O Subjuntivo Subiu no Telhado | Marilia Mota Silva | Digestivo Cultural

busca | avançada
39185 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Leminski, estações da poesia, por R. G. Lopes
>>> Crônica em sustenido
>>> Do inferno ao céu
Colunistas
Últimos Posts
>>> Analisando o Amazon Prime
>>> Amazon Prime no Brasil
>>> Censura na Bienal do Rio 2019
>>> Tocalivros
>>> Livro Alma Brasileira
>>> Steve Jobs em 1997
>>> Jeff Bezos em 2003
>>> Jack Ma e Elon Musk
>>> Marco Lisboa na Globonews
>>> Jorge Caldeira no Supertônica
Últimos Posts
>>> O céu sem o azul
>>> Ofendículos
>>> Grito primal V
>>> Grito primal IV
>>> Inequações de um travesseiro
>>> Caroço
>>> Serial Killer
>>> O jardim e as flores
>>> Agradecer antes, para pedir depois
>>> Esse é o meu vovô
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Retomada do crescimento
>>> Drummond: o mundo como provocação
>>> Cigarro, apenas um substituto da masturbação?
>>> De volta às férias I
>>> Redes e protestos: paradoxos e incertezas
>>> 2005: Diário de bordo
>>> Alfa Romeo e os bloggers
>>> Defesa dos Rótulos
>>> O Jovem Bruxo
>>> Sua Excelência, o Ballet de Londrina
Mais Recentes
>>> Marcados pelo passado de Lourdes Carolina Gagete pela Mundo maior (2010)
>>> Espíritos entre Nós de James Van Praagh pela Sextante (2009)
>>> Novamente em casa de Francisco Cândido Xavier Caio Ramacciotti Espíritos Diversos pela Geem (1984)
>>> OS Valores e o Tempo de Alceu Costa Filho pela Petit (2004)
>>> Sementes de vida Eterna de Djalma Santos pela Novo Ser (2011)
>>> Tempo de Escolhas de Francisco Cajazeiras pela Novo Ser (2011)
>>> 7 Estados do Coração de Rodolfo Beuttenmüller pela Gospel (2008)
>>> Alguém bateu na minha Porta de Osvaldo Jorge Degrazia pela Novo Ser (2012)
>>> Prelúdio de Paz de Djalma Santos pela Novo Ser (2011)
>>> O Caráter Ecumênico do Espiritismo de Paulo Rzezinski pela Edição do Autor (1995)
>>> A verdadeira Alma Gêmea de Fausto Oliveira pela Seame (1998)
>>> Como tomar posse da Bênção de R.R. Soares pela Graça Arte (1987)
>>> A luz de um novo Dia de João Cuin pela Dpl (2001)
>>> A Última Grande lição ( O Sentido da vida) de Mitch Albom pela Sextante (1998)
>>> Historia de Cristo para as Crianças de Rafael A. Ranieri pela Lake (2003)
>>> Náufragos da vida ( Pelo Espírito Lenuz Aqoqo) de Luciana Cardoso pela Dpl (2000)
>>> Racionalismo Cristão Responde de Fernando Faria pela Diagrama (1998)
>>> O Poder do Jovem ( Você pode se acha que pode!) de Lauro Trvisan pela Mente (2010)
>>> O Que é o Espiritismo de Allan Kardec pela Ide (2008)
>>> Obra Póstumas de Allan Kardec pela Ide (2008)
>>> A Dança da paz de Giuliana Martirani pela Paulinas (2006)
>>> Suas verdades ( O Tempo não Apaga) de Américo Simões pela Barbara (2009)
>>> Organize-se num Minuto de Donna Smallin pela Gente (2005)
>>> Assassinato no Expresso do Oriente de Agatha Christie pela Nova Fronteira (2011)
>>> Quatrocentos Contra Um - Uma História do Comando Vermelho de William da Silva Lima pela Vozes (1991)
>>> Confronto pedagógico: Paulo Freire e Mobral de Gilberta Martina Jannuzi pela Cortez & Moraes (1979)
>>> Escravidão, Homossexualidade e Demonologia de Luiz Mott pela Icone (1988)
>>> Socialismo Síntese das origens e doutrinas de Edgar Rodrigues pela Porta Aberta (2003)
>>> Sentença: Padres e Posseiros do Araguaia de Rivaldo Chinem pela Paz E terra (2019)
>>> Pancho Villa O revolucionário Mexicano de Earl Shorris pela Francisco Alves (1983)
>>> México em Transe de Igor Fuser pela Scritta (1996)
>>> Sociologia Política da Guerra camponesa de Canudos - Da destruição do Belo Monte ao aparecimento do MST de Clóvis Moura pela Expressão Popular (2000)
>>> Exclusão Escolar Racializada - Implicações do Racismo na Trajetória de Educandos da EJA de Tayná Victória de Lima Mesquita pela Paco Editorial (2019)
>>> Crítica da Razão Negra de Achille Mbembe pela N-1 Edições (2018)
>>> Esferas da Insurreição - Notas para uma vida não cafetinada de Suely Rolnik pela N-1 Edições (2013)
>>> Arqueofeminismo - Mulheres filósofas e filósofos feministas – Séculos XVII-XVIII de Maxime Rovere (Org.) pela N-1 Edições (2019)
>>> A Doutrina Anarquista ao Alcance de Todos de José de Oiticica pela A Batalha (1976)
>>> Helena de Machado de Assis pela Ática (1994)
>>> A 3° Visão de T. Lobsang Rampa pela Record (1981)
>>> A História Da Indústria Têxtil Paulista de Francisco Teixeira pela Artemeios (2007)
>>> Ciência tecnologia e gênero abordagens Iberoamericanas de Marília Gomes de Carvalho (org.) pela utfPR (2011)
>>> A Jornada de Erin. E. Moulton pela Nova Conceito (2011)
>>> A Melodia Feroz de Victoria Schwab pela Seguinte (2016)
>>> Despertar ao Amanhecer de C.C. Hunter pela Jangada (2012)
>>> Sussurro - Coleção Hush Hush de Becca Fitzpatrick pela Intrínseca (2009)
>>> Holocausto Nunca mais de Augusto Cury pela Planeta
>>> Lusíada (Nº 1): Revista Ilustrada de Cultura.- Arte.- Literatura.- História.- Crítica de Martins Costa/ Portinari/ Texeira Pascoaes (obras de) pela Simão Guimarães & Filhos./ Porto (1952)
>>> Fábulas que Ajudam a Crescer de Vanderlei Danielski pela Ave Maria (1998)
>>> Ninguém é igual a ninguém de Regina Otero e Regina Rennó pela Do Brasil (1994)
>>> Você Pode Escolher de Regina Rennó pela Do Brasil (1999)
COLUNAS

Quarta-feira, 21/5/2014
O Subjuntivo Subiu no Telhado
Marilia Mota Silva

+ de 4300 Acessos

Em conversas ou em textos online esbarro, a toda hora, com frases como essas:

"Ainda que muitas vezes a gente pode ter um certo receio de parecer..."

"Se eles proporem."

"Se ela manter a palavra."

"Ela quer que eu finjo que não sei."

"Quer que eu compro os ingressos?"

Parece que o subjuntivo - presente e futuro especialmente - está com os dias contados. O que há de errado com formas como possa, propuser, mantiver, opuser, queira?

Nada é permanente, sabemos disso, e a língua, sendo berço e história, é também movimento, criação coletiva. Seus elementos sonoros, morfológicos, sintáticos e semânticos se transformam com o tempo, e, quase sempre, isso é bem-vindo.

Por exemplo, antes não se podia começar frase com pronome oblíquo. "Me diz o que acha, se isso é possível!" Não podia. Agora é bem aceito.

Ou usar tu e você no mesmo texto, como fazemos todos, (menos os gaúchos, se não me engano: "Seu professor não te disse que se você apresentasse o projeto a tempo, ele te aprovaria?" Não podia. Hoje ninguém critica.

A mesóclise e alguns tipos de ênclise também caíram no ostracismo, desde que o modernismo decretou seu fim, embora ainda as víssemos por aí, com certa frequência, em textos mais formais e acadêmicos. Hoje é muito raro. Ninguém ousa escrever "fá-lo-ia", nem mesmo um "dar-lhe-ei", mais simplesinho, ainda que a repetição do ela ou ele pesem na sentença. "Dir-lhe-ia", "fa-lo-ei"... realmente, ficavam bem em Machado ou Visconde de Taunay.

"Fi-lo porque qui-lo", dito famoso atribuído a Jânio, que virou piada; o dito, não o Jânio**, hoje, só de brincadeira.

São mudanças bem aceitas, que fluem naturalmente. Mesmo porque pompa e circunstância não combinam com nosso jeito.

É verdade que há abominações também, como essa construção: "Vamos estar enviando, eles estarão premiando", que se alastrou entre nós como praga insidiosa. Deixo isso de lado, rezando para que desapareça, sem deixar rastro. Nem vale a pena mencionar.

Já o subjuntivo é outra história. Precisamos dele. Talvez seja uma forma elegante, e daí esse ataque, mas elegância não tem nada a ver com elite, especialmente no sentido que lhe damos.

O subjuntivo é a forma linguística que nos abre para o possível, o duvidoso, o que nos faz propriamente humanos, e isso importa. Sem ele, nossa língua se empobrece; perdemos todos.


- - - - - -
Notas:
* Para quem não sabe, aqui está a origem da expressão "o gato subiu no telhado":

"Um casal, de férias, ligou pra casa para saber se estava tudo em ordem, e a empregada respondeu.

- Está tudo bem, mas o gato morreu!

O casal ficou em choque. Adoravam aquela gata, ela estava com eles desde filhotinho. Era a alegria da casa!

Dias depois, já recuperada, a mulher ligou de novo e recomendou à empregada: "Por favor, nunca mais me dê uma notícia triste daquele jeito, sem preparação, sem nada. O Joaquim (marido) quase teve um enfarte"!

"Como é que eu ia fazer?", a empregada perguntou, afrontada, "pois se o gato morreu!!!"

"Você poderia começar dizendo: "A gatinha subiu no telhado. Depois você diria que ela se desequilibrou. Depois, que caiu do telhado e acabou não resistindo à queda", explicou a mulher, com paciência. "Compreendeu como se faz?"

A empregada disse que sim. A mulher avisou que logo estariam de volta e já ia desligar, quando a empregada disse, sem ser perguntada:

" Aqui está tudo bem, sim senhora. Mas sua mãe subiu no telhado."



---------
** Jânio Quadros foi Presidente do Brasil, eleição espetacular, votação maciça, governou uns sete meses, renunciou, veio a ditadura militar, enfim, uma longa história; só olhar a wikipedia).



---------
*** Justificando as notas * e **: Quando se vai ficando mais velha, percebe-se que é necessário explicar nossas referências. Jânio e a piada são desconhecidos da maioria dos jovens.


Marilia Mota Silva
Rio de Janeiro, 21/5/2014


Mais Marilia Mota Silva
Mais Acessadas de Marilia Mota Silva em 2014
01. Proposta Decente? - 20/8/2014
02. Defensores da Amazônia - 19/2/2014
03. O Ouro do Brasil - 17/9/2014
04. O Subjuntivo Subiu no Telhado - 21/5/2014
05. O Mito da Eleição - 16/4/2014


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




COMPREENSÃO GRÁFICA DA DERIVADA DE UMA FUNÇÃO REAL
GISELA MARIA DA FONSECA PINTO
NOVAS EDIÇÕES ACADÊMICAS
R$ 391,00



L'AMOUR DURABLE
BOURBON BUSSET
GALLIMARD
(1973)
R$ 12,00



DESPERTANDO PARA ENERGIAS SUPERIORES
RICHARD MOSS
SICILIANO
(1992)
R$ 16,44



PRATIQUE MÉDICO-CHIRURGICALE - TOME VIII
A. LEMIERRE / H. MONDOR / A. RAVINA / J. PATEL
MASSON
(1953)
R$ 50,00



DEPOIMENTO MARCELLO CAETANO
MARCELLO CAETANO
RECORD
(1974)
R$ 4,00



TIMOR - O NOSSO DEVER FALAR
VÁRIOS AUTORES
APEL
(1999)
R$ 22,11



OS PENSADORES
JOHN LOCKE
ABRIL CULTURAL
(1973)
R$ 35,91
+ frete grátis



O FACEBOOK NA FORMAÇÃO CONTÍNUA DE DOCENTES DO ENSINO BÁSICO
LILIAN DA SILVA MOREIRA
NOVAS EDIÇÕES ACADÊMICAS
R$ 258,00



LIBERDADE AINDA QUE PROFANA
RUDDY
RAZÃO CULTURAL
(1998)
R$ 9,90



DISCURSO SOBRE O MÉTODO
RENÉ DESCARTES
HEMUS
(1978)
R$ 6,00





busca | avançada
39185 visitas/dia
1,1 milhão/mês