Mas... a Gaivota Azul? Ora, ela é minha mãe virtual... não sei por que, mas me entendo melhor com ela do que com minha mãe natural (talvez um pouco por não haver a convivência diária, talvez por minha mãe ser realmente uma pessoa complicada...). Mas... veja só: você não está sozinha - eu não consegui entender Ulisses e nem cheguei ao final. E, mais do que tudo, queria dizer que me importo com o que você e os leitores vão pensar do que escrevo aqui ou em qualquer lugar. Naturalmente, reconheço que não é grande coisa. Passei como um "sei-lá-o-que" pelos assuntos, sem me aprofundar em nada. Fase ruim, quem sabe... Talvez seja hora de eu parar. Mas por um tempo. Não para sempre. E quanto a você, espero que não pare! Beijão!!

[Sobre "Sobre Parar de Escrever Para Sempre"]

por Alessandro de Paula
11/7/2005 às
18h48 200.204.153.101
(+) Alessandro de Paula no Digestivo...
 
romance e conto
Isso do "treino" através do conto é bem verdade; mas também: escrever um romance pode ser, por um lado, mais fácil; você tem tempo de escrever bobagem até acertar o tom. Com um conto não é possível fazer isso: é tudo ou nada, ou tem alguma coisa substancial, ou não tem, não há como enganar. No final, todos os gêneros tem seus prós e contras.

[Sobre "Como escrever bem – parte 3"]

por Claire
11/7/2005 às
13h56 200.164.27.81
(+) Claire no Digestivo...
 
Conhecer São Paulo
Morrar em São Pauo é conhecer a multiplicidade massificada da Liberdade, do Bixiga, do Brás, da Benedito Calixto, da Vila Madalena, da Vila Olímpia, do Itaim, do Ibirapuera, etc... É a partir daí que você pode buscar o que é realmente a cidade. Uma cidade tão especializada que tem até camelô só de cadarço. O que me indigna é o que encontramos no chão: de papeis, até pessoas...

[Sobre "Por que eu moro em São Paulo"]

por Vinícius Lima
10/7/2005 às
22h29 192.168.133.52
(+) Vinícius Lima no Digestivo...
 
eu vou conseguir...
Quando eu estava no colegial, prestes a fazer o vestibular, eu escrevia mais ou menos bem, tirava boas notas e conseguia alguns elegios da professora... Tudo era lindo... Fiz vestibular, fui muito bem em redação, mas fato é que, depois que eu entrei na faculdade, eu fiquei mais burra... Não escrevo mais como antes, aliás, tenho até muita dificuldade para escrever. E por que isso ocorreu? Porque eu não tenho mais incentivo algum. Vez ou outra faço resenhas de textos chatos e monótonos e extremamente técnicos. Escrevo muito menos do que escrevia quando tinha que fazer pelo menos três redações por semana no colegial. Por isso, nessas férias, comecei a ler mais, mesmo que seja só revistas de arquitetura (que, aliás, dizem respeito ao meu curso) e voltei a comprar jornais. E eu juro que vou escrever mais e vou ler mais ainda, muito obrigada pelo seu texto, pois eu pude ver que eu não sou um caso perdido...

[Sobre "Como escrever bem — parte 1"]

por Vivi
10/7/2005 às
17h28 200.150.19.146
(+) Vivi no Digestivo...
 
Concisão
Legal encontrar um texto teu. Conciso, incisivo... Conhecemo-nos em Santa Maria. Interior do interior do Rio Grande do Sul. Poderemos trocar informações literárias.

[Sobre "Apresentação"]

por Ervin Weigert
9/7/2005 às
22h30 192.168.133.51
(+) Ervin Weigert no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Meu Querido Christopher
Sy Montgomery
Ediouro
(2007)



Cartas Entre Amigos - sobre ganhar e perder
Gabriel Chalita - Fabio De Melo
Globo
(2010)



Jogando e Aprendendo a Jogar
Marilda Pierro de Oliveira Ribeiro
Educ
(2008)



Introdução à Engenharia
Luis Fernando Espinosa Cocian
Bookman



Zadig ou O Destino
Voltaire
Escala
(2008)



Arte, crítica e mundialização
Mariza Bertoli e Verônica Stigger
Imprensaoficial



Livro Como Ganhar Dinheiro no Mercado Financeiro Encontre o perfil de investidor adequado á sua personalidade Um guia para montar o seu plano de investimento
Raphael Paschoarelli
Elsiever
(2008)



Maria Ruth
Ruth Escobar
Guanabara
(1987)



A Deusa Interior
Jennifer Barker Woolger; Roger J. Woolger
Cultrix
(1997)



Livro Literatura Brasileira Clara do Anjos e Outras Historias Biblioteca Volume 9
Lima Barreto
Folha
(1997)





busca | avançada
89692 visitas/dia
2,1 milhões/mês