Inutilidades e pianos | Ana Elisa Ribeiro | Digestivo Cultural

busca | avançada
31179 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> 1ª Festa oficial de aniversário de 124 anos da Vila Madalena
>>> EM 'A COZINHA DA DOIDIVANA', IVANA ARRUDA LEITE CONVIDA FABRÍCIO CORSALETTI PARA JANTAR E BATE-PAPO
>>> CAIXA apresenta o XI Circuito de Teatro em Português entre 18 e 27 de agosto
>>> Sesc Consolação apresenta Histórias de Alexandre com o Grupo 59 e direção de Paoli Quito
>>> Cantora carioca Cimi apresenta seu álbum de estreia 'UM SIM' no Rio
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Da varanda, este mundo
>>> Estevão Azevedo e os homens em seus limites
>>> Séries da Inglaterra; e que tal uma xícara de chá?
>>> A fotografia é um produto ou um serviço?
>>> A noite iluminada da literatura de Pedro Maciel
>>> Apontamentos de inverno
>>> Literatura, quatro de julho e pertencimento
>>> O Abismo e a Riqueza da Coadjuvância
>>> Os Doze Trabalhos de Mónika. 4. Museu Paleológico
>>> Um caso de manipulação
Colunistas
Últimos Posts
>>> Jeff Bezos é o mais rico
>>> Stayin' Alive 2017
>>> Mehmari e os 75 anos de Gil
>>> Cornell e o Alice Mudgarden
>>> Leve um Livro e Sarau Leve
>>> Pulga na praça
>>> No Metrópolis, da TV Cultura
>>> Fórum de revisores de textos
>>> Temporada 3 Leve um Livro
>>> Suplemento Literário 50 anos
Últimos Posts
>>> A imagem de Haroldo Maranhão
>>> Rimas geométricas
>>> Por um cisco
>>> Em relação a ti
>>> Sobre os papéis
>>> Universo ardente
>>> Gramática geral
>>> O CIRCO ESOTÉRICO
>>> Elenco
>>> De pai para filho - Oração
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Claro Enigma, de Carlos Drummond de Andrade
>>> Uma nova corrida espacial?
>>> Modelos plus size: as novas mulheres irreais
>>> A morte de Gilberto Dupas
>>> Além do bem e do mal
>>> Picasso e Matisse: documentos
>>> Produtores
>>> O bom humor do mal-humorado Jamelão
>>> Discutir, debater, dialogar
>>> O homem visto do alto
Mais Recentes
>>> 101 Dicas Essenciais - Microondas
>>> Global Elementary - Workbook With Audio CD
>>> 100 Receitas de Macarrão
>>> 100 Receitas com Lata
>>> Global Coursebook Elementary
>>> A historia não contada da igreja do novo testamento
>>> A História Cultural entre práticas e representações
>>> Ainda Lembro - Jean Wyllys (Biografia/Memórias)
>>> 7o. Habitasul Revelação Literária na Feira - Porto Alegre (Contos e Poesias Brasileiros)
>>> Contos Novos - Mário de Andrade (Literatura Brasileira)
>>> Contos Novos - Mário de Andrade (Literatura Brasileira)
>>> Brás, Bexiga e Barra Funda - A. Alcântara Machado (Literatura Brasileira)
>>> O peru de Natal e outras histórias - Vários Autores - Volume 2 (Contos Brasileiros)
>>> A borboleta em voce
>>> Você vai sair dessa!
>>> Amor de Pai
>>> O que significa ser Cristão
>>> O Ser e o Nada
>>> A Bíblia em resumo - Os 66 livros da Bíblia vistos um a um!
>>> História De Lince
>>> Eva Maria Lakatos - Sociologia Geral (6º edição)
>>> CLT Saraiva Acadêmica e Constituição Federal (2008) - (MINI)
>>> (Mini)Código Civil e Constituição Federal (Ano 2008) - Legislação
>>> Sebastião Amorim - Inventários e Partilha - Teoria e prática
>>> Yussef Said Cahali - Divórcio e Separação (Tomo 1)
>>> Yussef Said Cahali - Divórcio e separação (Tomo 2)
>>> Hugo de Brito Machado - Curso de Direito Tributário (2004)
>>> A historia
>>> O que acontece quando Deus responde as oracoes
>>> O mestre dos mestre
>>> Curso de Direito Tributário - Fábio Ulhoa Coelho (2004)
>>> Contos e Poemas para crianças extremamente inteligentes de todas as idades
>>> Contos e Poemas para crianças extremamente inteligentes de todas as idades
>>> Contos e Poemas para crianças extremamente inteligentes de todas as idades
>>> Considerações sobre as causas da grandeza dos romanos e da sua decadência
>>> As Universidades na Idade Média
>>> Os Pobres na Idade Média
>>> A Infelicidade do Século + Sobre o comunismo, o nazismo e unicidade da Shoah
>>> A Mais Bela História do Amor
>>> Jesus Cristo é o senhor
>>> Evangelismo por fogo
>>> A Invenção da Sociedade
>>> O Presente do Fazedor de Machados
>>> Pequeno Dicionário Filosófico
>>> Dicionário de Simbologia
>>> Dicionário de Símbolos
>>> Dicionário do Cristianismo
>>> 1492 + Os acontecimentos que marcaram o início da Era Moderna
>>> O Cemitério de Praga
>>> Meditando no Ritmo do Coração
COLUNAS

Quarta-feira, 16/8/2006
Inutilidades e pianos
Ana Elisa Ribeiro

+ de 2300 Acessos
+ 1 Comentário(s)

Tia Lígia

Minha melhor amiga tem uma tia chamada Lígia. A tia Lígia é esposa de um desses caras que passaram a vida se mudando de cidade, de estado, por causa do emprego. Não sei se é funcionário público, do tipo auditor da Receita. Ou se é gerente de banco. Não sei. Mas o cara vivia pulando de galho em galho e a tia Lígia ia atrás. Do mesmo jeito que ela mal conseguia esquentar o assento, ela tinha lá suas mordomias. O empregão do maridão valia as penas previstas. Quando se casou, tia Lígia não sabia que seria assim, tão nômade, mas bem que gostava de ter grana de sobra, fazer boas viagens, ter bons casacos e criar os dois pimpolhos, nascidos entre uma estrada e outra, com mimos de mamãe ricaça.

Tia Lígia nem era muito apegada a nada. Era um transtorno fazer mudança, tirar menino da escola, matricular de novo, arrumar novos amigos para jogar buraco, essas coisas. Mas o maior problema de tia Lígia era o piano. Aquela coisa enorme pra lá e pra cá. E tia Lígia não largava a mão.

O trambolho carcomido por cupins estetas, o diabo do piano que ela punha na sala de toda casa em que morava. Mandava trazer o piano, depois mandava chamar o afinador de pianos, que cobrava uma fortuna. Mas tia Lígia não abria mão do piano. Ele tinha que ser o cenário de toda sala de estar em que tia Lígia morava. O mais interessante, no entanto, era que ninguém em casa, nem tia Lígia, sabia tocar piano.

Antônio

Eu tenho uma amiga casada há muitos anos. Ela é loura, magra, dos olhos tão azuis que deixam a gente cego. Os olhos dela parecem sempre bem cedo. Ela é professora e tem uma fala muito mansa.

A Áurea, minha amiga, é esposa do Antônio, que também é professor, só que de outro lugar. O Antônio teve uma vida difícil, cheia de arritmos que ele não deixou que se metessem nos planos dele. Antônio estudou, trabalhou, casou com a Áurea e teve dois filhos.

A infância do Antônio foi complicada. O pai saiu, a mãe desistiu, a avó reagiu como podia. Antônio cresceu, leu, escreveu e virou professor. Comprou um lote, construiu uma casa e expandiu os planos. Criou os meninos e mudou de vida, junto com a Áurea. Mas embora tudo isso pareça muito evoluído, tem uma coisa que Antônio não saciou na vida: a vontade de tocar piano.

Aquele instrumento grande, bonito e imponente lhe parecia uma jóia de fazer música. O som do piano e os pedais davam em Antônio uma paixão diferente. E bem que Antônio tentou. Insistiu, pediu, sugeriu, insinuou. Queria aprender a tocar piano. Mesmo com toda aquela agenda: "tocar piano bem leva 15 anos". Tempo não era problema para Antônio, ele era vivo que nem gente.

Antônio não desistia. Queria tocar. Não precisava nem dizer outra coisa. Não servia. O piano era o instrumento de cordas mais bonito do mundo. Até que um dia Antônio resolveu pedir. Atravessou, um dia, o caminho da avó e disse, com todas as notas: quero um piano. A avó sorriu. Teve uns dias para pensar. Todo corredor da casa era esconderijo. Antônio sonhava acordado, já tinha planos até de onde pôr o piano. A avó pensava e sofria. Onde já se viu? Um piano no meio da casa? Casa pequena, quarto, sala, banheiro. Onde enfiar um piano? Bobagem de menino que não sabe de nada. Antônio não teria tempo nem dinheiro para ter aulas de piano. Fazer o quê com aquele elefante branco?

Mas Antônio não desistiu. Pediu mais uma vez. Quero muito um piano. E a avó pensou em sanar o problema. Pôs Antônio na aula de datilografia.

Ana

Minha infância foi cheia de instrumentos musicais. O pai tinha o sonho de tocar teclados eletrônicos. Achava lindo. Piano não, porque demora demais a virar pianista, mas teclado é diferente, mais prático, mais rápido. E ler partitura? Era quase um segredo. Até que um dia o pai entrou numa escola de música. Aprendeu muito. Comprou teclado, modelo novo, teclado de móvel ou portátil. A casa cheia de música.

O irmão tocava flauta. Diz a mãe que flauta doce é o instrumento ideal para criança. Musicalização. Solfejo. Sabe solfejar. Daí eu também quis. O curso era o Leila Fletcher. Piano. Eu pedi uma guitarra, mas ganhei o curso de piano.

A professora ensinava a ler partitura e a entender arranjos. Também espetava meus pulsos quando eu os deixava caídos sobre as teclas. Piano é bonito, não posso negar. Mas o piano não era a minha praia. Pedi a guitarra.

Depois veio o professor de violão. Mas como é que eu ia aprender a tocar "Atirei o pau no gato"? Queria tocar muito em dois meses. Ansiedade, calos, cortes, cordas. Foi-se o violão. Mais tarde veio a bateria. Queria tocar Rush em um mês. Pudera. Ninguém quer que um adolescente ganhe uma bateria. Fiquei assim, treinando no colchão da cama, sujeita a batucar nas panelas. Nem isso.

De repente, o clique. O melhor instrumento é aquele que já nasce comigo. Então veio o canto. Esse, sim, atravessou as vontades todas da família. Cantar é bonito, mais do que piano. Um por um, todos juntos, e teríamos formado uma banda, cada um com seus sonhos musicais de infância.


Ana Elisa Ribeiro
Belo Horizonte, 16/8/2006


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Os Doze Trabalhos de Mónika. 2. O Catolotolo de Heloisa Pait
02. Essas moças de mil bocas de Elisa Andrade Buzzo
03. Longa vida à fotografia de Fabio Gomes
04. Meshugá, a loucura judaica, de Jacques Fux de Jardel Dias Cavalcanti
05. Lançamento de Viktor Frankl de Celso A. Uequed Pitol


Mais Ana Elisa Ribeiro
Mais Acessadas de Ana Elisa Ribeiro em 2006
01. Digite seu nome no Google - 8/3/2006
02. Eu não uso brincos - 27/9/2006
03. Não quero encontrar você no Orkut - 8/2/2006
04. Poesia para os ouvidos e futebol de perebas - 7/6/2006
05. Ex-míope ou ficção científica? - 20/12/2006


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
17/8/2006
17h38min
ana elisa, muito legal! gostei mais da parte romanceada do que da verdadeira. estou curiosa para ver o que o antonio vai achar dessa mistura. eu gostei muito também de você ter colocado que eu sou magra e espero que seja parte do que é real e não do romanceado...
[Leia outros Comentários de Áurea]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




PEQUENOS BURGUESES/MÃE - MÁXIMO GORKI (TEATRO/LITERATURA RUSSA)
MÁXIMO GORKI
ABRIL CULTURAL
(1979)
R$ 12,00



NEUROFISIOLOGIA DO COMPORTAMENTO: UMA RELAÇÃO ENTRE O FUNCIONAMENTO CEREBRAL E AS MANIFESTAÇÕES COMPORTAMENTAIS
MARIA APARECIDA DOMINGUES DE OLIVEIRA
ULBRA
(1999)
R$ 250,00
+ frete grátis



A DEMANDA DO SANTO GRAAL
TRADUÇÃO: HEITOR MEGALE
ATELIÊ EDITORIAL
(2016)
R$ 20,00
+ frete grátis



QUEM SÃO OS 144.000 SELADOS E AS DUAS TESTEMUNHAS DO APOCALIPSE?
WIM MALGO
CHAMADA
(1999)
R$ 37,60
+ frete grátis



A SEMENTE
MARILIA FAIRBANKS MACIEL
CLUBE DO LIVRO
(1977)
R$ 2,50



MISTO-QUENTE
CHARLES BUKOWSKI
LPM
(2005)
R$ 19,90



COMÉDIAS DE MARTINS PENA
MARTINS PENA
EDIOURO
R$ 18,00



AS CHAVES DO REINO
L. PALHANO JR.
PUBLICAÇÕES LACHÂTRE
(2000)
R$ 2,00



INTRODUÇÃO À ECLESIOLOGIA
SALVADOR PIÉ-NINOT
LOYOLA
(2013)
R$ 28,00



A DIMENSÃO HUMANA DA GOVERNANÇA CORPORATIVA
HERBERT STEINBERG
GENTE
(2003)
R$ 9,90





busca | avançada
31179 visitas/dia
1,1 milhão/mês