Cérebro leve, músculos fortes | Adriana Baggio

busca | avançada
76535 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Centro em Concerto - Palestras
>>> Crônicas do Não Tempo – lançamento de livro sobre jovem que vê o passado ao tocar nos objetos
>>> 10º FRAPA divulga primeiras atrações
>>> Concerto cênico Realejo de vida e morte, de Jocy de Oliveira, estreia no teatro do Sesc Pompeia
>>> Seminário Trajetórias do Ambientalismo Brasileiro, parceria entre Sesc e Unifesp, no Sesc Belenzinho
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> As fezes da esperança
>>> Quem vem lá?
>>> 80 anos do Paul McCartney
>>> Gramática da reprodução sexual: uma crônica
>>> Sexo, cinema-verdade e Pasolini
>>> O canteiro de poesia de Adriano Menezes
>>> As maravilhas do modo avião
>>> A suíte melancólica de Joan Brossa
>>> Lá onde brotam grandes autores da literatura
>>> Ser e fenecer: poesia de Maurício Arruda Mendonça
Colunistas
Últimos Posts
>>> Oye Como Va com Carlos e Cindy Blackman Santana
>>> Villa candidato a deputado federal (2022)
>>> A história do Meli, por Stelleo Tolda (2022)
>>> Fabio Massari sobre Um Álbum Italiano
>>> The Number of the Beast by Sophie Burrell
>>> Terra... Luna... E o Bitcoin?
>>> 500 Maiores Álbuns Brasileiros
>>> Albert King e Stevie Ray Vaughan (1983)
>>> Rush (1984)
>>> Luiz Maurício da Silva, autor de Mercado de Opções
Últimos Posts
>>> Melhores filme da semana em Cartaz no Cinema
>>> Casa ou Hotel: Entenda qual a melhor opção
>>> A lantejoula
>>> Armas da Primeira Guerra Mundial.
>>> Você está em um loop e não pode escapar
>>> O Apocalipse segundo Seu Tião
>>> A vida depende do ambiente, o ambiente depende de
>>> Para não dizer que eu não disse
>>> Espírito criança
>>> Poeta é aquele que cala
Blogueiros
Mais Recentes
>>> As pessoas estão revoltadas
>>> As duas facetas da eternidade
>>> Ilustres convidados
>>> PETITE FLEUR
>>> The Book of Souls
>>> O canteiro de poesia de Adriano Menezes
>>> Escrevendo um currículo
>>> Leitura vertical e leitura horizontal
>>> A mentira crítica e literária de Umberto Eco
>>> A redescoberta da(s) leitura(s)
Mais Recentes
>>> Criticidade e Leitura - Ensaios de Ezequiel Theodoro da Silva pela Mercado das Letras (1998)
>>> Ladrões nos Celeiros: Avante, Companheiros! de Nicodemos Sena pela Letra Selvagem (2018)
>>> Contos Fantásticos do Século XIX de Italo Calvino pela Companhia Das Letras (2004)
>>> Hotel de Arthur Hailey pela Nova Fronteira (1969)
>>> Um Mês Só de Domingos de John Updike pela Record (1975)
>>> O Deus da Sacanagem - a Vida e o Tempo de Carlos Zéfiro de Gonçalo Junior pela Noir (2018)
>>> Historia do Mundo Contemporaneo de Norman Lowe pela Penso (2005)
>>> 9 Meses Vistos por Dentro: um Guia Sobre Gravidez para Descobrir... de Eduard Gratacós; Carme Escales pela L&pm (2021)
>>> Poética de Se Afogar Em Conchas de Vanessa Caspon pela Patuá (2014)
>>> A Origem do Capital a Acumulação Primitiva de Karl Marx pela Fulgor
>>> 2 Vols. Noiva de Lindorf - Coleção Raridades do Conto Gótico de Letita Elisabeth Landon / / Carlos Primati - Tradu pela Sebo Clepsidra (2021)
>>> Jogos Surrealistas de Robert Irwin pela Record (1995)
>>> Estado de Sítio - Teatro Vivo de Albert Camus pela Abril Cultural
>>> Moeda: de Onde Veio para Onde Foi de John Kenneth Galbraith pela Novos Umbrais (1983)
>>> Projetos Colaborativos - 1º Ano - Ensino Fundamental de Eduardo Chaves pela Ftd (2016)
>>> Cidade de Muros - Crime, Segregação e Cidadania Em São Paulo de Teresa Pires do Rio Caldeira pela 34 (2011)
>>> Administração da produção de Nigel Slack Stuart Chambers Robert Johnston pela Atlas (2002)
>>> Amor de Perdição de Camilo Castelo Branco pela Ftd
>>> Convergente de Veronica Roth; Lucas Peterson pela Rocco (2014)
>>> Nossa Cidade - Teatro Vivo de Thornton Wilder pela Abril Cultural (1976)
>>> Número Zero de Umberto Eco pela Record (2015)
>>> A Libertação de Norberto R. Keppe pela Proton (1998)
>>> Café Espacial - 17 de Liber Paz; Luiza Nasser e Outros pela Café Espacial (2019)
>>> Rumos de um pequeno guarani de Mathias Townsend pela Elementar (2016)
>>> Alexandre e Outros Heróis de Graciliano Ramos pela Record (1981)
COMENTÁRIOS

Sexta-feira, 13/2/2004
Comentários
Leitores


Cérebro leve, músculos fortes
Ana, parabéns pelo texto. É maravilhoso. Compartilho seu interesse pela história das mulheres. Gosto daquelas histórias onde a mulher, de alguma maneira, pôde vencer o preconceito. Assim, sinto-me um pouco vingada por aquelas que foram violentadas e condenadas a uma vida insípida, no mínimo. Um pouco mais aliviada por viver neste século, sem as aberrações dos anteriores, tive o horror de ouvir de um colega de mestrado que era certo as mulheres trabalharem fora, cuidarem da casa e dos filhos sozinhas, sem a ajuda do companheiro. Afinal, fomos feitas para isso, inclusive fisicamente. Nosso cérebro é leve, mas nossos músculos ainda precisam ser fortes.

[Sobre "Mulheres de cérebro leve"]

por Adriana Baggio
13/2/2004 às
14h01 200.103.219.156
(+) Adriana Baggio no Digestivo...
 
Manhattan Connection
Caro Julio, sou fã do Manhattan Connection, vi a menção deles ao Digestivo Cultural e acessei o site. Parabéns pelo ótimo conteúdo! Muito obrigado pela atenção e um abraço. Marcos A.

[Sobre "Digestivo nº 161"]

por Marcos Alexandre
10/2/2004 às
11h42 200.175.37.23
(+) Marcos Alexandre no Digestivo...
 
21 gramas decepciona
Glória Perez já escreveu uma novela sobre um coração transplantado apaixonando doador/receptor... Salvo interpretações de alto nível, o diretor mundo-cão parece ter perdido algo entre o estilo não-linear, a fotografia escura e o ritmo arrastado. "21 gramas" promete mais do que cumpre e não tira de seu título qualquer força reflexiva que amarre o filme como um todo eficaz. PS - agradecimentos à Conexão Manhattan pela dica do site!

[Sobre "Digestivo nº 160"]

por Haendel Motta
10/2/2004 às
09h24 200.152.61.61
(+) Haendel Motta no Digestivo...
 
Olhe para o lado
Vou encaminhar seu artigo a amigos. O que posso dizer é que não é que o punk é um lixo (porque é mesmo). Essa é a proposta. Quebrar com os pré-conceitos que viram populares e 'mitificam-se' como a verdade dos livros sagrados). Eu, como amante da musica (e instrumentista), tendo a gostar do maior nº de estilos musicais que puder ter contato, respeitando o gosto alheio. Assim como respeito sua opinião, acrescento que, se se diz que White Stripes e Strokes são o que se tem de novo no rock e vc acredita nisso, meu velho, estais perdendo seu tempo pois isso vai passar e tem muita coisa muito melhor por aí, perdida nos bares, esperando ser descoberta. Strokes, sabemos que é banda de filho de produtor, de estilista. Tem um fim, que é ser popular. O Sonic Youth nunca quis ser pop. Eles viram o Nirvana crescer, se repruduzir e morrer. Eles já estavam lá há muito tempo e não se deixam levar pela promessa de céu que o mercado extremamente capitalista da musica se tornou, depois da descoberta dos Beatles. O Sonic Youth é o melhor exemplo de banda que faz o que quer, quando quer e ainda bebe do mercado quando lança 'Dirt' e 'Goo' (dois discos -e os unicos- com musicas pra tocar no radio). Enfim, se o WS está lá é porque quer. Se ouvem e consomem, é porque querem. Tem musica para todos os gostos. Se não te satisfaz isso que é mostrado pela grande midia, olhe para o lado.

[Sobre "White Stripes: porque o rock não começa no punk"]

por Eduardo
9/2/2004 às
08h19 200.244.137.5
(+) Eduardo no Digestivo...
 
Fama póstuma
Acredito que Hilda deverá ter um boom de vendas após sua morte, pois seus textos são apaixonados, atrevidos e contemporâneos. Deliciosamente cinematográficos. Não deve ser esquecida, deve, de uma vez por todas, sair do cruel "anonimato".

[Sobre "Hilda Hilst (1930-2004)"]

por Patricia Rocha
9/2/2004 às
08h18 200.150.44.57
(+) Patricia Rocha no Digestivo...
 
O branco criativo
Sua coluna foi um desabafo. Você tocou em verdades dolorosas pra muitos ouvidos que se julgam "especiais". Não acho que é culpa do Punk, este tipo de movimento teve sua razão de ser e funcionou. O problema são as reedições... E a culpa é do sistema, dos valores que ele prega, da necessidade de construir mitos e heróis que vendam valores que lhes interessem... Acabamos por supervalorizar alguns talentos razoáveis que surgem por aí e assistir a enganação de bandas bem maquiadas como White Stripes. Radiohead é o melhorzinho, mas a turma Brit já cansou. O POP de tanto se reciclar sobre futilidade, está secando...

[Sobre "White Stripes: porque o rock não começa no punk"]

por Patricia Rocha
9/2/2004 às
08h05 200.150.44.57
(+) Patricia Rocha no Digestivo...
 
É por aí mesmo
Prezado da Matta, Concordo com você na maioria dos pontos. A democracia é o embate saudável de idéias. Conceitos políticos ultrapassadas deviam ser urgentemente aposentados (e de certa maneira, já estão sendo). Mas não se esqueça que política é um dos espaços onde se fazem presentes forças brutais, como paixão, sexo, poder, amor. Contudo, tenho esperança (e quase certeza) de que o Brasil conseguirá amadurecer-se politicamente, democraticamente, e que estas revistas aparecerão. Talvez não neutras, mas diversas revistas com pontos-de-vista distintos, que criem um debate entre si. A internet terá um papel importante nisso. Abraço.

[Sobre "Intelectualidade e democracia"]

por Miguel do Rosário
9/2/2004 às
02h08 200.149.180.86
(+) Miguel do Rosário no Digestivo...
 
esse tal de mainstream
Prezado Sr JDBorges, como seria eu feliz se tivesse seu espetacular poder de sintese e sua cultura, mas o seu texto, com todo o respeito, esta imbuido de um espirito de maniqueismo judaico-cristao. Ninguem do samba no RJ sabe o q eh esse tal de “mainstream”: o importante eh q de maneira espontanea- sem premeditar, sem autopercepçao, portanto de maneira autentica- eh q nasce os Martinhos etc. O q o Senhor nao entende, e é compreensivel, eh se o trabalho do Pagodinho eh serio, se ele eh preparado ou nao. Uma sugestao: ouça todo dia uma musica: Vivaldi, jazz, um P Woods, e uma musica brasileira, e se deixe levar. Obrigado e Sucesso.

[Sobre "Digestivo nº 161"]

por Roberto Cavalcanti
9/2/2004 à
00h15 200.151.100.14
(+) Roberto Cavalcanti no Digestivo...
 
os incomodados que se mudem...
Muito boa a maioria dos textos desta coletânea sobre São Paulo. No entanto, dispensaria alguns um tanto quanto "rancorosos" em relação à cidade (não é o caso deste). Acho q vale a máxima "os incomodados que se mudem".

[Sobre "O problema de São Paulo é a falta de boteco"]

por Fernanda
8/2/2004 às
13h09 200.148.4.247
(+) Fernanda no Digestivo...
 
vinte e um gramas
Concordo com o Jardel. A perplexidade e a destruição fazem parte da vida. Não é incomum a vida nos parecer sem sentido e violenta, mesmo a gente sabendo que o tempo é (?) linear e a sociedade, esforçadamente racional e democrática.

[Sobre "Digestivo nº 160"]

por Bárbara Pollacsek
8/2/2004 às
11h23 200.98.119.117
(+) Bárbara Pollacsek no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Agora eu era o herói - Estudos dos arquétipos junguianos no discurs...
Fernanda Luiza Villas bôas
Achiamé
(2010)



Contos Populares de Sambaetiba
Vários
Gov. do Est. do Rio de Janeiro
(1985)



Execuçao Fiscal
João Roberto Parizatto
Edipa
(2011)



História da Rússia
Otto Schneider
Panamericana
(1944)



Architectural Desktop Prático e Fácil Release 3. 3
Aparecido H. Pedro
Érica
(2002)



A Odisseia de Homero
Marques Rebelo
Ediouro



O Mundo Magico de Harry Potter - Mitos, Lendas e Historias...
David Colbert
Sextante
(2001)



Clássicos do Cinema Turma da Mônica Nº 53
Mauricio de Souza
Panini Comics
(2016)



Carnes: para Ocasiões Especiais
Laura Tremolada Barghini
Melhoramentos
(2002)



Estudos Sobre Teatro
Bertolt Brecht
Nova Fronteira
(1978)





busca | avançada
76535 visitas/dia
1,8 milhão/mês