alguém leu o livro do Sarney? | Víktor Waewell

busca | avançada
74581 visitas/dia
2,6 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Artistas plásticos se reinventam e apostam no ambiente virtual
>>> Websérie As 7 Irmãs Axanti
>>> Sesc 24 de Maio apresenta novos episódios do projeto Música Fora da Curva
>>> Quarador de imagens partilha experiências em música, teatro e cinema
>>> 20 contos sobre a pandemia de 2020
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Poética e política no Pântano de Dolhnikoff
>>> A situação atual da poesia e seu possível futuro
>>> Um antigo romance de inverno
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> Assim como o desejo se acende com uma qualquer mão
>>> Faça você mesmo: a história de um livro
>>> Da fatalidade do desejo
>>> Cuba e O Direito de Amar (3)
>>> Isto é para quando você vier
>>> 2021, o ano da inveja
Colunistas
Últimos Posts
>>> Hemingway by Ken Burns
>>> Cultura ou culturas brasileiras?
>>> DevOps e o método ágil, por Pedro Doria
>>> Spectreman
>>> Contardo Calligaris e Pedro Herz
>>> Keith Haring em São Paulo
>>> Kevin Rose by Jason Calacanis
>>> Queen na pandemia
>>> Introducing Baden Powell and His Guitar
>>> Elon Musk no Clubhouse
Últimos Posts
>>> Curtíssimas: mostra virtual estreia sexta, 16.
>>> Estreia: Geração# terá sessões virtuais gratuitas
>>> Gota d'agua
>>> Forças idênticas para sentidos opostos
>>> Entristecer
>>> Na pele: relação Brasil e Portugal é tema de obra
>>> Single de Natasha Sahar retrata vida de jovem gay
>>> A melancolia dos dias (uma vida sem cinema)
>>> O zunido
>>> Exposição curiosa aborda sobrevivência na Amazônia
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Nos penhascos de mármore, de Ernst Jünger
>>> A Pérola de Galileu
>>> Notas confessionais de um angustiado (Final)
>>> Prêmio Nobel de Literatura para um brasileiro - I
>>> Di-Glauber
>>> Corpos
>>> The safest room in the house
>>> Como escrever bem — parte 2
>>> Vestibular, Dois Irmãos e Milton Hatoum
>>> Washington Olivetto no Day1
Mais Recentes
>>> Bunny Business (mamas Day At Work) de Lori Richmond (autor) pela Scholastic Press (2020)
>>> A casa torta de Agatha Christie pela L&Pm (2011)
>>> Nova Arquitetura de Interiores: Architectural Houses de Antonio Corcuera Aranguiz pela Monsa (2005)
>>> Ele Escolheu os Cravos - Evangelico de Max Lucado pela Cpad (2000)
>>> Pequenas Casas na Cidade (semi Novo) de Monsa pela Monsa (2005)
>>> Todo o mundo tem dúvida, inclusive você de Edison De Oliveira pela L&Pm (2011)
>>> Langenscheidt Sprechtraining Deutsch Für Den Beruf - German Business.. de Langenscheidt pela Langenscheidt (2018)
>>> Kaplan Toefl Ibt Premier 2016-2017 With 4 Practice Tests: Book + Cd de Kaplan pela Kaplan (2016)
>>> Feliz por nada de Martha Medeiros pela L&Pm (2011)
>>> Dimensional Bead Embroidery: a Reference Guide to Techniques de Jamie Cloud Eakin (autor) pela Lark (2018)
>>> Elon Musk -Como o ceo bilionario da spacex - Biografia de Ashlee Vange pela Intrinseca (2015)
>>> Cartas na mesa de Agatha Christie pela L&Pm (2011)
>>> Lets Roll! Sticker Activity Book (captain Underpants Tv) de Howie Dewin (autor) pela Scholastic (2020)
>>> Lets Roll! Sticker Activity Book (captain Underpants Tv) de Howie Dewin (autor) pela Scholastic (2020)
>>> Newt Scamander: um Scrapbook do Filme (completo C Mapas, Cartas Etc) de Regiane Winarski (tradução) pela Galera (2016)
>>> I Love My Tutu Too! (a Never Bored Book!) de Ross Burach pela Scholastic Press (2020)
>>> Os 13 problemas de Agatha Christie pela L&Pm (2011)
>>> Escrever Melhor - Guia para passar os textos a limpo - Linguistica de Dad Squarisi e Arlete Salvador pela Contexto (2009)
>>> A Consciência de Zeno (coleção Clássicos para Todos) Texto Integral de Italo Svevo pela Saraiva de Bolso (2011)
>>> Amor, Sexo e Tragédia Como Gregos e Romanos Influenciam Nossas Vidas A de Simon Goldhill pela Zahar (2007)
>>> A massagista japonesa de Moacyr Scliar pela L&Pm (2011)
>>> The Outlaw Ocean: Journeys Across the Last Untamed Frontier de Ian Urbina (autor) pela Knopf (2019)
>>> O morro dos ventos uivantes de Emily Bronte pela L&Pm (2011)
>>> Agents of Empire: Knights, Corsairs, Jesuits, and Spies in The........ de Noel Malcolm pela Penguin History (2016)
>>> Event Leviathan - (capa Dura Edição de Luxo) de Brian Michael Bendis (autor), Alex Maleev (ilust) pela Dc Comics (2020)
COMENTÁRIOS

Quarta-feira, 3/11/2004
Comentários
Leitores


alguém leu o livro do Sarney?
Quê isso, gente!? É claro que não é possível pensar num livro sem pensar em quem o escreveu. Não só por coisas óbvias, como a época e o contexo no qual foi escrito (que tem muito a dizer sim), mas o caráter do sujeito também. Veja bem um exemplo, o Sarney é da Academia Brasileira de Letras, mas nunca ouvi falar de alguém que leu livro dele. A questão é: por quê? Gente, o que um cara desses tem a dizer, por mais que seja coisa boa, realmente não importa.

[Sobre "Em defesa da Crítica"]

por Víktor Waewell
3/11/2004 às
15h56 170.66.1.123
(+) Víktor Waewell no Digestivo...
 
a melhor coluna sua que li
Muito bom, Adriana. Talvez seja a melhor coluna sua que li. É mesmo... pobre tempo ser dinheiro. Acho que tempo é a coisa mais preciosa que eu tenho, a maior riqueza que... posso "comprar" com minhas horas trabalhadas. Mas conseguir mais tempo, pra mim, significa mais tempo mesmo, que eu não gasto à toa nunca com televisão ou coisas do tipo. No fim das contas, só fico imaginando a velhinha fazendo tricô no aeroporto, acho que ela tá mais para melancolia do que felicidade. Eu mesmo jamais iria para um aeroporto, pronto para viajar, com amigos coisa e tal, e iria fazer tricô ao invés de tomar uma cerveja. (Mas tá, ela é velha, a gente dá um desconto.)

[Sobre "Por que corremos e não chegamos a lugar algum"]

por Víktor Waewell
3/11/2004 às
14h48 170.66.1.123
(+) Víktor Waewell no Digestivo...
 
Me identifiquei
Muito interessante o texto. Me identifiquei com ele. Abraço, Isa

[Sobre "Aflições de um jovem escritor"]

por Isabel
2/11/2004 às
19h30 201.17.33.97
(+) Isabel no Digestivo...
 
Uma delícia de aula
Sim, que bom saber do livro da Marisa Lajolo com o parágrafo sobre o leitor que independe das análises para buscar uma boa leitura... Muito feliz: vou guardar o texto. Um abraço.

[Sobre "A vida sem computador"]

por Gisele lemper
30/10/2004 às
20h18 200.181.20.114
(+) Gisele lemper no Digestivo...
 
Fazer o que se gosta
Achei ótimo o seu texto. Na minha área de atuação, também achava que os melhores pesquisadores fossem modelos de pessoas... Me surpreendi muito quando conheci e comecei a trabalhar com alguns deles. Na verdade eu aprendi que sucesso, qualidade intelectual, capacidade de reflexão não tornam uma pessoa necessariamente agradável ou mesmo honesta. Uma coisa é independente da outra. Eu aprendi a ler os livros sem me preocupar com quem escreve, como admirar os teoremas de Gauss sem ligar para a personalidade odiosa do homem. Com o tempo, a importância das coisas diminuiu... O que é ser eterno? Fama? Deixar uma marca? Acho que é mais simples. Fazer o que se gosta, com prazer. Isto fica com você, e não é só depois da lápide que irá sentir o gostinho... Se você tem o temperamento para viver em sociedade, ouvir um obrigado ou sentir a gratidão das pessoas por você, é tão prazeiroso quanto escrever uma tese... E com o tempo você percebe que todas as pessoas, tenham elas este ou aquele caráter, dividem com você suas dores, dúvidas, alegrias e tristezas.

[Sobre "Em defesa da Crítica"]

por Ram
30/10/2004 às
18h58 66.108.185.162
(+) Ram no Digestivo...
 
tudo parece no lugar certo
Eu acho que o problema não está no capitalismo. O "problema" está mesmo em cada indivíduo. Eu acredito que por causa do capitalismo mesmo, tive a oportunidade de estudar, de viver em lugares diferentes, e partcipar da minha maneira na sociedade. Talvez não seja o padrão de sucesso capitalista, mas sinto que não sou forçado a estar "na melhor casa", no "melhor carro" ou com "melhores pessoas". Pelo contrário, a liberdade me parece algo interno, atrelado a cada pessoa. É livre quem investiga suas idéias, quem experimenta criar coisas, seja uma receita a noite para um amigo, seja um quadro ou uma música para o filho. Eu já vi pessoas nervosamente tecendo no metrô, como já vi pessoas bastante agitadas calmamente vivendo a vida. Talvez, a velocidade da sociedade, é a velocidade com que nos acostumamos a querer encontrar ideais na sociedade, lemas, "super poderes", para guiar nosso jeito de ser e sentir. Quando acreditamos que palavras substitutem o contato, idéias substituem a vivência, salas de arte ocupam os lugares dos parques e jardins, e pensar substitui ser pleno, certamente nos desligamos da única coisa realmente livre: nossa identidade pessoal e universal. Aproveite um dia destes para deixar idéias, livros, pensamentos em casa, e descansar na areia da tarde de uma praia pertinho de casa. De repente, tudo parece que está no lugar certo. É o problema do Nossoísmo... Nunca, nada parece estar no lugar certo, exceto que o certo é a ilusão da nossa mente.

[Sobre "Por que corremos e não chegamos a lugar algum"]

por Ram
30/10/2004 às
18h52 66.108.185.162
(+) Ram no Digestivo...
 
palavras em ações
Uma das consequências da liberdade de expressão é justamente a polarização das idéias. Afinal, para ser notado, para ter um perfil, um ideal, não se tem receita pronta, devemos escolher um polo. É melhor deixar cada um escrever como quer, pois a ideologia é somente uma faceta da realidade. A menos significante. Quantos destes "conversores de homossexuais" estarão dispostos a levar um padre a um homossexual? O que falta mesmo na sociedade brasileira são pessoas que transformem palavras em ações. Ou que ao menos usem as palavras não para ditar ordens sociais, mas como forma de entretenimento, ou, mais importante, de inspiração. Quantos romances e histórias bonitas não me inspiraram ou me levaram a horas mágicas? PS: Acho que mais um fator que influi é que a sociedade brasileira é dominada em todos níveis por um pensamento reciclado da geração pós-ditadura... Naturalmente, daí os jovens irem para a direção contrária. Sucesso com sua jornada das palavras para a ação!

[Sobre "Ideologia: você quer uma pra viver? Eu, não"]

por Ram
30/10/2004 às
18h44 66.108.185.162
(+) Ram no Digestivo...
 
Livros simples
Para mim a ausencia do computador nao parece ter surtido efeito: continuo aprendendo com seus textos da mesma maneira... Vou ler o livro da Marisa Lajolo, pois nunca li nenhum livro com um painel mais simples da literatura nacional (aka, mais simples = compreensivel para mim).

[Sobre "A vida sem computador"]

por Ram
30/10/2004 às
18h36 66.108.185.162
(+) Ram no Digestivo...
 
alma americana
engracado, a critica do jornal do rio prefere o primeiro ao segundo. pq insisitir na representacao da alma americana? e' isso mesmo, enfim

[Sobre "Digestivo nº 199"]

por Mase Lemos
30/10/2004 às
15h18 81.50.170.241
(+) Mase Lemos no Digestivo...
 
fiz exatamente o que vc falou
Ontem fiz exatamente o que vc falou. Corri, ganhei tempo para chegar em casa e fiquei na frente da televisão, passiva e exausta. O tempo passou e não soube o que fazer com ele...

[Sobre "Por que corremos e não chegamos a lugar algum"]

por Claudia Arantes
29/10/2004 às
13h33 200.195.23.143
(+) Claudia Arantes no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




A Irmã do Vizir
Hermínio C. Miranda
Correio Fraterno
(2012)



Ação Afirmativa ao Redor do Mundo: Um estudo empírico sobre cotas e grupos preferenciais
Thomas Sowell
É Realizações
(2016)



La mortintoj kaj la mortantoj
D-ro Nassif Issac
Spirita Eldona Societo F. V. Lorenz
(1979)



Guia prático do português correto – ortografia - vol. 1
Cláudio Moreno
L&Pm
(2003)



Discutindo o Ensino de Ciências da Natureza a partir da Formação de Professores, Inclusão e História da Ciência
Ivoni Freitas Reis, Karine Gabrielle Fernandes e Ingrid Nunes Derossi
Brazil Publishing
(2020)



Nossos Clássicos 57 António de Alcântara Machado Trechos Escolhidos
Nossos Clássicos
Agir
(1970)



Ni Guerra Ni Paz: Comparaciones Internacionales de Niños y Jovene
Luke Dowdney
7 Letras
(2005)



A Lei de Sullivan
Nancy Taylor Rosenberg
Record
(2007)



Histórias Que Ouvi Histórias Que Vivi
Rosana de Mont Alverne Neto e Pedro Jorge Fonseca
Tjmg
(2005)



O Vendedor Pit Bull
Luis Paulo Luppa
Landscape
(2005)





busca | avançada
74581 visitas/dia
2,6 milhões/mês