Reforma na Paulista e um coração pisado | Elisa Andrade Buzzo | Digestivo Cultural

busca | avançada
38263 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> LANÇAMENTO DO BLOG DO JUSTINO
>>> Curso de História da Arte Latino Americana na FAAP
>>> Sérgio Mamberti será homenageado nesta segunda (21) na Alesp
>>> PIONEIRA NO ENSINO DAS ARTES, FAAP OFERECE NOVA PÓS-GRADUAÇÃO EM ESTUDOS E PRÁTICAS CURATORIAIS
>>> Oxigênio Hardcore Fest 2017
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Da varanda, este mundo
>>> Estevão Azevedo e os homens em seus limites
>>> Séries da Inglaterra; e que tal uma xícara de chá?
>>> A fotografia é um produto ou um serviço?
>>> A noite iluminada da literatura de Pedro Maciel
>>> Apontamentos de inverno
>>> Literatura, quatro de julho e pertencimento
>>> O Abismo e a Riqueza da Coadjuvância
>>> Os Doze Trabalhos de Mónika. 4. Museu Paleológico
>>> Um caso de manipulação
Colunistas
Últimos Posts
>>> Jeff Bezos é o mais rico
>>> Stayin' Alive 2017
>>> Mehmari e os 75 anos de Gil
>>> Cornell e o Alice Mudgarden
>>> Leve um Livro e Sarau Leve
>>> Pulga na praça
>>> No Metrópolis, da TV Cultura
>>> Fórum de revisores de textos
>>> Temporada 3 Leve um Livro
>>> Suplemento Literário 50 anos
Últimos Posts
>>> Simbiose
>>> Grafologia
>>> Premiadas
>>> Plagas e pragas
>>> Elas por elas
>>> Ritmo binário
>>> A imagem de Haroldo Maranhão
>>> Rimas geométricas
>>> Por um cisco
>>> Em relação a ti
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O desafio de formar leitores
>>> Lugar Nenhum
>>> Lugar Nenhum
>>> Baudelaire, um pária genial (parte II)
>>> Autobiografia musical
>>> 50 anos de poesia concreta
>>> Pimenta in Conserva
>>> Paulo de Tarso Lima #EuMaior
>>> De Tambaú ao Rio Sanhauá*
>>> O risco de se tornar um sem-noção
Mais Recentes
>>> Transcendência e Mundo na Virada do Século
>>> História na Igreja em Santa Catarina
>>> Manual para Elaboração de Monografias e Dissertações - Gilberto de Andrade Martins
>>> Pesquisa de Marketing 2 (Metodologia, Planejamento, Execução, Análise) - Fauze Najib Mattar
>>> Probabilidade - Resumo da teoria, 500 problemas resolvidos - Coleção Schaum
>>> Marcos Cobra - Marketing básico (Uma perspectiva brasileira)
>>> Pesquisa de Marketing 1 (Metodologia, Planejamento) - Fauze Najib Mattar
>>> Psicologia Aplicada à educação intelectual - Louis Legrand
>>> Introdução ao projeto de pesquisa científica - Franz Victor Rudio
>>> Princípios de Linguística Geral - Joaquim Mattoso Camara Jr - Biblioteca Brasileira de Filologia
>>> Processo Civil (com CD-ROM) - Atualizado até 31/12/2004
>>> Ensaios 55 - Protestantismo e Repressão
>>> Djalma de Pinho Rebouças de Oliveira - Sistemas, Organização & Métodos - Uma abordagem gerencial
>>> Washington de Barros Monteiro - Direito de Família - Curso de Direito Civil
>>> Orlando Gomes - Direito de família - 10º edição
>>> Curso de Direito Processual Civil - Humberto Theodoro Júnior - Teoria Geral do Direito Processual Civil e Processo de Conhecimento - Volume 1 - 48º edição
>>> Anhanguera - Saúde Pública - PLT 246
>>> Anhanguera - Programa de nivelamento - PLT 213
>>> Anhanguera - Bioquímica - PLT 159
>>> Gramática Histórica - Ismael de Lima Coutinho
>>> Curso de Linguística Geral
>>> Do latim do português - Edwin B. Williams
>>> Cálculo 2 - Luiz Mauro Rocha
>>> Psicanálise dos contos de fadas - Bruno Bettelheim
>>> Análise Estruturada de Sistemas - Chris Gane e Trish Sarson
>>> PERL 5 - Guia de referência rápida
>>> Uma introdução programada ao PERT - Federal Eletric Corp (Administração)
>>> Mahan - Química - Um curso universitário
>>> História da Criança no Brasil
>>> Os Homens e a Herança no Mediterrâneo
>>> História em Revista
>>> O que é Religião
>>> Santos e Heróis do Povo
>>> História, Práticas Culturais e Identidade: abordagens e perspectivas teórico-metodológicas
>>> Missa Tridentina: Explicações das Orações e das Cerimônias da Santa Missa
>>> Dicionário de Psicologia - Henri Piéron
>>> Calculo 1 - Luiz Mauro Rocha
>>> Cartas entre Freud e Pfister - Um diálogo entre a psicanálise e a fé cristã
>>> Erhart: Elementos da anatomia humana - Li-sei Watanabe
>>> Esboços Bíblicos- De Gênesis a Apocalipse Volume 2
>>> Anhanguera - Sociologia Geral - PLT 254
>>> Anhanguera - Sociologia Geral - PLT 254
>>> Anhanguera - Psicologia - PLT 207
>>> Anhanguera - Psicologia - PLT 207
>>> Anhanguera - Desenvolvimento Pessoal e profissional - PLT 188
>>> Estudos sobre a Palavra de Deus
>>> Anhanguera - Introdução à fisioterapia 181 - PLT
>>> Anhanguera - Noções essenciais de Direito 337 - PLT
>>> Anhanguera - Responsabilidade Social e meio ambiente 112 - PLT
>>> Direito Humanos 122 - Anhanguera - PLT
COLUNAS

Quinta-feira, 31/7/2008
Reforma na Paulista e um coração pisado
Elisa Andrade Buzzo

+ de 3700 Acessos
+ 1 Comentário(s)


foto: Sissy Eiko

Na volta ainda se encontra tudo em movimento. Estou à margem, em contemplação frente às eternas transformações de uma grande cidade que não pára. A prefeitura fecha os olhos para os grafites cobertos de cinza na 23 de Maio, o mercadinho Spah muda de nome, as obras do metrô avançam, a nova carteirinha da USP consegue ficar pior do que já era.

A FLAP! 2008 se aproxima, vejo um Guia da Folha de livros... Novidade na roda é o que não falta. A reforma da Avenida Paulista ainda continua, eu que esperava encontrá-la pronta, tudo a mil, mas as coisas nunca ficam prontas, se tudo é eterno movimento. Passo lá à meia-noite e encontro máquinas fumegantes, cada qual com uma função definida, espalhando, esquentando, amassando pedrinhas negras de futuro asfalto. Outro exemplar, estridente e pesadão, traça no chão um sulco que delimita algo invisível. Me sinto entupida em uma aorta em plena reparação. Os paulistanos já estão acostumados ao quebra-quebra e dali parece pulsar o coração de um mundo em construção.

A realidade se dissolve neste desfazer-se fazendo, como se fosse possível tirar uma casca velha e pedregosa e revesti-la com uma penugem leve. Alguém teve a idéia de colocar espelhos no tapume da obra no Santa Catarina para refletirem o rosto dos pedestres. Os novos prédios sustentam uma arquitetura espelhada e cansada. Reparo nas coisas com um interesse quase turístico, de quem logo vai dizer adeus e sabe da efemeridade das mudanças, embora queira um gosto do que persiste. O quarteirão do Conjunto Nacional e um ou outro edifício residencial resguardam numa faixa parte do ladrilho português, ainda que eu, precavida, houvesse guardado um parzinho daquela vida precária, por que não?

Lembro de um travesti desfilando pelos carros, glorioso e patético em sua maquiagem quase circense. Naquelas alamedas próximas ele pedia dinheiro para si ou para um grupo de teatro, não sei. Parecia uma lesminha de porcelana com uns olhinhos azuis vergados, um fio de boca cor-de-rosa. Mas quem estava na cristaleira éramos nós. Noutra vez o vi dormindo na calçada e imaginei a que ponto chegara, sem mesmo uma concha.

Ainda na Paulista, dois postes de metal com tímidas lâmpadas resplandecem como asas de besouro. Será que vão trocar todos os postes de concreto, me pergunto. As novas floreiras, quadradonas, impedem que os passantes sentem. Impediam, porque para tudo dá-se um jeito...

Há alguma coisa estranha no ar quando a máquina do estacionamento engole o tíquete e repete "O Shopping Pátio Paulista agradece sua visita". Se os shoppings mudam de nome e ganham um mega-gesso na fachada e colunas internas, é sinal de que mesmo o que parecia acabado encontra formas de refazer-se. A fachada dura e limpa, quase austera, moderna até, do antigo "Paulista" agora tem ferragens e vidraçaria à moda clássica européia... Só a casca mudou, ainda bem que o recheio continua gente como a gente.

E o passeio de reconhecimento de terreno não pára por aí. A famosa água de coco da saída do Museu do Ipiranga some numa operação de limpeza e contenção dos ambulantes sem licença... Funcionários da prefeitura metem num saco branco os cocos, não sem um medo de quebrar, um jeito de não é certo fazer isso com um compadre. Mas ordens são ordens e vamos embora mudos, não sem antes lançar um olhar atônito à cena.

Na volta pra casa, notícias assolam o bairro: Sabrina Sato é sua mais nova moradora, duas livrarias são inauguradas, construtoras continuam a arrancar o sol com os dentes. Pois é, a apresentadora complementa sua malhação no Parque da Água Branca, o mesmo cujas copas das árvores são moeda de troca. Há poucos parques em São Paulo, daí ser um privilégio para poucos ter uma vista esverdeada. E assim os telhadinhos vermelhos vão sumindo aos poucos do horizonte da Rua Turiaçu, dando lugar aos luxuosos quatro suítes. É ainda uma veia tranqüila com seu pequeno comércio. Talvez nem tudo tenha mudado - uma brisa fria de inverno vem acenar para quem se exibe na janela. Ainda bem.

O fim de tarde aos poucos passa do amarelo para o laranja, chegando ao rosa para depois enegrecer de vez. O vozerio vivo do bar em frente sobe audível. E pensando nessas coisas, mutantes como nós, recebo um telefonema. Um amigo, o Vinícius Rodrigues Vieira, vem espantar a solidão e me conta que escreveu um poema há alguns dias.

"Confrontar o velho com o novo
E perceber que, no novo,
Já estava o velho
É sentir dor de velho
Quando ainda se é novo
E ver-se de novo
Com cara de velho
Porque, se fosse velho,
Só poderia ter sido novo

Mas, como ainda é novo,
Pode imaginar-se velho,
Sem vida no novo,
Atuando como um velho,
Mesmo parecendo um novo
Com corcunda de velho,
Que perdoa o novo
Por perecer-se velho
Antes de ter sido novo"

Nessa contradição barroca me percebo como uma larva contorcida em dúvidas. Me deito em antiga relva sabendo que por todos os lados alguém acorda, alguém mergulha, alguém não te espera.

Daí, eu, assim triturada às nove da manhã pela britadeira que furava a calçada da minha casa, levantei e decidi encarar o dia.


Elisa Andrade Buzzo
São Paulo, 31/7/2008


Quem leu este, também leu esse(s):
01. O armário que me pariu de Lisandro Gaertner
02. O iPad não é coisa do nosso século de Marcelo Spalding


Mais Elisa Andrade Buzzo
Mais Acessadas de Elisa Andrade Buzzo em 2008
01. Como era gostoso assistir à Sex and the City - 26/6/2008
02. Oiti - 20/11/2008
03. Chicas de Bolsillo e o fetiche editorial - 13/3/2008
04. Da indústria do sabor e do desgosto - 2/10/2008
05. Olimpíadas sentimentais - 28/8/2008


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
31/7/2008
09h45min
É isso aí. Seres urbanos sentem-se alienígenas sem noção de tempo e espaço. Às 7 da noite, dentro de suas naves-aquários, encalacradas no trânsito, são abduzidos pelas luzes em volta, e transportados para ilhas paradisíacas.
[Leia outros Comentários de Guto Maia]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




UMA IGREJA COMO A SUA - UM ESTUDO PANORÂMICO DE I CORINTIOS - NASCE UMA IGREJA
ED RENÉ KIVITZ
SEPAL
(1998)
R$ 39,99
+ frete grátis



PRODUÇÃO E UTILIZAÇÃO DE FORRAGENS CONSERVADAS
UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ
EDUEM
(2008)
R$ 20,00



THE BULLY
PAUL LANGAN
TOWNSEND PRESS
(2002)
R$ 14,00



TRIBUTO A LADY GAGA - ELAINE FREITAS (BIOGRAFIA/MÚSICA)
ELAINE FREITAS
UNIVERSO DOS LIVROS
(2012)
R$ 10,00



EVOLUÇÃO E TEMPORALIDADE EM TEILHARD, VOCABULÁRIO TEILHARD ( 2 VOLUMES)
MONIQUE PÉRIGORD E HUBERT GUYPERS
VOZES
(1968)
R$ 8,90



CARTAS DE ASCENSO FERREIRA A VERÍSSIMO DE MELO
ASCENSO FERREIRA
ACADEMIA NORTE-RIOGRANDENSE DE LETRAS
(1989)
R$ 40,00



ESPAÇO E PODER - OS TRÊS CENTRO DO RIO DE JANEIRO
RACHEL SISSON
ARCO
(2008)
R$ 75,00



JOGOS PARA TREINAR O CÉREBRO
JORGE BATLLORI
MADRAS
(2009)
R$ 16,00



ENCONTRO COM TEILHARD DE CHARDIN E A EVOLUÇÃO DAS RELIGIÕES
PIETRO UBALDI
MONISMO
(1965)
R$ 21,00



O GUARANI
JOSÉ DE ALENCAR
CEDIC
(2010)
R$ 6,00





busca | avançada
38263 visitas/dia
1,1 milhão/mês