Loas ao DC | Pepê Mattos

busca | avançada
37668 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COMENTÁRIOS

Domingo, 18/12/2005
Comentários
Leitores


Loas ao DC
Faço parte dos primórdios do DC. Quer dizer, do fundão dos primórdios do DC, como disse o Jacques. Curioso como o discurso do Julio soa como se saído das minhas próprias entranhas, visto que me vejo como co-fundador do DC, pois sou leitor das primeiras linhas digestivas. E não se preocupe se você não me ver por algum evento do DC. Eu não também não me preocuparei se acaso não o ver no lançamento de minhas entranhas líricas nalgum momento entre o pôr do sol e o ofuscar dos tempos imemoriais. A única forma de me fazer presente é nos comentários. Mas sou real. E isso me basta, assim como basta ao DC ser o que ele é: real, não necessariamente polêmico, mas essencial.

[Sobre "Aos assessores, divulgadores, amigos até, e afins"]

por Pepê Mattos
18/12/2005 às
13h07 200.252.140.6
(+) Pepê Mattos no Digestivo...
 
A mudança me libertou
Identifico-me com o perfil traçado, no artigo acima, pelo Marcelo. Mudei de profissão, alguns anos atrás, e sou muito mais feliz, desde então. Eu era professora e educadora musical. A convite de uma amiga, enveredei pelo lado terapêutico da música e, depois dos 50 anos, me tornei musicoterapeuta... Percebo hoje que ali encontrei a verdadeira realização profissional e pessoal. Através de meu trabalho musical com deprimidos, com autistas e outras síndromes de isolamento, vejo constantemente aflorar nessas pessoas a interação prazerosa com o mundo externo – que lhes faltava – e sua integração à vida social e familiar com rapidez espantosa... Esses casos não resistem às sonoridades e aos ritmos... Pelo seu ineditismo e pela ausência de rotina, acho o meu atual dia-a-dia profissional um barato! Amo o meu trabalho. Sinto-o como o fecho feliz para minha vida de musicista! Nem penso em parar!

[Sobre "A ousadia de mudar de profissão"]

por Elizabeth Silveira C
18/12/2005 à
00h21 201.29.250.199
(+) Elizabeth Silveira C no Digestivo...
 
Ao lado de Clarice...
Rubem Fonseca é um dos nossos grandes contistas e desde a década de 70 que, ainda pouco conhecido, eu me delicio com suas estórias e seu estilo bastante pessoal de contá-las. Ele é um patrimônio cultural inegável e é bem lembrado que continua a produzir como nunca e de maneira enérgica. Nós merecemos, já que a grande Clarice já se foi e que, a meu ver, faz par com Rubem quando se fala de contos. Julio, fica aqui os meus parabéns pela sua matéria.

[Sobre "Digestivo nº 257"]

por isa fonseca
17/12/2005 às
16h03 200.234.87.88
(+) isa fonseca no Digestivo...
 
felic/imbecil/idade
não quer dizer bom dia ao sol, boa noite à lua e agradecer ao papaizinho do céu por mais um dia de vida? talvez, ah, molhar o pé na poça dágua, abraçar o mendigo que passa, dar pulinhos no ar comentando, ah, que que tem, a novela de ontem, vamos dançar o tigrão? sim, sim, vamos ver filmes alegres, curtir cada momento, dançar pagode, qual o problema? ser feliz é o que importa, deixem os rabugentos para lá, ei, seu maroto, o universo responde positivamente àquilo de bom que você faz, vamos dançar amarelinha? ah, que felicidade, obrigado menininho jesus por toda essa alegria que é a vida! é a vida, é bonita e é bonita! e se o horóscopo do jornal me for favorável, uh, talvez eu nem precise de sexo que, pensando bem, nem é tão importante assim, posso ficar limpinho, ah, que alegria, que felicidade! o melhor pra ti, amiguinho! viva a felicidade! esses bobões que não sabem viver! pobres coitados, que idiotas, se soubessem que a vida é simples, é tão simples de ser vivida, ah, seu bobinhãumn!

[Sobre "Em defesa da normalidade"]

por carl
16/12/2005 às
17h41 200.182.146.142
(+) carl no Digestivo...
 
Nós, daqui do fundão....
Sabe quando vai-se a um espetáculo de dança acha-se tudo uma maravilha e, após, na ida aos camarins encontra-se a bailarina principal aos prantos pois errou vergonhosamente aquele apoio do pé em que não podia ter usado o dedo mindinho? Sabe aquele guitarrista de jazz que se acha um lixo porque tocou meia nota fora da escala e a galera nem notou, e ovacionou alucinada?! Pois é, é uma preocupação artística quase intolerável com sua obra e sua performance. Pois é, eu sou da galera, e o Digestivo continua "ducaraio". Falô?!

[Sobre "Aos assessores, divulgadores, amigos até, e afins"]

por Jacques Salvador
16/12/2005 às
17h10 200.169.16.19
(+) Jacques Salvador no Digestivo...
 
Captei a vossa mensagem!
Julio, quando li este comentário pela primeira vez, não entendi o que vc quis dizer, deixei quieto. Mas agora, depois do nosso papo via email, captei. Não se preocupe: já passei da fase proselitista. Embora eu ainda seja mais a minha loucura, cada qual que se paute por seus próprios ideais, vazios, ilusões ou certezas passageiras. A tolerância é tudo. E um dia fatalmente descobriremos quem é que estava com a razão. ;) Abração, Y.

[Sobre "Se vc me matasse, eu morria ué"]

por yuri v. santos
16/12/2005 às
15h59 201.10.172.102
(+) yuri v. santos no Digestivo...
 
Continuação...
Entenda, Carlos: eu fui prejudicada de fato, até poderia te contar o que houve, mas não vale a pena. Por favor, antes de falar em anti-propaganda ou coisa do tipo, me diga onde eu induzo alguém a deletar sua conta ou digo que o orkut é um cancro para a sadia e bela internet?! Nunca fiz isso, nem mesmo em conversas informais, quanto mais nesse texto. Quem quiser, que continue lá, eu saí, cansei, encerrei um ciclo. Eu falo num mal que ASSOLA o site, que é a falta de privacidade e ela é gerada pelos membros e não pela empresa, ou seja, eu reclamo da inabilidade dos usuários, inclusive da minha. Vamos por analogia, se eu digo que "o mal que assola o planeta terra é a poluição", estou afirmando que o Planeta Terra é um mal ou que a Poluição é o mal?!. Foi isso, só isso! Enfim, obrigada por ter lido e comentado, que é o que realmente vale nisso tudo!

[Sobre "Adeus, Orkut"]

por Ana Eliza Nardi
16/12/2005 às
14h14 201.44.220.72
(+) Ana Eliza Nardi no Digestivo...
 
Resposta ao Carlos
Em momento algum eu fiz "propaganda" contra o Orkut, apenas relatei as minhas experiências pessoais no site e o motivo da minha saída. A proposito, você Carlos, é o advogado do Google no Brasil?! Se for, dê uma busca pelos blogs e publicações de internet sobre o tema privacidade no orkut que verá que o que eu relatei no texto é bem recorrente. No inicio do teu comentário, você diz que como tudo na vida o orkut tem um lado bom e um lado ruim e é exatamente esse o tom do meu texto. Interpretação textual e lógica, deveriam ser pré-requisitos para todo advogado :) Agradeço pelo diagnóstico de TOC ou paranóia, quem sabe esquizofrenia, mas serei obrigada a recusa'-lo e procurar outra opinião profissional, de um médico psiquiatra, já que como eu disse no texto: "Antes que pensem que sou neurótica, só fiz tudo isso porque realmente a invasão de privacidade foi absurda, encontrei com um desses psicóticos soltos pela Web e quase enlouqueci com isso".

[Sobre "Adeus, Orkut"]

por Ana Eliza Nardi
16/12/2005 às
14h13 201.44.220.72
(+) Ana Eliza Nardi no Digestivo...
 
Exagero mesmo
Tudo na vida deve ter um equilibrio. Pelo que notei a Ana ultrapassou seu limite, mas tudo isso que revelou sobre o orkut foi válido e irá ajudar, orientar e alertar muita gente. No entanto, concordo 100% com a opinião do Carlos quando diz ser EXAGERO. Exagero mesmo: para pessoas como nós, que sabem equilibrar e avaliar o que pode ou não nos prejudicar. Bem... parabéns mesmo assim e muito cuidado ao se adentrar em "outros lugares".

[Sobre "Adeus, Orkut"]

por Célia
16/12/2005 às
13h50 201.22.154.16
(+) Célia no Digestivo...
 
Resposta a José Otávio
"José Otávio" (#3): eu agradeço os toques e acho que você tem até razão. Acontece que eu me baseio em duas premissas básicas: 1) Que a experiência do Digestivo pode interessar a outras pessoas, na internet; 2) Que a história do Digestivo, infelizmente, e por muito tempo, se confunde com a minha própria história. Assim: é inevitável que eu fale do site e é inevitável que, ao falar dele, eu fale de mim mesmo. Agora, com a entrada do Fabio, e com as tarefas que eu vou passando adiante (conforme aconselhou meu amigo Alfredo, #2), a história do Digestivo, quem sabe, fique menos ligada ao meu histórico pessoal... Por último, acho que a nossa geração, a da internet, não escapa nunca do tom pessoal. É a nossa sina; é a nossa maldição. Quem não gostar, que mude de planeta; ou então, que abra um blog...! Obrigado pelo seu Comentário, abraço forte, Julio (P.S. – Ah, e da próxima vez, use um e-mail verdadeiro e assine o seu próprio nome.)

[Sobre "Aos assessores, divulgadores, amigos até, e afins"]

por Julio Daio Borges
16/12/2005 às
13h23 200.155.192.223
(+) Julio Daio Borges no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




PENSE POSITIVO
E. H. SHATTOCK
CÍRCULO DO LIVRO
(1991)
R$ 7,00



OS PERVERTIDOS
HAROLD ROBBINS
RECORD
(1984)
R$ 4,00



ISSO NINGUÉM ME TIRA
ANA MARIA MACHADO
ATICA
(1996)
R$ 8,00



A AUTORIDADE DO PROFESSOR, O QUE PENSAM ALUNOS, PAIS E PROFESSORES
MARIA JOSÉ MAYA
TEXTO
(2000)
R$ 16,66



O PASSARO DE PRATA UMA HISTORIA PARA AQUELES QUE SONHAM
JOYCE PETSCHEK
PENSAMENTO
R$ 7,00



A CRIANÇA E A MÚSICA
KURT PAHLEN
MELHORAMENTOS
(1966)
R$ 15,00



BOTTLE FACTORY OUTING
BERYL BAINBRIDGE
PENGUIN UK
(1995)
R$ 10,00



A TRÍADE
CARLOS ANDRADE E OUTROS
TERRACOTA
(2010)
R$ 15,00



ZAUBER DER FORMEN IN DER NATUR
PETER S. STEVENS
VERLAG MUNCHEN WIEN
(1974)
R$ 70,00



OS DESCOBRIMENTOS PORTUGUESES E O ENCONTRO DE CIVILIZAÇÕES
ANTONIO LUIZ PORTO E ALBUQUERQUE
FUND. CULTURAL BRASIL-PORTUGAL
(1999)
R$ 11,00





busca | avançada
37668 visitas/dia
1,1 milhão/mês