A idade que habito | Marta Barcellos | Digestivo Cultural

busca | avançada
44947 visitas/dia
1,2 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS

Sexta-feira, 2/12/2011
A idade que habito
Marta Barcellos

+ de 2900 Acessos

Quando minhas amigas começaram a esconder a idade eu achei estranho. Ainda outro dia ríamos disso, nas outras. As explicações vieram aos poucos: uma entrevistada, mulher maravilhosa de 55 anos, pediu delicadamente para não colocar a idade em seu perfil, "se desse". Não era por nada não, ela mesma não tinha problemas com a idade, mas profissionalmente isso tinha um peso. Ter 55 anos de idade tem o seu peso. Depois descobri que para muitos homens que se mantêm no ambiente competitivo das empresas o desconforto era semelhante, "depois de certa idade".

Ter a idade certa é um problema - desde cedo. Já nascemos precisando nos encaixar em perfis pré-existentes para cada idade. Com um ano, é esperado que o bebê tenha determinado comportamento, peso, altura. Lembro de meu esforço, no início da carreira, para parecer mais velha, afinal quem era aquela fedelha para posar de jornalista e chefe aos 25 anos. Depois, por um tempo, entrei numa fase mais confortável na própria idade, dentro dos padrões: cargo compatível, filho a tempo de corresponder às expectativas sociais, tinta ao primeiro sinal de brancos nos cabelos (nada mais transgressor do que uma mulher que mostra os primeiros brancos). Estava na "idade certa", e não tinha chegado ainda à "certa idade".

Comecei a notar algo diferente depois dos 40 anos. Por não ver qualquer sentido em mentir ou esconder a idade, continuei tratando dela naturalmente, achando graça das amigas preocupadas com isso. Mas nem assim me livrei do "problema" da "certa idade". Por mais que o contexto de mencioná-la seja natural, mesmo an passant, muitos interlocutores se sentem na obrigação de dizer que você "não aparenta".

- Acho que aparento sim.

- Claro que não! Você parece ter uns cinco anos menos. Digamos três...

- Você não entendeu, eu gosto de aparentar a minha idade. Você não precisa me agradar falando isso.

- Ah...

Pode ser uma gentileza social apenas; para que complicar? Pensei em evitar interrupções desnecessárias da próxima vez, tentar um sorrisinho agradecido, e seguir adiante. Se não quero evitar o assunto idade, tampouco gostaria de fazer dela uma bandeira. Será que não dá para apenas 'ter' 46 anos, assim como já tive 32 ou 19?

O cineasta Domingos de Oliveira, no filme "Juventude", se refere em determinada cena à idade do "você está ótimo". Experimente encontrar um amigo de colégio que não vê há décadas para rir da piada... As mulheres que gastam boa parte de sua energia - e de seu tempo, seu dinheiro etc - tentando parecer mais jovens defendem o status das "sem idade". E há as celebridades orgulhosas de assumir seus anos, sempre esperando ouvir em troca o tal "você não aparenta". Nos cartazes das peças de teatro, nas fotos de divulgação das revistas, de fato, elas estão longe de aparentar qualquer idade: a tentação de se lambuzar no fotoshop é grande. O resultado são expressões maduras contornadas por uma pintura que lembra vagamente o rosto que tinham quando eram... vá lá, jovens.

O descompasso provavelmente começa com a gentileza de se elogiar a suposta aparência de menos idade. Fica implícito o quanto se espera que você continue assim, sempre mais jovem, porque a juventude é um valor na nossa sociedade - e quem ainda não se deu conta disso, ora essa? Assumimos a obrigação sem pensar a respeito, e passamos a nos identificar com as imagens jovens ou fotoshopadas à nossa volta. Um belo dia, a casa cai. Uma amiga minha, já avó (convém acrescentar, avó precoce), comentou sobre o seu esforço para não virar uma "sem noção". Como trabalha em um ambiente muito jovem, e exerce o mesmo cargo dessas pessoas, às vezes se "esquece" que é mais velha. Sobre isso, ouvi também uma história curiosa: uma senhorinha muito vaidosa, miss na juventude e atualmente com mais de 70 anos, entra numa loja e depois de alguma conversa pergunta à vendedora quantos anos ela lhe dá. Uns 60 e poucos, responde a vendedora bem treinada, certa de agradar. A senhorinha, porém, sai da loja aos prantos - sabe-se lá que idade imaginava aparentar.

Antes de eu entrar nos 40, pensei que o fato de atrizes e pessoas famosas terem passado a revelar a idade ajudaria a acabar com o preconceito que rondava as mulheres mais velhas. Afinal, uma ou duas gerações atrás, mulheres como Tonia Carreiro ou Danuza Leão paravam de falar a idade lá pelos 30 anos. Agora não. A protagonista da novela tem 60, e todo mundo sabe. Então, porque o envelhecimento assumido não torna a velhice um valor, desafiando a tal "sociedade da juventude"? O problema, me parece, é que elas têm 60 anos, mas... "não aparentam". O grande mérito é permanecer jovem, mesmo sendo velho.

Por tudo isso, fiquei feliz ao ler a entrevista de Gilberto Gil ao repórter Diógenes Campanha na Folha de São Paulo. Às vésperas de completar 70 anos, Gil diz estar "vivendo a idade". Ele vê "novos ganhos, novas aquisições, novas configurações". E compara a juventude e a maturidade ao ruído e ao silêncio:

"Quando o ruído desaparece, deixa um vácuo, que é seguido pelo silêncio. E este preenche tanto quanto o ruído preenchia. É algo de outra natureza, que se constitui também como plenitude. Certos aspectos da atividade cerebral ganham outra forma de se apresentar. Fisicamente, não me sinto debilitado. Resumindo, estou gostando da velhice."

Não dá vontade de chegar logo aos 70?



Marta Barcellos
Rio de Janeiro, 2/12/2011


Quem leu este, também leu esse(s):
01. O Vosso Reino de Luís Fernando Amâncio
02. K 466 de Renato Alessandro dos Santos
03. Inferno em digestão de Renato Alessandro dos Santos
04. A poesia afiada de Thais Guimarães de Jardel Dias Cavalcanti
05. Estevão Azevedo e os homens em seus limites de Guilherme Carvalhal


Mais Marta Barcellos
Mais Acessadas de Marta Barcellos em 2011
01. A internet não é isso tudo - 14/1/2011
02. Entre livros e Moleskines - 11/2/2011
03. Somos todos consumidores - 8/4/2011
04. Em busca da adrenalina perdida - 4/3/2011
05. A novíssima arquitetura da solidão - 4/11/2011


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




CAÇADORA DE ESTRELAS - STARGAZER
CLAUDIA GRAY
PLANETA
(2011)
R$ 14,00



ATORES AUTORES (AUTOGRAFADO POR JOANA FOMM) - 647
DOC COMPARATO (ORGANISADOR)
CLUBE DO LIVRO
(1987)
R$ 15,00



ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS
LEWIS CARROLL
COMPANHIA NACIONAL
(2008)
R$ 10,00



COMO REPARAR AVARIAS NA ESTRADA SEM SER UM ESPECIALISTA
MIGUEL DE CASTRO
PLATANO
(1994)
R$ 77,00



AR LIVRE
MAURICIO SALLES VASCONCELOS
CÓRREGO
(2017)
R$ 50,00



GRANDE ENCICLOPÉDIA PORTUGUESA E BRASILEIRA VOL. 3 ENUM GUINE
DIVERSOS AUTORES
ZAIROL
(1998)
R$ 30,00



SENSO CRÍTICO
DAVID W. CARRAHER
PIONEIRA
(1999)
R$ 16,00



HISTÓRIA DA LITERATURA BRASILEIRA, VOLUME 1
SÍLVIO CASTRO
ALFA
(1999)
R$ 26,40



O ENSINO DE LINGUAS PARA A COMUNICAÇÃO
H. G. WIDDOWSON
PONTES
(1991)
R$ 20,00



ORGANIZAÇÃO SOCIAL E POLÍTICA BRASILEIRA
DELGADO DE CARVALHO
RECORD
(1969)
R$ 12,00





busca | avançada
44947 visitas/dia
1,2 milhão/mês