O Mito da Eleição | Marilia Mota Silva | Digestivo Cultural

busca | avançada
53050 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS

Quarta-feira, 16/4/2014
O Mito da Eleição
Marilia Mota Silva

+ de 4300 Acessos

"O eleitor não escolhe o que quer; escolhe entre isto e aquilo que lhe dão, o que é diferente".Fernando Pessoa



As colunas do templo estão abaladas. Escoras e remendos não fazem mais efeito. Instituições, valores, nossas crenças mais sagradas revelam suas falhas, gerando frustração e impotência.

O direito de votar, por exemplo, essa conquista pela qual tanto lutamos, condição básica da cidadania, alma da Democracia. Nosso voto vale alguma coisa?

A eleição é um mito que nada tem a ver com a realidade. Ao contrário. O mito da eleição é o de que somos capazes de escolher bons representantes. Não funciona desse jeito, diz Etienne Chouard, economista francês que vem se dedicando ao assunto.

A eleição serve aos oligarcas, aos mais ricos, ou a quem serve os mais ricos.

A eleição permite que eles comprem o poder do mesmo jeito que se compra um carro.

Nosso voto só serve para dar legitimidade ao poder dos mais ricos. E, com isso, nos tornamos impotentes politicamente.

A eleição torna possível e impunes todos os abusos de poder.

Não sei se, na França, os deputados decidem quais os seus salários, aumentos, mordomias, se podem contratar um exército de parentes e amigos, e classificar como secretas operações feitas com o dinheiro público, em seu benefício, como acontece no Brasil. Nosso sistema eleitoral é uma afronta.

Aqui Luciano Pires, do Café Brasil, resume a situação:

Dos 81 Senadores atuais, 16 são suplentes que não receberam um mísero voto. Ninguém votou neles, no entanto estão lá, reinando e custando mais de trinta milhões de reais por ano. Cada um. O Senado já aprovou emenda que reduz os dois suplentes a um e proíbe nomeação de parentes de sangue, mas a suplência continua.


A coisa fica mais feia ainda é na Câmara de Deputados. Apenas 35 dos 513 deputados federais no Congresso Nacional foram eleitos pelo povo. Você leu direito: 35 dos 513. Os outros 478 foram eleitos pelo tal quociente eleitoral, com ajuda de "puxadores" de votos, deputados que recebem votos em massa e carregam alguns colegas de seus partidos. O ativo deputado Jean Wyllys (PSOL), por exemplo, foi eleito com 13.016 votos, puxado pelos 260.671 votos do deputado federal Chico Alencar. Treze mil votos...


Tiririca (PR), o campeão de votos, com 1.353.820, puxou Otoniel Lima (PRB), Protógenes Queirós (PCdoB) e Vanderlei Siraque (PT) que tiveram, cada um, entre 93 e 95 mil votos. Portanto, quem votou no Tiririca botou lá mais três que nem sabe quem são.

Entendeu? 478 Deputados Federais, que custam por ano 6,6 milhões de reais cada um, estão lá não pelos votos que receberam, mas pelos votos que foram dados a outros candidatos.



E ainda há quem culpe o povo brasileiro por não saber votar! Só pode ser má-fé ou ignorância. O sistema foi feito pelos que se beneficiam dele, para manter o povo "em seu lugar", alijado de qualquer decisão, e agradecido se lhe derem qualquer coisa. Daí que se vota em qualquer um: simpático, esquisito, palhaço, não faz diferença. Ou votamos no "menos pior". Ou anulamos o voto, o que também não representa nada. Como não se sentir impotente? Voltando ao Etienne:

A fraude política é nos fazer acreditar que o regime atual é a democracia.

Em uma Democracia de fato, os oligarcas não teriam o poder. Eles não poderiam continuar seus abusos, esse sistema detestável e injusto que eles chamam de democracia. Eles chamam de democracia um sistema que é exatamente seu oposto.

A causa da nossa impotência é que quem escreve a Constituição não deveria escrevê-la porque eles defendem interesses próprios, que são diferentes dos nossos, da maioria, da pessoa comum. Então a solução seria escolher por sorteio uma assembleia constituinte que não seria elegível para as instituições que ela cria.

Nossos representantes deveriam ser designados por sorteio, por um único período. Eles não seriam competentes? E são competentes os que elegemos?


Temos que nos livrar dos parasitas porque eles nos roubam bilhões de dólares o tempo todo, e por isso temos que trabalhar tanto.

Essas são algumas ideias apresentadas por Ettiene Chouard. Vale a pena ver a palestra inteira aqui, (com legendas em português).

Nos Estados Unidos, o clima é o mesmo.

O dinheiro fala mais alto do que nunca na política americana, diz a revista The Economist.

Milhares de lobistas (mais de 20 para cada membro do Congresso) adicionam extensão e complexidade à legislação, a melhor forma de fazer tráfico de influência. Tudo isso cria a impressão de que a democracia americana está à venda e de que os ricos têm mais poder do que os pobres, ainda que lobistas e doadores insistam que as doações para candidatos e partidos são um exercício de liberdade de expressão.

...Um dos perigos hoje, especialmente nas democracias ocidentais, é o constante aumento do Estado. A expansão do governo está reduzindo a liberdade e concedendo cada vez mais poderes a interesses especiais.

E, como nos mostrou o episódio Snowden, o nível de intervenção do Estado em nossas vidas vai muito mais longe do que se supunha. E nada indica que vá retroceder.


Procuram-se novas formas de pensar, de organizar o Estado e fazer política. No Brasil, nos Estados Unidos, na Europa,o assunto está em pauta. Como criar uma verdadeira Democracia e uma sociedade o menos injusta possível é um dos desafios mais urgentes do nosso tempo.


Marilia Mota Silva
Washington, 16/4/2014


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Sobre o preço dos livros 2/2 de Rafael Rodrigues
02. É, não ser vil, que pena de Guga Schultze
03. Flip 2006: um balanço tardio de Julio Daio Borges
04. Segundo, o primeiro de Maria Rita de Rafael Fernandes
05. Ed Motta ao vivo de Fabio Silvestre Cardoso


Mais Marilia Mota Silva
Mais Acessadas de Marilia Mota Silva em 2014
01. Proposta Decente? - 20/8/2014
02. Defensores da Amazônia - 19/2/2014
03. O Ouro do Brasil - 17/9/2014
04. O Subjuntivo Subiu no Telhado - 21/5/2014
05. O Mito da Eleição - 16/4/2014


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




COMPÊNDIO DOS ELEMENTOS DE ECONOMIA POLÍTICA PURA
LEON WALTRAS
ABRIL
(1988)
R$ 9,90



PSICOTERAPIA GRUPO-ANALÍTICA - ABORDAGEM FOULKIANA: TEORIA E TÉCNICA
JORGE PONCIANO RIBEIRO
VOZES
(1981)
R$ 20,00



QUE HORROR ! CHAMARAM - ME SENHORA !, REFLEXÕES, CÁLCULOS E ELUCUB...
SARAH GLATTSTEIN FRANCO
TEMAS DA ACTUALIDADE
(1995)
R$ 14,16



PORTUGUÊS LINGUAGENS 6
WILLIAM CEREJAE THEREZA COCHAR
ATUAL
(2014)
R$ 14,00



EU SOU O LIVREIRO DE CABUL
SHAH MUHAMMAD RAIS
BERTRAND BRASIL
(2007)
R$ 19,90
+ frete grátis



INSÔNIA
ANTONIO SKARMETA
GALERA RECORD
(2008)
R$ 30,00



DANÇANDO NA LUZ
SHIRLEY MACLAINE
RECORD
(1987)
R$ 5,00



AS PROVAS NO CÍVEL
JOÃO CARLOS PESTANA DE A SILVA (CAPA DURA)
FORENSE
(2003)
R$ 89,82



CULTURA E DEMOCRACIA - VOLUME 2
JOSÉ ÁLVARO MOISÉS, GABRIEL PRIOLLI E OUTROS
FUNDO NACIONAL DE CULTURA
(2001)
R$ 15,82



VERDADE TROPICAL
CAETANO VELOSO
COMPANHIA DAS LETRAS
(1997)
R$ 30,00





busca | avançada
53050 visitas/dia
1,8 milhão/mês