Vamos fazer o português entrar na moda! | Adriana Baggio | Digestivo Cultural

busca | avançada
87666 visitas/dia
2,7 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Nova Exposição no Sesc Santos tem abertura online nessa quinta, 17/06
>>> Arte dentro de casa: museus e eventos culturais com exposições virtuais
>>> “Bella Cenci” Estreia em formato virtual com a atriz Thais Patez
>>> Espetáculo teatral conta a história de menina que sonha em ser astronauta
>>> Exposição virtual 'Linha de voo', de Antônio Augusto Bueno e Bebeto Alves
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Ao pai do meu amigo
>>> Paulo Mendes da Rocha (1929-2021)
>>> 20 contos sobre a pandemia de 2020
>>> Das construções todas do sentir
>>> Entrevista com o impostor Enrique Vila-Matas
>>> As alucinações do milênio: 30 e poucos anos e...
>>> Cosmogonia de uma pintura: Claudio Garcia
>>> Silêncio e grito
>>> Você é rico?
>>> Lisboa obscura
Colunistas
Últimos Posts
>>> Cidade Matarazzo por Raul Juste Lores
>>> Luiz Bonfa no Legião Estrangeira
>>> Sergio Abranches sobre Bolsonaro e a CPI
>>> Fernando Cirne sobre o e-commerce no pós-pandemia
>>> André Barcinski por Gastão Moreira
>>> Massari no Music Thunder Vision
>>> 1984 por Fabio Massari
>>> André Jakurski sobre o pós-pandemia
>>> Carteiros do Condado
>>> Max, Iggor e Gastão
Últimos Posts
>>> A lei natural da vida
>>> Sem voz, sem vez
>>> Entre viver e morrer
>>> Desnudo
>>> Perfume
>>> Maio Cultural recebe “Uma História para Elise”
>>> Ninguém merece estar num Grupo de WhatsApp
>>> Izilda e Zoroastro enfrentam o postinho de saúde
>>> Acentuado
>>> Mãe, na luz dos olhos teus
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Balangandãs de Ná Ozzetti
>>> Hemingway by Ken Burns
>>> A sétima temporada de 24 horas
>>> De olho neles
>>> Saudações cinemusicais
>>> 1998 ― 2008: Dez anos de charges
>>> The Book of Souls
>>> Carta ao pai morto
>>> Rousseau e a Retórica Moderna
>>> A vida mais ou menos
Mais Recentes
>>> Meu dia com Padre Gregório, scj de Padre Gregorio pela N/a
>>> O Primeiro Bilhão de Christopher Reich pela Best Seller (2004)
>>> Poderes do Pensamento de Omraam Mikhaël Aïvanhov pela Prosveta (2018)
>>> Manual do Astrólogo de Landis Knigh Green pela Pensamento (1975)
>>> Noções de Symbologia Esoterica de Circulo Esotérico pela Circulo Esotérico (1941)
>>> Juventude e Revolução de Hermes Zaneti Junior pela Unb (2001)
>>> Dharma de Annie Besant pela Pensamento (2008)
>>> Fome do Cão de Táki Athanássios Cordás pela Maltese (1993)
>>> Mere Christianity de C. S. Lewis pela Harper Usa (2000)
>>> Gandhi Autobiographie ou mês Expériences de Vérité (Francês) de Gadhi pela Puf (2010)
>>> Tábuas de Casa para o Hemisfério Sul de Carlos Alberto Boton pela Pensamento (1993)
>>> Tao Te King de Lao Tsé pela Attar (1988)
>>> Um Caso que Sugere Reencarnação Jacira X Ronaldo de Hernani Guimarães Andrade pela Ibpp (1980)
>>> Um Caso que Sugere Reencarnação Simone X Angela de Hernani Guimarães Andrade pela Ibpp (1979)
>>> Guia Prático de manobras de Eric Tabarly pela Edições marítimas (1983)
>>> Pegadas de Roberto Adami Tranjan pela Gente (2005)
>>> Como Planejar sua Carreira de Varios Autores pela Povo (2003)
>>> Perguntas Bíblicas Extrovertidas de Tio Cornélio pela J&f Artes Gráficas (2004)
>>> Mere Christianity de C. S. Lewis pela Macmillan Pub Co (1984)
>>> Gestão Financeira de Negócios de Aurélio Hess pela Cart-Impress (2005)
>>> Luz Emergente A Jornada de Cura Pessoal de Barbara Ann Brennan pela Cultrix (2003)
>>> Jesus, um Profeta do Islão de Muhammad Áta Ur-rahim pela Al Furqán (1995)
>>> Buda O Mito e a Realidade de Hérodoto Barbeiro pela Madras (2005)
>>> Gandhi O Apóstolo da Não - Violência de Martin Claret pela Martin Claret (1983)
>>> Concentra-te em Ti Mesmo de Miguel Lucas pela Loyola (1987)
COLUNAS >>> Especial Politicamente Incorreto

Terça-feira, 15/5/2001
Vamos fazer o português entrar na moda!
Adriana Baggio

+ de 4000 Acessos
+ 2 Comentário(s)

Acredito que todo mundo concorda com os argumentos do deputado Aldo Rebelo para embasar o projeto de lei que visa punir o uso de estrangeirismos em detrimento da língua portuguesa. Mas a forma como deputado pretende fazer isso é causa da polêmica que envolve a idéia.

Em primeiro lugar, é mais um projeto de lei. O poder legislativo está cheio de projetos de leis muito mais pertinentes no momento, e não consegue votá-los. O poder judiciário não dá conta de todos os processos que têm para julgar, atrasando o benefício da justiça para muita gente. Por mais que a defesa da língua portuguesa seja importante, existem outros projetos para serem votados e outros processos a serem julgados, muito mais urgentes do que o proposto pelo deputado. Isso não quer dizer que novos projetos de lei não devam ser propostos. Quando algum tipo de má conduta pode ser desencorajada pela criação de uma lei, com certeza é pertinente a aprovação desta lei e a colocação em prática de todos os mecanismos que façam com que seja cumprida, e os infratores sejam punidos. Mas não acredito que somente uma lei vá resolver os séculos de "contaminação" da língua portuguesa falada e escrita no Brasil.

Por que os estrangeirismos "pegam" tão fácil no Brasil? Porque significam status, ou melhor, posição social. É um problema muito mais sociológico e antropológico do que legal. No jargão técnico, econômico, comercial, de moda, o domínio de palavras estrangeiras pretende mostrar um conhecimento além daquele que normalmente a pessoa alcança. Serve para diferenciar uma pessoa da outra, e essa é uma busca incessante, que nos consome há muito tempo. A língua é apenas uma das ferramentas utilizadas para satisfazer este anseio. E cá entre nós: é muito mais chique comprar numa "sale" do que numa "queima total", não é?

A mídia, a sociedade, o mercado de trabalho, valorizam as pessoas que sabem se comunicar num dialeto inacessível à maioria, e aí a gente tem mais um tipo de exclusão. O uso de estrangeirismo só vinga porque é incentivado, bem visto, é sinal de personalidade. Esse é primeiro ponto que deve ser combatido para que as pessoas troquem a palavra estrangeira pela original em português, que quer dizer a mesma coisa. Gente, é preciso virar moda falar o português, e falar bem! Quando a situação se inverter e for de bom tom a comunicação na nossa língua mãe, não vai ser preciso nenhum tipo de lei para mudar o comportamento da população.

Por outro lado, não vamos ser xiitas. A miscigenação de línguas é natural, e enriquece os idiomas. Alguns termos técnicos não existem em português, ou já foram assimilados em outra língua. Mesmo os franceses, que são xenófobos até o último pedacinho de croissant, acabam adotando palavras em inglês. Mas eles sempre dão um acento local: "ok", por exemplo, é pronunciado "oqué". A França, além de lutar contra a invasão de palavras estrangeiras, preocupa-se em disseminar o francês pelo mundo. A mistura de valorização com divulgação faz com que o francês mantenha-se firme, com personalidade.

O Brasil deveria começar a valorização da língua através do desenvolvimento da auto-estima de seu povo. É preciso sentir orgulho de falar o português. Para isso, os formadores de opinião devem trabalhar para a utilização preferencial da nossa língua. Os primeiros a entrar na nova onda serão os fashion victims, desculpe, as pessoas vítimas dos modismos. Quando esses aderirem, o resto vai atrás. É que nem moda: da passarela ao camelô é um pulo. Não dá pra esquecer também de fazer com que as pessoas procurem falar e escrever português da maneira correta, o que provavelmente não será fácil.Glorioso vai ser o dia em que as pessoas deixem de entrar numa loja cuja vitrine exibe sofisticadamente as palavras "sale", "discontinued models", etc, porque vão se recusar a serem manipulados e ludibriados em inglês, quando existem várias palavras que podem nos manipular e ludibriar no bom e velho português.


Adriana Baggio
Curitiba, 15/5/2001


Mais Adriana Baggio
Mais Acessadas de Adriana Baggio em 2001
01. À luz de um casamento - 18/10/2001
02. O Segredo do Vovô Coelhão - 15/11/2001
03. Náufrago: nem tanto ao mar, nem tanto à terra - 25/3/2001
04. Marmitex - 1/11/2001
05. Aqui o sol nasce primeiro - 8/11/2001


Mais Especial Politicamente Incorreto
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
10/11/2008
00h01min
Concordo com você, cada vez mais aumenta o número de pessoas que desejam recorrer ao uso do estrangeirismo. Atualmente a influência se dá através da mídia. Desejo fazer um apelo a todos: valorizem a Língua Portuguesa, um idioma tão rico e lindo... Deixemos de assistir televisão para "devorar" um livro!!! É muito mais interessante: faz você usar o cérebro em vez de receber as informações mastigadas sem que haja a possibilidade de tirar suas próprias conclusões.
[Leia outros Comentários de Cleberton]
10/11/2008
09h48min
A qual 'língua portuguesa' se refere a nossa colunista? Pode haver uma 'língua lusitana', mas essa foi falada só nos primeiros dias após o descobrimento... e essa nem os próprios lusos conhecem mais. De 1501 em diante, os habitantes da Terra de Santa Cruz, Vera Cruz, e depois do Pau Vermelho, falaram mesmo foi o Tupi, o Guarany, o Tupinambá e o Botucudo. Misturam tudo e deu no que deu, uma língua, digamos, abrasileirada. E graças ao Criador assim ocorreu, porque ficamos plenos em novo conhecimento linguístico, evoluimos nas palavras e aumentamos nossas frases... E graças aos franceses, aos holandenses, aos negros africanos, os escravos da vez, a nossa lingua brasileira aumentou em qualidade, em sons e variedades. Deus nos livre se continuássemos somente com a modesta língua lusa... já pensou se hoje disséssemos: "Maria,onde está o puto que estava acá na bicha?" E só queríamos perguntar: "Maria, onde o menino que estava aqui na fila?" Que coisa parva, ó pá!
[Leia outros Comentários de I. Boris vinha]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Mediadas Provisórias
Leon Frejda Szklarowsky
Rt
(1991)



Moçambique Com os Mirage Sul Africanos a 4 Minutos
Licínio Azevedo
Global
(1980)



Entre La Guerre et La Paix: 1944-1949
Roger Céré
Presses Universitaires França
(1949)



Budismo
Dalai Lama
Universo dos Livros
(2005)



Coaching de carreira
Jaques Grinberg, Maurício Sita
Literare Books International
(2019)



A Mãe Judia, o Gênio Cibernético e Outras Histórias
Paulo Wainberg
Age
(2001)



De Pneuzinho a Tanquinho
C. W. Randolph e Genie James
Best Seller
(2011)



Como Não Ser Enganado Nas Eleições
Gilberto Dimenstein
Atica
(1994)



Manifesto do Nada na Terra do Nunca
Lobão
Nova Fronteira
(2013)



Em Defesa do Marxismo
Julio Magri
Outubro
(1992)





busca | avançada
87666 visitas/dia
2,7 milhões/mês