Meu reino por uma webcam | Ana Elisa Ribeiro | Digestivo Cultural

busca | avançada
74137 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS

Sexta-feira, 19/6/2020
Meu reino por uma webcam
Ana Elisa Ribeiro

+ de 900 Acessos

De janeiro a maio de 2020, o Google Trends registrou uma movimentação importante nas vendas de certos itens pelo consumidor brasileiro. Por exemplo: a venda de cadeiras de escritório disparou. Eu mesma conheço pessoas que andaram fazendo esse tipo de pesquisa pelas redes sociais, a fim de melhorar um item que se pode ter meio precário em casa, fora dos tempos de pandemia. Não é meu caso porque quase moro na minha cadeira, e esse é um item caro... e na verdade a gente investe em saúde e na coluna, não apenas na cadeira.

Segundo a matéria do Nexo, todos os itens que têm relação com o computador tiveram aumento nas vendas. Eu mesma engordei essa estatística. Meio inocentemente, quando percebi que fazer live pelo celular seria sofrido, tratei de encomendar uma webcam. Não foi fácil. Acho que ninguém pensava mais nisso. A experiência recente me levou a crer que a webcam não apenas passou por um aumento de vendas, como também por uma espécie de ressurreição. Liguei para três lojas de informática diferentes antes de partir para o e-commerce. Quis prestigiar o comércio do bairro, depois o da cidade e tive de apelar para a boa e velha Americanas.

Antes disso, liguei numa lojinha e a atendente riu de mim. Acho que me imaginou uma senhora do século passado ou retrasado, quando perguntei por webcam. Ela, jovenzinha, pensou depois que fosse trote e disse: "agora, sério: o que a senhora deseja?". Era mesmo uma webcam. Na outra loja, também antes por telefone, quase tive de explicar à recepcionista o que era a câmera que a gente acopla ao computador de mesa. Talvez ela nem conhecesse um computador de mesa. E fui vendo que o buraco era mais embaixo. Desisti antes que ela risse de mim, mesmo estando errada. Imagino que, hoje em dia, a mocinha esteja faturando justamente com webcams. Bom, em todo caso, expliquei pacientemente que era um tipo de câmera diferente de Go-Pro e dessas que vigiam as casas das pessoas. Fiquei sem meu artigo de informática.

Entre uma ligação e outra, resolvi procurar nos meus guardados e mexer nas caixas de plástico cheias de CDs de instalação e pendrives de baixa capacidade. Encontrei duas câmeras antigas, em bom estado. Achei inclusive seus CDs de instalação, mas não encontrei um drive que o lesse, num raio de 2 km. De que adianta o software sem o hardware? Tentei na internet, aquela que tudo tem e tudo mostra. Nada. Nem no fabricante encontrei um drivezinho para baixar. Houve um tempo em que não existia periférico plug and play, imagina? Então desisti da minha antiga câmera de mesa. Voltei aos telefonemas, já meio desanimada.

Lá pelas tantas, digitei o endereço da lojona, market place, e tasquei lá na busca: webcam pc. Achei várias. De preços muito variados também. Coisa profissional e coisa amadora. Fui nas últimas. Coisa de oitenta reais, uma semaninha de espera, frete barato e eu teria minha câmera, para fazer lives sentada em minha confortável cadeira, comprada uns meses atrás. Paguei e fui dormir, tentando não ficar ansiosa. No dia seguinte, sem exagero, toca a campainha. Era já minha webcam, prontinha para o uso. Espetei o USB no computador, dei dois ou três OK nuns botões que surgiram e pronto: apareci despenteada, mas sorridente, bem diante de mim. Garanti a sobrevida durante a pandemia.

Será que posso me considerar uma visionária? Espécie de mãe Diná da informática? O fato é que a vida foi ficando cada vez mais on-line, mais confinada, e minha câmera passou a valer uma pequena fortuna. Minha irmã, faz pouco, precisou comprar webcams para a empresa onde trabalha e teve enorme dificuldade. A mesma câmera que comprei por oitenta mangos custa, agora, mais de trezentos. As poucas horas que esperei para ter meu item em minha casa se transformaram em 30 a 45 dias úteis! Nada mais é como antes. E a lista dos periféricos muito cobiçados e até ressuscitados só cresceu. Segundo a matéria do Nexo, mouse, roteador e teclado estão nas cabeças!

Outro tipo de item cujo consumo decolou foram os pijamas. Não precisei de nenhum porque tenho apreço por eles ao longo do ano, mas durante a pandemia eles viraram elemento da cesta básica, parece. E não adianta ter rendinha e botão. Acho que o conforto se tornou critério eliminatório. Mas isso já é inferência minha.

Itens de limpar a casa, máquinas que fazem café e comida, equipamentos de esquentar alimentos, tudo isso subiu no conceito de todo mundo. E o preço subiu além do conceito. Fretes e esperas lá nas alturas também. É claro que parte disso responde pela escassez; outra parte deve ser desonestidade, deslealdade e oportunismo mesmo. Convenhamos: que sacanagem.

Jogos de todo jeito também se tornaram queridinhos. Mesmo jogos analógicos, como o quebra-cabeça. Não é interessante? Passar o tempo quebrando a cabeça sempre foi legal; agora virou necessidade básica. Uma cabeça, aliás, que tem passado longe do cabeleireiro, o que levou à escalada da procura por máquinas de corte, até para quem tem escassez nessa região do corpo.

Minha experiência com as máscaras, EPI gambiarral que hoje sustenta famílias inteiras, também foi interessante. Comecei comprando descartáveis, já por uma fortuna; acabei comprando de pano, por cerca de quinze reais a peça; hoje compro em qualquer padaria, a cinco reais, de boa qualidade. O item se tornou parte do guarda-roupa, combinação com as raras peças de sair à rua.

Tenho gostado de observar o tal comportamento do consumidor, em especial quando está tudo de pernas pro ar, as pessoas não têm se deslocado normalmente e o que parecia item esquecido se tornou objeto de desejo e necessidade. Ponto para a webcam. E anotem aí: eu, a ás das lives, ainda voltarei ao telefone para responder à risadinha daquela atendente a quem expliquei o que era webcam. Me aguarde, miga!


Ana Elisa Ribeiro
Belo Horizonte, 19/6/2020


Mais Ana Elisa Ribeiro
Mais Acessadas de Ana Elisa Ribeiro em 2020
01. Ler, investir, gestar - 17/1/2020
02. Relatório de compra - 7/2/2020
03. Ficção e previsões para um futuro qualquer - 22/5/2020
04. 4 filmes sobre publicar livros - 17/4/2020
05. Meu reino por uma webcam - 19/6/2020


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




MEIA OITO) - 68
FLÁVIO BRAGA
RECORD
(2008)
R$ 9,50



O SERVIDOR PÚBLICO NA CONSTITUIÇÃO DE 1988
IVAN BARBOSA RIGOLIN
SARAIVA
(1989)
R$ 12,00



O MUNDO FUTURO VISTO PELOS PROFETAS - 1944
HENRI LICHTNER
PANAMERICANA
(1944)
R$ 25,00



CORAÇÃO E ALMA
MAEVE BINCHY
BERTRAND BRASIL
(2012)
R$ 26,00



AS COISAS BOAS DA VIDA
RUBEM BRAGA
RECORD
(1989)
R$ 21,00



SUPERINTERESSANTE 221 QUANDO A VIDA TERMINA?
VÁRIOS AUTORES
ABRIL
(2005)
R$ 5,90



O PORTO DAS BRUMAS
GEORGES SIMENON
NOVA FRONTEIRA
(1980)
R$ 8,94



NOS DIAS DE HOJE. GEOGRAFIA. 9º ANO
ROSALY MARIA BRAGA CHIANCA
LEYA
(2015)
R$ 14,90



MATADOR DE DRAGÕES - A HISTÓRIA E A FILOSOFIA DE VIDA DO CAMPEÃO OLÍMPICO JOAQUIM CRUZ
RAFAEL DE MARCO
MULTIESPORTES
(2015)
R$ 50,00



MANDADO DE INJUNÇÃO
IRINEU STRENGER
FORENSE UNIVERSITÁRIA
(1988)
R$ 15,00





busca | avançada
74137 visitas/dia
1,8 milhão/mês