Google: a ferramenta | Jardel Dias Cavalcanti | Digestivo Cultural

busca | avançada
44089 visitas/dia
1,2 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS >>> Especial Google

Quarta-feira, 22/3/2006
Google: a ferramenta
Jardel Dias Cavalcanti

+ de 2500 Acessos

Sentimos uma vontade terrível de fazer um pudim aqui em casa ontem à noite. Se não o fizéssemos, estaríamos perdidos, nem dormiríamos. Queríamos fazer o pudim e não apenas comê-lo. Se quiséssemos apenas comer o pudim isso se resolveria telefonando para a padaria do próximo quarteirão. Os ingredientes estavam comprados. E a receita? Não conhecíamos. Mas já era bastante tarde para ligar para algum conhecedor dessa apetitosa sobremesa para ele resolver nosso pequeno problema culinário. Minha mãe, que seria a pessoa ideal, dorme cedo (e também acorda cedo). Pensamos em várias pessoas, mas todas fora de cogitação. E a vontade apertava.

Tínhamos que recorrer a alguém e esse alguém, o único no momento que poderia nos acudir, chama-se Google. Ligamos o computador, acessamos a ferramenta de busca e lá estavam enfileiradas mil e uma receitas de pudim, que poderiam ser retiradas dos sites oferecidos. Agora teríamos não só uma, mas variadas receitas deliciosas para serem escolhidas por nós. Dito e feito, o pudim foi artesanalmente feito, com uma receita digna das nossas vovós.

Parece banal o relato acima (relato verdadeiro), mas não é. Porque se você está procurando alguma coisa você poderá achar imediatamente usando esta ferramenta. E isso tem implicações de várias ordens: econômica, sociológica, existencial.

Imagine-se a dez anos atrás. Imaginou? Agora imagine-se à meia-noite e meia tentando encontrar um texto sobre, por exemplo, "indústria cultural". O que faria para acessar tal conhecimento? Uma biblioteca? Nesse horário estaria fechada. Um amigo? Quem leria para você por telefone um texto de 20 páginas? Ora, amigos desta natureza não existem mais. Mas você precisa ler um texto com esse conteúdo específico esta noite. Danou-se, meu camarada.

Agora imagine-se hoje, confortavelmente dentro de sua casa, podendo acessar o Google e tendo às mãos não só um, mas vários textos sobre o assunto e mesmo livros completos oferecidos por bibliotecas internacionais. Tudo podendo ser encontrado em razão de minutos graças a uma ferramenta de busca. Você está a salvo. Agradeça a Deus, quer dizer, agradeça ao Google.

Quer ver fotos? Escolha o assunto, o autor das fotos, a época das fotos. Verá. Pois serão localizadas para você pelo Google. Está com algum problema de saúde e quer conhecer melhor as causas da doença que te assola e que tratamentos são indicados? O Google localizará páginas médicas, com resultados de pesquisas sobre a doença e indicações de tratamento. Não era isso que você queria? E não era pra ontem?

O seu tempo aumentou. O acesso às informações, idem. E a velocidade de acesso às informações é que te dá mais tempo. Antes, falo de poucos anos atrás, você teria que correr contra o tempo para saber qualquer coisa, para obter mínimas informações. Isso se traduzia em uma grande despesa em dinheiro: gastos em ônibus, táxi, cópias de xerox, telefonemas para saber onde conseguir a informação.

Hoje, não. Com um provedor razoavelmente barato você pode usar esta ferramenta que te possibilita encontrar sites e mais sites sobre assuntos os mais diversos possíveis. Seu filho quer fazer uma pesquisa? Alguma coisa interessante ele vai encontrar... sem precisar nem sair de casa. Apenas acessando o Google. Você precisa reler uma notícia? Vai encontrá-la acessando o Google. Dados sobre uma empresa? O Google indicará os meios de acesso ao que te interessa.

As implicações que o uso dessa ferramenta têm, que podem até parecer mínimas, são grandes e só podem ser notadas por aqueles que um dia precisaram acessar informações e não tinham em mãos este instrumento de pesquisa.

Que cessem o uso da ferramenta por uma semana apenas e veremos o grau do desespero ao qual seremos jogados. Se bem me lembro, só hoje acessei a ferramenta pelo menos umas vinte vezes. Uma pesquisa sobre a Bauhaus, outra sobre expressionismo, dados sobre um filósofo alemão, uma busca por uma revista de poesia, receita de um assado de carneiro, emblemas imperiais e por aí vai. Estou satisfeito com minhas buscas. Não precisei me deslocar para uma biblioteca pública (embora, por vezes, isso seja muito prazeiroso) e não precisei telefonar para consultar um especialista em heráldica.

A pesquisa no Google me ofereceu desde informações sobre sites como também imagens que eu precisava acessar. Sem o Google eu teria que achar uma biblioteca especializada, o que não é fácil, copiar páginas de livros caríssimos, copiar fotos coloridas que também são caríssimas, e num tempo que me comeria pelo menos três dias, atrasando outras coisas que eu precisava fazer num prazo determinado.

Estamos num tempo privilegiado. Há informações de qualidade sendo distribuídas numa velocidade assustadora e podendo ser encontradas através de ferramentas desenvolvidas para acelerar o seu acesso através do uso na internet. Se estas informações estão sendo aproveitadas ou não é uma outra questão. A liberdade de acesso a elas é garantida, ainda, numa facilidade mágica. Um dia saberemos o grau da sabedoria que o povo do presente aproveitou via internet. Talvez uma consulta ao Google nos indique o local onde o resultado de uma pesquisa sobre os usos da sabedoria virtual está sendo divulgada...


Jardel Dias Cavalcanti
Campinas, 22/3/2006


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Não quero ser Capitu de Cassionei Niches Petry
02. Dilúvio, de Gerald Thomas de Jardel Dias Cavalcanti
03. Os Doze Trabalhos de Mónika. Epílogo. Ambaíba de Heloisa Pait
04. Os Doze Trabalhos de Mónika. 12. Rumo ao Planalto de Heloisa Pait
05. Os Doze Trabalhos de Mónika. 11. A Quatro Braçadas de Heloisa Pait


Mais Jardel Dias Cavalcanti
Mais Acessadas de Jardel Dias Cavalcanti em 2006
01. Guimarães Rosa: linguagem como invenção - 12/4/2006
02. Orkut, ame-o ou deixe-o - 27/1/2006
03. Bienal 2006: fracasso da anti-arte engajada - 24/11/2006
04. Renato Russo: arte e vida - 26/7/2006
05. Eleições: democracia como um falso slogan - 25/9/2006


Mais Especial Google
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




TODOS OS NOMES DO MUNDO
NELSON OLIVER
EDIOURO
(2005)
R$ 19,00



ESCREVENDO PELA NOVA ORTOGRAFIA
JOSÉ CARLOS AZEREDO
PUBLIFOLHA
(2008)
R$ 46,83



MANUAL DE ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAL -16ª EDIÇÃO REVISTA E ATUALIZADA
CECILIA SOARES IORIO
SENAC
(2013)
R$ 49,64



O DIÁRIO DE ZLATA - A VIDA DE UMA MENINA NA GUERRA
ZLATA FILIPOVIC´
COMPANHIA DAS LETRAS
(1994)
R$ 18,00



O MÍNIMO QUE VOCÊ PRECISA SABER PARA NÃO SER UM IDIOTA
OLAVO DE CARVALHO
RECORD
(2013)
R$ 39,00



ÉTICA A NICÔMACO
ARISTÓTELES
MARTIN CLARET
(2002)
R$ 10,00



PATOLOGIA ESTRUTURAL E FUNCIONAL
STANLEY L. ROBBINS RAMZI S. COTRAN
INTERAMERICANA
(1983)
R$ 68,00



AMIGO DE INFÂNCIA
DONNA TARTT
COMPANHIA DAS LETRAS
(2004)
R$ 15,00



LUZ NO LAR
FRANCISCO CÂNDIDO XAVIER
FEB
(1997)
R$ 9,80



METODOLOGIA EM CIÊNCIA DEDUTIVA
ANTONIO JOSÉ MARQUES
RIO BRANCO
(1999)
R$ 90,00





busca | avançada
44089 visitas/dia
1,2 milhão/mês