Esquecer e enterrar! | regina mas

busca | avançada
70300 visitas/dia
2,6 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Samir Yazbek e Marici Salomão estão à frente do ciclo on-line “Pensando a dramaturgia hoje”
>>> Chá das Cinco com Literatura recebe Luís Fernando Amâncio
>>> Shopping Granja Vianna de portas abertas
>>> Teatro do Incêndio lança Ave, Bixiga! com chamamento público para grupos artistas e crianças
>>> Amantes do vinho celebram o Dia Mundial do Malbec
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Poética e política no Pântano de Dolhnikoff
>>> A situação atual da poesia e seu possível futuro
>>> Um antigo romance de inverno
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> Assim como o desejo se acende com uma qualquer mão
>>> Faça você mesmo: a história de um livro
>>> Da fatalidade do desejo
>>> Cuba e O Direito de Amar (3)
>>> Isto é para quando você vier
>>> 2021, o ano da inveja
Colunistas
Últimos Posts
>>> Hemingway by Ken Burns
>>> Cultura ou culturas brasileiras?
>>> DevOps e o método ágil, por Pedro Doria
>>> Spectreman
>>> Contardo Calligaris e Pedro Herz
>>> Keith Haring em São Paulo
>>> Kevin Rose by Jason Calacanis
>>> Queen na pandemia
>>> Introducing Baden Powell and His Guitar
>>> Elon Musk no Clubhouse
Últimos Posts
>>> Patrulheiros Campinas recebem a Geração#
>>> Curtíssimas: mostra virtual estreia sexta, 16.
>>> Estreia: Geração# terá sessões virtuais gratuitas
>>> Gota d'agua
>>> Forças idênticas para sentidos opostos
>>> Entristecer
>>> Na pele: relação Brasil e Portugal é tema de obra
>>> Single de Natasha Sahar retrata vida de jovem gay
>>> A melancolia dos dias (uma vida sem cinema)
>>> O zunido
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Asia de volta ao mapa
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> La Guerra del Fin del Mundo
>>> Parangolé: anti-obra de Hélio Oiticica
>>> Alfredo Bosi e a dignidade da crítica
>>> Pi, o [fi]lme, e o infinito no alfa
>>> Sábia, rubra, gorda (e gentil)
>>> Sol sem luz
>>> Letícia Sabatella #EuMaior
>>> Réquiem reloaded
Mais Recentes
>>> Quase Tudo Em Cinco Envelopes de Lucio Pessoa pela Giostri (2016)
>>> O Romance da Besta Fubana de Luiz Berto pela Bagaço (1995)
>>> Odisséia- Adap. Roberto Lacerda de Homero pela Scipione (1997)
>>> Perdidos na Lua de André Laurie pela Nacional (1984)
>>> Onde Fica o Ateneu? - Com Suplemento de Luiz Gê; Ivan Jaf pela Atica (2008)
>>> Faz de Conta de Mirna Pinsky pela Moderna (1984)
>>> Ioga e Meditação de Swami Tilak pela Didatica e Cientifica Ltda (1991)
>>> Madman Vol. 1 de Mike Allred pela Dark Horse Comics (2006)
>>> O Estudante de Adelaide Carraro pela Global (1987)
>>> Seleções Março de 1975 de Vários pela Readers Digest (1975)
>>> Gotham City Contra o Crime - Vol. II de Greg Rucka pela Panini (2005)
>>> Shocking Pink de Erica Spindler pela Mira Books (1998)
>>> Seleções -março de 1973 de Varios pela Readers Digest (1973)
>>> E Agora? de Odettte de Barros Mott pela Brasiliense (1978)
>>> Texhistórica Nº41 de Da Editora pela Globo (2000)
>>> Todas as Coisas sem Nome de Walther Moreira Santos pela Cepe (2017)
>>> A Dama das Camélias de Alexandre Dumas pela America do Sul (1988)
>>> A Testemunha Ocular do Crime de Agatha Christie pela Circulo do Livro
>>> Um Passe de Magica de Agatha Christie pela Record
>>> Assassinato no Campo de Golfe de Agatha Christie pela Adameri (1974)
>>> O Caso dos Dez Negrinhos de Agatha Christie pela Abril Cultural (1981)
>>> Por Que Ele Não Ligou? de Matt Titus - Tamsen Fadal pela Sem Fronteiras (2021)
>>> Granite man de Elizabeth Lowell pela Mira Books (1991)
>>> Cipreste Triste de Agatha Christie pela Nova Fronteira (1975)
>>> Mistério no Caribe de Agatha Christie pela Nova Cultural (1987)
COMENTÁRIOS

Terça-feira, 29/7/2008
Comentários
Leitores


Esquecer e enterrar!
Delícia de ler essa receita! Você escreve bem, é engraçada, espontânea e sábia! Parabéns!

[Sobre "Como esquecer um grande amor"]

por regina mas
29/7/2008 às
15h30 201.37.224.155
(+) regina mas no Digestivo...
 
Vive la difference!
Bastante interessante sua reflexão sobre as complexas mudanças que vêm ocorrendo nos relacionamentos afetivos entre homens e mulheres. Através da minha própria experiência, já que presenciei essa transição, observo que a partir da explosão do "feminismo", as mulheres, em geral, sentiram-se quase na obrigação de acompanhar o ritmo e os modismos da nova era. Ser "apenas" dona de casa ou do lar, tornou-se meio humilhante. É como se a nobre tarefa de cuidar do lar e dos filhos fosse algo menor... E a mulher, querendo ou não, tendo ou não vocação, lança-se no mercado de trabalho em busca de auto-afirmação. Se o homem não se adaptou bem aos novos tempos, acredito que as mulheres também tentam encontrar o ponto de equilíbrio que, de certa forma, perderam. Com todo o respeito que merece a luta da mulher por seu espaço no mundo, penso que é de suma importância lembrar que homens são diferentes de mulheres, não só fisicamente, mas emocionalmente também. E "vive la difference!"

[Sobre "Amor e relacionamentos em tempos de transição"]

por regina mas
29/7/2008 às
15h11 201.37.224.155
(+) regina mas no Digestivo...
 
de acordo com os 6 passos
Muito, muito bom! Eu estava aqui prestes a curtir minha milionésima quinta dor de cotovelo do ano e desisti depois de ler seu artigo! ehhehe Fiquei morrendo de preguiça... Estou totalmente de acordo com os 6 passos ;)

[Sobre "Como esquecer um grande amor"]

por Mila Neri
29/7/2008 às
13h29 201.73.91.177
(+) Mila Neri no Digestivo...
 
Mulheres gostam é de sofrer
É uma biboca, Pilar, este negócio de amor. Eu despachava a mulherada com naturalidade e com sentimento de dever cumprido. Se ñ queria +, por que ficar com elas? Um dia, um amigo me disse q eu fazia as mulheres sofrerem. Resolvi ficar + tempo com um exemplar deste curioso gênero p/ ver no q dava. Bastou falar a frase "eu te amo" e a garota veio displicente abotoar a gola de meu colarinho, dizendo "eu também te amo,seu bobo", seguido de 1 beijinho rápido, sincero como aquele beijo no Jardim das Oliveiras. Nunca + vi brilho nenhum nos olhos dela, antes de mandá-la passear. Ora, por q as mulheres me reprovam se democratizo os afetos? Por q reclamam se meu coração clama por um amor universal? Todos afirmam o mesmo: basta um dos amantes se apaixonar, p/ o outro menosprezar, se não anular o companheiro. Porcapipa, toda hora vemos as mulheres suspirando por 1 amor ñ correspondido. Quase nada por 1 correspondido. Que concluímos nós, homens: elas gostam de sofrer. E quem sou eu p/ negar a elas este inigualável prazer?

[Sobre "Como esquecer um grande amor"]

por mauro judice
http://www.gizeditorial.com.br/maurojudice
28/7/2008 às
17h45 200.100.72.70
(+) mauro judice no Digestivo...
 
Pantanal e Guimarães Rosa
É isso, Taís; e é isso, Fernando. Pantanal é quase um livro. Guimarães Rosa gostaria de vê-la... E em vez do bobo Benedito ficar brigando na Justiça, deveria escrevê-lo com todos os diálogos que nos emocionam.

[Sobre "A simplicidade do humano em Pantanal"]

por Norma Nascimento
28/7/2008 às
17h16 201.58.244.9
(+) Norma Nascimento no Digestivo...
 
Arte não precisa fazer sofrer
Pra mim, desde que houve o rompimento com a ditadura da forma não faz sentido regredir, ou seja: não faz mais sentido tentar substituir a máquina fotográfica, mas sim superá-la. E para conseguir isso o artista precisa se dedicar ao estudo, descobrir como superá-la e em quê superá-la exatamente. Pessoalmente, acho que o que conhecemos como a "cena da arte contemporânea" virou mais um circo... não sei se isso é bom ou ruim, mas me sinto farta da arte que transgride, da arte que só quer romper, só quer fazer pensar sobre nada ou causar dor. Será que já não sofremos demais dia-a-dia? Parabéns pelo artigo.

[Sobre "A arte contemporânea refém da insensatez"]

por Cristina Jacó
http://www.desenhotudo.com
28/7/2008 às
15h22 201.67.93.120
(+) Cristina Jacó no Digestivo...
 
a arte pode ser tudo e nada...
Olá, Paula, parabéns, texto maravilhoso. Queria ter colocado a mão num texto desses por volta de 1997, quando estava na faculdade de artes. Queria poder esfregar umas verdades na cara de alguns professores. Porque justamente o que eles não ensinam é como sabermos o que fazer. Tudo que nos imputam é um coro de vozes a favor do sistema. Queria ter descoberto mais cedo que, tanto para um artista (eu) quanto para um "leigo", o que realmente importa é o que nós mesmos acreditamos, é a nossa verdade e, não, o modismo. Porque um dia o modismo virar a nosso favor. Já que correntes vêm e vão o tempo todo. Grande reflexão, abraços.

[Sobre "O valor da arte contemporânea"]

por Cristina Jacó
http://www.desenhotudo.com
28/7/2008 às
14h50 201.67.93.120
(+) Cristina Jacó no Digestivo...
 
Resultante de uma idéia
A junção de ousadia, trabalho e competência é o resultado da equação do sucesso. Parabéns, Julio, por ter sabido resolvê-la.

[Sobre "E assim se passaram dez anos..."]

por Antonio P. Andrade
28/7/2008 às
12h19 189.26.216.109
(+) Antonio P. Andrade no Digestivo...
 
As duas faces de Machado
Enquanto escritor, Machado de Assis é indubitavelmente o maior. Suas obras foram de extrema relevância no contexto literário mundial. Mas, nas questões relativas ao avanço ideológico do preconceito social e racial, era criticado por outro renomado, Lima Barreto, segundo o qual o mesmo - Machado - era omisso. No seu centenário, não há como deixar de lado essa nuance.

[Sobre "Machado sem corte"]

por Antonio P. Andrade
28/7/2008 às
12h12 189.26.216.109
(+) Antonio P. Andrade no Digestivo...
 
Da natureza dos contos
Imaginei que haveria no último parágrafo um desfecho para o impactante primeiro parágrafo. Não houve. Fica para o próximo, espero...

[Sobre "O amor que choveu"]

por Antonio P. Andrade
28/7/2008 às
11h58 189.26.216.109
(+) Antonio P. Andrade no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Estante Poemas
Felipe Fortuna
Topbooks
(1997)



O Corporativismo Em Português
Antonio Costa Pinto
Civilização Brasileira
(2007)



Psicoterapia Familiar un Enfoque Triádico
Gerald H. Zuk
Fondo de Cultura Economica
(1993)



Psychologie et Pedagogie
Jean Piaget
Denoel (paris)
(1969)



Um Pombo e um Menino
Meir Shalev
Bertrand Brasil
(2010)



A Saude Brasileira Pode Dar Certo
Claudio Lottengerg
Atheneu
(2007)



Curso de Direito Penal - Parte Especial Volume 2
Rogério Greco
Impetus
(2011)



Personae: Fotos e Faces do Brasil = Photos and Faces of Brazil
Madalena Schwartz
Companhia das Letras Funarte
(1997)



Dramatica de Television
Ingeborg Munz-koenen
Arte y Literatura (havana Cuba
(1984)



A Carne
Júlio Ribeiro
Três
(1972)





busca | avançada
70300 visitas/dia
2,6 milhões/mês