Polly | Elisa Andrade Buzzo | Digestivo Cultural

busca | avançada
70192 visitas/dia
2,2 milhões/mês
Mais Recentes
>>> “Um pé de biblioteca” estimula imaginação e ajuda a criar novas bibliotecas pelo Brasil
>>> Diálogos na Web FAAP: Na pauta, festivais de cinema e crítica cinematográfica
>>> Pauta: E-books de Suspense Grátis na Pandemia!
>>> Hugo França integra a mostra norte-americana “At The Noyes House”
>>> Sesc 24 de Maio apresenta programação de mágica para toda família
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Meu malvado favorito
>>> A pintura do caos, de Kate Manhães
>>> Nem morta!
>>> O pai tá on: um ano de paternidade
>>> Prêmio Nobel de Literatura para um brasileiro - I
>>> Contentamento descontente: Niketche e poligamia
>>> Cinemateca, Cinemateca Brasileira nossa
>>> A desgraça de ser escritor
>>> Um nu “escandaloso” de Eduardo Sívori
>>> Um grande romance para leitores de... poesia
Colunistas
Últimos Posts
>>> A última performance gravada de Jimmi Hendrix
>>> Sebo de Livros do Seu Odilon
>>> Sucharita Kodali no Fórum 2020
>>> Leitura e livros em pauta
>>> Soul Bossa Nova
>>> Andreessen Horowitz e o futuro dos Marketplaces
>>> Clair de lune, de Debussy, por Lang Lang
>>> Reid Hoffman sobre Marketplaces
>>> Frederico Trajano sobre a retomada
>>> Stock Pickers ao vivo na Expert 2020
Últimos Posts
>>> Três tempos
>>> Matéria subtil
>>> Poder & Tensão
>>> Deu branco
>>> Entre o corpo e a alma
>>> Amuleto
>>> Caracóis me mordam
>>> Nome borrado
>>> De Corpo e alma
>>> Lamentável lamento
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Relationships Matter
>>> Apesar da democracia
>>> Onze pontos sobre literatura
>>> A maçã de Isaac Newton
>>> É Julio mesmo, sem acento
>>> Lucas vs. Spielberg
>>> Morando sozinha II
>>> É Julio mesmo, sem acento
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> O Tigrão vai te ensinar
Mais Recentes
>>> Pequot de Vitor Ramil pela Artes e Ofícios (1995)
>>> Quando o espiritual domina de Simone de Beauvoir pela Record (1979)
>>> O resto é silêncio de Érico Veríssimo pela Globo (1998)
>>> Angústia de Graciliano Ramos pela Globo (2013)
>>> O Recurso de John Grisham pela Rocco (2015)
>>> Os doze mandamentos de Sidney Sheldon pela Record (2020)
>>> Direito Ambiental Positivo de Fabrício Gaspar Rodrigues pela Campus (2012)
>>> Mandado de Segurança de Luiz Fux pela Dir (2011)
>>> Lula: A opção mais que o voto de Cândido Mendes pela Garamond (2006)
>>> Latinomérica de Marcus Accioly pela Topbooks (2015)
>>> Levando a vida leve de Laura Medioli pela Justo Junior (2005)
>>> Les Filles du Feu / Les Chimères de Gérard de Nerval pela Garnier-Flammarion (1965)
>>> Revolucione sua qualidade de vida - Navegando nas ondas da emoção de Augusto Cury pela Sextante (2002)
>>> Mulheres certas que amam homens errados de Kristina Grish pela Gente (2007)
>>> Pequenos Poemas em Prosa de Charles Baudelaire pela Nova Fronteira (1981)
>>> E de Evidência de Sue Grafton pela Ediouro (1999)
>>> M - O Homem Sensual de Record pela Record (1997)
>>> Verdura? Não! de Claire Llewellyn; Mike Gordon pela Scipione (2011)
>>> @s [email protected] de [email protected] York - as Senhoritas de Nova York de Daniel Piza pela Ftd (1999)
>>> 1 Real de Federico Delicado pela Pulo do Gato (2014)
>>> 1 Real de Federico Delicado pela Pulo do Gato (2014)
>>> 10 Anos Brasil MTV de MTV pela Mtv
>>> 10 Contos de Natal de Gilberto de Nichile pela Scortecci (2015)
>>> 100 Jogos para Grupos de Ronaldo Yudi K. Yozo pela Agora (1996)
>>> 100 Magias para Aumentar Sua Autoconfiança - os Livros Secretos Witch de Disney pela Edelbra (2004)
>>> 100 Magias para Ter um Supergrupo - os Livros Secretos Witch de Disney pela Edelbra (2002)
>>> 100 Magias para Ter um Supergrupo - os Livros Secretos Witch de Disney pela Edelbra (2002)
>>> 100 Segredos das Pessoas de Sucesso de David Niven pela Sextante (2002)
>>> 1000 Formas de Interpretar o Seu Horoscopo de Girassol Edicoes pela Girassol (2006)
>>> 1000 Lugares para Conhecer Antes de Morrer de Patricia Schultz pela Sextante (2006)
>>> 1000 Lugares para Conhecer Antes de Morrer de Patricia Schultz pela Sextante (2006)
>>> 1000 Melhores Segredos Rapidos e Faceis para Voce de Jamie Novak pela Arx (2007)
>>> 1001 E-mails de Cynthia Dornelles pela Record (2003)
>>> 1001 Fantasmas de Heloisa Prieto pela Companhia das Letras (2002)
>>> 1001 Fantasmas de Heloisa Prieto pela Companhia das Letras (2002)
>>> 1001 Fantasmas de Heloisa Prieto pela Companhia das Letras (2002)
>>> 1001 Maneiras de Enriquecer (livro Muito Raro!) de Joseph Murphy pela Record (1966)
>>> 1001 Maneiras de Enriquecer (livro Muito Raro!) de Joseph Murphy pela Record (1966)
>>> 101 Brasileiros Que Fizeram História de Jorge Caldeira pela Estação Brasil (2016)
>>> 101 Experiências de Filosofia Cotidiana de Roger Pol Droit pela Sextante (2002)
>>> 101 Livros Que Mudaram a Humanidade - Coleção Super Essencial de Superinteressante pela Superinteressante (2005)
>>> 101 Lugares para Fazer Sexo Antes de Morrer de Marsha Normandy; Joseph St. James; Alexandre Rosas pela Best Seller (2010)
>>> 102 Minutos: a História Inédita da Luta de Outros; Jim Dwyer pela Jorge Zahar (2005)
>>> 111 Poemas para Crianças de Sérgio Capparelli pela L&pm (2009)
>>> 117 Maneiras de Enlouquecer um Homem na Cama de Margot Saint-loup pela Ediouro (2005)
>>> 12 Anos de Escravidão de Solomon Northup pela Lafonte (2019)
>>> 12 Fábulas de Esopo de Fernanda Lopes de Almeida; Hans Gartner; pela Atica (2000)
>>> 12 Horas de Terror de Marcos Rey pela Global (2012)
>>> 12 Lições para Ser o Pai Ideal de Kevin Leman pela Portico (2015)
>>> 120 Minutos para Blindar Seu Casamento de Renato Cardoso; Cristiane Cardoso pela Thomas Nelson Brasil (2013)
COLUNAS

Quinta-feira, 28/5/2009
Polly
Elisa Andrade Buzzo

+ de 4100 Acessos
+ 1 Comentário(s)

polly havia se tornado sua vida, ou melhor, sua sobrevivência dependia das escolhas dela, do tempo que seus dentes levariam para transformar o almoço numa pasta indefinida, do tempo que sua língua a deglutiria, do tempo duração e do tempo desejo e esquecimento, do tempo que seus passos levariam para chegar ao metrô e que ela desistisse de sair do vagão para pegar o outro trem que passava na direção contrária, por ser o novo modelo com as portas largas, revestimento verde-água e menos lugares para se sentar, a distração na hora de escolher a saída mais próxima, o farol fechado aos pedestres no instante exato em que polly irromperia aos prantos se pudesse chorar, dali pra frente a vida seria em marcha lenta, como o tempo desejável do amor e estendido da angústia de não ser mais amado tem uma duração indefinida quando as coisas já passaram, ela não lembrava mais do grito estridente que sua garganta poderia oferecer para surpresa de quem passava, pois se um transeunte fosse atropelado, era verdade, haveria gente em volta e ambulância, mas pobre, pobre polly, apodreceria anônima na multidão até o momento em que sua dona irrompesse do prédio, a tomaria em seus braços e reconheceria seu corpo sem pouco pânico, desafiando as leis da física e de trânsito, polly, polimórfica, se transformou em carro, carne, ônibus, moto, foto, atravessou estações e evaporou na avenida, haveria outras maneiras de contar como polly não fora atropelada, dependendo do ângulo de visão e do histórico pessoal de sensibilidades, como o do motoqueiro que desviou radicalmente sua trajetória para não passar a roda por cima de seu pequeno corpo conturbado, ou do motorista que teve a coragem de desacelerar sob a pena de uma derrapagem, os motoboys falam da história do animal com entusiasmo e sabem da dor da perda, os taxistas que viram a cena num ponto distante e não fizeram nada, quando alguém pergunta sobre o destino de polly, há muita conversa e pouca ação, pois polly simplesmente não tivera o privilégio de fazer parte de seu campo de visão, sem quem tivesse ânimo para juntar as peças, correr atrás da imprevisibilidade de um encontro, à la sherlock holmes ela farejou sua trajetória, ponderou a baixa probabilidade dela ter sobrevivido, assim como a possibilidade de encontrá-la num rasgo temporal, estremecida e ardente no recôndito tranquilo da rampa de acesso do supermercado vazio, na invisibilidade dos mendigos e pedintes, sabe-se lá se polly, sem coleira nem rabo, uma escoriação no olho e a pata traseira manca levara uns pontapés no traseiro enquanto percorria o périplo paulista-maria figueiredo-santos, rasteira aos taxímetros e a qualquer outro enquadramento de tempo e espaço, circulavam no imponderável, como no dia em que descendo as escadas a imagem dele ficara latente e cabisbaixa, um cruzamento em que não houve de fato um atropelamento, apenas um leve esbarrão, que é do sutil que o grande se dimensiona, cada movimento estaca do tempo, uma escolha que não se escolhe, momento fera, polly não deixaria que a tocasse para levá-la para casa, já ele a levaria para casa e a tocaria, não sem antes avisar dos perigos, mas quando a fuga acontece os passos são incontroláveis, polly correu sem direção, atravessou a rua, havia o fogo do desespero em seus olhos, correu sem noção dos perigos, ponto marrom na avenida, se ela era a única a poder montar as peças deste quebra-cabeças, interrompeu o sentido, retornou, não se deixou levar pela corrente, pela velocidade da vida em geral, polly, prioridade, polly não chegou a cruzar a avenida, sentiu as consequências inalteráveis do deslocamento, não sem relutar, ela, por sua vez deixou-se entregar na passagem da fronteira, havia uma luz nos olhos dele, aquela luz amedrontadora que de repente se acende nos apaixonados, mas que se apaga deixando polifonias, o castanho melancólico da dúvida, até quando o fato vivido no passado se mantém cristalizado, longe das impurezas do dia a dia, o final de contos de fadas ao menos para polly, lentamente, em direção aos braços da dona, até que, levando-a à masmorra, não pôde escapar de sua mordida por trás da grades.

Elisa Andrade Buzzo
São Paulo, 28/5/2009


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Hilda Hilst: A Obscena Sra. D de Najah Zein
02. Notas de Protesto de Rafael Lima


Mais Elisa Andrade Buzzo
Mais Acessadas de Elisa Andrade Buzzo em 2009
01. Inútil, o filme e a moda que ninguém vê - 22/1/2009
02. USP: 75 anos de histórias várias - 12/2/2009
03. A Mulher Invisível ou a literatura como salvação - 20/8/2009
04. A profundidade aparente do concreto - 30/4/2009
05. Polly - 28/5/2009


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
11/6/2009
05h57min
Estética legal do seu texto, Elisa. Bem ao estilo do glorioso Saramago.
[Leia outros Comentários de Antonio P. Andrade]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




PEQUIM
ANTHONY GRAY
RECORD
(1988)
R$ 10,00



O QUE É FÍSICA - COLEÇÃO PRIMEIROS PASSOS
ERNEST W. HAMBURGER
BRASILIENSE
(2001)
R$ 17,87



A CURA ESTÁ NA NATUREZA MEDICINA NATURAL
CLARA TWATA/JOÃO ANTÔNIO/RUTH CORDEIRO
TRÊS
R$ 28,00



DOSSIÊ GÊNIOS DA CIÊNCIA - GALILEU GALILEI & ALBERT EINSTEIN
DANIEL AURÉLIO
UNIVERSO DOS LIVROS
(2009)
R$ 5,00



RÉQUIEM PARA UM BUROCRATA
ARNALDO CAMPOS
MERCARDO ABERTO
(1983)
R$ 8,88



REVISTA DE LINGUA PORTUGUESA N°2
LAUDELINO FREIRE
EDIÇÃO DO AUTOR
(1919)
R$ 58,33



GANGORRAS DO AMOR 8805
MARIA HELENA MATARAZZO
RECORD
(2003)
R$ 8,00



PARA FILOSOFAR - VOLUME ÚNICO
ANA MARIA LAPORTE
SCIPIONE
(2010)
R$ 29,90



LES ORIGINES COSMIQUES DE LA VIE: UNE HISTOIRE DE LUNIVERS DU
ARMAND DELSEMME
FLAMMARION
(1994)
R$ 68,28



O CAMAFEU
WILSON FRUNGILO JR.
IDE
(2005)
R$ 19,90





busca | avançada
70192 visitas/dia
2,2 milhões/mês