A Galáxia da Internet | Fabio Silvestre Cardoso | Digestivo Cultural

busca | avançada
41460 visitas/dia
1,4 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS >>> Especial Internet 10 anos

Terça-feira, 8/11/2005
A Galáxia da Internet
Fabio Silvestre Cardoso

+ de 3000 Acessos
+ 1 Comentário(s)

Minha experiência inicial com a rede mundial de computadores se deu, por mais estranho que possa parecer, por acaso. No hoje longínquo ano de 1996, eu já sabia que gostaria de ser jornalista (sim, sim, é um vício, não um ofício). Naquele momento, no entanto, era fundamental que eu estivesse em alguma das "profissões do mercado". As opções que eu tinha não incluíam nada relacionado ao jornalismo. Havia lá um colegial técnico de publicidade, mas não queria aquilo. Sem querer, então, aceitei o desafio de estudar Processamento de Dados no Colegial - que hoje se chama Ensino Médio.

Por que desafio? Ora, pelo simples fato de meus conhecimentos em relação à programação serem à época - assim como hoje - pífios (a diferença é que hoje eu sei identificar, pelo menos, para que servem as plataformas). Desse modo, ao longo dos três anos do colegial, tive de me esmerar em aprender algo que não tinha o menor vínculo; enquanto isso, via meus colegas aproveitando todas as oportunidades que o curso proporcionava. Essa condição continuaria a mesma, caso não fosse meu gosto por escrita e literatura. Acompanhe a narrativa, leitor, que há de ficar mais interessante.

Não, naquela época eu não era um literato, tampouco um talento juvenil. Nada disso. Ocorre que eu já tinha, sim, um certo apreço pelos livros, pela música e gostava, sim, de escrever. Aqui e ali, produzia meus textos e sempre pedia para os colegas que me deixassem a parte escrita dos trabalhos comigo (aí, sim, já era um redator-chefe). Bom, foi então que um grande amigo na época, o Alfredo, tinha um grave problema com os trabalhos de Língua Portuguesa e Literatura. Recorreu, então, a mim para que o ajudasse em um trabalho sobre Machado de Assis (sempre ele) na véspera da entrega. Estávamos em 1997 e pouquíssimas pessoas, pelo menos no Colégio onde eu estudava, tinham acesso a internet em casa (conexão discada, viu, leitor, nada de banda larga). O fato é que o Alfredo ficou tão agradecido com o resultado do trabalho (lembro-me de que ele tirou nota 7) que ele me forneceu a sua senha de acesso pessoal por tempo indeterminado. E foi numa sexta-feira de setembro de 1997 que eu passei a ter acesso a internet. Via Mandic. A partir dali, com o perdão do chavão, nada seria como antes.

E os motivos para tanto são simples. Logo no início de 1998, foi pela internet que eu soube que o Oasis, uma de minhas bandas prediletas no momento, viria tocar em São Paulo (como de fato ocorreu, em 21 de março daquele ano). Ainda relacionado ao Oasis, pode-se dizer que minha primeira resenha musical saiu logo após aquele show, para um site que um colega havia criado especialmente para tanto. O relato desapareceu na poeira desta galáxia, perdido numa das páginas gratuitas do extinto Geocities.

Olhando em retrospecto, a relação com a internet foi mais marcante do que eu podia imaginar. Pois foi a partir da rede que eu fiz minha inscrição para o vestibular em junho de 1998, sendo que pela mesma via descobri que havia sido aprovado. Jornalismo, pois sim, e com a rede pulsando mais do que podia contabilizar. Na esteira dos primeiros textos, publicava uma série de artigos enfurecidos, agora inspirados pela minha leitura de imprensa, numa página anarquista (!). Não durou muito porque não era tão militante político. Ainda não sou, mas hoje tenho plena ciência disso. E não sou mais anarquista.

Minha história com a internet permanece mais forte, mesmo depois que me formei. Pois meu primeiro emprego como jornalista foi o de redator num site de conteúdos educacionais à distancia. A despeito da pesquisa que era realizada em livros e em outras publicações, a maior parte das consultas era feita pela web. Como trabalhava em média de 8 a 10 horas conectado, tornei-me um rato na leitura de inúmeras páginas, inclusive deste Digestivo (a história completa está aqui).

Hoje, o resultado não poderia ser mais favorável. Em quase oito anos, e apesar de ter ficado mais tempo conectado do que deveria, é graças à internet que não só meu trabalho como jornalista mas também minhas atividades culturais e de lazer são potencializados. Posso, agora, fazer consultas em jornais franceses ao mesmo tempo em que consigo consultar livros que jamais conseguiria se dependesse da boa vontade das livrarias brasileiras, sem mencionar a busca por autores desconhecidos e das dicas de viagens, recentemente minha atividade predileta.

Embora meu relato seja um tanto otimista, não acredito tanto nas profecias, ora apocalípticas, ora salvadoras, de que a internet vai destruir ou salvar o mundo. Do primeiro grupo, há quem diga que a internet veio para solapar nossa atividade cultural, posto que os jovens, agora, substituem a leitura e as brincadeiras mais sadias da infância de nossos pais. Acredito que isso seja tão anacrônico como levar a sério a "promessa" de que basta instalar internet nas escolas públicas ou nos bolsões de pobreza, como pregam os seguidores de Pierre Levy, para que a miséria e a desigualdade social sejam erradicadas dos países em desenvolvimento (leia-se, aqui, Brasil). Nenhuma das duas hipóteses aconteceu porque nada é tão simples como parece. É muito mais do que isso. Nesse sentido, cabe a todos, a exploração do melhor deste novo universo, que é a Galáxia da Internet.


Fabio Silvestre Cardoso
São Paulo, 8/11/2005


Quem leu este, também leu esse(s):
01. No palco da vida, o feitiço do escritor de Cassionei Niches Petry
02. Algo de sublime numa cabeça pendida entre letras de Elisa Andrade Buzzo
03. T.É.D.I.O. (com um T bem grande pra você) de Renato Alessandro dos Santos
04. O Brasil que eu quero de Luís Fernando Amâncio
05. Cães, a fúria da pintura de Egas Francisco de Jardel Dias Cavalcanti


Mais Fabio Silvestre Cardoso
Mais Acessadas de Fabio Silvestre Cardoso em 2005
01. Brasil e Argentina: uma História Comparada - 3/5/2005
02. O século da canção - 5/4/2005
03. Os Clássicos e a Educação Sentimental - 8/2/2005
04. Estudo das Teclas Pretas, de Luiz Faccioli - 22/2/2005
05. O Afeto Autoritário de Renato Janine Ribeiro - 22/11/2005


Mais Especial Internet 10 anos
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
9/11/2005
20h55min
Fabio, gostei bastante do seu texto. A relação internet-trabalho-diversão é parecida com minha experiência... Quanto à internet salvar o mundo, acho que já salvou. Primeiro, nas bilhões de páginas HTML que ficam armazenadas por aí, recordando a história. Segundo, porque abriu as portas para China, Índia e um monte de outros países entrarem em peso na indústria de serviços... Quem tem a temer é só quem estava sentado na sombra. De resto, vejo que a internet é sem dúvida uma das maiores revoluções desde a impressão do livro.
[Leia outros Comentários de Ram]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




JOGADA FINAL
REZENDEEVIL
SUMA DE LETRAS
(2016)
R$ 8,30



GUIDE TO ADIRONDACK TRAILS: WEST-CENTRAL REGION
ARTHUR W. HABERL
ADIRONDACK MOUNTAIN CLUB
(1994)
R$ 30,28



A MULHER PELA METADE
PATRÍCIA TENÓRIO
CALIBÁN
(2009)
R$ 7,90



ENCICLOPÉDIAS
ENCICLOPÉDIA DAS GRANDES INVENÇÕES E DESCOBERTAS 5º VOLUME
LIVROS CIL
R$ 14,98



A FILOSOFIA OS FILÓSOFS E A INCESSANTE BUSCA DA VERDADE
NELEI SILVÉRIO DE OLIVEIRA
DO CONECIMENTO
(2015)
R$ 55,00



VAI SONHANDO GOSSIP GIRL - VOLUME 9
CECILY VON ZIEGESAR
RECORD
(2008)
R$ 10,00



FUNÇÕES DO DIREITO PENAL: LEGITIMAÇÃO VERSUS DESLEGITIMAÇÃO DO
PAULO DE SOUZA QUEIROZ
DEL REY
(2001)
R$ 44,82



EDUCAÇÃO E DESEMPENHO PROFISSIONAL
ANTONIO VIEIRA DE CARVALHO LUIZ PAULO NASCIMENTO
QUALITYMARK
(2007)
R$ 12,00



DESEJO SEM FIM - HARLEQUIN PAIXÃO - EDIÇÃO 118 - 1/2
SHARON KENDRICK; DINAH KLEVE
HARLEQUIN BOOKS
(2008)
R$ 8,00



LANGUE ET LITTÉRATURE DOC- QUE SAIS JE?
ANDRÉ GOURDIN
PUF
(1949)
R$ 19,82





busca | avançada
41460 visitas/dia
1,4 milhão/mês