Os Dez Grandes Livros | Jardel Dias Cavalcanti | Digestivo Cultural

busca | avançada
74210 visitas/dia
2,2 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Buena Onda Reggae Club faz maratona de shows online a partir de 1ª de outubro
>>> Filó Machado e Felipe Machado dividem o palco em show online pelo CulturaEmCasa
>>> Cassio Scapin e artistas de grandes musicais fazem campanha contra o abuso sexual infantil
>>> Terça Aberta na Quarentena une teatro e a dança
>>> “Um pé de biblioteca” estimula imaginação e ajuda a criar novas bibliotecas pelo Brasil
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Meu malvado favorito
>>> A pintura do caos, de Kate Manhães
>>> Nem morta!
>>> O pai tá on: um ano de paternidade
>>> Prêmio Nobel de Literatura para um brasileiro - I
>>> Contentamento descontente: Niketche e poligamia
>>> Cinemateca, Cinemateca Brasileira nossa
>>> A desgraça de ser escritor
>>> Um nu “escandaloso” de Eduardo Sívori
>>> Um grande romance para leitores de... poesia
Colunistas
Últimos Posts
>>> A última performance gravada de Jimmi Hendrix
>>> Sebo de Livros do Seu Odilon
>>> Sucharita Kodali no Fórum 2020
>>> Leitura e livros em pauta
>>> Soul Bossa Nova
>>> Andreessen Horowitz e o futuro dos Marketplaces
>>> Clair de lune, de Debussy, por Lang Lang
>>> Reid Hoffman sobre Marketplaces
>>> Frederico Trajano sobre a retomada
>>> Stock Pickers ao vivo na Expert 2020
Últimos Posts
>>> Três tempos
>>> Matéria subtil
>>> Poder & Tensão
>>> Deu branco
>>> Entre o corpo e a alma
>>> Amuleto
>>> Caracóis me mordam
>>> Nome borrado
>>> De Corpo e alma
>>> Lamentável lamento
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Cinemateca, Cinemateca Brasileira nossa
>>> 7 de Setembro
>>> Amor fati
>>> É Julio mesmo, sem acento
>>> Maria Erótica e o clamor do sexo
>>> Arte, cultura e auto-estima
>>> Escrevendo um currículo
>>> Frases que soubessem tudo sobre mim
>>> Por que somos piratas musicais
>>> 6 pedras preciosas do rock
Mais Recentes
>>> Introdução à Programação Usando O Pascal de J. Pavão Martins pela Mcgraw-hill (1994)
>>> Bíblia Sagrada de Ivo Storniolo e Euclides Martins Balancin pela Paulus (2000)
>>> A Descoberta Diária de Org. João Ferreira De Almeida pela Alfalit Brasil (1998)
>>> Deus Ajuda Preces de Lorival Lopes pela Otimismo (1998)
>>> Gado Nelore 100 Anos de Seleção de Alberto Alves Santiago pela Dos Criadores (1987)
>>> Annuário De Jurisprudência Federal com um Apêndice de Legislação 1930 de Octavio Kelly pela A. Coelho Branco F. (1930)
>>> This Side Of Innocence de Taylor Caldwell pela Charles Scribner´s Sons (1946)
>>> Lands And Peoples 7 América Latina de Não Informado pela Grolier (1969)
>>> Lands And Peoples 6 Canadá de Não Informado pela Grolier (1969)
>>> Lands And Peoples 4 Ásia de Não Informado pela Grolier (1969)
>>> Soltando a Língua 8 de Sérgio Nogueira pela Gold (2007)
>>> Soltando a Língua 7 de Sérgio Nogueira pela Gold (2007)
>>> Soltando a Língua 6 de Sérgio Nogueira pela Gold (2007)
>>> Soltando a Língua 5 de Sérgio Nogueira pela Gold (2007)
>>> Soltando a Língua 4 de Sérgio Nogueira pela Gold (2007)
>>> Soltando a Língua 3 de Sérgio Nogueira pela Gold (2007)
>>> Soltando a Língua 2 de Sérgio Nogueira pela Gold (2007)
>>> Soltando a Língua 1 de Sérgio Nogueira pela Gold (2007)
>>> Acervo Artístico E Cultural dos Palácios do Governo do Estado de São Paulo de Org Ika Passos Fleury pela Gov. São Paulo
>>> Introdução à Estatística + CD de Mario F. Triola pela Ltc (2008)
>>> A Era Da Incerteza de John Kenneth Galbraith pela Pioneira (1998)
>>> Pc Guia Do Programador Soluções de Problemas de Robert Jourdain e outros pela Editora Campos (1993)
>>> Aprenda Brincando Artesanato e Atividades de Domingo Alzugaray e Cátia Alzugaray pela Três
>>> Lógica De Programação A Construção de Algoritmos e Estrutura de Dados de André Luiz Villar Forbellone e outro pela Mcgraw-hill (1993)
>>> Musculação Modelo Didático para Prescrição e Controle das Atividades de José Ricardo Claudio Ribeiro pela Casa Da Educação Física (2009)
>>> Porcelana Fria Encadernadas o Vol 1 ao Vol 10 de Org. Hugo García pela Bem Vindas (1999)
>>> Orçamento Participativo – A Experiência de Porto Alegre de Tarso Genro e Ubiratan de Souza pela Perseu Abramo (1997)
>>> A Mosca Azul – Reflexão Sobre o Poder de Frei Betto pela Rocco (2006)
>>> Ética e Cidadania de Herbert de Souza (Betinho) e Carla Rodrigues pela Moderna (2002)
>>> Olhares Sobre a Experiência da Governança Solidária Local de Porto Alegre de Jandira Feijó e Augusto de Franco (Org.) pela Puc/RS (2008)
>>> O Futuro da Cidade – A Discussão Pública do Plano Diretor de José Paulo Teixeira e Jorge E. Silva (Org.) pela Instituto Cidade Futura (1999)
>>> Ninguém Vive Sem Política de Adeli Sell pela Palmarinca (2002)
>>> O Impeachment de Olívio Dutra e o Estado Democrático de Direito de Paulo do Couto e Silva pela Do Autor (2000)
>>> Histórias Reais para Melhorar a Vida dos Gaúchos de Vários Autores pela PT Sul (2006)
>>> Congresso de Direito Municipal – A Federação e as Políticas Públicas em Debate – Oficinas de Vários Autores pela ESDM / VT Propaganda (2007)
>>> Discursos do Senador Pinheiro Machado de Pedro Simon (Org.) pela Senado Federal (2004)
>>> O Futuro do Trabalho – Fadiga e Ócio na Sociedade Pós-Industrial de Domenico de Masi pela José Olympio (2003)
>>> Mudando Paradigmas na Formação de Quadros Políticos de Ricardo João Santin (Org.) pela Hs (2009)
>>> Os Militares e a Guerra Social de Péricles da Cunha pela Artes e Ofícios (1994)
>>> Dez Anos de Leis e de Ações Municipais: 2002 a 2011 de Vários Autores pela Câmara Municipal de Porto Alegre (2011)
>>> aris Boêmia. Cultura, política e os limites da vida burguesa 1830-1930 de Jerrold Seigel pela L&PM (1992)
>>> 30 anos do The New York Review of Books. A primeira antologia de Robert B. Silvers et alii pela Paz e Terra (1997)
>>> Lendo Freud. Investigações e entretenimentos de Peter Gay pela Imago (1992)
>>> 1680-1720. O império deste mundo de Laura de Mello Souza & Fernanda Baptista Bicalho pela Companhia das Letras (2000)
>>> The Face Magazine 4, Spring 2020 de Lara Strong pela Wasted Talent (2020)
>>> Photo 543 Octobre-Nevembre 2019 de Tony Kelly pela Photo (2019)
>>> The Entrepreneurs 2, 2020 de Business Handbook pela Monocle (2020)
>>> A Nave de Noé de Trigueirinho pela Pensamento (1995)
>>> Miz Tli Tlan – Um Mundo que Desperta de Trigueirinho pela Pensamento (1995)
>>> Entertainment Weekly Magazine de Black Widow pela Time (2020)
COLUNAS >>> Especial Biblioteca Básica

Quarta-feira, 15/10/2003
Os Dez Grandes Livros
Jardel Dias Cavalcanti

+ de 12500 Acessos

A idéia de selecionar um grupo de dez livros que têm fundamental importância para mim é interessante, pois me faz recordar os momentos mais preciosos da minha vida, o tempo em que passei ao lado de gênios criadores em detrimento de perder tempo com as pessoas sem a mínima profundidade que me rodeavam. Claro que felizmente, para um leitor ávido como eu, mais de uma centena de livros e autores foram importantes. Mas, se me pedem apenas dez, tentarei escolhê-los e apresentá-los no texto que se segue.

Embora eu seja formado em história, nenhum historiador conseguiu me cativar tanto quanto os escritores de romance, de poesia e de filosofia. Eu sempre digo aos meus amigos que a história é apenas a superfície do mar da vida e que a literatura (as artes em geral) é o próprio oceano profundo.

O primeiro livro que me marcou de forma definitiva foi Madame Bovary, de Gustave Flaubert. Não apenas pelo conteúdo do livro, que me interessou muito, mas pela impactante descoberta de que "a literatura é mais quente do que a vida". Perceber pela primeira vez que a vida que fluía dentro das letras era mais interessante do que a dos personagens humanos que circulavam à minha volta produziu em mim uma angústia meio desesperadora. Ao mesmo tempo me despertou para o desejo de descobrir outros livros, já que eu sabia, a partir daquele primeiro contato, que só na literatura encontraria idéias e pessoas vivendo situações mais sublimes do que as do mundo ordinário.

O segundo livro que me deixou perturbado e encantado ao mesmo tempo foi Os Sofrimentos do Jovem Werther, de Goethe. Além de ter virtualmente experimentado o sentimento e a idéia do suicídio (e trazer para dentro de mim essa possibilidade), encontrei nesse livro a poética descrição dos sentimentos amorosos profundos como nunca havia visto até então e do qual, creio, não encontrei ainda intensidade semelhante em nenhum outro lugar. De Goethe eu viria a venerar também seu Fausto.

Outro livro me marcaria para sempre foi Por que não sou Cristão, de Bertrand Russel. Logo nas primeiras páginas encontrei a frase que abalaria minhas crendices infantis, me fazendo rever tudo o que aprendi a acreditar por ter nascido numa família católica: "Não só o cristianismo é uma religião falsa, mas todas as religiões são falsas". O meu ateísmo nasceu aí e minha descrença na existência de Deus ou na vida após a morte se fortificou com leituras posteriores de Nietzsche, Freud/Wilhelm Reich, Marx e tantos outros. O rompimento com a idéia infantil da crença num possível protetor-vigia invisível, o papai-do-céu, é estimulante, nos fazendo pensar todas as situações da vida com a própria cabeça - mesmo que nos sintamos órfãos do cosmos.

Outro autor que me marcaria: Franz Kafka. Todas as suas obras são perturbadoras, mas se tenho que escolher uma, escolho A Metamorfose. É uma das novelas mais impressionantes que li na vida e que me deu a certeza de que o sistema social criado pelo ser humano nos reduz, sem escapatória para ninguém, em insetos tratados, evidentemente, como o personagem divertidíssimo criado por Kafka: Gregor Samsa. Agora sempre que olho para os seres humanos à minha frente me divirto muito vendo-os moverem-se pela vida, no seu desespero por manterem-se vivos, como algum tipo de inseto kafkiano- mas claro, alguns sempre causam mais asco que outros porque uns sempre vão feder mais que os outros dado seu estado de degradação.

Posterior a Kafka, descobri o romance Crime e Castigo, do escritor russo Dostoievsky. Além de me fazer mergulhar numa maravilhosa e tenebrosa realidade sombria, pude experimentar virtualmente a idéia do assassinato. Agora, depois da leitura de Dostoievsky, vivo com a impressão de que já matei alguém, de que passo pela existência trazendo comigo uma das mais estranhas e perturbadoras experiências que o ser humano pode ter: a de ter assassinado outro ser humano.

Mais tarde, depois de ler muito Balzac, Flaubert, Stendhal, Victor Hugo, Merrimé, Zola, Allan Poe, descobri a poesia francesa de Rimbaud (com sua obra Uma Seção no Inferno) e o poeta que mais admiro: Charles Baudelaire. Seu livro As Flores do Mal sempre me encantaram e não sei dizer porque. Li as interpretações de Walter Benjamim sobre o poeta e, ao contrário dos meus colegas que leram Benjamim sem nunca terem se dado o trabalho de ler Baudelaire, as achei extremamente limitadas. Até hoje leio e releio os poemas de Baudelaire, guiado unicamente pelo prazer sensual que me causam.

Quando fazia graduação, enquanto meus amigos ficavam lendo Che Guevara, Lênin e os tediosos historiadores, me dei ao luxo de mergulhar nos sete volumes de Em Busca do Tempo Perdido, de Proust. Esta viagem é única, intraduzível em palavras, dado o grau de riqueza em pensamentos, sentimentos, universos humanos e artísticos que a obra de Proust revela. Na época do mestrado refiz a viagem, que me causou mais encantamento ainda, me oferecendo mais descobertas, mais emoções e, principalmente, ampliou ainda mais minha paixão pela literatura. Creio que muito de minha educação sentimental, no que há de mais vivificador e decepcionante em relação à crença no amor e nas relações humanas, se deve a este livro. A cada cinco anos, creio, farei a releitura desta obra.

Retrato do Artista Quando Jovem, de James Joyce, me revelou o processo que vai da decepção pelo mundo à crença de que o único valor que realmente deve ser levado em conta na vida é o da criação artística.

De Thomas Mann não posso falar apenas de um único livro já que A Montanha Mágica, Morte em Veneza e Dr. Fausto me marcaram na mesma medida. A poderosa construção dos personagens e dos mundos nos quais vivem são a marca do que se pode chamar de grande obra de arte. Mann é uma espécie de Balzac do século XX, só que mais poderoso.

No momento estou mergulhado em O Homem Sem Qualidades, de Robert Musil. Uma leitura obrigatória para entendermos, afinal, no que se transformou o homem criado pelo século XX e que vai se arrastando pelo século XXI: um zé-ninguém, orgulhoso de seu poder, de sua ganância, de sua riqueza, de seu egoísmo, de sua hipocrisia, de sua obsessão por dinheiro e prestígio - apesar de não ter qualidade alguma, de não ser, enquanto ser humano, mais que um verme podre egoísta e ignorante.

Há mais de dez livros nesta lista. Como disse acima, ela poderia se expandir. Mas já basta por hora. De uma coisa estou certo, o encontro com estes livros me marcaram mais do que o encontro com os homens.


Jardel Dias Cavalcanti
Londrina, 15/10/2003


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Nos braços de Tião e de Helena de Renato Alessandro dos Santos
02. Entrevista com a tradutora Denise Bottmann de Jardel Dias Cavalcanti
03. A falta que Tom Wolfe fará de Rafael Lima
04. Uma livrada na cara de Guilherme Carvalhal
05. Etapas em combustão de Fabio Gomes


Mais Jardel Dias Cavalcanti
Mais Acessadas de Jardel Dias Cavalcanti em 2003
01. Felicidade: reflexões de Eduardo Giannetti - 3/2/2003
02. Entrevista com o poeta Augusto de Campos - 24/3/2003
03. John Fante: literatura como heroína e jazz - 21/7/2003
04. Os Dez Grandes Livros - 15/10/2003
05. O Fel da Caricatura: André de Pádua - 3/3/2003


Mais Especial Biblioteca Básica
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




LIVRO QUEBRA CABEÇA - PRINCESAS
CRISTINA KLEIN
BLU
(2017)
R$ 14,67



O QUE OS RICOS SABEM E NÃO CONTAM
BRIAN SHER
FUNDAMENTO
(2009)
R$ 29,00
+ frete grátis



O MORRO DOS VENTOS UIVANTES
EMILY BRONTË
LEYA
(2011)
R$ 14,64



BOM APETITE VOL 4
EDITORA ABRIL
ABRIL
(1969)
R$ 25,00



PRINCIPLES AND PRACTICE OF PHYSICAL DIAGNOSIS
JOHN C. DACOSTA
W B SAUNDERS
(1913)
R$ 29,40



ESTADOS DA MATÉRIA
ANTONIO CARLOS LOBO
CASA DO ESCRITOR
(1985)
R$ 5,00



LEARNING, LANGUAGE AND INVENTION: ESSAYS PRESENTED TO FRANCIS MAD
W. D. HACKMANN; A. J. TURNER (EDITORES)
VARIORUM AND THE SOCIETÉ
(1994)
R$ 87,82



NO PAÍS DAS SOMBRAS LONGAS
HANS RUESCH
RECORD
(1994)
R$ 12,00



VIAGEM A MINHA TERRA
ALMEIDA GARRETT
TRÊS
(1973)
R$ 5,00



A VIDA EM FAMÍLIA
RODOLFO CALLIGARIS
INST. DIFUSÃO ESPÍRITA
(1985)
R$ 7,00





busca | avançada
74210 visitas/dia
2,2 milhões/mês