Defensores da Amazônia | Marilia Mota Silva | Digestivo Cultural

busca | avançada
31843 visitas/dia
1,0 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Leminski, estações da poesia, por R. G. Lopes
>>> Crônica em sustenido
>>> Do inferno ao céu
>>> Meninos, eu vi o Bolsonaro aterrando
>>> Manual para revisores novatos
>>> A Copa, o Mundo, é das mulheres
Colunistas
Últimos Posts
>>> 100 nomes da edição no Brasil
>>> Eu ganhei tanta coisa perdendo
>>> Toda forma de amor
>>> Harvard: o que não se aprende
>>> Pedro Cardoso em #Provocações
>>> Homenagem a Paulo Francis
>>> Arte, cultura e democracia
>>> Mirage, um livro gratuito
>>> Lançamento de livro
>>> Jornada Escrita por Mulheres
Últimos Posts
>>> João Gilberto: o mito
>>> Alma em flor
>>> A mão & a luva
>>> Pesos & Contra-pesos
>>> Grito primal II
>>> Calcanhar de Aquiles
>>> O encanto literário da poesia
>>> Expressão básica II
>>> Expressão básica
>>> Minha terra, a natureza viva.
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O escritor pode
>>> Uma Receita de Bolo de Mel
>>> Os 60
>>> Tico-Tico de Lucía
>>> Abdominal terceirizado - a fronteira
>>> Cinema é filosofia
>>> Quem é (e o que faz) Julio Daio Borges
>>> Mulher no comando do país! E agora?
>>> YouTube, lá vou eu
>>> YouTube, lá vou eu
Mais Recentes
>>> A Alma do Poeta (Vinicius de Moraes) de Revista Bravo - Janeiro 2009- Ano 11 - nº 137 pela Abril Cultural (2009)
>>> Jardim Botânico de São Paulo de Juan Esteves & Maria Guimarães pela Terceiro Nome (2012)
>>> Música Faz - vol. 1 - A arte musical na prática escolar - Ensino médio de Yara Alves- Larissa Vitorino pela Htc (2011)
>>> Teimosia da imaginação. Dez artistas brasileiros de Maria Lúcia Montes pela Martins Fontes (2012)
>>> Panoramas. A paisagem brasileira no acervo do Instituto Moreira Salles de Carlos Martins pela Ims (2012)
>>> Andanças de Um Cavaleiro e Outras Novelas de Tennesse Williams pela Espressão e Cultura (1970)
>>> Tributação de Bens Digitais: a Disputa Tributária ... de Tathiane Piscitelli/Fernando Rezende pela FGV Direito (2018)
>>> Caiapó Metutire. Os guerreiros pintados de negro. de Paulo Pinagé & Vito D'Alessio pela Dialeto (2004)
>>> Inglês Sem Mistério Para Concursos de Robson Machado pela Fortium (2005)
>>> Carnaval Brasileiro - O Vivido e o Mito de Maria Isaura Pereira de Queiroz pela Brasiliense/ SP (1992)
>>> Treinamento da Argumentação: Persuadir Em Vez de Contrariar... de Tom Werneck e Reinhard Grasse pela Ediouro/ RJ. (1982)
>>> O encanto das aves. The magic of birds de Ricardo Martins pela Fm (2009)
>>> Portoghese Dizionario essenzaiale Portoghese-Italiano - Italiano-Portoghese de Zanichelli pela Zanichelli (1997)
>>> Princípios de Organização Japoneses: Melhor Produtividade ... de Peter Engel pela Ediouro/ RJ. (1982)
>>> O Dom de Voar de Richard Bach pela Record/ RJ.
>>> O Dom de Voar de Richard Bach pela Record/ RJ.
>>> O Dom de Voar de Richard Bach pela Record/ RJ.
>>> Licença de Marca - Aspectos Jurídicos e Econômicos de Um Contrato ... de Thiago Jabur Carneiro pela Juruá (2012)
>>> O Aleijadinho Arquiteto e Outros Ensaios Sobre o Tema/ Inclui CD de André Guilherme Dornelles Dangelo (e outro) pela Ed. da Escola de Arquit. da UFMG./ Belo Hte. (2008)
>>> Concerto Carioca de Antonio Callado pela Nova Fronteira (1985)
>>> Imperialismo / Discutindo a História de Héctor H. Bruit pela Atual/ Sp. (2001)
>>> Imperialismo / Discutindo a História de Héctor H. Bruit pela Atual/ Sp. (1995)
>>> Imperialismo / Discutindo a História de Héctor H. Bruit pela Atual/ Sp. (1995)
>>> Prêmio FCW 2004 de Fotografia Publicitária Fundação Conrado Wessel de Diversos Autores pela Fcw (2005)
>>> A Questão dos Livros - Passado Presente e Futuro de Robert Darton pela Companhia das Letras (2010)
>>> Mar de homens de Roberto Linsker pela Terra Virgem (2005)
>>> Arte de Perto - Volume Único de Maurílio Andrade Rocha e outros pela Leya (2016)
>>> Palco Paulistano. São Paulo Stage de Vânia Toledo pela Imprensa Oficial (2009)
>>> Todo Paciente Tem Uma Historia Para Contar - Mistérios médicos e a arte do diagnóstico de Dra. Lisa Sanders pela Zahar (2010)
>>> Da Ação direta de declaração de Inconstitucionalidade no Direito Brasileiro de Alfredo Buzaid pela Saraiva (1958)
>>> Ações Cominatórias no Direito Brasileiro de Moacyr Amarral Santos pela Max Limonad (1962)
>>> Do Mandado de Segurança e de Outros meios de Defesa Contra atos do poder público de Castro Nunes pela José Aguiar Dias (1967)
>>> Estudos e pareceres de direito processual Civil de Alfredo Buzaid pela Revista dos Tribunais (2002)
>>> Corinthians é preto no branco de Washington Olivetto e Nirlando Beirão pela Dba (2002)
>>> Do Mandado de Segurança Volume 1 de Alfredo Buzaid pela Saraiva (1989)
>>> Estudos de Direito de Alfredo Buzaid pela Saraiva (1972)
>>> Da Ação Renovatória de Alfredo Buzaid pela Saraiva (1981)
>>> Projeção do Corpo Astral de Sylvan J. Muldoon e Hereward Carrington pela Pensamento
>>> Atribuições dos juízes municipaes de Orphãos e Ausentes na Republica de José Tavares Bastos pela Livraria Garnier (1914)
>>> Novo Dicionário de Processo Civil de Eliézer Rosa pela Livraria Freitas Bastos S.A (1986)
>>> O Novo processo Civil Brasileiro de José Carlos Barbosa Moreira pela Forense (2005)
>>> Manual do Advogado de Valdemar P. da Luz pela Sagra (1999)
>>> Teoria e prática do Despacho Saneador de Jônatas Milhomens pela Forense (1952)
>>> Código de processo Civil Anotado de Sálvio de Figueiredo Teixeira pela Saraiva (1993)
>>> Novo processo Civil Brasileiro de José Carlos Barbosa Moreira pela Forense (1998)
>>> A Prova Civil de José Mendonça pela Livraria Jacintho (1940)
>>> A Morte de Rimbaud de Leandro Konder pela Companhia das Letras/SP. (2000)
>>> Prova Civil Legislação Doutrina Jurisprudência de Raphael Cirigliano pela Forense (1939)
>>> Código do Processo Civil e Commercial para Districto Federal de J. Miranda Valverde pela Impresa Nacional (1927)
>>> De Pessoa a Pessoa - Psicoterapia Dialógica de Richard Hycner pela Summus (1995)
COLUNAS

Quarta-feira, 19/2/2014
Defensores da Amazônia
Marilia Mota Silva

+ de 6200 Acessos

A revista National Geographic de janeiro traz na capa o rosto pintado de um menino índio e o título: "Guardiões da Amazônia".

São vinte e seis páginas dedicadas ao assunto. Dezesseis trazem cenas da vida na floresta, belas paisagens, corpos pintados, cocares magníficos, mapa da reserva, canoas de alumínio, índio fazendo compras em supermercado.

Coragem caiapó, diz o título da matéria. "A tribo da Amazônia venceu fazendeiros, garimpeiros e, famosamente, parou a construção de uma represa. Agora, com seu jeito de viver ameaçado, seus líderes precisam lutar de novo".

Chip Brown, jornalista da National Geographic, conta que fez a última etapa da viagem num monomotor Cessna e trouxe tabaco, anzóis e cerca de dez quilos de missangas tchecas de presente para seus anfitriões. Tabaco e pedrinhas de vidro, reafirmando a tradição, embora os caiapós usem celular e computador.

A equipe foi recebida por Barbara Zimmerman, diretora do Fundo de Defesa Ambiental Canadense-Americano, que trabalha com os caiapós há mais de vinte anos.

A reserva dos caiapós é uma das maiores expansões de floresta tropical protegida no mundo. Diz o artigo: "É do tamanho do estado de Kentucky, e nela habitam 9 mil índios, a maioria dos quais não sabe ler ou escrever e ainda segue uma economia de subsistência. Ainda assim, eles adotaram recursos e tecnologia moderna com grande facilidade: tem barcos a motor, computadores, páginas no facebook, armas de fogo, mas 'sem comprometer a essência de sua cultura'".

Graças ao especialista em caiapós, Terence Turner, da Universidade de Cornell, os caiapós usam video-câmeras para registrar seus rituais e cerimônias e suas interações com o governo brasileiro. E como na reserva há painéis de energia solar, antenas de satélite e alguns aparelhos de televisão, os índios assistem a seus próprios rituais e a novelas brasileiras. Difícil imaginar um meio mais eficaz e lastimável de aprender sobre a "cultura brasileira".

Voltando ao artigo: "Os caiapós fizeram acordos com empresas de mineração e madeireiras, dando-lhes concessão para exploração de ouro e mogno em sua reserva, mas se arrependeram, e isso diminuiu bastante".

Chip Brown reflete, a certa altura: "Uma das mais ricas ironias da Amazônia é que os 'civilizados', que passaram cinco séculos evangelizando, explorando e exterminando os aborígenes, agora se voltem para eles, para salvar o ecossistema, reconhecido como critico para a saúde do planeta - para defender áreas essenciais da terra não desenvolvida contra o insaciável apetite do mundo desenvolvido".

De fato, ironia não falta nessa história. Os caiapós são um povo inteligente, saudável, independente, dono de vastíssimo território, e que sempre soube se defender muito bem! Então o que fazem funcionários de governos, ONGs, antropólogos estrangeiros, estabelecidos em suas terras? Estão lá para defendê-los, para proteger o meio-ambiente?

The Lexus and The Olive Tree, livro de Thomas Friedman que fala de globalização, publicado em 2000, dá uma pista (pg. 36). Glenn Prickett, vice-presidente do grupo ambientalista de Conservação Internacional conta de sua visita a aldeia caiapó para inspecionar o progresso da estação de pesquisa biológica que eles mantêm lá:

"Os caiapós defendem um grande pedaço intacto da Amazônia, por séculos, na pura força. Agora eles estão aprendendo a proteger suas terras através de alianças com cientistas internacionais, conservacionistas, e homens de negócios socialmente conscientes. Sua vila tem uma pequena rua principal com uma loja da Conservação Internacional e uma filial da Body Shop, ecoconscientes fabricantes de sabão".

Essa marca vende uma infinidade de produtos, perfumes, cosméticos, uma vasta linha de produtos da Amazônia.

Imaginem a Natura, o Boticário, pesquisadores brasileiros, laboratórios ou universidades brasileiras, instalados em território americano, nos desertos do oeste ricos em urânio, no Grand Canyon, nos pântanos da Flórida. Se nem no setor bancário há reciprocidade! No Brasil, o Citibank, por exemplo, oferece todos os serviços, conta-corrente, poupança, fundos de investimentos, financiamentos. Nos EUA não há agência de banco brasileiro que preste esses serviços; não há nada equivalente.

Continuando com Friedman: "O pessoal do grupo de conservação se reuniu com os líderes da tribo na 'casa dos homens'. Eles notaram que os índios estavam atentos à televisão, mudando de canal a toda hora, entre um jogo de futebol e um canal de negócios que dava a cotação do ouro no mercado mundial. Os caiapós cobravam dos garimpeiros que trabalhavam na reserva de acordo com a cotação internacional. E usavam o lucro para proteger seu estilo de vida no meio da floresta tropical".

Um paradoxo e tanto! Garimpagem, mercúrio, destruição do meio ambiente, televisão, dinheiro, lucro: que estilo de vida é esse que estariam protegendo?

O artigo da National Geographic suscita muitas perguntas, nem uma delas tem resposta fácil.

As reservas dão ao índio o direito de viver como prefere: na floresta e da floresta; para proteger a floresta; fora da sociedade baseada em dinheiro; fora da sociedade de consumo. Ou dentro, desde que mantenham suas tradições? Quais seus compromissos?

Belo Monte: que tipo de desenvolvimento queremos, a que preço, quem paga, quem se beneficia, há alternativas, qual o custo-benefício?

Países mergulhados na produção industrial e no consumismo, usando gás, óleo e carvão como fontes de energia - cabe a eles dizer o que o Brasil pode ou não fazer em termos ambientais?

Tribos estariam se relacionando com nações estrangeiras como se fossem um país? Nossa constituição não permite; só existe uma nação, o Brasil.

Qual a reciprocidade que o Brasil recebe quando permite que pesquisadores de empresas e universidades estrangeiras -sempre implacáveis em questões de patentes e royalties - se estabeleçam em suas reservas, explorando a selva e os conhecimentos dos índios, sob o manto do ambientalismo?

O que me espanta é que uma etnia com esse número relativamente modesto de membros, os caiapós tenham conquistado uma área do tamanho de uma Islândia, enquanto a área do Parque do Xingu, dividida entre uma variedade grande de etnias, é bem menor", disse a escritora Vera Moll, que estuda os índios Guarani, há alguns anos, e está em fase de conclusão de seu livro sobre eles, seu sétimo romance. Estranho também que quem esteja ali para receber o autor da reportagem seja a senhora Barbara Zimmerman, representante de uma entidade canadense-americana.

Considerando que eles sabem de nós mais do que nós mesmos, como as denúncias recentes comprovam, essa campanha toda em defesa da Amazônia gera dúvidas e desconfiança.


Marilia Mota Silva
Washington, 19/2/2014


Quem leu este, também leu esse(s):
01. A vida exemplar de Eric Voegelin de Celso A. Uequed Pitol
02. Ler Oswald Spengler em 2014 de Celso A. Uequed Pitol
03. A grama do vizinho de Adriane Pasa
04. A biografia possível de Marta Barcellos
05. Procure saber: os novos donos da história de Gian Danton


Mais Marilia Mota Silva
Mais Acessadas de Marilia Mota Silva em 2014
01. Proposta Decente? - 20/8/2014
02. Defensores da Amazônia - 19/2/2014
03. O Ouro do Brasil - 17/9/2014
04. O Subjuntivo Subiu no Telhado - 21/5/2014
05. O Mito da Eleição - 16/4/2014


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




PERDIDAMENTE
JÚLIO EMÍLIO BRAZ
FTD
(2000)
R$ 20,00



NÚMERO ESPECIAL COMEMORATIVO DOS 20 ANOS CPGD - Nº 27
SEQUÊNCIA 21 ANOS ESTUDOS JURÍDICOS E POLÍTIC
UFSC
(1993)
R$ 31,82



INTRODUCCION AL BUDISMO
H. SADDHATISSA
ALIANZA EDITORIAL SA
(1982)
R$ 19,28



A EVOLUÇÃO DO ESPORTE OLÍMPICO
SESI-SP
SESI - SP
(2012)
R$ 34,00



A MAQUINA DO AMOR - COLEÇÃO BEST SELLERS
JACQUELINE SUSANN
ABRIL CULTURAL
(1985)
R$ 7,00



THE GO-BETWEEN
L. P. HARTLEY
LONGMAN
(1973)
R$ 9,00



SUPERINTERESSANTE 186 PARANORMALIDADE EXISTE?
VÁRIOS AUTORES
ABRIL
(2003)
R$ 5,90



O CÉU COMEÇA EM VOCÊ
ANSELM GRUN
VOZES
(2002)
R$ 15,00



A NOVA CONTABILIDADE SOCIAL
LEDA MARIA PAULANI, MÁRCIO BOBIK BRAGA
SARAIVA
(2005)
R$ 60,00



INTRODUÇÃO A ECONOMIA DA EDUCAÇÃO
MARK BLAUG
GLOBO
(1975)
R$ 23,90





busca | avançada
31843 visitas/dia
1,0 milhão/mês