SOS: Mar Del Plata Urgente | Rennata Airoldi | Digestivo Cultural

busca | avançada
59122 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Ensaios Perversos traz papo cabeça com drag, performances e festa pra dançar
>>> Chega a São Paulo projeto cultural que vai levar teatro a crianças de seis estados
>>> Clube do Disco - Os Saltimbancos
>>> A EDITORA estreia online dia 29 de outubro, de graça
>>> 'O Engenheiro', ópera de Tim Rescala, estreia em Porto Alegre
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
>>> Errando por Nomadland
>>> É um brinquedo inofensivo...
Colunistas
Últimos Posts
>>> Michael Dell on Play Nice But Win
>>> A história de José Galló
>>> Discoteca Básica por Ricardo Alexandre
>>> Marc Andreessen em 1995
>>> Cris Correa, empreendedores e empreendedorismo
>>> Uma história do Mosaic
>>> Uma história da Chilli Beans
>>> Depeche Mode no Kazagastão
>>> Uma história da Sambatech
>>> Uma história da Petz
Últimos Posts
>>> Mundo Brasil
>>> Anônimos
>>> Eu tu eles
>>> Brasileira muda paisagens de Veneza com exposição
>>> Os inocentes do crepúsculo
>>> Inação
>>> Fuga em concerto
>>> Unindo retalhos
>>> Gente sem direção
>>> Além do ontem
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O vampiro de almas
>>> 7º Cordas na Mantiqueira, em São Francisco Xavier
>>> Entrevista com José Castello
>>> Dirty Dancing - Ritmo Quente
>>> Qual é a alma da cidade?
>>> Don’t be evil
>>> Persistente e indignada
>>> Web-based Finance Application
>>> Fernanda Young (1970-2019)
>>> 20 de Novembro #digestivo10anos
Mais Recentes
>>> Teoria Geral do Processo de Antonio Carlos de Araújo Cintra pela Malheiros (2009)
>>> O Sucesso Não Ocorre por Acaso - Você Pode Mudar Sua Vida de Dr. Lair Ribeiro pela Objetiva (1992)
>>> Ala Dezoito de Wilson Frungilo pela Ide (2014)
>>> A Voz do Mestre de Kahlil Gibran pela Circulo do Livro (1974)
>>> Biologia Educacional de Ary Lex pela Companhia Nacional (1970)
>>> Na era do Espirito de Francisco Candido Xavier pela Geem (2014)
>>> Becky Boom - Delírios de Consumo na 5º Avenida de Sophie Kinsella pela Record (2010)
>>> O Querigma - Anuncio da Palavra no Poder do Espirito de Luiz Santana pela Rccbrasil (2012)
>>> Ribeirão da Ilha Vida e Retratos - Coleção Memoria de Florianópolis 3 de Nereu do Vale Pereira; Francisco do Vale pela Fundação Franklin Cascaes (1991)
>>> Psicoterapia à Luz do Evangelho de Jesus de Alirio de Cerqueira Filho pela Bezerra de Menezes (2010)
>>> Minha Escolha é Viver de Fatima Moura pela Eme (2013)
>>> O Evangelho Segundo o Espiritismo de Allan Kardec pela Lake (1994)
>>> Historia Universal 3 Livros - Volumes 3, 4 e 5 de H. G. Wells pela Companhia Nacional (1968)
>>> Guerreiros - Em Ordem de Batalha de João Luis D. Mendes pela Comunidade Anuncia- Me (2004)
>>> As Sete Leis Espirituais do Sucesso de Deepak Chopra pela Best Seller (1994)
>>> A Mediunidade sem Lágrimas - Col. Espirita de Eliseu Rigonatti pela Pensamento (2012)
>>> Soneto de Fidelidade e Outros Poemas- Col. Clássicos de Ouro + Encarte de Vinicius de Moraes pela Ediouro (1996)
>>> Read All About It! de Richard Musman pela Longman (1971)
>>> Keyguide - Guia Paris de Vários autores pela Publifolha (2011)
>>> Guia Visual Folha de S. Paulo - Nova York de Vários autores pela Publifolha (2012)
>>> Guia Visual Folha de S. Paulo - Londres de Vários autores pela Publifolha (2011)
>>> Guia Visual Folha de S. Paulo - Paris de Vários autores pela Publifolha (2011)
>>> Guia de Conversação Frances para Leigos - Dummies de Dodi-Katrin Schmidt e outros pela Alta Books (2011)
>>> Sob as mãos da misericórdia de André Luiz Ruiz pela Ide (2005)
>>> Hinos do povo de Deus 2 de Vários autores pela Sinodal (2007)
COLUNAS

Quarta-feira, 20/3/2002
SOS: Mar Del Plata Urgente
Rennata Airoldi

+ de 2000 Acessos

INÍCIO DO SONHO

Dias que se transformam em meses de ansiedade e anos de espera. É assim até que se conclua a finalização de um longa metragem que tem como característica a utilização de poucos recursos financeiros. O filme, Cama de Gato, direção e roteiro de Alexandre Stockler, é um bom exemplo disso. A partir de uma nova maneira de encarar a produção cinematográfica, e sobre novas diretrizes e perspectivas, surge o movimento denominado TRAUMA. Cama de Gato é o primeiro filme a ser realizado.

Em 2002, após convites para alguns festivais importantes, surge a real possibilidade da estréia do longa no 17º Festival Internacional de Cine de Mar del Plata, a se realizar entre 7 e 16 de março do mesmo ano. Sendo um dos festivais Classe A do mundo, o filme estaria na mostra competitiva como único representante brasileiro concorrendo ao prêmio argentino. Um dos 17 privilegiados numa seleção entre mais de 600 títulos enviados ao festival. O mais excitante, porém, é que, segundo os próprios organizadores do festival, o filme seria um dos grandes favoritos.

De qualquer forma, nesse meio tempo, entre a seleção do filme e o início do festival, o longa ainda se encontrava em processo de finalização - com o conhecimento da organização do festival, obviamente. O processo de passagem do material feito em digital para a película 35mm é muito lento e, muitas vezes, as falhas acontecem. Foi assim que, três semanas antes do início do Festival, o diretor do filme consultou os organizadores e sugeriu a hipótese de o longa não participar, uma vez que havia chances de não estar pronto a tempo de ser exibido.

Por se tratar de um filme muito radical e polêmico, o festival insistiu na presença do filme, mesmo sabendo uma semana antes que problemas técnicos não permitiriam ao filme estar finalizado em 35mm, mas somente no formato digital.

MUDANÇA DE PLANOS

Uma vez que o filme não estaria pronto em 35mm, propôs-se a exibição no sistema Beta SP, que, até a véspera da exibição, estava confirmada. O filme, ao chegar em Mar del Plata, passaria por um teste de imagem, sendo que ainda faria parte da competição. Dia 13 de março, ao chegar em Mar del Plata, a bomba: O filme está fora da mostra competitiva!!! Silêncio. Revolta. Decepção. Após quase dois anos de espera, não haveria a estréia do filme. Por quê? Porque a direção do festival, representada por Cláudio España, decide consultar um advogado na véspera da exibição e determina a desclassificação do filme.

É lamentável, pois com isso ele esperava que o diretor do longa, Alexandre Stockler, sentisse a necessidade de exibir o filme mesmo fora de competição, o que não ocorreu. Por outro lado, com grandes chances de vitória, o filme não poderia estar em outro formato senão em 35mm. Segundo o diretor, a grande falha do festival foi não ter comunicado a ninguém ligado ao filme, desde o princípio, que não poderia haver outra forma de exibição, determinando a ausência do filme no Festival desde o princípio. Isso seria muito mais coerente e realista. Em vez disso, move-se uma equipe para o evento, que seria comunicada da não-participação somente na chegada. Justo? Correto? Eu diria que não. Mais que isso, diria que tudo não passou de uma grande covardia por parte do diretor do festival, Cláudio España.

A FARSA

É incrível como as pessoas são capazes de se contradizer, dissimular e fazer discursos tão incoerentes em questão de minutos. Assim se portou Claudio España ao ser desmentido e desmascarado por seu próprio assistente, Mauro Andrizzi, cara a cara. Diria que, com o perdão da palavra, o organizador do festival não passa de um grande cafajeste. Pela maneira de porta-se diante de pessoas que só têm um objetivo: executar uma obra de arte!

Embora não saiba, tudo isso serviu ao menos para mostrar a expectativa que se tinha em relação a Cama de Gato no festival, onde foi recebido em clima de "já ganhou". Algumas das pessoas envolvidas no festival que tiveram acesso ao filme não cansavam de afirmar: "era o meu favorito". A espera pela exibição era grande e, para desespero da organização, boa parte dos ingressos estava previamente vendida. Realmente, tudo não passou de um sonho ruim...

O DESFECHO

A grande ironia de tudo o que aconteceu é que, embora o filme jamais tenha sido exibido no festival, era o mais comentado, o mais questionado, o mais esperado. Pessoas em volta queriam conhecer o diretor do filme que nunca foi visto. Chegaram até a pedir autógrafo para Alexandre Stockler! Seria esse o lado positivo dessa história de mau gosto? Sim, pode ser. O que ocorreu, porém, é que declarações de España ao jornal brasileiro Folha de São Paulo sugeriam que Levine, agente internacional do filme, é que havia sugerido toda a trapaça para que o longa permanecesse como competidor de maneira a redimi-lo de qualquer culpa.

Entretanto, o próprio autor da acusação, dias depois, se contradisse novamente no mesmo jornal, dizendo que não havia sido proposta nenhuma trapaça. Refeito seu discurso e desmentido por seu assistente, sai uma nova versão da história no mesmo jornal. Isso descarta, porém, o que foi dito? Talvez sim. A única coisa é que as pessoas de bom caráter não acusam outras de maneira leviana e irresponsável como España fez, mesmo admitindo ser um fã do filme.

De qualquer forma, Cama de Gato tornou-se um ícone do 17º Festival de Cine de Mar del Plata como o filme mais polêmico e famoso não exibido! Quanto ao futuro, não se sabe com certeza; tudo o que envolve esse longa é radical e sempre em extremos, nunca em doses homeopáticas... Muita paixão, muita alma, muita espera, muita expectativa, muita dedicação, muito trabalho e - por que não? -, no futuro, muito sucesso!

Para ir além

www.camadegato.com.br


Rennata Airoldi
São Paulo, 20/3/2002


Quem leu este, também leu esse(s):
01. O caminho rumo ao som e a fúria de Luiz Rebinski Junior
02. Obsessão por livros de Rafael Rodrigues
03. Nanda Rovere por Nanda Rovere de Nanda Rovere
04. Impropriedades políticas de Bruno Garschagen


Mais Rennata Airoldi
Mais Acessadas de Rennata Airoldi em 2002
01. Cartas que mudaram a História! - 10/4/2002
02. Saudosismo - 10/7/2002
03. Do primeiro dia ao dia D - 13/3/2002
04. Enfim: Mário Bortolotto! - 25/9/2002
05. A Nova Hora, A Hora da Estrela! - 6/3/2002


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Gestão De Projetos - Uma Abordagem Global
Ralph Keelling
Saraiva
(2002)
+ frete grátis



Kairós
Marcelo Rossi
Principium
(2013)



Tudo Sobre Cães - Sua História, Seu Treinamento, Cuidados a Tomar
Michael Geary
Círculo do Livro



O Eletronzinho um Conto de Carinho
Dirceu Moreira
Motivo
(1993)



Novo e Moderno Curso de Vendas
Charles B. Roth
Ibrex
(1976)



Por que nós Brasileiros , Dizemos Não à Guerra
Vários
Planeta
(2003)



Jornada de Amor: antologia mediúnica
Júlio Cezar Grandi Ribeiro e Maria de Lourdes Cordeiro Silva por Espíritos Diversos
Federação Espírita do Rio Grande do Sul
(2019)



Tem um Avô no Meu Quintal
Tânia Alexandre Martinelli
Quinteto
(2000)



8 Tipos de Lideres Que Todo Lider Deveria Conhecer
Del Pe
Qualitymark
(2008)



Deixa Que Eu Conto
Ricardo Azevedo; Carlos Drummond de Andrade
Atica
(2003)





busca | avançada
59122 visitas/dia
1,8 milhão/mês