Audrey | Guga Schultze

busca | avançada
62220 visitas/dia
1,6 milhão/mês
Mais Recentes
>>> FESTIVAL DE ORQUESTRAS JUVENIS
>>> XIII Festival de Cinema da Fronteira divulga Programação
>>> Centro em Concerto: ¡Navidad Nuestra!
>>> Edital Retomada Cultural apresenta Conexão Brasil-Portugal: podcast produzido pelo Coletivo Corpos p
>>> CANTORA E ATRIZ SANDRA PÊRA NO SESC BELENZINHO
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Home sweet... O retorno, de Dulce Maria Cardoso
>>> Menos que um, novo romance de Patrícia Melo
>>> Gal Costa (1945-2022)
>>> O segredo para não brigar por política
>>> Endereços antigos, enganos atuais
>>> Rodolfo Felipe Neder (1935-2022)
>>> A pior crônica do mundo
>>> O que lembro, tenho (Grande sertão: veredas)
>>> Neste Momento, poesia de André Dick
>>> Jô Soares (1938-2022)
Colunistas
Últimos Posts
>>> Lula de óculos ou Lula sem óculos?
>>> Uma história do Elo7
>>> Um convite a Xavier Zubiri
>>> Agnaldo Farias sobre Millôr Fernandes
>>> Marcelo Tripoli no TalksbyLeo
>>> Ivan Sant'Anna, o irmão de Sérgio Sant'Anna
>>> A Pathétique de Beethoven por Daniel Barenboim
>>> A história de Roberto Lee e da Avenue
>>> Canções Cruas, por Jacque Falcheti
>>> Running Up That Hill de Kate Bush por SingitLive
Últimos Posts
>>> Nosotros
>>> Berço de lembranças
>>> Não sou eterno, meus atos são
>>> Meu orgulho, brava gente
>>> Sem chance
>>> Imcomparável
>>> Saudade indomável
>>> Às avessas
>>> Amigo do tempo
>>> Desapega, só um pouquinho.
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Frases de Drummond
>>> Luciano do Valle (1947-2014)
>>> 28 de Junho #digestivo10anos
>>> 19 de Julho #digestivo10anos
>>> Citizen Kane
>>> Gal Costa (1945-2022)
>>> Vida conjugal
>>> Querem acabar com as livrarias
>>> Cisne Negro
>>> Avassalador
Mais Recentes
>>> Cantos do Rio de Roberto Acízelo de Souza (org) pela Ponteio (2019)
>>> Joana d'Arc: Jovem, Líder, Bruxa, Santa - A Surpreendente História da Heroína que Comandou o Exército Francês de Helen Castor pela Gutenberg (2018)
>>> Brunner & Suddarth Tratado de Enfermagem Médico-Cirúrgica Nº 4 de Suzanne C. Smeltzer e Brenda G. Bare pela Guanabara (1996)
>>> Exclusão Social e Questões de Gênero de Valdir Pretto pela Educs (2015)
>>> Corpos secos: um romance de Luisa Geisler/ Marcelo Ferroni e outros pela Alfaguara (2020)
>>> Triste fim de Policarpo Quaresma de Lima Barreto pela Ftd (2013)
>>> Investimento privado e desenvolvimento : balanço e desafios de Marta Porto (org.) pela Senac Rio (2005)
>>> Sherlock Holmes o Vale do Terror de Arthur Conan Doyle pela Martin Claret (2018)
>>> ABC da Palavra Fácil 346 de Sharon Bower pela Círculo do Livro
>>> O Colapso do Universo 346 de Isaac Asimov pela Círculo do Livro
>>> Crime, Drogas e Políticas de Paulo Cesar Pontes Fraga pela Editus (2010)
>>> 2666 de Roberto Bolaño pela Companhia Das Letras (2010)
>>> Livro - O Livro de Kristine Oconnell George pela Paulinas (2007)
>>> Genocídio Americano: A Guerra do Paraguai 346 de Julio José Chiavenatto pela Círculo do Livro
>>> Teresa de Ávila de Marcelle Auclair pela Quadrante (1995)
>>> Livro - Juca Brasileiro e o Hino Nacional de Patricia Angel Secco pela Fund. Educar Dpaschoal
>>> Fernão Capelo Gaivota 346 de Richard Bach pela Círculo do Livro
>>> Livro - Aprendendo com os Animais: Campeão Tem Dor de Dentes de Vani Mehra pela Edic (2013)
>>> O Livro Tibetano dos Mortos de W. Y. Evans Wentz pela Pensamento (1993)
>>> Quincas Borba de Machado de Assis pela Ftd (2011)
>>> Livro - Mundo de Coisas de Marcelo Xavier pela Formato (2009)
>>> O Holograma Humano: O Paradigma Holográfico e suas Aplicações na Medicina, na Psicologia e na Vida Diária de Dr. Robin Kelly pela Cultrix (2015)
>>> Livro - A Organização do Trabalho no Século 20 de Geraldo Augusto Pinto pela Expressão Popular (2010)
>>> O Naufrágio do Titanic de Hans Magnus e Enzens Berger pela Companhia das Letras (2000)
>>> Livro - O Menino Que Espiava pra Dentro de Ana Maria Machado; Alê Abreu pela Global (2008)
COMENTÁRIOS

Segunda-feira, 30/4/2007
Comentários
Leitores


Audrey
O problema com a Audrey Hepburn, no filme, é que fica facílimo tirar a moça das ruas e colocá-la nos salões da aristocracia. Tem pouca gente, no universo inteiro, que seja tão naturalmente refinada. No Brasil um negócio desses é quase impensável. Beleza de texto, Mineo.

[Sobre "My fair opinion"]

por Guga Schultze
30/4/2007 às
11h16 201.80.159.10
(+) Guga Schultze no Digestivo...
 
Uma princesa menina
Concordo com Ram, acredito que não havia nenhuma intenção de realizar um filme com veracidade histórica. A Maria Antonietta de Sofia é antes de tudo a história de uma menina que tem seu destino traçado por outras pessoas. E também não acho que há uma tentativa de atualização, a trilha é pontuada por rock alternativo e também não há uma tentativa de mostrar uma redenção da menina adolescente, mas apenas mostrar que, perdida em meio a uma vida, chega um determinado momento em que ela percebe que a revolução é mais uma etapa, mais uma vez outros fazem sua vida, e ela segue o ritmo de alguma forma, às vezes se jogando na superficilidade, às vezes defendendo seu lugar ao lado do marido.

[Sobre "Retrato edulcorado de uma rainha"]

por Bia Cardoso
http://noticiasdomundo.zip.net
30/4/2007 às
09h40 201.14.100.170
(+) Bia Cardoso no Digestivo...
 
Boa para a Vogue
Faltou a planta da cidade e os comprovantes do IPTU...

[Sobre "De cima da goiabeira"]

por Clarice
30/4/2007 às
09h07 189.12.22.34
(+) Clarice no Digestivo...
 
A mão invisível
Interessante o paralelo com a "mão invisível" de Adam Smith. Bastante adequado. A ideologia liberal é bem sedutora, mas não deixa de ter seus problemas, como você esboçou no texto.

[Sobre "Os enciclopedistas franceses rolam nos túmulos"]

por Bernardo Tonasse
http://firulasdofulano.blogspot.com
28/4/2007 às
22h11 192.168.133.52
(+) Bernardo Tonasse no Digestivo...
 
Um grande amor e sua perda
Marcelo, quando comecei a ler o seu texto fui relembrando tudo que vivi por um grande amor que até hoje me faz sofrer. E vejo que sou tão sofrida quanto você. Vivi um amor enloquecedor que me fez perder a cabeça, joguei tudo pelos ares e, quando estava completamente apaixonada, ele se foi e nem olhou para trás. Hoje estou aqui só, ficaram apenas as lembranças... Vivemos um amor que hoje vejo que não existe. Hoje tenho muita saudade e uma grande dor no peito e confesso que sinto muito por você, pois sei o quanto é triste perder quem tanto amamos, e o pior é perder para outra pessoa. Um abraço e lembre-se que pior seria não ter nem as lembranças...

[Sobre "Receita para se esquecer um grande amor"]

por Maria J.Da S.Telea
28/4/2007 às
22h06 200.233.228.4
(+) Maria J.Da S.Telea no Digestivo...
 
Wiki e outras pedidas
As minhas consultas 'a wikipedia tem sido muito legais, especialmente quando o assunto e' algo recente. A wiki em portugues e' um mundo 'a parte... Mas fora a Wiki, existem outras enciclopedias gratis eletronicas, como a MathWorld baseada inicialmente nos catalogos de Weisstein. Quanto aos trabalhos escolares, o problema nao' esta nos alunos e, sim, nos professores que indicam trabalhos sem valor algum para o aprendizado. Enquanto os professores continuarem sem imaginacao, as criancas encontrarao algo melhor para fazer...

[Sobre "Os enciclopedistas franceses rolam nos túmulos"]

por Ram
28/4/2007 às
15h35 71.202.209.152
(+) Ram no Digestivo...
 
onde nasce a violência?
Talvez a pergunta seja onde nasce a violência? Senão toda a platéia de filmes que, digamos, faça "apologia" à violência seria transformada em serial killers; aí seria uma simplificação. Questionemos então o que seria violência utilizando referências cinematográficas: A escolha de Sofia? O bravo dirigido por Johnny Deep? Quem sabe O resgate do soldado Ryan, do Spilberg? A violência nas telas têm em muito servido de alegoria para que algumas culturas discutam a segmentação e a necessidade de controle sobre a própria vida. O cinema oriental esta por assim dizer saturado de temas ligados à violência e em geral isto não significa que estejam se tornando mais violentos que no seu passado. A violência no cinema, em Scorcese e outros diretores, se vale de alegoria. A escolha de Sofia busca fragilizar o espectador ao desmontar salvaguardas emocionais fundadas na empatia com a personagem para então conduzi-lo à catarse. Cinema não propaga violência mas, como vimos, permite registrar e discutir...

[Sobre "Violência, violência"]

por Carlos E. F. Oliveir
28/4/2007 às
07h43 201.65.37.4
(+) Carlos E. F. Oliveir no Digestivo...
 
A Wiki e a aceitação passiva
Não acredito que pessoas informadas validem inquestionavelmente quaisquer informações, a própria busca já traz em si um desejo elucidativo. Absorver determinados conceitos ou conhecimentos, geralmente ocorre do cruzamento de fontes e complementação ou ratificação de mais de um formulador. A aceitação passiva de uma única fonte é uma quase negligência que está aquém do desejo de esclarecer. Quanto aos analfabetos funcionais, o IBGE serve-se de dados e números, esta é a sua razão, enquanto o senso comum se abriga unicamente no preconceito. Temos analfabetos funcionais, em um número muito maior, com diplomas de terceiro grau, dirigindo importantes negócios ou até acreditando que fazem parte de uma elite cultural. Crianças acreditam em fábulas que é também matéria cognitiva; carentes trocam mentiras por atenção; excluídos trocam qualquer coisa por mais um minuto de vida; cada qual acredita no que quiser à medida que seja possível situar seu desejo na realidade. O mundo não é mau e nem somos ingênuos...

[Sobre "Wikipedia: prós e contras"]

por Carlos E. F. Oliveir
27/4/2007 às
22h40 201.65.37.4
(+) Carlos E. F. Oliveir no Digestivo...
 
fiquei arrepiada com o texto
Sem dúvida, o show do Aerosmith valeu muito a pena. Esperei por muito tempo para viver duas horas de muita felicidade. Até hoje não acredito que vivi e senti tudo aquilo. Foi uma explosão de alegria que só quem é fã de puro e bom rock pode sentir. Posso dizer também, conforme mencionado nos comentários deste texto, que prometi a mim mesma que irei ao show do Aerosmith em algum lugar do mundo. Aeros é a minha banda...

[Sobre "Aerosmith no Morumbi"]

por Fernanda
27/4/2007 às
20h47 200.216.152.19
(+) Fernanda no Digestivo...
 
bom de mais da conta!
Cara amiga... você é ótima! Parabéns! Que Deus (feminino ou masculino - whatever) te abençoe sempre e amém! bjm, Tania

[Sobre "Uomini di poca fede!"]

por Tania
27/4/2007 às
19h28 150.164.231.159
(+) Tania no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Citologia e Histologia Em Pratica
Danielle de Moura Cordeiro
Universa
(2002)



David Copperfield (vol. 16)
Editora Folha de S. Paulo
Folha de Spaulo
(2016)



Vínculos
Doris Mortman
Best Seller
(1984)



O Santo Graal e a Linhagem Sagrada
Michael Baigent
nova fronteira
(1993)



A voz da fé - O segredo para uma vida bem-sucedida
Bispo Macedo
unipro
(2009)



Os Dois Lados da Historia
Laura Spindola
Cop
(2011)



1822
Laurentino Gomes
Nova Fronteira
(2010)



De Olho na Saúde
Heloisa Bernardes
HLB
(2005)



Sinais de Esperança
Alejandro Bullon
Casa Publicadora Brasileira
(2008)



Foucault, Simplesmente: Textos Reunidos
Salma Tannus Muchail
loyola
(2004)





busca | avançada
62220 visitas/dia
1,6 milhão/mês