Casa cor-de-rosa | Elisa Andrade Buzzo | Digestivo Cultural

busca | avançada
37883 visitas/dia
1,3 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Entrevista com Antonio Henrique Amaral
>>> Entrevista com Antonio Henrique Amaral
>>> Entrevista com Antonio Henrique Amaral
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> Espírito de porco
>>> Não Aguento Mais a Empiricus
>>> Nine Eleven
>>> E a bomba caiu!
>>> Arte é entropia
>>> Impressões sobre São Paulo
Mais Recentes
>>> Zollinger - Atlas de Cirurgia de E. Christopher Ellison, Robert M. Zollinger pela Guanabara Koogan; (2017)
>>> O Hobbit: A batalha dos cinco exercítos : guia ilustrado de Jude Fisher pela WMF Martins Fontes (2014)
>>> Radiografia da Alma de Pe. Hewaldo Trevisan pela Planeta (2010)
>>> Convênios e outros instrumentos de "Administração Consensual"na Gestão Pública do século XXI - Restrições em Ano Eleitoral de Jessé Torres Pereira Junior e Marinês Restelatto Dotti pela Fórum (2010)
>>> Estalos e Rabiscos - Mãos à Obra Literária de Walter Galvani pela Novaprova (2011)
>>> Distrito Federal Paisagem, População e Poder de Marília Peluso e Washington Candido pela Harbra (2006)
>>> Parto de Mim de Vera Pinheiro pela Pallotti (2005)
>>> Deuses americanos de Neil Gaiman pela Intrínseca (2016)
>>> A Ilha dos Prazeres de André Rangel Rios pela Uapê (1996)
>>> A pequena pianista de Jane Hawking pela Única (2017)
>>> Tradição e Novidade na Ciência da Linguagem de Eugenio Coseriu pela Presença- Usp (1980)
>>> Jovens Sem-Terra - Identidade em movimento de Maria Teresa Castelo Branco pela Ufpr (2003)
>>> Os Segredos das Mulheres Inteligentes de Julia Sokol e Steven Carter pela Sextante (2010)
>>> Lettres et Maximes de Épicure pela Librio (2015)
>>> Um Mundo a Construir de Marta Harnecker pela Expressão Popular (2018)
>>> Da RegenciaÀ Queda de Rozas (Rosas)/ Encadernado de Pandiá Calógeras pela Cia. Ed. Nacional (1940)
>>> Psicoterapia y Relaciones Humanas de Carl Rogers e G. Marian Kinget pela Alfaguarra (1971)
>>> O Vinho no Gerúndio de Júlio Anselmo de Sousa Neto pela Gutenberg (2004)
>>> Michel Foucault, Filosofia e Biopolítica de Guilherme Castelo Branco pela Autêntica (2015)
>>> Vidas Provisórias de Edney Silvestre pela Intrínseca (2013)
>>> Introdução À Arqueologia Brasileira: Etnografia e História de Angyone Costa pela Cia. Ed. Nacional (1938)
>>> A Glória de Euclides da Cunha ; Edição Ilustrada/ Brasiliana de Francisco Venancio Filho pela Cia. Ed. Nacional (1940)
>>> A Glória de Euclides da Cunha ; Edição Ilustrada/ Brasiliana de Francisco Venancio Filho pela Cia. Ed. Nacional (1940)
>>> Viñas, Bodegas & Vinos de Argentina de Austral Spectator pela Austral Spectator (2007)
>>> Alexandre, o Conquistador de Airton de Farias pela Prazer de Ler (2013)
>>> A Fiandeira de Ouro de Sonia Junqueira pela Positivo (2008)
>>> Feudalismo de Airton de Farias pela Prazer de Ler (2013)
>>> Alfabeto de Histórias de Gilles Eduar pela Ática (2008)
>>> As Obsessões de um Executivo Extraordinário: as Quatro Disciplinas... de Patrick Lencioni pela Record/ RJ. (2002)
>>> As Obsessões de um Executivo Extraordinário: as Quatro Disciplinas... de Patrick Lencioni pela Record/ RJ. (2002)
>>> As Obsessões de um Executivo Extraordinário: as Quatro Disciplinas... de Patrick Lencioni pela Record/ RJ. (2002)
>>> Marketing Nas Empresas Brasileiras: Organização de Vendas de Joaquim Carlos da Silva pela Record/ RJ.
>>> Dicionário da Língua Portuguesa de Malthus Oliveira de Queiroz pela Sucesso (2014)
>>> Salgueiro 50 Anos de Glória de Haroldo Costa pela Record (2003)
>>> Mitologia Grega de Pierre Grimal pela L&PM (2009)
>>> Além do Bem e do Mal de F. Nietzsche pela Escala (2005)
>>> La Muerte de la Familia de David Cooper pela Paidos (1974)
>>> La Tentation d'Exiter de E. M. Cioran pela Gallimard (1988)
>>> Os Pioneiros - a Saga da Família Kent- Vol. III de John Jakes pela Record/ RJ.
>>> O Conto da Ilha Desconhecida de José Saramago pela Companhia das Letras (2015)
>>> A Vinda da Família Real para o Brasil de Airton de Farias pela Prazer de Ler (2013)
>>> O Quarto Pato de Índigo pela Positivo (2008)
>>> Sociedade do Cansaço de Byung-Chul Han pela Vozes (2015)
>>> O Tempo Escapou do Relógio de Marcos Bagno pela Positivo (2011)
>>> A Sujeição das Mulheres de Stuart Mill pela Escala (2006)
>>> Admirável Ovo Novo de Paulo Venturelli pela Positivo (2011)
>>> Pequenas Confissões de Georgina Martins pela Positivo (2008)
>>> Fantasma Equilibrista de Tânia Alexandre Martinelli pela Positivo (2009)
>>> A História de Cada Um de Juciara Rodrigues pela Scipione (2010)
>>> Exercícios de Admiração de E. M. Cioran pela Rocco (2011)
COLUNAS

Quinta-feira, 8/11/2007
Casa cor-de-rosa
Elisa Andrade Buzzo

+ de 7100 Acessos

Não pode passar em branco o que aconteceu na Casa das Rosas. Com decoração de bico fino, altas-rodas - que ainda não conheciam o imóvel arquitetado na década de 1930 pelo escritório Ramos de Azevedo -, caíram de pára-quedas na história da Avenida Paulista, e contemplaram, enfim, o elefante sentado em pleno coração financeiro do país.

Da entrada à saída respirava-se um ar perfumado, naquela que foi a primeira edição no Brasil do evento internacional CAD - Casa, Arte e Design. A Casa das Rosas, Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura desde 2004, teve 39 ambientes decorados por 54 arquitetos. De quebra, ganhou elevador, rampas de acesso, uma reforma na estrutura elétrica e hidráulica.

Além das noites paulistanas terem ficado mais iluminadas com os 116 projetores de lâmpadas halógenas, instalados sem qualquer tipo de incisão que danificasse a construção. Era uma casa, muito engraçada, não tinha teto, não tinha nada.

Um portentoso carrilhão em piso revestido de carpete escuro recebia os visitantes de tapete vermelho. A bilheteria teve ingressos variando de R$ 12,50 a R$ 30,00 durante a exposição, que permaneceu entre os dias 04 de setembro e 07 de outubro deste ano.

Para quem não conhecia as atividades culturais da Casa, como é afetivamente chamada por seus freqüentadores, ficava difícil imaginar que o quarto e a sala íntima do casal, por exemplo - ricamente decoradas com gravuras inglesas de 1731 -, são utilizadas como salas de aula. Tudo geometricamente ornamentado: abajur à direita, abajur à esquerda, sofá ao centro, um tapete creme felpudo, ideal para se andar descalço. Um pequeno buquê de rosas para quebrar a disposição friamente calculada.

Direto das lojas chiquitriques da França chega o servil hoteleiro que oferece revistas e folders, as cadeiras com forros customizados e divertidos. Marilyn Monroe não está nua, mas seu espírito resplandece serigrafado em algum encosto almofadado preso na alfândega. Já Fernando Pessoa não chegou a render visita, mas psicografaram versos seus n'alguma parede nuazinha de tão branca.

A biblioteca circulante, quem diria, transformou-se em sala de jantar com mesa vermelha "ultramoderna" e um belíssimo espelho... de que nacionalidade? Ah, sim, francesa. Espelho, sub-reptício espelho, meu professor de disfarce. Quem poderá disfarçar-se sem recorrer ao seu conselho? Antigüidade anacrônica desajustada em terras tupiniquins.

O grande terraço, irreconhecível, ganhou cobertura abrigando spa com direito à cabine de sauna, ofurô e estúdio de dança. Um piano elétrico Roland. Mármore egípcio no projeto de lavanderia. E a impressão de que tudo ficou maior, mesmo mobiliado. Aqui as regras de arquitetura se esqueceram de entrar - casa absurda, surreal.

Funcionárias dedicadas aguam as plantinhas do restaurante fictício decorado com grades, portas e janelas que pertenceram a velhos casarões da avenida. Depois mostram o banheiro químico de cheiro pouco agradável (coisa que não combinou com o evento) de um dos ambientes do exterior. Da madeira certificada dos bancos até o cartãozinho da arquiteta responsável em papel reciclado, a moda ecológica provou que veio para ficar, seja por pura necessidade, seja para fazer charme.

Aos poucos os guias vão explicando como foi feita toda a montagem dos cômodos de maneira a não danificar os pisos originais e outros detalhes da Casa, como a louça dos banheiros, as torneiras da cozinha, o piso. Como o imóvel foi tombado em 1985 pelo Condephaat, há mais lírios nos vasos, há menos gente do que antes. Tudo continua visível e intocado. Há também o famoso jardim, resistente, engrossando suas raízes. Rosas, rosas, rosas: avisam os arranjos semióticos dos canteiros ao ar livre, perto da edícula restaurada.

Impressionaram no CAD as tentativas de conter o ruído, qualquer que seja sua origem... a tampa da privada, projeto de banheiro público, se fecha em fases... a fonte da varanda tenta em vão acalmar o movimento da Avenida Paulista. Tapumes não funcionam em certas ocasiões, e o que foi um dia não voltará a ser como antes. Que o diga a antiga proprietária da Casa, Lúcia, filha do arquiteto Ramos de Azevedo.

Não importa, porque chegou o dia da glória. Escritores finalmente aparecem nas colunas sociais. Textos de poetas consagrados decoram/estampam/servem de papel de parede para os ambientes, antes relançam a tendência da caligrafia na decoração de interiores. Além do velho diálogo entre o clássico e o contemporâneo. Pesadas cortinas de tecido fosco e muitos, muitos lustres de cristal são as peças-chave na maioria dos ambientes.

Mas agora chega de tendências, que já aterrissam velhas de cansaço depois de 12 horas de vôo. Como a Casa deve voltar à ativa em novembro, com sua vocação de espaço reservado à literatura? Algo do CAD deverá ser mantido? A escada espiralada em mármore, meu tobogã; os lustres da escada de serviço, bordel de luxo; a arte de Sorgenicht, Eu, moça-vitral, fruta cristalizada. Será que sou amada? Mistérios...


Elisa Andrade Buzzo
São Paulo, 8/11/2007


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Perdidos em Perdizes de Elisa Andrade Buzzo
02. Cinzas e sombras de Vicente Escudero
03. Informação, Redes Sociais e a Revolução de Noah Mera
04. O cérebro espiritual, de Mario Beauregard de Ricardo de Mattos
05. A dança das décadas de Pilar Fazito


Mais Elisa Andrade Buzzo
Mais Acessadas de Elisa Andrade Buzzo em 2007
01. Ecos digitais: poema-em-música - 4/1/2007
02. Casa cor-de-rosa - 8/11/2007
03. A Via Láctea de Lina Chamie - 27/12/2007
04. Meninas eu vi - 26/4/2007
05. A brasileira - 22/2/2007


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




O AMANHÃ A DEUS PERTENCE
ZIBIA GASPARETTO
CONSCIÊNCIA E VIDA
(2007)
R$ 9,90



GÂNDI - 3° EDIÇÃO
LOUIS FISCHER

R$ 20,00



SCRIPT AND CURSIVE ALPHABETS: 100 COMPLETE FONTS
DAN X. SOLO, SOLOTYPE TYPOGRAPHERS
DOVER PUBLICATIONS
(1987)
R$ 60,00



UMA AVENTURA PERIGOSA
ANA MARIA MAGALHÃES, ISABEL MAGALHAES
CAMINHO
(2012)
R$ 7,87



PROBLEMAS DE FÍSICA VII - ÓPTICA E ACÚSTICA
I. M. ROZENBERG, MAX GEVERITZ
NOBEL
(1961)
R$ 10,00



TEATRO QUASE COMPLETO - VOLUME 3
NELSON RODRIGUES
TEMPO BRASILEIRO
(1966)
R$ 70,00



VALE A PENA LUTAR PELO BRASIL - NA VISÃO DE UM CÔNSUL
AKIHIRO NAKAE
TOPAN PRESS
(1992)
R$ 15,00



O FILHO DA BRUXA
MICHAEL GRUBER
COMPANHIA DAS LETRAS
(2007)
R$ 15,00



TERAPIA OCUPACIONAL
JORGE AUGUSTO ORTIZ FINGER
SARVIER
(1986)
R$ 70,00



EDOUARD MANET - REBELDE DE CASACA
BETH ARCHER BROMBERT
RECORD
(1996)
R$ 15,00





busca | avançada
37883 visitas/dia
1,3 milhão/mês