A difícil arte de fazer arte | Daniela Castilho | Digestivo Cultural

busca | avançada
61431 visitas/dia
2,0 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Inspirado nas Living Dolls, espetáculo de Dan Nakagawa tem Helena Ignez como atriz convidada
>>> As Caracutás apresentam temporada online de Tecendo Diálogos com bate-papo e oficina
>>> Obra de referência em nutrição de plantas ganha segunda edição revista e ampliada
>>> FAAP promove bate-papo com as atrizes Djin Sganzerla, Zezita Matos e com o diretor Allan Deberton
>>> Elísio Lopes Jr comanda oficina gratuita de dramaturgia nesta sexta-feira (27)
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Carol Sanches, poesia na ratoeira do mundo
>>> O fim dos livros físicos?
>>> A sujeira embaixo do tapete
>>> Moro no Morumbi, mas voto em Moema
>>> É breve a rosa alvorada
>>> Alameda de água e lava
>>> Entrevista: o músico-compositor Livio Tragtenberg
>>> Cabelo, cabeleira
>>> A redoma de vidro de Sylvia Plath
>>> Mas se não é um coração vivo essa linha
Colunistas
Últimos Posts
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
>>> Chico Buarque em bate-papo com o MPB4
>>> Como elas publicavam?
Últimos Posts
>>> O poder da história
>>> Caraminholas
>>> ETC. E TAL
>>> Acalanto para a alma
>>> Desde que o mundo é mundo
>>> O velho suborno
>>> Normal!
>>> Os bons companheiros, 30 anos
>>> Briga de foice no escuro
>>> Alma nua
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Falsários
>>> Terapia
>>> Eugênio Christi
>>> Um tweet que virou charge
>>> Lugar de mulher é...
>>> 27 de Março #digestivo10anos
>>> Remix Narrativo
>>> Asia de volta ao mapa
>>> A Era do Gelo
>>> As cartas de Dostoiévski
Mais Recentes
>>> Queda de Gigantes de Ken Follett pela Arqueiro (2010)
>>> Cogumelo dos cálculos de Feltro pela Feltro (2020)
>>> Um Conto de Duas Cidades de Charles Dickens pela Nova Cultural (2002)
>>> Tomás de Aquino - Os Pensadores de Sto. Tomás de Aquino pela Nova Cultural (2004)
>>> As Raízes do Rock de Florent Mazzoleni pela Companhia Ed. Nacional (2012)
>>> As Relações Perigosas de Choderlos de Laclos pela Nova Cultural (2002)
>>> More - Os Pensadores de Thomas More pela Nova Cultural (2004)
>>> Aprendendo coreano (segundo tradução do Google) de Diversos AutoresKo pela Korean (1994)
>>> Bons Fluidos 23 - Abril 2001 - Dia de Festa: celebrar aniversários de Alda Palma pela Abril (2001)
>>> The Da Vinci Code de Dan Brown pela Harlan Coben (1990)
>>> Coronelismo, enxada e votos. O município e o regime representativo no Brasil de Victor Nunes Leal pela Nova Fronteira (1997)
>>> Coronelismo, enxada e votos. O município e o regime representativo no Brasil de Victor Nunes Leal pela Nova Fronteira (1997)
>>> Coronelismo, enxada e votos. O município e o regime representativo no Brasil de Victor Nunes Leal pela Nova Fronteira (1997)
>>> Jogos de Cintura de Fernanda de M. S. Macruz e Outros Autores pela Vozes (2000)
>>> Direito Penal - Parte Geral Esquematizado - Volume 1 de Cleber Masson pela Método (2020)
>>> O teatro dos vícios. Transgressão e transigência na sociedade urbana colonial de Emanuel Araújo pela José Olympio (1993)
>>> Mulheres Inteligentes Jogam Para Ganhar de Ivanka Trump pela Lua de Papel (2010)
>>> O Fascínio do Stress de Rodrigo Pires do Rio pela Del Rey (1995)
>>> A história da família de James Casey pela Ática (1992)
>>> O Sucesso Não Ocorre Por Acaso de Dr. Lair Ribeiro pela Rosa dos Tempos (1992)
>>> De Onde vêm os Bebês de Andrew C. Andry e Steven Schepp pela José Olympio (2013)
>>> Água Mole Em Pedra Dura Tanto Bate Até Que... de Clóvis Tavares pela Gente (2001)
>>> seu Rubens - Histórias do Binho da Barra Funda e do Rubão de Maresia de José Rubens de Cenço pela Primavera (2010)
>>> ... e o Amor Continua de Francisco Candido Xavier / Divaldo Pereira Franco pela Livraria Espirita Alvorada (1983)
>>> ... quando Florescem os Ipês. de Ganymédes José pela Brasiliense (1984)
>>> ... Quando Florescem os Ipês. de Ganymédes José pela Brasiliense (1981)
>>> ...E as Vozes Falaram de Fernando do Ó pela Feb (1987)
>>> ...E as Vozes Falaram de Fernando do Ó pela Feb (1984)
>>> ...E Se Falta a Palavra, Qual Comunicação, Qual Linguagem? de Tania Maria Tupy / Don Giancarlo Pravettoni (orgs) pela Menmon (1999)
>>> ...Homem Novo - Tomo 1/ Vol. 2 de Escola de Aprendizes do Evangelho pela Feesp (1981)
>>> ...Longe da Terra - 4ª Ed. de José Mauro de Vasconcelos pela Melhoramentos (1969)
>>> ´novo´ Paisagens do Brasil de Instituto Brasileiro de Geografia pela Fundacao Ibge: Rio de Janeiro (1972)
>>> 0 de Nelly Martins Ferreira Candeias pela Escrituras (2013)
>>> 10 Conselhos para Quem Tem uma Chefe Mulher de Gabrielle Rolland pela Scipione (1994)
>>> 10 Mandamentos para Fracassar nos Negócios de Donald R. Keough pela Sextante (2010)
>>> 10 Razões para Ser Espírita de José Carlos Leal pela Novo Ser (2014)
>>> 100 Anos da Doença de Alzheimer de Paulo Caramelli / Angela H. Viel pela Segmento Farma (2006)
>>> 100 Anos de Amor de Francisco Candido Xavier / Autores Diversos pela Grupo Espírita da Prece de Fr (2010)
>>> 100 Anos de Amor - Homenagem a Chico Xavier de Grupo de Ideal Espírita André Luiz pela Ideal (2010)
>>> 100 Anos de Amor - Homenagem a Chico Xavier de Grupo de Ideal Espírita André Luiz pela Ideal (2010)
>>> 100 Coisas de Fernando Bonassi pela Angra (2000)
>>> 100 Crônicas de Mario Prata pela Cartaz (1997)
>>> 100 Crônicas de Mario Prata pela Cartaz (1997)
>>> 100 Crônicas de Mario Prata pela Cartaz (1997)
>>> 100 Crônicas Escolhidas de Rubem Braga pela José Olympio (1958)
>>> 100 Jogos de Bolso - Número 1 de Autor Girassol pela Girassol
>>> 100 Piores Ideias da História de Michael N. Smith / Eric Kasum pela Valentina (2016)
>>> 100 Viagens Que Toda Mulher Precisa Fazer de Stephanie Elizondo Griest pela Novo Conceito (2011)
>>> 100 Viagens Que Toda Mulher Precisa Fazer de Stephanie Elizondo Griest pela Novo Conceito (2011)
>>> 1000 Erros de Português da Atualidade de Luiz Antonio Sacconi pela Nossa (1990)
COLUNAS

Sexta-feira, 27/10/2006
A difícil arte de fazer arte
Daniela Castilho

+ de 8000 Acessos
+ 1 Comentário(s)

Eu mantenho um trabalho artístico desde 1996 em paralelo com as minhas atividades profissionais - na verdade, enquanto escrevo essa frase sou tomada por uma dúvida: quais são as minhas atividades profissionais? A impressão que tenho, em meio a quase dezoito anos de carreira é que tudo é paralelo a tudo. Na dura caminhada de trabalhar com produto artístico - se é que essa é uma boa definição - já fiz design gráfico, já trabalhei com livro e revista, já fiz cinema, vídeo, multimídia, internet. Falando nisso, quem não é multimídia hoje? Somos todos multi-utilidades, multimeios, multi-artistas.

Desde 1996, mantenho minhas artes online. Apesar de não ganhar dinheiro e vender muito pouco online, ao menos a minha arte está sendo vista - a internet me trouxe uma visibilidade que eu não sabia onde buscar. As galerias e escritórios de arte são praticamente inacessíveis para quem não tem dinheiro ou quem indique. O mercado da arte é um mercado fechado, que não se interessa por novidades, totalmente mercantilista.

Em 2005, graças à exposição na internet, eu fui convidada para participar da Bienal de Florença. O que eu mais precisava, na época do convite, era de orientação. Entrei no site da Bienal, li tudo que encontrei, vi as referências, o quem é quem. O júri contava com pessoas do Museu de Arte Latino Americana, do MAC (Museu de Arte Contemporânea) de São Paulo, entre outros museus. Parece-me uma Bienal válida, verdadeira, sólida. Entretanto, quando fui em busca de informações básicas - nunca expus em um evento desses, não tenho dinheiro para participar, não sei como ir, preciso de patrocínio, o que faço? - com pessoas do mercado de arte e possíveis patrocinadores aqui no Brasil, além de uma coleção de negativas - ninguém está interessado em uma artista que é totalmente inédita a não ser na internet -, escutei comentários cínicos do tipo "se você tem que pagar pra ir e eles não te pagam pra ir, essa Bienal não vale nada" ou "isso não é Bienal, é feirinha de arte".

Pode ser, mas então como expor no mundo real? Isso ninguém me diz.

Fui convidada novamente para participar da edição da Bienal de Florença de 2007 e adivinhem? Eu ainda não consegui informações que realmente me ajudem a participar, não tenho dinheiro para ir e não descobri se a Bienal de Florença é séria ou uma "feirinha de arte". Fica, por enquanto, a alegria de ter a minha arte reconhecida em algum lugar que parece ser "oficial".

Para o artista, expor seu trabalho é fundamental. É o início de tudo. É o objetivo de tudo. Arte é para ser vista. Entretanto, mesmo com a internet, a maioria dos artistas, especialmente os iniciantes, é invisível. Ninguém do mundo "oficial" se interessa por eles.

Uma grande amiga minha está trabalhando na Bienal São Paulo, a maior Bienal oficial que acontece no Brasil e uma das maiores bienais oficiais do mundo. Ela está correndo como em uma maratona, produzindo catálogos, verificando materiais necessários às exposições, organizando a montagem.

Graças a ela, fiz a diagramação do livro de contos/catálogo da artista baiana Virginia de Medeiros com edição limitada impressa pelo Eloísa Cartonera, projeto artístico, social e comunitário criado por um grupo de argentinos, que já publicou obras inéditas ou esgotadas de autores como Ricardo Piglia, Gonzalo Millán, e Enrique Linh. Talvez esse seja o único espaço que eu vá ter na vida em uma Bienal Oficial, quem sabe?

No Brasil, a arte, como o cinema, ainda é coisa pra ricos, os pobres ficam de fora.

Mas nem tudo está perdido, porque eu vou participar da Bienal Paralela da Xiclet. Enquanto a Bienal Oficial de São Paulo tem como tema "Como viver junto" (junto com quem?), a Bienal da Xiclet tem como tema "Como viver longe" e como sempre, é "sem-curadoria, sem-seleção, sem-juros, sem-jabá, sem-entrada e sem-patrocinador".

A abertura oficial da Bienal da Casa da Xiclet foi no dia 07 de outubro - com arte underground, popular e inédita de muitos artistas que nunca tiveram espaço, com cerveja, animação, agito, gente, tudo ali na Vila Madalena, aos pés de uma favela e próximo de diversas grandes produtoras cinematográficas. Xiclet sabe como viver junto com pobres e ricos, artistas inéditos e consagrados - alguns dos artistas que expuseram em sua bienal não-oficial são mundialmente reconhecidos, como Stuart Temple, jovem inglês muito badalado no mundo da moda.

Xiclet começou suas bienais em 2002 com o tema "Quero ser Nelson Leirner", com a participação de 40 artistas. O próprio Nelson apareceu por lá e levou alguns trabalhos para casa. Em 2004, Xiclet promoveu a "Bienal de C. é Rola", com a participação de 20 artistas. Em 2005 Xiclet promoveu uma exposição chamada "Quero ser Amigo(a) da Lisette", fazendo uma provocação à curadora da bienal-oficial de São Paulo, que apareceu para conferir. Ainda nesse ano, promoveu a Bienal MERcuSUL - numa paródia ao imenso mercado de arte do Mercosul. Sempre provocando o mercado "oficial" de arte, promoveu esse ano a "Feira 'Marginal' SP" para incluir artistas que foram rejeitados pela Feira de Arte oficial da cidade.

A Casa da Xiclet continua a ser o espaço mais democrático, mais livre e mais cultural da arte de São Paulo e já conta com "extensões": a Casa do Giuliano, Casa do Jailtão, a Let's Xic e a Galeria Favo. É nesses endereços todos, da Vila Madalena a São Mateus, que acontece a Bienal Paralela.

Nota do Editor
Daniela Castilho é designer, diretora de arte e assina o blog MadTeaParty, onde este texto foi originalmente publicado.


Daniela Castilho
São Paulo, 27/10/2006


Mais Daniela Castilho
Mais Acessadas de Daniela Castilho em 2006
01. Hotmail versus Gmail: nem um, nem outro - 27/3/2006
02. Orkut, um sonho impossível? - 7/2/2006
03. Guimarães Rosa e as aulas do professor Aguinaldo - 10/4/2006
04. Mas afinal, o que é podcasting? - 29/8/2006
05. A difícil arte de fazer arte - 27/10/2006


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
23/11/2006
21h55min
Você deve ser de um mundo paralelo...
[Leia outros Comentários de Claus]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




RÚSSIA, 1917 A REVOLUÇÃO BOLCHEVIQUE FASC. 28 COLEÇÃO HISTÓRIA DO ...
ABRIL CULTURAL
ABRIL
(1974)
R$ 10,54



CRIANÇAS FAMOSAS
LEONARDO DA VINCI
CALLIS
(1994)
R$ 10,00



OS SONHADORES DE VILA RICA-A INCONFIDENCIA MINEIRA DE 1789
EDGAR LUIZ DE BARROS
ATUA - HISTORIA EM DOCUMENTOS
(1989)
R$ 7,00



CADERNOS DE TEATRO - Nº 53
MARIA CLARA MACHADO (ED.)
O TABLADO
(1972)
R$ 20,00



VIAGENS MUITO MALUQUINHAS
ZIRALDO
GLOBINHO
(2015)
R$ 13,00



MARTA
FERNANDO DO O
FEB
(1991)
R$ 4,01



HISTÓRIAS, DICAS E MAGIAS VOL 1
BUONFIGLIO, MONICA
OFICINA CULTURAL
R$ 22,00



PLANETA DEDICAÇÃO - COMO CHEGAR LÁ
SHRI SHRIMAD BHAKTIVEDANTA NARAYANA GOSWAMI
BRAJA
(2014)
R$ 10,46



EVIDENCIA CLINICA - CONCISO
BRITISH MEDICAL JOURNAL
ARTMED
(2008)
R$ 99,00



PIONEIROS DA AVIAÇÃO
JOHN W. R. TAYLOR
LIVRARIA CIVILIZAÇÃO
(1981)
R$ 27,69





busca | avançada
61431 visitas/dia
2,0 milhões/mês