a literatura sumiu dos jornais | Alessandra Pajolla

busca | avançada
65177 visitas/dia
1,9 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Luiz Ruffato lança novo livro e estreia em nova editora
>>> Live commerce terá show exclusivo ao vivo para festejar o Dia Nacional do Samba
>>> Um Recital para Ariano - com Antônio Nóbrega
>>> Coletiva de Arte Naïf | Galeria Jacques Ardies
>>> Cia O Grito evoca os fantasmas do teatro em nova peça
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
>>> Errando por Nomadland
>>> É um brinquedo inofensivo...
Colunistas
Últimos Posts
>>> A história de Claudio Galeazzi
>>> Naval, Dixon e Ferriss sobre a Web3
>>> Max Chafkin sobre Peter Thiel
>>> Jimmy Page no Brasil
>>> Michael Dell on Play Nice But Win
>>> A história de José Galló
>>> Discoteca Básica por Ricardo Alexandre
>>> Marc Andreessen em 1995
>>> Cris Correa, empreendedores e empreendedorismo
>>> Uma história do Mosaic
Últimos Posts
>>> Entre outros
>>> Entre o corpo e a alma, o tempo
>>> O tempo é imbatível
>>> Consciência
>>> A cor da tarja é de livre escolha
>>> Desigualdades
>>> Novembro está no fim...
>>> Indizível
>>> Programador - Trabalho Remoto que Paga Bem
>>> Oficinas Culturais no Fly Maria, em Campinas
Blogueiros
Mais Recentes
>>> João, o Maestro (o filme)
>>> O Brasil pode ser um país de leitores?
>>> Claudio Galeazzi sobre a crise
>>> Millôr no IMS Paulista
>>> Can Google Stay Google?
>>> Breve Apresentação
>>> Star Wars
>>> As novas estantes virtuais
>>> Minha história com Philip Roth
>>> O momento do cinema latino-americano
Mais Recentes
>>> Sistemas Operacionais - 3ª Ed. (lacrado) de Harvey M. Deitel, Paul J. Deitel, David Choffnes pela Pearson Universidades (2005)
>>> Os Sete Pecados - Inveja de Alexandre Carvalho pela Leya (2015)
>>> Crônicas da Guerra de J. M. Pinheiro Neto pela Saint Paul (2007)
>>> Empresa Focada no Cliente (lacrado) de Niraj Dawar pela Elsevier (2014)
>>> Crescer Através do Sofrimento de Zilma Gurgel Cavalcante pela Cia dos Livros (2011)
>>> Kit Elas Estão Com Tudo (lacrado) de Margaux Motin, Navie, Audrey Lainé pela Nemo (2020)
>>> O Exílio e o Reino de Albert Camus pela Record (1981)
>>> As Entrevistas de Putin de Oliver Stone pela Best Seller (2017)
>>> Economia de Empresas - Aplicações, Estratégias e Táticas de James R. Mcguigan, R. Charles Moyer pela Cengage Learning (2010)
>>> Clarice Lispector - uma Literatura Pensante de Evando Nascimento pela Civilização Brasileira (2012)
>>> Alguém Come Centopeias Gigantes? de Fabio Massari pela Ideal (2015)
>>> Educação Básica e o Básico na Educação de Attico Chassot, Danilo Streck pela Sulina (1996)
>>> Trabalho e Consumo (lacrado) de Regina Ap. Cirelli Ângulo pela Ícone (2000)
>>> Saúde e Previdências - Estudos de Política Social (lacrado) de José Carlos de Souza Braga, Sérgio Góes de Paula pela Hucitec (2018)
>>> O Direito Autoral na Obra Psicografada (lacrado) de Francisco Narcélio Ribeiro pela Lumen Juris (2016)
>>> 1434 - o Ano Em Que uma Magnífica Frota Chinesa Velejou... (lacrado) de Gavin Menzies pela Bertrand Brasil (2010)
>>> Pânico no Pacífico de Pronto pela Autêntica (2014)
>>> Os Tijolos Nas Paredes das Casas (lacrado) de Kate Tempest pela Casa da Palavra (2016)
>>> Patentes Verdes (lacrado) de Nivaldo dos Santos pela Lumen Juris (2016)
>>> Família e Crianças (lacrado) de Lígia Ebner Melchiori, Ana Claudia Maia pela Juruá (2012)
>>> De Santos e Sábios (lacrado) de James Joyce pela Iluminuras (2000)
>>> Excelência Em Recepção de Hotéis (lacrado) de Guilherme Guzela pela Intersaberes (2012)
>>> De Tudo Que Eu Vi (lacrado) de Paulo César de Oliveira pela José Olympio (2019)
>>> Ética Profissional - Simplificado (lacrado) de Haroldo Paranhos Cardella, José Antonio Cremasco pela Saraiva (2012)
>>> Raymond Chandler - uma Vida (lacrado) de Tom Williams pela Benvirá (2014)
COMENTÁRIOS

Terça-feira, 26/9/2006
Comentários
Leitores


a literatura sumiu dos jornais
Concordo com você. Estou preparando o projeto para uma futura tese sobre jornalismo literário e o livro Pena de Aluguel me abriu vários horizontes. Agora o difícil é achar um foco diferente do que já foi dito ali... Minha cabeça fervilha reflexões, hipóteses. O jornalismo me parece cada vez mais pobre, em linguagem, em conteúdo. A literatura sumiu dos jornais, lamentavelmente...

[Sobre "Caminhos entre o Jornalismo e a Literatura"]

por Alessandra Pajolla
http://www.dedinhosdeprosa.blogspot.com
26/9/2006 às
16h01 200.103.246.43
(+) Alessandra Pajolla no Digestivo...
 
A melhor série que existe!
Anos Incríveis é uma série fantástica. Através de fatos simples, puros e reais Kevin conta sua estória, e tudo se passa em uma época de ouro e transformação total da sociedade, o cenário é lindo. Junto com a vida de Kevin aparecem os classicos do rock, muitos se identificam com Kevin pois ele é um garoto comum que se diverte com os amigos, se apaixona, sofre, chora e isso que é tão bacana: fatos comuns que ocorrem com todos. Isso e muito mais faz de Anos Incríveis o melhor seriado de todos os tempos!!!

[Sobre "Anos Incríveis"]

por Ana Paula
26/9/2006 às
15h34 200.207.161.74
(+) Ana Paula no Digestivo...
 
ser político é serviço público
Desde a criação da Democracia, na Grécia Antiga, ser político não é profissao, é serviço público. O cidadão afirma-se quando participa da vida de sua cidade, inclusive política. Por isso, político não deve ser profissão: deve ser um cidadão que, a partir de uma etapa da vida, resolve colocar seus conhecimentos a serviço da sociedade. O problema é que houve deturpação do conceito: a política está cheia ou de espertalhões ou de gente que não tem nenhuma profissão. Essas são as que se servem da sociedade, e não servem à sociedade.

[Sobre "Poder e Vocação"]

por Alexandre Magno
26/9/2006 às
13h08 201.41.31.73
(+) Alexandre Magno no Digestivo...
 
Fuja das boas intenções
Pablo, acho que vc está enganado. Fazer política de qualidade e melhorar o mundo não é uma questão de vontade. É uma questão de inteligência. Eu não acredito em vontade. Eu fujo de pessoas bem intencionadas. Quer um exemplo? Vc chega numa cidade pobre do interior e encontra uma criança doente. Ela está com febre. O curandeiro da região já deu os chás de sempre, e não adiantou. Eu te pergunto: se vc não souber nada de medicina, vc vai poder fazer alguma coisa para ajudar? É claro que não. Então boa vontade não adianta. Em política é a mesma coisa. Um sujeito com boa vontade que não tenha os conhecimentos e as idéias certas não pode fazer absolutamente nada para ajudar. Lute contra essa sua idéia, meu amigo. A política não precisa de pessoas bem intencionadas. Aliás, acredito que ela já está cheia delas. Precisa é de pessoas inteligentes, com conhecimentos precisos de economia e administração. Fuja das boas intenções. Abraço, Rbr

[Sobre "Poder e Vocação"]

por Ronaldo
26/9/2006 às
09h24 201.19.238.39
(+) Ronaldo no Digestivo...
 
Pra quem faz
"Se você é um verdadeiro jornalista, tem que aprender a olhar. As únicas ferramentas que temos são nossos olhos e nossas cabeças. Não é o ato de olhar somente com os olhos: é entender corretamente o que vemos. Abrir a barriga do mundo e farejar suas entranhas." Estou contigo!

[Sobre "A Canção Pobre"]

por Edson Junior Lain
http://eddcaulfield.wordpress.com/
26/9/2006 às
09h08 201.30.142.5
(+) Edson Junior Lain no Digestivo...
 
Nova interpretação de Wave
LEM, tenho uma interpretacao diferente para a estrofe de Wave. "Fundamental e' mesmo o amor. Impossivel ser feliz sozinho." Sera que nao se refere a solidao de nao se ter amigos queridos e pessoas com quem dividir ideias e risadas? O amor tem muitas facetas, e nao necessariamente deve se restringir ao amor entre um homem e uma mulher, como defende a nossa sociedade. A realidade e' que e' impossivel ser feliz sozinho, mas sozinho sem contato com outras pessoas, com novas ideias, com cultura, com arte, com a natureza. De alguma forma estamos sempre conectados ao universo a nossa volta... E eu acho que ja' vivi longos periodos bastante sozinho, que a solidao esta' mais na cabeca do que na realidade. Pq sempre temos a oportunidade de estar aprendendo alguma coisa e rindo de outras coisas, e nao existe caminho mais facil para felicidade do que aprender e rir. Tom Jobim era muito ironico, e acho que ate' pelo estilo de vida dele, se referia a amigos, e nao aos amores romanticos...

[Sobre "Sim, é possível ser feliz sozinho"]

por Ram
26/9/2006 às
08h35 200.140.91.177
(+) Ram no Digestivo...
 
Reflexão é o único caminho
Se existem sadhus nos Himalaias que refletem, e tudo que possuem e' a roupa do corpo, e vivem de esmolas; se Budha tinha 10000 seguidores, e viviam como mendicantes e refletiam; se o grande matematico Paul Erdos nem propriedade tinha e refletia... Pq ninguem mais pode faze-lo? Ate mesmo para quem tem fome, a escolha entre roubar e trabalhar e' um ato de reflexao. Noves fora que, no Brasil, mesmo quem pode nao reflete... A verdade e' que sempre estamos atras de desculpas para justificar a ausencia de consciencia em nossas vidas. E' um fenomeno natural. Mas, repito: ao menos, nos, da classe media, poderiamos, sim, refletir.

[Sobre "Reflexão para eleitores"]

por Ram
26/9/2006 às
08h22 200.140.91.177
(+) Ram no Digestivo...
 
Seu texto tá ótimo
Vivemos uma realidade dentro de muitas redações em que os jornalistas mal conseguem usar e-mail. É um verdadeiro mistério para muitos a diferença entre site e correio eletrônico. Mesmo nas grandes, como a d'O Globo, alguém confundiu internet com jornal impresso e bolou uma forma impossível de web. O problema não é o blog (ainda), é a base da coisa toda. Sem saber o feijão-com-arroz da rede, fica complicado partir para o jornalismo eletrônico. Seu texto tá ótimo, será distribuído entre alguns colegas. Abraço.

[Sobre "Por que os blogs de jornalistas não funcionam"]

por Leonardo Fontes
http://www.blogueisso.com
26/9/2006 às
02h03 201.9.95.226
(+) Leonardo Fontes no Digestivo...
 
neste mundo de relatividade
Sim, é possivel ser feliz sozinho, e eu concordo com o seu texto. Porém, cabe lembrá-lo que vivemos num mundo de "relatividade", onde uma coisa é relativa a outra, e por esta razão, eu ainda acho que somente em grupos, ou em pares, poderemos realmente crescer espiritualmente. Embora gostemos de ficar sozinhos, o crescimento somente ocorre quando aprendemos a aceitar as diferenças dos outros. Você somente poderá obter uma referência de você mesmo quando você se compara com um outro ser. Somente estando num ponto A que você poderá então perceber a magnitude do ponto B. A felicidade é alcancada quando crescemos espiritualmente. Um ser sozinho somente cresce uma fração daquilo que poderia crescer se estivesse em contato com outros seres. Precisamos desta referência, é bom sabermos que é importante nos relacionarmos para então, assim, crescermos neste mundo de relatividade. Abracos, 1000ton

[Sobre "Sim, é possível ser feliz sozinho"]

por Milton Laene Araujo
http://www.ibt-eft.com
25/9/2006 às
20h17 65.8.71.193
(+) Milton Laene Araujo no Digestivo...
 
Eu já até desisti!
Eu já até desisti! Nem discuto mais com pessoas que acham que quem prefere ficar sozinho sofre de frieza e/ou desencanto. Hoje eu até me divirto encarnando o personagem do cara desiludido, frio e amargurado, só para ver as caras de espanto das pessoas "românticas", que não sabem que não é nada disso.

[Sobre "Sim, é possível ser feliz sozinho"]

por Daniel
http://dosimulacro.blogspot.com
25/9/2006 às
19h13 200.158.240.55
(+) Daniel no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




O símbolo perdido
Dan Brown
Sextante
(2009)



A Outra Face do Poder Judiciário
Giselda Maria Fernandes Novaes Hironaka
Del Rey Sp
(2005)



As técnicas de delegar
Donald A Laird e Eleanor c Laird
Ibrasa
(1960)



O Amor Está na Rede
Erica Queiroz
Mbooks
(2011)



A Cidade do Sol
Khaled Hosseini
Nova Fronteira
(2007)



Homens de Valor
Rachele Zweig Dolinger
Imago
(2008)



A Felicidade de Cada Um
Helen Van Slyke
Record



O Futuro da Filosofia o Filósofo Entre os Autófagos
Jacques Bouveresse
Yendis
(2005)



Só Porque Criou o Mundo Pensa Que é Deus
Henrique Szklo
M&m
(1998)



Everest o Diário de uma Vitória
Waldemar Niclevicz
Sagamatha
(1995)





busca | avançada
65177 visitas/dia
1,9 milhão/mês