Como amar as pessoas como se não houvesse amanhã | Ana Elisa Ribeiro | Digestivo Cultural

busca | avançada
47273 visitas/dia
1,3 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
>>> Banco Inter É uma BOLHA???
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Atmosphere
>>> O Segredo do Vovô Coelhão
>>> Separações é Amores II
>>> 10 de Abril #digestivo10anos
>>> Não presta, mas vá ver
>>> Sobre o Jabá
>>> Crise da Democracia
>>> Bill Gates e o Internet Explorer
>>> LEM na TV Cronópios
>>> Não Aguento Mais a Empiricus
Mais Recentes
>>> A Resposta de Kathryn Stockett-- Caroline Chang pela Bertrand Brasil (2012)
>>> Guia Prático de Primeiros Socorros - o Que Fazer Em Casos de Dr Gerson Trevilato pela Dr Gerson Trevilato (2001)
>>> Política & Sociedade - Revista de Sociologia Política Nº 13 de Ufsc pela Cidade Futura (2008)
>>> Apesar de Tudo de Mônica de Castro pela Vida e Consciência (2013)
>>> Trangressões de Uzma Aslam Khan pela Bertrand Brasil (2008)
>>> Política & Sociedade - Revista de Sociologia Política Nº 15 de Ufsc pela Cidade Futura (2009)
>>> Política & Sociedade - Revista de Sociologia Nº 6 de Ufsc pela Cidade Futura (2005)
>>> Louis Frenzel Jr. - Jose Lucimar do de Luciano Raimundi - Direção pela Susaeta (1989)
>>> Memórias Alinhavadas de Beatriz Viegas pela Artes e Oficios (1997)
>>> Carlota Joaquina na Corte do Brasil de Francisca L. Nogueira de Azevedo pela Civilização Brasileira (2003)
>>> Revista National Geographic Brasil - Junho 2003 de Diversos pela Abril (2003)
>>> Revista National Geographic Brasil - Maio 2003 de Diversos pela Abril (2003)
>>> Os Amantes - Estado de Novo de Rod Nordland pela Harper Collins (2016)
>>> Revista National Geographic Brasil - Abril 2003 de Diversos pela Abril (2003)
>>> Política & Sociedade - Revista de Sociologia Política Nº 05 de Ufsc pela Cidade Futura (2004)
>>> Hot Metal Vol. II de Guitar pela Guitar (1989)
>>> Revista National Geographic Brasil - Março de 2003 de Diversos pela Abril (2003)
>>> Política & Sociedade - Revista de Sociologia Política Nº 10 de Ufsc pela Cidade Futura (2007)
>>> História do Brasil - 2ªdição - Revista e Atualizada de Francisco M. P. Teixeira pela Global (2000)
>>> Revista National Geographic Brasil - Janeiro 2003 de Diversos pela Abril (2003)
>>> Cálculo Aplicado à Gestão e aos Negócios de Nelson Pereira pela Intersaberes (2016)
>>> O Último Teorema de Fermat de Simon Singh pela Record (1999)
>>> Três Autos (Alma / Barca do Inferno / /Mofina Mendes de Gil Vicente pela Ediouro (1997)
>>> Corpo a corpo com a mulher. Pequena história das transformações do corpo feminino no Brasil de Mary del Priore pela Senac SP (2000)
>>> Ao Sul do Corpo. Condição feminina, maternidades e mentalidades no Brasil Colônia de Mary del Priore pela Edunb/José Olympio (1993)
>>> História do amor no Brasil de Mary del Priore pela Contexto (2006)
>>> História das crianças no Brasil de Mary del Priore. Organização pela Contexto (1999)
>>> Lançamento Col Eu Gosto Mais Caderno de Letras V1 Ed Inf do Professor de Jorge Yunes (dir. Sup) pela IBEP (2015)
>>> Lançamento Coleção Eu Gosto Mais Caderno de Letras V 2 Ed. Infantil de Jorge Yunes pela IBEP (2015)
>>> Coleção Eu Gosto Mais - Caderno de Alfabetização - Lançamento de Célia Passos e Zeneide Silva / Livro do Professor pela IBEP (2015)
>>> XIARARIBÓIACINE - MEMÓRIAS de Ministério da Cultura pela Festival de Niterói (2012)
>>> Tempo de Matemática 6ª série - LIVRO DO MESTRE de Miguel Asis Name pela do Brasil (1996)
>>> Matemática - Conceitos e Histórias 8ª série - EXEMPLAR DO PROFESSOR de Di Pierro Netto pela Scipione (1995)
>>> Interdisciplinar - Estação Criança 1 - Educação Infantil - Trenzinho de atividades- do Professor de Júnia La Scala e Outros pela Quinteto (2015)
>>> História das mulheres no Brasil de Mary del Priore. Organização pela Contexto/Unesp (1997)
>>> Moderna de Geografia vol. 1 - Noções Básicas de Geografia Geral e do Brasil - Primeiro Grau pela Moderna (1995)
>>> Ley Nº 393 - Ley de Servicios Financeiros de Ministério de Economía y Finanzas Públicas pela M.E.F.P
>>> Marco de Referência de Educação Alimentar e Nutricional para as Políticas Públicas de Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome pela SNSAN (2012)
>>> PDE Prova Brasil - Plano de Desenvolvimento de Educação - Ensino Fundamental de Ministério da Educação Secretária de Educação Básica pela PDE (2009)
>>> Secretaria de Programas Regionais - Desenvolver as regiões para reduzir as desigualdades de Ministério da Integração Nacional pela M.I.N
>>> Ritmos da História 6º ano - DO PROFESSOR de Flavio de Campos se Outros pela Escala Educacional (2009)
>>> Matemática 2 - DO PROFESSOR de Ênio Silveira e Cláudio Marques pela Moderna (2010)
>>> Porta Aberta - História e Geografia 5º ano - DO PROFESSOR de Mirna Lima pela FTD (2009)
>>> Novo História 8º ano - Conceitos e Procedimentos - DO PROFESSOR de Ricardo Dreguer e Eliete Toledo pela Atual (2009)
>>> Geografia - Rio de Janeiro 3ª série - DO PROFESSOR de Siomara Sodré Spinola pela Ática (2006)
>>> Sociologia em Movimento -1º 2º e 3º anos do Ensino Médio - DO PROFESSOR de Afrânio Silva e Outros pela Moderna (2014)
>>> Práticas Pedagógicas Em Educação Física: Espaço, Tempo e Corporei de Fernando Jaime Gonzalez; M Simone / do Professor pela Edelbra Ltda (2012)
>>> Pensar, Refletir e Filosofar 5º ano - MANUAL DO EDUCADOR de Maria Amélia Vieira e Rute de Souza Galvão pela Construir
>>> Pensar, Refletir e Filosofar 4º ano - MANUAL DO EDUCADOR de Maria Amélia Vieira e Rute de Souza Galvão pela Construir
>>> Pensar, Refletir e Filosofar 2º ano - MANUAL DO EDUCADOR de Maria Amélia Vieira e Rute de Souza Galvão pela Construir
COLUNAS

Sexta-feira, 9/11/2012
Como amar as pessoas como se não houvesse amanhã
Ana Elisa Ribeiro

+ de 5800 Acessos

"É preciso amar as pessoas como se não houvesse amanhã". É assim que começa uma canção da Legião Urbana que parou na minha cabeça. Ela sempre me vem, embora nem sempre transforme meus atos. E eu gostaria que essa e outras canções tivessem o poder de transformar meus comportamentos (e os de outras pessoas) com a mesma facilidade com que as canto.

A história de saber amar os outros, de cuidar de quem está perto, de saber que a recíproca é verdadeira, de curtir quem está vivo (enquanto está), de ter a exata noção de que ninguém é para sempre, de fazer bem a quem nos faz bem, enfim, todas essas obviedades... essa história só é óbvia lá entre nossos baús de conceitos. Na vida diária, no bate-estaca do cotidiano, o que fazemos é viver espirrando estilhaços nos outros e, principalmente, em quem está mais perto, mais abraçado, no convívio.

Bem que eu queria não dizer o que eu disse. Bem que eu adoraria não ter sido rude com quem primeiro me abriu a porta quando cheguei do trabalho. É sincero o meu desejo; não menos sincera é minha dificuldade de agir com mais distinção.

Outro dia eu disse que minha vida era chata. Quem ouviu, do ângulo lá dos próprios problemas (porque todo mundo os tem), me achou mal-agradecida, exagerada e similares. Com razão ou não, abri meu coração a me justificar: trabalho onde não quero, faço coisas de que não gosto, perdi minha autonomia e não consigo estar calma. É coisa que vem de dentro, não tem controle. Como a gente faz pra se sentir feliz e completo, sem estar? Só porque eu quero?

O portão se abriu e divisei, a uns três metros, um sorriso que queria me beijar. Os olhos verdes me davam as boas vindas. E eu desfiei um rosário de maledicências, um uivo de desalento por conta disto e daquilo, um nervosismo com todas as coisas que eu nem sabia que me incomodavam tanto. E aqueles olhos foram se apagando, se intimidando, se encolhendo até que só sobrou uma superfície lisa em que nada cola. E eu então perdi o contato com aquela figura carinhosa que vinha me dizer que a muda da roseira vingou.

O que quer dizer "amar as pessoas como se não houvesse amanhã"? Quer dizer sugar delas a melhor seiva que há, para então não se arrepender de tê-las perdido no coração; ou para não se lamentar olhando fotos que o computador perderá um dia; ou para não cansá-las com uma chuva de infelicidades diárias. Assim, nada vinga, de fato.

E eu acho improvável amar as pessoas. Não havendo amanhã, restará um hoje do qual somos incapazes de nos aperceber. É quando ele se converte em lembrança que a gente exclama: era isso! Mas não deu tempo de ser direito. Já me arrependi assim com a morte de alguém e talvez ainda colecione desses arrependimentos.

Estou falando ainda de amar as pessoas amáveis, aquelas mais próximas, como pais, irmãos, filhos. Essas são as pessoas a quem provavelmente nos ligamos mais, numa espécie de aprendizagem que vem com gosto, cheiro, sol e chuva. Mas e quando o amor se refere às pessoas que nos surgem pela vida afora?

Você faz algumas tentativas ao longo da vida; começa ali pela adolescência, talvez a infância, e chega à vida adulta com um breve (ou não) catálogo de incompetências amorosas. Talvez conte algumas histórias de sucesso e talvez alguma delas seja duradoura. E suponhamos que você tenha, também, alguma ocorrência de casamentos, ou um ou dois ou três, que hoje em dia eles podem ser múltiplos. E suponhamos, então, que você, que nunca pensou nisso, encontre um novo amor quando estiver perto dos quarenta anos e que esse amor tenha filhos. É, ainda mais, preciso amar as pessoas.

Quando vejo uma menina de 22 anos, eu sempre penso que ela tem chances de construir uma história de competências amorosas, incluindo-se aí a provável constituição de uma família consanguínea que talvez se ame. Quando eu me vejo aos 22 anos, penso que fui brincando de Deus aqui e ali, até que me vi enrascada. Bem, mas aos 40, você tem outras chances, talvez mais informadas e interessantes. Sua lista de "coisas que não quero" é grande e você tem melhor noção do que acha inaceitável.

Noves fora, você vai viver sua vida com o frescor que conseguir, mas terá um manual de sobrevivência bem mais completo e restritivo do que poderia antes. E então você não namora mais uma pessoa; você namora uma família, que, por sua vez, namora a sua família. Então você precisa saber como amar tantas pessoas que não faziam parte daquele desenho de árvore genealógica que você aprendeu na escola (e continua aprendendo). Ah, como aquilo é precário! Na era digital, na plenitude do link e das redes, as aulas de Biologia ainda insistem em desenhos lineares e unidimensionais.

É assim que as pessoas nos surpreendem. É dessa forma que a vida dança com você, dando a impressão de que é você que está marcando a cadência, mas não é. E então você precisa aprender a amar as pessoas que mais atinge, além de amar as que precisa adotar. A capacidade de gostar dos outros é imprescindível neste tempo de links quebrados e páginas viradas. Mas quem vai nos ensinar? Não é questão de comprar um dispositivo ou de fazer curso de autoajuda; é questão de construir um novo ethos, com tranquilidade para viver em um cenário menos fixo e desleal.

E seus problemas? Onde enfiá-los? Não me ocupei de procurar um psicólogo a cada problema que tive. Talvez eu não os tenha resolvido direito, sei lá (e alguém os resolve?). Mas eu pensava, sempre que alguém me indicava um número: "será que não posso ter problemas em paz?". O problema é amar e desamar, desarmar um amor rarefeito, descansar do costume de ser infeliz todos os dias e coisas assim. Mas será que hoje não se pode mais nem ter problema ou ser um pouco infeliz, naquela intermitência comum às coisas dos vivos? E as soluções para os problemas se pagam por hora? Não sei, não sei. Deixem-me aqui a curti-los, à espreita para a chegada de outras razões para esquecê-los. É o tempo, mano velho, o meu melhor amigo. E tenho cá comigo meu curso de "Como amar as pessoas como se não houvesse amanhã", no qual ainda não fui aprovada.


Ana Elisa Ribeiro
Belo Horizonte, 9/11/2012


Quem leu este, também leu esse(s):
01. No palco da vida, o feitiço do escritor de Cassionei Niches Petry
02. Alice in Chains, Rainier Fog (2018) de Luís Fernando Amâncio
03. Nos tempos de Street Fighter II de Luís Fernando Amâncio
04. Canadá, de Richard Ford de Celso A. Uequed Pitol
05. O testemunho de Bernanos de Celso A. Uequed Pitol


Mais Ana Elisa Ribeiro
Mais Acessadas de Ana Elisa Ribeiro em 2012
01. Quero estudar, mas não gosto de ler. #comofaz? - 10/2/2012
02. Voltar com ex e café requentado - 13/1/2012
03. iPad pra todo mundo - 13/4/2012
04. Como amar as pessoas como se não houvesse amanhã - 9/11/2012
05. Fazer conta de cabeça e a calculadora - 10/8/2012


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




INDUSTRIALIZAÇÃO E CONCENTRAÇÃO ECONÔMICA EM SÃO PAULO
HENRIQUE RATTNER
FGV
(1972)
R$ 26,82



PRATICA DE PROCESSO CIVIL VOL 1 - ANOTAÇÕES JURISPRUDÊNCIA FORMULÁRIOS
IRINEU ANTONIO PEDROTTI
LEUD
(1991)
R$ 9,50



LANGENSCHEIDT DICIONÁRIO DE BOLSO DAS LÍNGUAS PORTUGUESA E ALEMÃ
PROF. DR. ALBIN EDUARDO BEAU
LANGENSCHEIDT
R$ 300,00



RELACIONAMENTO VOCÊ E SUAS RELAÇÕES PESSOAIS
RONALDO TAPAJÓS
SENAC
(2014)
R$ 4,00



EGITO ONTEM E SEMPRE
ELISABETH LOIBL
MELHORAMENTOS
(1997)
R$ 10,00



CULTURA PAULISTA ANTOLOGIA 2005
CELIO DEBES HERNANI DONATO IVES GANDRA DA SILVA
IMPRENSA OFICIAL - SP
(2006)
R$ 10,00



QUEM AMA, EDUCA! FORMANDO CIDADÃOS ÉTICOS
IÇAMI TIBA
INTEGRARE
(2012)
R$ 15,00



JESUS - TERAPEUTA E CABALISTA
MARIO SATZ
GROUND
(1990)
R$ 90,00



ADVANTAGE 2 - ACOMPANHA CD
PAUL BERRY
RICHMOND
(2007)
R$ 9,11



O MILAGRE DE TERESA
JOÃO CARLOS ALMEIDA
PLANETA DO BRASIL
(2016)
R$ 23,00





busca | avançada
47273 visitas/dia
1,3 milhão/mês