Livro versus Filme | Carla Martins

busca | avançada
49702 visitas/dia
2,0 milhão/mês
Mais Recentes
>>> De Kombi na Praça - Pateo do Collegio
>>> Primeiras edições de Machado de Assis são objeto de exposição e catálogos lançados pela USP
>>> Projeto lança minidocumentário sobre a cultura do Gambá na Amazônia
>>> Cinema itinerante leva sessões gratuitas a cidades do Sudeste e do Sul
>>> Artistas abrem campanha de financiamento para publicação de graphic novel
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Jô Soares (1938-2022)
>>> Casos de vestidos
>>> Elvis, o genial filme de Baz Luhrmann
>>> As fezes da esperança
>>> Quem vem lá?
>>> 80 anos do Paul McCartney
>>> Gramática da reprodução sexual: uma crônica
>>> Sexo, cinema-verdade e Pasolini
>>> O canteiro de poesia de Adriano Menezes
>>> As maravilhas do modo avião
Colunistas
Últimos Posts
>>> Canções Cruas, por Jacque Falcheti
>>> Running Up That Hill de Kate Bush por SingitLive
>>> Oye Como Va com Carlos e Cindy Blackman Santana
>>> Villa candidato a deputado federal (2022)
>>> A história do Meli, por Stelleo Tolda (2022)
>>> Fabio Massari sobre Um Álbum Italiano
>>> The Number of the Beast by Sophie Burrell
>>> Terra... Luna... E o Bitcoin?
>>> 500 Maiores Álbuns Brasileiros
>>> Albert King e Stevie Ray Vaughan (1983)
Últimos Posts
>>> Direitos e Deveres, a torto e a direita
>>> Os chinelos do Dr. Basílio
>>> Ecléticos e eficazes
>>> Sarapatel de Coruja
>>> Descartável
>>> Sorria
>>> O amor, sempre amor
>>> The Boys: entre o kitsch, a violência e o sexo
>>> Dura lex, só Gumex
>>> Ponto de fuga
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O governo mente para si mesmo
>>> 2005: Diário de bordo
>>> Sexo, cinema-verdade e Pasolini
>>> Hasta la vista, baby
>>> O amor é importante, porra
>>> Por uma arquitetura de verdade
>>> O criador do algoritmo do YouTube
>>> Cisne Negro: por uma inversão na ditadura do gozar
>>> Filosofia teen
>>> Extraordinary Times
Mais Recentes
>>> From Color to Inexistent Color de Israel Pedrosa pela Léo Christiano Ltda (1995)
>>> Bem Mais Perto de Susane Colasanti pela Novo Conceito (2012)
>>> Wildlife Preserves A far side collection de Gary Larson pela futura (1990)
>>> Musica Perdida de Luiz Antonio de Assis Brasil pela L&pm (2006)
>>> Dom Kallar Oss Klottrare - They Call Us Vandals de Malcolm Jacobson pela Dom Kallar (2000)
>>> O Lobo da Tasmânia e Outras Crônicas de Taddeo Ferreyra pela Livre Expressão (2010)
>>> Sociedade, Estado e Partidos de Helio Jaguaribe pela Paz e Terra (1992)
>>> Hotel Atlântico de João Gilberto Noll pela Rocco (1989)
>>> Grammar and Style de Laurie E. Rozakis pela Alpha Books (1997)
>>> The Language of Things de Deyan Sudjic pela Penguim Books (2009)
>>> A Pocket Guide to Cars de Andrew Montgomery pela Parragon (2006)
>>> Guerra del Tiempo de Alejo Carpentier pela Latina (1975)
>>> Livro - O Melhor de Mim - O primeiro amor deixa marcas para a vida inteira de Nicholas Sparks pela Arqueiro (2012)
>>> The Art of Spiritual Rock Gardening de Donna Schaper pela Hiddenspring (2001)
>>> Dicionário de Lustosa de Lustosa Costa pela ABC (2003)
>>> Livro - A Alma Imoral de Nilton Bonder pela Rocco (1998)
>>> Nem Só os Peixes Morrem pela Boca de Valéria Társia Duarte pela Deconhecida (2005)
>>> Herbal home remedies de Jude C. Todd, C. H. , M. H. pela Lllewellyn (2004)
>>> Eu, Minhas Tias, Meus Gatos e Meu Cachorro. de Mauro Rasi pela Ediouro (2003)
>>> Socialismo evolucionário de Eduard Bernstein pela Zahar (1997)
>>> Inigualável de Alyson Nöel pela Casa dos Livros (2016)
>>> Recuperação de Imóveis Privados Em Centros Históricos de Érica Diogo pela Iphan (2009)
>>> O Fascinante Livro da Fotografia de Don Morley pela Siciliano (1987)
>>> Os Cem Melhores Contos Brasileiros do Século de Italo Moriconi pela Objetiva (2000)
>>> Livro - Algumas Razões para Ser um Cientista de Vários Autores pela Cbpf
COMENTÁRIOS

Segunda-feira, 30/10/2006
Comentários
Leitores


Livro versus Filme
Olá! Achei o texto muito bem escrito, apesar de não concordar com algumas idéias expostas nele. Primeiro, acredito que, quando um filme é "baseado" em um livro, ele não precisa seguir todas as linhas fielmente. Por isso, diz-se que a produção é "baseada" em um livro. Em Código Da Vinci ocorreu o mesmo e, mesmo assim, achei o filme muito bom. Eu não li o livro e achei o filme bom, principalmente pela atuação da Meryl que, para mim, faz com que o filme valha a pena ser visto. Mas, a verdade mesmo é que dificilmente um filme ultrapassa a qualidade de um livro. Enquanto no filme está tudo exposto lá e você apenas assiste, no livro você torna-se parte integrante da história, a partir do momento em que as imagens e a construção das cenas são formadas de acordo com a nossa imaginação.

[Sobre "O diabo veste Prada"]

por Carla Martins
http://www.carla-martins.blogspot.com
30/10/2006 às
18h03 201.6.149.103
(+) Carla Martins no Digestivo...
 
amigos (coloridos) virtuais
o que acontece, na verdade, é que há uma fome de afeição e a hipocrisia social não deixa que as pessoas confiem umas nas outras, por isso procuram algo virtual... quem sabe, possam confidenciar coisas que não teriam coragem de fazer pessoalmente. eu não tenho experiencia amorosa na net, mas conheci pessoas que quero que deixem de ser virtuais e que passem a serem reais, pois amei conhece-las! a forma como a autora aborda o assunto é muito interessante e com certeza vou ler o seu livro! amei...

[Sobre "A internet e o amor virtual"]

por ana paula
30/10/2006 às
17h53 200.164.86.50
(+) ana paula no Digestivo...
 
artistas diferentes do resto
Artigo atual e pertinente. Concordo totalmente. Apesar de que, atualmente e muitas vezes, o próprio artista faz de tudo para passar a imagem de louco e perturbado. Eles mesmos acabam acreditando que só serão considerados artistas realmente se trasmitirem essa imagem de "diferentes do resto".

[Sobre "Artistas não são pirados"]

por Carla Martins
http://www.carla-martins.com.br
30/10/2006 às
17h22 201.6.149.103
(+) Carla Martins no Digestivo...
 
Tem outra alternativa?
Vitor, lendo os comentários ao seu texto, fiquei um tanto confusa. Aos politicos inescrupulosos é bem interessante que a maioria continue achando política chata e se afaste cada vez mais do cenário político. Mas é meio sem sentido usar Internet em oposição a política. Será que alguém aí já notou que entre os muitos usos da Internet, política é sem dúvida alguma um deles? Outra coisa que me intriga é essa história de estarem cansados de democracia... Quer dizer que o brasileiro está pronto pra outra ditadura? Tem outra alternativa? Talvez quando as pessoas se tocarem de que fazemos política todos os dias, de várias maneiras, a coisa fique menos chata. Eu, por minha parte, como você continuo gostando um bocado de democracia, e de política.

[Sobre "Democracia envelhecida"]

por Selma Vital
30/10/2006 às
17h00 128.252.26.192
(+) Selma Vital no Digestivo...
 
Gostei e não gostei
Gostei do texto, Elisa, da dinâmica sibilante com a qual caminha o narrador, o tema e a forma como é trabalhado... muito legal. Não gostei de alguns detalhes (se me permite ser de todo sincero), mais gostei muito do resultado.

[Sobre "Qual é o seu departamento?"]

por Marcelo
http://www.osomdocaos.blogspot.com
30/10/2006 às
16h27 201.43.141.246
(+) Marcelo no Digestivo...
 
reeleição: instrumento falido
Bloom, não acredito que o voto nulo seja a solução, a não ser que 100% dos eleitores o fizesse. O sistema deveria ser repensado, mas, não há quem vá tentar reorganizar isto de acordo com o interesse coletivo, antes de garantir as vantagens pessoais. A reeleição é um instrumento comprovadamente falido, basta voltar à era Fernando Henrique, na qual o segundo mandato foi apenas uma contagem de tempo. As pessoas com quem eu converso estão descontentes, acreditam que qualquer um que estiver lá, fará a mesma coisa. Daí, votam sem procurar motivos para a escolha, sem avaliar competência, até porque não se sabe as competências necessárias para exercer um cargo político. Estas pessoas exercem o seu direito, pensando ser um dever de forma quase fisiológica. A discussão é importante, principalmente partindo de nós. Precisamos avançar, no sentido de exigir um sistema menos vicioso. Acredito que o caminho é mandato de 4 anos para qualquer político.

[Sobre "Por que votei nulo"]

por Syda Rodrigues
30/10/2006 às
15h40 201.80.9.144
(+) Syda Rodrigues no Digestivo...
 
Ficção é ficção, pô!
A questão é, dentro da ficção, cada um faz o que quer. Eu fiz o que queria no conto "O Doutor", que publiquei na Playboy de agosto e também em meu romance Souvenir Iraquiano. Tô vingado e ainda vou me vingar mais ainda.

[Sobre "A imagem do Brasil em Turistas"]

por robinson
30/10/2006 às
15h34 201.34.36.11
(+) robinson no Digestivo...
 
a consciência do voto
O texto eh brilhante e concordo com td que falou. E assim como devemos nos orgulhar do passado que nos deixaram, pelas lutas a favor da democracia, devemos fazer algo pra se orgulharem da gente no futuro. E um meio de conseguir isso eh tendo consciencia do voto. Adorei o texto.

[Sobre "A favor do voto obrigatório"]

por Paulina
30/10/2006 às
14h07 67.125.23.103
(+) Paulina no Digestivo...
 
Tim Maia: um gênio
Tim Maia é um músico ímpar. Um gênio que soube aproveitar todas as possibilidades (que o diga sua intensa passagem pelos EUA nos anos 60). Enquanto muitos "artistas" na atualidade sucumbem ao apelo "gospel" (sendo a maioria de gosto duvidoso), para garantir um "lugarzinho ao sol" -claro que há exceções-, Tim ousou abrir mão do "status quo" do sucesso, incluindo romper um vantajoso contrato com um selo multicacional, dedicando-se integralmente, desinteressadamente, e às suas próprias custas, à divulgação do que ele supunha ser a verdade naquele momento. Na minha modesta opinião, o disco duplo é um dos melhores do mundo em todos os tempos.

[Sobre "Tim Maia Racional"]

por Fernando Stefens
30/10/2006 às
13h25 200.162.40.210
(+) Fernando Stefens no Digestivo...
 
Quem são os nossos reis?
A matéria traz muita coisa interessante e alguns sites de que, realmente, nunca tinha nem ouvido falar. Os "reis" americanos são bem diferentes dos "reis" brasileiros, com algumas excessões. Taí uma coisa que eu queria saber (Quem são os 15 reis do clique aqui no Brasil?) Viva a Internet! E como diria um navegador português: "Navegar é preciso, viver não é preciso!".

[Sobre "Sites que mudaram o mundo"]

por Luiz Eduardo Pinheir
30/10/2006 às
11h35 201.9.69.34
(+) Luiz Eduardo Pinheir no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




O Anão e a Ninfeta
Dalton Trevisan
Record
(2011)



Vinho o Melhor Amigo do Homem
Ivan Carlos Regina
Engenho
(2004)



Livro - Tina - Respeito
Fefê Torquato
Panini Comics
(2019)



A Origem das Religiões Primitivas
Guy E. Swanson
Forense
(1960)



The Red Balloon Stage 1
Eduardo Amos
Moderna
(1991)



Sindicalismo Contemporâneo uma Nova Visão para o Movimento Sindical
Sindicalismo Contemporâneo
Sem



Baianos Famosos - Biografia
Antonio Loureiro De Souza
Ibrasa



Você Tem Medo de Quê ?
Tim Lihoreau
Globo
(2008)



Num Outro Mundo - 4ª Edição
J. W. Rochester
Conhecimento
(2007)



Judas, o Obscuro
Thomas Hardy
Abril Cultural
(1971)





busca | avançada
49702 visitas/dia
2,0 milhão/mês